Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
faller

Razões pelas quais os estabilizadores atrapalham a fonte do PC.

Recommended Posts

faller, quanto o ruido da tensão, será que o estabilizador não forneceria uma tensão menos variavel do que a tomada, uma vez que essa variação pode ocasionar ruidos dentro de uma fonte genérica que não tem nenhum circuito de filtragem?

ou seja

em fontes genéricas, usar o estabilizador não amenizaria a grande deficiência que elas naturalmente tem? ta certo que se paga um belo preço na FCEM, mas não seria compensado por uma energia menos oscilante?

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • faller, quanto o ruido da tensão, será que o estabilizador não forneceria uma tensão menos variavel do que a tomada, uma vez que essa variação pode ocasionar ruidos dentro de uma fonte genérica que não tem nenhum circuito de filtragem?

    ou seja

    em fontes genéricas, usar o estabilizador não amenizaria a grande deficiência que elas naturalmente tem? está certo que se paga um belo preço na FCEM, mas não seria compensado por uma energia menos oscilante?

    Não existe uma razão sequer para se crer que o estabilizador venha a filtrar algum ruído, de modo significativo.. Geralmente os estabilizadores não tem filtros internamente e no mais, o estabilizador é um autotransformador, seu efeito filtrante é irrisório, e em ruídos de modo comum, ou seja não filtra nada, absolutamente nada e muito menos protege

    Vamos ver o que diz alguém que muito entende do lado da energia, no áudio..

    Trecho retirado do Texto

    Transformador, um Mal Necessário

    Por Jorge Knirsch

    No site: http://www.byknirsch.com.br/artigos-05-07-trafomalnec.shtml

    "Outro comentário existente na mídia é que transformadores oferecem uma proteção ao sistema ao qual estão ligados. Infelizmente, nenhum tipo de transformador, seja ele isolador ou autotransformador, ambos em núcleos E/I, ou toroidais, ou em núcleos C, oferecem uma proteção digna de nota. Se porventura ocorrer um raio ou um transiente na linha de energia, entrará no primário do transformador e passará para o secundário. Transformadores não são elementos de proteção, seja ele qual for."

    Ou seja, vai entregar a fonte genérica os surtos os spikes, ou transientes tal qual entraram no transformador.. A genérica que se vire..

    Como a genérica os filtros também são suprimidos entrou, passou pelo estabilizador e entrou na genérica, o ruído poderá ressetar seu PC, rebootar o mesmo, ou congelar o mesmo.. Independentemente tenha ou não estabilizador...

    Se essa energia mais ou menos oscilante estiver dentro da faixa em que a fonte, seja ela genérica ou não, puder operar, a fonte sem dúvida nenhuma dará uma solução para a energia oscilante.. A grande dúvida na questão genérica é qual a real tensão de trabalho dela e qual a real tolerância de variação da mesma..

    Ou seja, ao contrário do que todo mundo procura saber, se a genérica aguenta a potência demandada, agora se quer saber se a genérica aguenta a variação de tensão que a rede oferece a ela..

    Isso não é dito na fonte genérica. Se fosse dito, você acreditaria?? E em Papai Noel, também acreditaria....

    Veja, você está tentando achar, no estabilizador, um possível subterfúgio para melhorar uma condição que você não sabe se é boa, tolerável ou não, da fonte genérica. Isso dai soa para mim como o rascunho do inferno!!!

    Ora, colocar estabilizador, uma praga ruim para tentar salvar o pelo de uma genérica, outra praga ruim, não lhe parece fugir do caminho correto??? Bote fora essa genérica e não fique tentando melhorar sua condição de trabalho, sem nem mesmo ter uma menor ideia se ela aguentaria ou não a variação da tensão de entrada, etc...

    Ademais, está trilhando o caminho com desvio.. Se estás querendo com a filtragem melhorar o desempenho da genérica, coloque antes dela um elemento capaz de assim proceder, Coloque um bom filtro, e não um estabilizador...

    Abraço...

    Editado por faller

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    filtro, você se refere a filtro de linha né? certo

    confesso que penso seriamente em comprar uma fonte real, mesmo para o meu pc meio ultrapassadinho, mas para usa-la no futuro, porém tenho uma duvida, se porventura vier um pico de tensão, as fontes reais tem a opção de trocar o fusivel queimado?

    já vi uma que tinha um protetor de borracha anti fogo, mas de que adianta ter ele protegido se não pode trocá-lo?

