Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
natascha

Marca Linux é paga agora?

Recommended Posts

ixi, se for verdade, parece que a bola de neve de problemas está só começando a rolar. :aranha:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Antes de mais nada é bom deixar algumas coisas claras com relação a isso:

1- O que foi registrado e agora é pago pelo uso comercial é o nome Linux, e apenas o nome;

2-O Software, ou seja o kernel e qualquer coisa relacionada a ele continua gratuito, ou seja não pode nem será pago, nem agora nem no futuro, pois a licença GPL, sob a qual ele foi disponibilizado impede isso.

Dito isso, vamos ver outros pontos.

Linux é uma marca registrada que pertence a Linus Torvalds desde 1995, ou seja, não é de agora que a marca pertence a ele. O que isso significa? Uma marca é um nome que pertence a alguém ou a alguma empresa, como Coca-Cola, Microsoft, e BMW. Obviamente ninguém pode vender um produto com essa marca. Por exemplo, eu não posso vender canetas da marca BMW, pois não tenho licença da BMW para isso. O mesmo agora vale para a marca Linux.

O uso não comercial da marca Linux continua gratuito. Por exemplo, você pode distribuir camisetas com a marca Linux.

Por que isso foi feito? Existem várias razões:

a: Havia empresas tentando registrar o nome Linux em alguns paises e tirar proveito financeiro, como por exemplo exigir royalits de empresas que comercializam produtos com a marca Linux. Agora para comercializar esses produtos, é necessário obter uma licença do orgão criado por Linus Torvalds para isso, a Linux Mark Institute: http://www.linuxmark.org/

b: Existem pessoas associando a marca Linux a coisas ilícitas, como sites e músicas nazistas, drogas, etc. Portanto é necessário evitar esse tipo de abuso;

c: Desde a primeira batalha judicial pelo nome Linux, em 1995, quando uma empresa registrou a marca nos EUA e tentou estorquir dinheiro de empresas que trabalhavam com isso (essa empresa perdeu o registro do nome, que foi entregue a Linus Torvalds desde então), foram gastos mais de 300 mil dólares em disputas judiciais para evitar a posse da marca Linux por empresas mau intencionadas;

d: A entidade criada por Linux Torvalds para cuidar desses casos está deficitária, então se resolveu cobrar de quem está lucrando com a marca Linux, como a RedHat Linux, a Mandriva Linux, a Suse Linux, a IBM, para que o Linux Mark Institute seja auto sustentável, e continue fazendo seu papel de evitar que algum mala por aí registre o nome e tente estorquir dinheiro de empresas.

e: Ao contrário do que muitos devem estar pensando, Linus Torvalds não receberá nada das empresas que licenciarem o nome Linux, o dinheiro será utilizado para o Linux Mark Institute apenas, a quem Linux sedeu os direitos de propriedade da marca Linux.

E reforçando o que foi dito acima: O software continuará livre, ninguém pagará um centavo para utilizá-lo. Todo mundo continuará utilizando o Linux gratuitamente, como sempre foi e como sempre será. O que é cobrado daqui por diante, é o uso comercial da marca Linux, não o uso do software.

Por favor leia atentamente o que foi escrito acima, antes de começar a dizer por aí bobagens como "Linus Torvalds é igual a Bill Gates", ou "O linux agora é pago, adeus software livre".

Se ainda não entendeu os acontecimentos, recomendo a leitura de vários sites que abordam de maneira clara e imparcial o assunto:

http://br-linux.org/linux/?q=node/1599

http://br-linux.org/linux/?q=node/1608&CACHEMODE=1

Email do próprio Linus Torvalds esclarecendo o assunto:

http://lwn.net/Articles/148590/

tópico onde o assunto foi discutido e esclarecido, no FórumPCs (apesar de alguns usuários menos esclarecidos insistirem em criticar):

http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t...f136c778f77627e

Por favor, procurem ler e entender o assunto, para evitar discurções bestas sobre o assunto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra quem dá valor ao múmero de posts mandado pelo usuário, o M@GO LoBEL [<0>] é a prova contrária. 1 post e mais conteúdo que centenas de outros quem vemos por aí (como esse próprio que escrevo :P ). Mandou bem.

Agora, de fato a notícia da info-abril mais desinforma que informa. Muito pobre e nada esclarecedora. Uma pena para um site desse porte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E lembrando que é apenas para empresas que queiram usar o nome comercialmente que será cobrada a "taxa" (muito justa por sinal)... sites e organizações não comerciais que queiram usar o nome não teram que pagar nada...

Muito bom o esclarecimento a respeito do assunto... foi logo cortando os engraçadinhos que queiram chegar logo com "O Linux agora é pago!"...

Acho até que, dependendo do momento (eventuais polêmicas geradas no forum), o nosso ilustre Moderador, Mr. Burns (que está fantasiado de Darth), poderia destacar este topico...

T+

ps.: Mr. Burns, por que você sempre escolhe personagens malvados? :) ...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Se o Linux já está registrado no nome do Linus pra quê cobrar? Não há lógica nisso....a única coisa que vai mudar é que vai entrar mais $$ pro bolso dele...

