Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
JcPereira

Pentiun 4 3.0GHz 478 excedendo a temperatura máxima

Recommended Posts

Olá. A coisa de um ano já postei aqui sobre minhas dúvidas sobre o aquecimento deste proc. Encontrei dicas importantes e que muito me ajudaram na ocasião. Meu problema, agora, é o seguinte: ha dois dias meu proc. P4 3.0GHz 1MB L2 soquete 478 começou a ultrapassar o limite máximo de temperatura, este medido pelo "Asus Probe 2", que deixei no default mesmo (72o processador e 74o placa-mãe). Jogando "Day of Defeat Source" (um FPS multi-player que exige bastante do processador), o "Probe" começou a "bipar" avisando que o proc. estava ha mais de 72 graus. Dentro do Jogo fui para a área de trabalho do Windows XP SP2 e lá estava a janela de gráfico do Probe avisando que o limite do processador havia sido ultrapassado. Já a placa-mãe (Asus P4S800D-X) estava em 39o.

Apesar de estar fazendo calor aqui em Porto Alegre/RS (onde moro) nos últimos dias, cerca de 30 graus... já joguei com temperaturas "bem" mais elevadas (34, 35o ou mais) e o processador nunca ("nunca") ultrapassou o limite (ficava em uns 69o jogando), daí meu espanto quando isto aconteceu pela primeira vez. Dai por diante, tem acontecido sempre quando rodo algo mais pesado, um jogo como "Faces of War", "Call of Duty2", etc., por exemplo e isto após uma meia hora de jogo. Em idle a temperartura esta em uns 53, 55o.

Meu gabinete não é pequeno (Leadership 43cm alt x 20cm larg x 46,5cm comp) com 4 baias de 5 1/4 e 6 de 3 1/2. Tenho 4 coolers instalados nele (todos Akasa): 02 de 8cm na frente jogando ar para dentro; 01 de 8cm na lateral (na altura do proc.) jogando ar para dentro (sem duto) e 01 de 12cm atrás jagando ar para fora. Minha fonte (Akasa PP 460W AK-460FG BLAMV5) tem um cooler de 12cm instalado em baixo desta. Também manejei os cabos (roudle) para melhorar o fluxo do ar, embora não tenha conseguido arrumar muito.

Também troquei a pasta térmica (ontem). Apliquei uma Akasa AK450 com composto de prata (a mesma que havia aplicado antes a coisa de seis meses) e removi a pasta antiga, limpei o processador e o dissipador. Também limpei o cooler do proc. (original da Intel) que nem estava sujo... sujo.

O gabinete não estava sujo. Digo, havia pó, claro, mas nada que fosse sério. Aproveitei e limpei assim mesmo, assim como todos os coolers. Apenas o lateral estava mais sujo.

Apesar destas providências a temperatura do processador contionuou a mesma coisa: 55o em idle e jogando chegando no limite de 72o. quando, claro, paro de jogar!

Minha configuração é a seguinte:

- P4 3.0 HT, FSB 800, 1MB L2;

- ASUS P4S800D-X;

- 1GB Kingston PC 3200 (2x 512 dual channel);

- XFX GeForce 6800XT 128MB, 128bits agp;

- HD Samsung SP0842N SpinPoint 80GB IDE 7200;

- SoundBlaster Audigy SE 7.1;

- Cx. Creative SBS 4.1 450;

- Monitor Samsung 753v 17';

- Fonte AKASA PP 460W AK-460FG BLAMV5;

- DVD Samsung SH-W162;

- Modem D-Link DSL-500G;

- Mouse Genius Ergo 520 Opt.;

- Teclado Microsoft Comfort Curve Keyboard 2000;

- Gabinete Leadership L5541 4x 5 ¼, 6x de 3 ½, 3x coolers AKASA 8cm, 1x cooler AKASA 12cm;

- BrTurbo 400.

A temperatura da vga em idle esta em 55o (por que faz calor aqui, no momento, caso o contrário ficaria nuns 45o) e jogando uns 68, 73o não mais que isto.

Cheguei a comprar um cooler Zalman, mod. CNPS7000 ha alguns meses atrás, mas infelizmente este não serviu em minha placa-mãe. Como não consegui trocar (comprei pela Internet), continuo usando o cooler da Intel mesmo. Tenho um outro cooler aqui, um AKASA AK687 com base de cobre, mas este parece tão "vagabundo" :cry: que não cheguei a instalar. O gabinete esta instalado em um local bem arejado, com uns 40cm livres na parte de trás, com livre circulação do ar que sai da fonte e do cooler traseiro.