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • filtro, você se refere a filtro de linha né? certo

    confesso que penso seriamente em comprar uma fonte real, mesmo para o meu pc meio ultrapassadinho, mas para usa-la no futuro, porém tenho uma duvida, se porventura vier um pico de tensão, as fontes reais tem a opção de trocar o fusivel queimado?

    já vi uma que tinha um protetor de borracha anti fogo, mas de que adianta ter ele protegido se não pode trocá-lo?

    De novo me parece que você está confundindo as coisas..

    Inicialmente: Um fusível ao nasceu lá no lugar dele. Se foi lá colocado, pode ser substituído sim..

    Em segundo lugar: Se você espera que um surto de tensão venha a queimar o fusível da fonte, espere sentado, definitivamente não é essa a função dele. Ele está lá para segurar a barra se você ligar a fonte em tensão errada por exemplo. Colocar a fonte para 110 e ligá-la em 220 Volts. Ai, ao invés de pegar fogo na fonte, queima o fusível da mesma... Fusível de fonte só se vai embora nesse tipo de incidente, ou seja kagada do operador..

    Se queres proteger algum equipamento de um surto de tensão, coloque uma proteção decente, com dispositivos ultra-rápidos, varistores de alta velocidade de ação (20 nano segundos => 0,00000002 segundos), para forçar a abertura dos dispositivos de proteção. Surto de tensão é para que o peguemos antes de entrar na fonte, logo ao sair da tomada...

    Um fusível isoladamente em um surto de tensão nem vai pensar em abrir...

    Falo um pouco sobre a ação do fusível, isoladamente, nesse tópico aqui: Aterrei a tomada do PC - Ele está seguro agora??? Não!!!

    Abraço...

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    auhauha valeu amigo

    eu sei que da pra tirar, mas por exemplo, se a fonte tiver na garantia e você for soltar a solda, perde a garantia entendeu?!

    esses filtros que você citou como bons, são protegidos por varistores desse tipo?

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • auhauha valeu amigo

    eu sei que da pra tirar, mas por exemplo, se a fonte tiver na garantia e você for soltar a solda, perde a garantia entendeu?!

    esses filtros que você citou como bons, são protegidos por varistores desse tipo?

    Justo por isso prefira ter as proteções antes da fonte, ou melhor, antes de todos os seus equipamentos, por duas razões pelo menos:

    1) Se de boa qualidade e fabricante idôneo, as proteções tem e em profusão, bons varistores e fusíveis de ação rápida ou mini disjuntores, (ai não necessita trocar nada, é só resetar). Seus dispositivos são muito melhores e mais adequados a proteção que os elementos de proteção das fontes;

    2) Se na eventualidade se danificar uma régua de proteção que tenha, tal kamikaze, se explodido pela proteção de seu PC, basta você tirar fora a régua e ligar seu PC direto e, por exemplo, poder finalizar seu trabalho de conclusão que deve ser entregue amanhã. Imagine-se nessa mesma situação com a fonte estourada em seus elementos de proteção...

    Veja ai tipicamente os elementos envolvidos na proteção de seus equipamentos:

    APCPF11VNT3.jpg

    Viste ai:

    São 9 Varistores (os azuis - fontes geralmente tem um ou no máximo 2 deles)

    São dois elementos de proteção térmica (sanduichados entre os principais varistores - fontes nunca tem desses dai)

    Mini circuit breaker ou disjuntor resetável (preto no canto esquerdo inferior - fontes não usam isso, usam fusíveis, difíceis de trocar)

    Se você quer ver o que existe dentro da maioria dos filtros a venda no mercado nacional, visite essa belíssima coletânea de análises por conta do nosso colega _rau_ : Avaliações e fotos de filtros de linha

    Abraço...

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Simplesmente excelente Faller !!!

    Tem mais alguma outra agressão ?

    Acho que já vi você falando mais outra pelo fórum.

    Me desculpe se eu estiver enganado.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Excelente tópico amigo faller! Tirei algumas dúvidas, valeu.. abraço!

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Ótimo tópico Faller, mas eu tenho outra preocupação. Já que em minha região ocorre queda brusca de energia, dessas que acaba e retorna imediatamente, então uso nobreak em meu computador, pensando em proteger, até ler sua explicação, minha fonte e principalmente meu HD, já que essa quedas com retorno muitas vezes danificam a fonte e o HD. Não é melhor perder a fonte ao HD?