    ....Se o código continua free porque ter um preço pelo nome?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Postado Originalmente por natascha@25 de agosto de 2005, 07:55

    Se o Linux já está registrado no nome do Linus pra quê cobrar? Não há lógica nisso....a única coisa que vai mudar é que vai entrar mais $$ pro bolso dele...

    ....Se o código continua free porque ter um preço pelo nome?

    Posso estar falando besteira mas...

    Com já dito acima... Acho que é uma maneira dele preservar a "marca", senão qualquer outra pessoa poderia ser "proprietario" da "marca" Linux...

    Um exemplo... As musiquinhas de crianças como "Atirei o pau no gato", um AMERICANO registrou...

    Então, acho que ele pensou um pouco por este lado...

    Mas como já dito, também... O software irá continuar livre... Caso se torne "proprietário" outros surgiram...

    "Os fortes podem deter algumas flores... Mas jamais a primavera..."

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Postado Originalmente por Darth Vader@24 de agosto de 2005, 17:26

    Num vai ser pago!Linus só ta querendo registar a marca Linux pra melhorar mais ainda o Linux

    Não entendi nada, o Burns agora se fantasia de outros usuários para postar?

    Obrigado

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Eu fantasiando para postar? Eu não... Só porque o cara é o Darth Vader e eu estou usando o avatar do Vader? Eu não faço isso... Sendo moderador eu continuo postando do mesmo jeito...

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Postado Originalmente por natascha@25 de agosto de 2005, 07:55

    Se o Linux já está registrado no nome do Linus pra quê cobrar? Não há lógica nisso....a única coisa que vai mudar é que vai entrar mais $$ pro bolso dele...

    ....Se o código continua free porque ter um preço pelo nome?

    Porque manter a marca Linux custa dinheiro. O instituto que cuida da marca, por exemplo, precisa de dinheiro para pagar aluguel, empregados, equipamentos, energia, etc. As ações judiciais também custam dinheiro. Uma ação judicial não demora menos de alguns meses para ser concluida, e muitas se arrastam por anos. Imagine ter que pagar um advogado por esse tempo todo para ganhar a causa... Fora os custos judiciais que devem ser pagos também. Consta que desde 1995 foram gastos mais de 300 mil dólares nesse tipo de ação. E quem deve pagar a conta? Logicamente quem lucra usando a marca Linux, como a IBM, RedHat, Conectiva, etc. O dinheiro arrecadado não vai para Linus Torvalds, e sim para o Linux Mark Institute, que é quem vai entrar na justiça em qualquer lugar do mundo para defender a marca e é independente dele.

    Sobre essa questão de marcas, vejam o caso do nosso querido OpenOffice. Uma empresa do Rio de Janeiro registrou a marca no Brasil e o pessoal que distribui o OpenOffice aqui teve que criar nomes alternativos, como o Conectiva Office e o Kurumin Office, que nada mais são do que o OpenOffice com um nome diferente. Inclusive agora o nome é OpenOffice.org... É por causa desse tipo de coisa que se deve proteger a marca Linux.

    Imaginem, por exemplo, que alguém registre a marca Microsoft no Afeganistão. parece absurdo, mas pode ser feito. Se isso acontece-se, a MS teria que pagar a essa pessoa para operar no Afeganistão... Claro que ela tem dinheiro para retomar o nome na justiça e mandar o infeliz que fizer isso pastar.

    Uma marca precisa ser registrada em cada país, e isso também custa dinheiro. Aqui no Brasil, a Conectiva registrou a marca Linux em 1998, e depois passou o registro para Linus Torvalds em 2002.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Postado Originalmente por Mr Burns@25 de agosto de 2005, 13:06

    Eu fantasiando para postar? Eu não... Só porque o cara é o Darth Vader e eu estou usando o avatar do Vader? Eu não faço isso... Sendo moderador eu continuo postando do mesmo jeito...

    Foi só uma brincadeira... vocês levam tudo muito a sério... :goff: ... estava querendo dizer que o Mr. Burns (o personagem) que o Jeff usava no avatar agora está fantasiado de Darth... foi mal qualquer mal entendido...

    :bored:

    E sobre a cobrança do uso do nome Linux comercialmente é muito justo mesmo que este dinheiro tivesse outro destino (como ajudar o projeto GNU)... uma empresa como a IBM ganha muito dinheiro em cima do nome Linux (muito mesmo) e nada mais justo do que ela pagar US$ 5.000,00 por ano para custeio de ações judiciais que envolvam o nome Linux pelo mundo... isso para IBM é troco para comprar picolé...

    T+

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    :chicote:Não vejo no que isso pode prejudicar usuários Linux, compreendo que a marca deve ser protegida e portanto ser registrada.

    O Linux continuará a ser um sistema livre e de alcance universal, mesmo pagando royalites e isso é o que interessa, pois a alguns anos a Conectiva e a Mandriva já estão faturando com ele.

    E olha que sou um apaixonado por essas duas distribuições e por esse motivo acho um avanço e não um regresso essa inovação garantindo os direitos de quem muito trabalhou e trabalha para garantir que o Linux seja cada vez melhor.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário

    Entre para seguir isso  





    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×