Tenho este micro ha pouco mais de um ano, foi montado em dez. de 2005. Será que o processador esta se "entregendo" e daí a ultrapassando, assim, a temperatura máxima??? Meu micro fica ligado umas 14 horas diárias, sem interrupção pois trabalho com este (planilhas) e jogo cerca de uma hora, duas por dia.

O problema é que no fim do ano vou montar outro micro e ai não queria gastar "muito" com um novo cooler para o processador, se é que isto ajudaria, sei lá. Também não quero perder o processador, óbvio e muito menos deixar de jogar por conta do aumento absurdo da temperatura do proc. antes de montar outro.

Estive vendo este Zalman CNPS9500 e, segundo o site da Zalman... ele é compatível com minha placa-mãe (P4S800DX). Alguém conhece? Poderia dizer se é bom e, principalmente se "resolveria" o meu problema???

Desde já meu muito obrigado. Ah sim... desculpem o texto longo.

Ô¿~

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • OLá. Como ninguém respondeu :( eu mesmo acabei encontrando a solução. No meu caso era a pasta termica que estava mal aplicada, pois quando removi - outra vez - o cooler, notei que só uma parte do dissipador tinha pasta termica. Digo, a parte que fica em contado com o proc. não estava toda preenchida, ficando quase 50% livre. Também troquei o cooler Intel (in a box) por um AKASA AK 687, pois não encontrei um melhor que sirvisse na minha placa-mãe. Mas como esquentam esses P4 para o soquete 478, caramba!

    Ô¿~

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    JcPereira,

    a pasta térmica mal aplicada pode sim interferir no aquecimento demasiado do processador, porém, já pensou em remanejar os fans instalados? pondo um na frente ventilando e um atrás de exaustor, e sem o fan sobre o cooler do processador?

    dia desses dei uma fuçada no meu gabinete e ganhei alguns graus com uma boa organização dos fans.

    abraços e espero que esfrie as coisas por aí!

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Posta os resultados, como ficou a temperatura?

    Takazi: Olha, a temperatura do proc. baixou uns 4 graus em média. Mas não sei se foi por conta da troca do cooler Intel por este "Akasa 687" ou pela correta (acho) aplicação da pasta térmica. Mas de fato a temperatura caiu assim que troquei o cooler e re-apliquei a pasta térmica, usando a mesma AK-450., mas tomando cuidado para aplicar de forma correta. Agora, quando ligo o micro a temp. do proc. esta em 46, 48 graus, até menos. Antes já começava com 50, 52. Jogando, tem chegado a 67 graus, mas não passando disto. Antes, em menos de 20 minutos de jogo (Day of Defeat Source, Call of Duty 2) chegava no limite de 72 graus.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • JcPereira,

    a pasta térmica mal aplicada pode sim interferir no aquecimento demasiado do processador, porém, já pensou em remanejar os fans instalados? pondo um na frente ventilando e um atrás de exaustor, e sem o fan sobre o cooler do processador?

    dia desses dei uma fuçada no meu gabinete e ganhei alguns graus com uma boa organização dos fans.

    abraços e espero que esfrie as coisas por aí!

    Gustavopegoraro: Tomei cuidado para aplicar a pasta termica de forma correta e os fans aqui continuam da mesm forma: 01 de 12cm atrás puxando ar quente para fora; 02 de 8cm na frente jogando ar frio para dentro e 01 de 8cm na lateral jogando ar frio para dentro. Este fan lateral veio montado no gabinete (Leadership de 4 baias de 5 1/4 e 6 de 3 1/2 medindo 43cm alt x 20cm larg x 46,5 prof) como "exaustor", mas li aqui no Fórum em um tutorial sobre aquecimento que este fan deveria ficar na posição de "ventilação", pois esta montado na metade superior do gabinete, na altura do proc. De fato quando fiz esta alteração ganhei um grau a menos na temp. Nunca desliguei este cooler, mas se voltar a aquecer irei tentar. Também rearanjei os cabos no interior do gabinete (uso do tipo "roundle") e com isto melhorou bastante o fluxo de ar dos fans dianteiros. Enfim, tentando.