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Ótimo tópico Faller, mas eu tenho outra preocupação. Já que em minha região ocorre queda brusca de energia, dessas que acaba e retorna imediatamente, então uso nobreak em meu computador, pensando em proteger, até ler sua explicação, minha fonte e principalmente meu HD, já que essa quedas com retorno muitas vezes danificam a fonte e o HD. Não é melhor perder a fonte ao HD?

    Perder HD por queda de luz é coisa antiga, HDs atuais não se danificam por isso, o máximo que pode ocorrer é perda de dados.

    Uma simples queda de luz não danifica a fonte, nem nada no seu PC. Mas uma queda com retorno rápido pode danificar a fonte (o HD não). Não quero me aprofundar na explicação, mas o problema não está no desligamento, e sim no religamento do PC.

    Surtos de corrente: A Principal Causa de Danos aos Equipamentos Eletrônicos

    • Curtir 2

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Faller, parabéns pelas explicações.

    Apesar de muitos vendedores de materiais de informática, sobretudo estabilizadores não concordarem com você.

    Mas como neste fórum não temos vínculo c/fabricante algum, podemos falar c/clareza.

    Se a intenção é proteger a fonte de alimentação do micro e proteger o usuário de possíveis choques ao tocar no gabinete c/micro ligado.

    Falo como eletricista formado na Escola Federal.

    Para proteção contra descargas atmosféricas na rede elétrica ou proteção contra sobrecorrentes do transformador, a melhor saída é utilizar dois DPS (Dispositivo de Proteção contra Surtos).

    São instalados no quadro de energia um p/cada fase, protegendo não apenas o micro mas todos os circuitos da residência.

    Como eles possuem uma entrada (fase) e uma saída (p/terra ou neutro), no caso de sobrecarga eles iráo direcionar esta carga p/a saída que foram ligados.

    Já no caso do cabo terra, deve realmente estar ligado da tomada até o quadro da sala na barra de neutro/terra e depois sair p/o aterramento externo.

    No caso de apartamentos, pode-se ligar este cabo terra junto ao terra do elevador que normalmente passa na cx.de passagem do hall e depois vai p/o aterramento.

    Obrigado.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Uma pergunta Faller...

    Como q está ligado seu pc??? Filtro???

    abç

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Uma pergunta Faller...

    Como q está ligado seu pc??? Filtro???

    Numa proteção e filtro que eu mesmo fiz e coloquei dentro da caixa de antigo estabilizador..

    Veja ai: Como tornei útil um estabilizador!

    Abraço...

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Faller, parabéns pelo topico.

    Minha namorada passou por uma situação estranha, o micro dela estava desligando sozinho, detalhe micro novo, e ao tentar o micro dava uns bips, fui ao manual, la tinha descrição de bips, e batata, problemas de alimentação, troquei a fonte, o micro persistiu em desligar mas não dava mais bips ao religar, comprei um estabilizador, o problema persistiu, e sem mais nem menos um fusivel de 5A do estab. queimou, fui procurar mais a fundo, descobri q o default da bios deixava o a tensão do processador elevada, arrumei esta config, mas como o fusivel do estab estava queimado, liguei o micro direto na tomada em 220V (Cidade de Mogi das Cruzes-SP, distribuição geral 220V), não houve mais desligamentos. Comprei o fusivel, e coloquei no estab, dai liguei o micro, e advinhem, o micro voltou a desligar sozinho, arranquei o estab. e o mesmo está belo e formoso funcionando, mas vou te fazer bati cabeça pra caramba.

    Uma pergunta não sei se tem algo a ver, o estab é de 300VA e a fonte é de 450W reais, sei q não referencias de medidas diferentes, mas tem algo a ver?

    abraços

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Caras, moro num apartamento que tem o ponto mais alto entre tres quarteiroes próximos.

    O prédio NÃO tem para raio... ¬¬'

    Então minha mãe comprou um daqueles novos modelos de estabilizador aprovado e usa no pc, pois prometeram a ela que este garante proteção contra raio, o que eu não sei se realmente acontece...

    Bom não posso passar mais detalhes da marca dele agora porque estou no trabalho, mas essa de proteger de raio é real ou balela?

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Caras, moro num apartamento que tem o ponto mais alto entre tres quarteiroes próximos.

    O prédio NÃO tem para raio... ¬¬'

    Então minha mãe comprou um daqueles novos modelos de estabilizador aprovado e usa no pc, pois prometeram a ela que este garante proteção contra raio, o que eu não sei se realmente acontece...

    Bom não posso passar mais detalhes da marca dele agora porque estou no trabalho, mas essa de proteger de raio é real ou balela?

    Prometer a proteção contra raios é extremamente fácil, tanto de prometer, quanto de, estatisticamente, cumprir...

    O normal, o trivial, o praticamente certo é que nenhum raio irá cair na sua casa nos próximos 100 anos. Essa quem sabe seria o que nos diz a lei das probabilidades. Desse modo é só prometer (nem precisa cumprir, pois a natureza trata de cumprir). Se por acaso der alguma zebra, sempre existirá uma fuga.. .... Mas garanto que os fios de terra e fase passavam dentro do mesmo conduíte!!.. Mas tem certeza de que o estabilizador estava a direita do PC???

    Ou seja... Se eu não tivesse escrúpulos poderia até ter me tornado rico e famoso afirmando que um vidro de Olina sobre o PC o protegerá de qualquer raio...

    Anos a fio sem nenhuma incidência de raio em seu PC, e de muitos mais muitos outros, comprovariam a minha tese...

    Olina <=> Proteção garantida ao seu PC contra raios... Impossível de se duvidar!!!

    E vocês todos sabem, que não iria faltar nem um nem dois cidadãos que viriam a público garantir por seus depoimentos de que, por um dia a empregada ter derrubado e quebrado o vidro de Olina, o danado do Raio se fez ativo e acabou levando para si não o PC, mas a lâmpada do corredor.. Mas teria justificativa... Teria sido um raio muito velho e portanto caduco....

    Ou seja, será que eu realmente necessito responder a sua pergunta???

    Editado por Pierre C.
    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Olá a todos!

    Primeiramente, muito obrigado à todos. Aprendi muitas coisas aqui e tenho certeza que essas informações vão me ajudar muito daqui pra frente.

    Vamos lá: Finalmente estou terminando meu upgrade e decidir mandar chumbo no meu estabilizador. Minha região não possui nenhum tipo de problema que justifique o uso de estabilizadores ou nobreaks, portanto estou seguindo para uma solução mais adequada, de acordo com as informações do faller e outros amigos do fórum.

    Creio que um bom filtro de linha pode dar conta da minha configuração porém tenho uma dúvida:

    Neste momento não há condições de realizar um aterramento em minha casa. Irei mudar logo e não gostaria de investir numa coisa que em breve não estarei mais usando. Prefiro esperar a outra moradia (coisa de 2 meses). Gostaria de saber se há algum problema (além dos choques elétricos na carcaça) em utilizar essa combinação de fonte + filtro de linha sem um aterramento adequado.

    Para finalizar, fiquei entre esses dois modelos de filtro de linha:

    http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=P8T3V

    http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=P7T

    Alguma sugestão sobre qual dos modelos escolher ?

    Desde já agradeço a atenção! :)

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Olá a todos!

    Primeiramente, muito obrigado à todos. Aprendi muitas coisas aqui e tenho certeza que essas informações vão me ajudar muito daqui pra frente.

    Vamos lá: Finalmente estou terminando meu upgrade e decidir mandar chumbo no meu estabilizador. Minha região não possui nenhum tipo de problema que justifique o uso de estabilizadores ou nobreaks, portanto estou seguindo para uma solução mais adequada, de acordo com as informações do faller e outros amigos do fórum.

    Creio que um bom filtro de linha pode dar conta da minha configuração porém tenho uma dúvida:

    Neste momento não há condições de realizar um aterramento em minha casa. Irei mudar logo e não gostaria de investir numa coisa que em breve não estarei mais usando. Prefiro esperar a outra moradia (coisa de 2 meses). Gostaria de saber se há algum problema (além dos choques elétricos na carcaça) em utilizar essa combinação de fonte + filtro de linha sem um aterramento adequado.

    Para finalizar, fiquei entre esses dois modelos de filtro de linha:

    http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=P8T3V

    http://www.atera.com.br/dispprod.asp?COD=P7T

    Alguma sugestão sobre qual dos modelos escolher ?