    Obrigado pelas dicas, pessoal.

    Ô¿~

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Creio que esta série Prescott seja zuada, principalmente 478 pinos.

    Utilizei por 2 semanas e desisti, atualmente estou c/ o Due Core 2 e a temperatura chega, no máximo, a 50°C - utilizo apenas o Cooler Box.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Acho que não é questão de ser zuado. Digamos que ele é "frescurento", porque pra se usar esse tipo de processador são necessários muitos cuidados.

    Eu tenho o mesmo processador e placa mãe que nosso amigo aí. Como comprei Oem, o Cooler que veio com ele foi um Vcom 10b. A única coisa que fiz foi lapidar o cooler, minha temperatura não passa de 58ºC. Gostei muito da minha temperatura e gosto muito também do meu Pc, quanto a desempenho não tenho do que reclamar.

    Ps. Minha fonte é Ultra hyper mega blaster genérica XD

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Bom, nunca lapidei o cooler (in a box) mas meu proc. funcionou sem super-aquecer por mais de um ano (montei este micro em dez. de 2005), só que quando começou, foi uma semana direto. Agora estou sempre de olho nas temp. Mas no fim do ano quero fazer upgrade e então passar para um Core 2 Duo. Espero que seja mais "frio" que o meu P4 atual.

    Ô¿~

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Bom, tive um Prescott 3.2ghz soquete 478 com cooler box sem lapidar e nem nada e a temperatura não passava de 60 graus em dias quentes (30 graus a temperatura ambiente) em FULL. Ele não tem nada de zuado. Apenas uma disposição maior para esquentar, que é perfeitamente contornável.

    A solução não é apenas encher o gabinete de cooler. O meu gabinete mesmo (que é o mesmo que eu utilizava na época do Prescott 478) tem apenas 2 coolers. de 80mm. Um fica na frente e o outro fica na parte de cima do gabinete. Tem ainda o cooler de 140mm da fonte que tb ajuda na exaustão do ar. Apenas isso serviu muito bem pra deixar meu Prescott 478 com uma temperatura boa.

    Ele realmente é esquentado. Não estou dizendo que não. Percebi isso quando troquei ele. Antes o ar que saía no cooler de cima do gabinete era bem morno. Agora é bem mais fresco. Mas com um gabinete com refrigeração adequada ele fica numa boa. E o desempenho dele é excelente.

    Ah, e lembrando que os P4 Prescott soquete 775 não possuem nenhum problema crônico de aquecimento. Tb tive um e não passava de 45 graus em full.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Bom, tive um Prescott 3.2ghz soquete 478 com cooler box sem lapidar e nem nada e a temperatura não passava de 60 graus em dias quentes (30 graus a temperatura ambiente) em FULL. Ele não tem nada de zuado. Apenas uma disposição maior para esquentar, que é perfeitamente contornável.

    A solução não é apenas encher o gabinete de cooler. O meu gabinete mesmo (que é o mesmo que eu utilizava na época do Prescott 478) tem apenas 2 coolers. de 80mm. Um fica na frente e o outro fica na parte de cima do gabinete. Tem ainda o cooler de 140mm da fonte que tb ajuda na exaustão do ar. Apenas isso serviu muito bem pra deixar meu Prescott 478 com uma temperatura boa.

    Ele realmente é esquentado. Não estou dizendo que não. Percebi isso quando troquei ele. Antes o ar que saía no cooler de cima do gabinete era bem morno. Agora é bem mais fresco. Mas com um gabinete com refrigeração adequada ele fica numa boa. E o desempenho dele é excelente.

    Ah, e lembrando que os P4 Prescott soquete 775 não possuem nenhum problema crônico de aquecimento. Tb tive um e não passava de 45 graus em full.

    Bom, depois que troquei o cooler in a box da Intel pelo Akasa AK687, o problema de super-aquecimento parou. Continua quente quando estou jogando, mas não passa de 69 graus (máximo) em dias muito quentes, coisa de uns 34 graus temp. ambiente e jogando por horas seguidas. Antes (quando o problema começou), não conseguia jogar nem 20 minutos e o Asus Probe já começava a bipar sem parar. Pior é que quando montei este micro, em dez. de 2005 deixei de comprar um LGA775 justamente por pensar que estes P4 esquentavam "mais" do que os 478. Que mancada! :wub:

    Ô¿~

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×