    Desde já agradeço a atenção! :)

    Se tiver disposto a pagar, o P8T3V tem mais elementos de proteção, veja a comparação entre os dois e a explicação:

    http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=235893

    http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=224286

    Abaixo o link com vários modelos de filtros de linha, inclusive aqueles ensinados pelo Almeida Filho e pelo Faller.

    http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=232290&start=0&postdays=0&postorder=asc&highlight=

    Abraço e até mais.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Aquecedor vulgo estabilizador de 300 VA aguenta fonte de 450W ou não há ligação nenhuma uma coisa com a outra? Obrigado

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Aquecedor vulgo estabilizador de 300 VA aguenta fonte de 450W ou não há ligação nenhuma uma coisa com a outra? Obrigado

    A conversão de VA para W depende do fator de potência da carga (fonte com PFC ativo considere 1), na dúvida, use 0,6.

    Pegue a potência em VA e multiplique pelo fator de potência: 300VA*0,6= 180W, é isso que esse estabilizador suporta.

    A minha resposta é: Com certeza um estabilizador de 300VA não aguenta uma fonte que consome 450W.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • A conversão de VA para W depende do fator de potência da carga (fonte com PFC ativo considere 1), na dúvida, use 0,6.

    Pegue a potência em VA e multiplique pelo fator de potência: 300VA*0,6= 180W, é isso que esse estabilizador suporta.

    A minha resposta é: Com certeza um estabilizador de 300VA não aguenta uma fonte que consome 450W.

    Ampliando ainda mais a resposta corretíssima do Leo...

    Um estabilizador com 300VA poderá oferecer a uma fonte que tenha o FP de 0,6 um total de 180 Watts somente.. Esse tipo de fonte, com FP=0,6, ou seja sem PFC ativo, geralmente tem eficiência de tranformação da ordem de 70%, e ainda se tem o Monitor geralmente ligado ao estabilizador.

    Tirando o monitor, digamos uns 40 Watts, seu estabilizador reservaria para a fonte alimentar seu PC somente 140 Watts, correto???

    Como sua eficiência geralmente gira em torno dos 70%, ela, essa fonte, só poderia entregar realmente ao seu PC cerca de 140 x 0,70 = 98 Watts..

    Colocando para você agora somente 2 perguntas:

    1) Você realmente acha que seu PC demanda somente 98 Watts??

    2) Se sim, qual a razão de gastares com uma fonte capaz de entregar 450 Watts a ele??

    Se ligares esse estabilizador ai, sem brincadeira nenhuma pois com isso não se brinca, deixa um extintor de incêndio por perto...

    Editado por Pierre C.
    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Se tiver disposto a pagar, o P8T3V tem mais elementos de proteção, veja a comparação entre os dois e a explicação:

    http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=235893

    http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=224286

    Abaixo o link com vários modelos de filtros de linha, inclusive aqueles ensinados pelo Almeida Filho e pelo Faller.

    http://www.forumpcs.com.br/viewtopic.php?t=232290&start=0&postdays=0&postorder=asc&highlight=

    Abraço e até mais.

    Muito obrigado pelas dicas. Vou de P8T3V mesmo. :D

    Mas ainda fiquei com uma dúvida:

    Como no momento, não há condições de fazer um aterramento em minha casa, gostaria de saber se há algum problema (além dos choques elétricos na carcaça) em ligar a fonte + filtro de linha temporariamente numa tomada sem um aterramento adequado.

    Esse temporariamente equivale a no máximo 3 meses.

    Mais uma vez obrigado pela ajuda!

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Como no momento, não há condições de fazer um aterramento em minha casa, gostaria de saber se há algum problema (além dos choques elétricos na carcaça) em ligar a fonte + filtro de linha temporariamente numa tomada sem um aterramento adequado.

    Esse temporariamente equivale a no máximo 3 meses.

    Mais uma vez obrigado pela ajuda!

    Não há problema algum. O aterramento tem função principal de proteger o usuário.

    Só um detalhe, quando for fazer um aterramento, faça corretamente. Nada de barra de cobre enterrada na terra e um fio direto para a tomada.

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Nossa! foi muityo bom saber disso, só que me deixou preocupado, o que eu faço então?

    Tenho uma lan com 14 pcs e um servidor, uso um estabilizador de 3500 mas ele esquenta e as vzs fica com aquele cheirinho tipico de sobrecarga. são 15 máquinas com monitor Samsung 733 lcd, o que faço então?

    • Curtir 1

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×