Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
FelipeCorrêa

O que posso inventar?

Recommended Posts

Vou fazer um trabalho de conclusão e preciso de ideias. Compartilhem aqui algo útil (de preferência relacionado a eletrônica, mas não necessariamente), que vocês acham que poderia ser inventado. Podem também colocarem problemas a serem resolvidos. Obrigado a todos que responderem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

um TCC bem completo seria um dimmer com timer, controlado por IR.

pois você coloca tudo que os professores gostam em um unico projetinho.

Controle da Senoide, Controle Remoto, e Microcontrolador pra controlar tudo.

ou um carrinho controlado por controle remoto, só que invés de botões você pode utilizar um acelerometro e enviar as informações por IR. kkkk "eu foco tanto em IR, já deu pra perceber que eu só manjo mexer com "IR", ou RF aqueles quem vem em modulo. porém acho q fica grande e ja feito, pra mim perde todo o tesão, comprar esses modulos prontos, sendo que tem como fazer e ficar acoplado ao circuito.

Trabalho de diplomação não é para inventar, mas sim uma aplicação pratica do que estudou.

sempre pensei que TCC era impor um problema, e correr atrás para tentar solucionar, da maneira mais eficaz, assim você enriquece seu conhecimento. ._.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

sempre pensei que TCC era impor um problema, e correr atrás para tentar solucionar, da maneira mais eficaz, assim você enriquece seu conhecimento. ._.

Seria solucionar um problema com um conhecimento adquirido durante o curso, ao final você deve ter um objetivo de tornar o processo melhor de preferencialmente. Muitos se confundem e criar algo inovador o que pode ate atrasar um TCC.

Um exemplo seria aplicar um microcontrolador para automatizar algo, o TCC seria detalhar bem o que fez, analisar eventuais falhas secundarias onde uma automatização pode apresentar problemas.

Uma simples bomba pra encher uma caixa dagua e problemas que possa ter:

Bomba queimar? existe alternativa de reserva?

Consegue manter um nível em situação de maior demanda ?

Existe um alarme?

Em falta de agua, a bomba vai ficar acionada rodando seca?

Esse e um exemplo, microcontrolador para controle e usado com frequência e programação existe muita coisa já feita, não vai inventar nada, mas aplicar o conhecimento, mas o que se vai resolver tem importância em um TCC.

Seria diferente do que se vê em aula, como por exemplo enviar um "Ola Mundo" em LCD pois esse o objetivo e aprender a programar apenas,,,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • É de um problema que estou atrás. Alguma coisa que pode ser melhorada ou barateada, algo novo que ajude a sociedade. Não vou inventar uma tecnologia nova. Um grupo, ano passado, inventou um simulador de débito cardíaco com os conhecimentos adquiridos durante o curso, por exemplo. Vou visitar instituições de saúde, fábricas e outros lugares, mas decidi perguntar aqui antes, pois além de todos aqui terem noção dos problemas da sociedade, também entendem de eletrônica.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Um carregador de celular sem fio.

    Não deve ser muito fácil transmitir energia elétrica pelo ar, kkk. Mas já tive uma ideia aqui e vou pesquisar se é possível.

    Editado por FelipeCorrêa

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Escrevi isso baseado nessa pergunta que você fez agora. É possível absorver a energia das ondas RF já existentes no ar. Já ouviu falar do Rádio de Galena?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Escrevi isso baseado nessa pergunta que você fez agora. É possível absorver a energia das ondas RF já existentes no ar. Já ouviu falar do Rádio de Galena?

    Nunca ouvi falar, mas estou ciente de que já é possível transferir energia elétrica pelo ar e já existem carregadores que fazem isso (para controles de Wii, por exemplo). Eu até iria adotar sua ideia, mas infelizmente preciso de algo novo. Quanto a ideia que escrevi que tive, vou conversar com meu orientador sobre ela e então a divulgo aqui para discussão e dicas. Abraço.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Isso é um trabalho acadêmico que você tem de criar alguma coisa nova ou melhorar né?

    A gente pode ir dando idéias e você tenta manter a sua mente o mais criativa possível e sempre lendo revista, fazendo pesquisa e até conversando com pessoas, mas não espere a ideia mirabolante surgir do nada.

    Veja como Thomas Alva Edison inventou a Lâmpada. Ele não teve a ideia, mas os que a tiveram desistiram ou não conseguiram algum sucesso até que ele enfiou na cabeça de produzir luz com eletricidade, a partir de então investiu muito dinheiro e muito tempo para chegar a algo que produziu luz sem estragar por mais de 40 Hs. Era um fio de algodão previamente carbonizado que ele botou num bulbo sem ar e o fiozinho torcido ficava incandescente sem se queimar. E então ele encheu uma rua com esse invento pra comemorar o final de ano daquele ano (óbvio!).

    Antes dessa criação dar certo Thomas Edison já tinha criado mais de 3000 invenções.

    O seu trabalho não precisa ser necessariamente revolucionário ou algo estapafúrdio que vai surgir do nada. Com certeza você já deve ter pensado alguma vez em melhorar algo que faz parte do seu cotidiano, então acho que isso pode lhe dar uma luz.

    Simplesmente,

    faça o seu trabalho competente.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Isso é um trabalho acadêmico que você tem de criar alguma coisa nova ou melhorar né?

    A gente pode ir dando idéias e você tenta manter a sua mente o mais criativa possível e sempre lendo revista, fazendo pesquisa e até conversando com pessoas, mas não espere a ideia mirabolante surgir do nada.

    Veja como Thomas Alva Edison inventou a Lâmpada. Ele não teve a ideia, mas os que a tiveram desistiram ou não conseguiram algum sucesso até que ele enfiou na cabeça de produzir luz com eletricidade, a partir de então investiu muito dinheiro e muito tempo para chegar a algo que produziu luz sem estragar por mais de 40 Hs. Era um fio de algodão previamente carbonizado que ele botou num bulbo sem ar e o fiozinho torcido ficava incandescente sem se queimar. E então ele encheu uma rua com esse invento pra comemorar o final de ano daquele ano (óbvio!).

    Antes dessa criação dar certo Thomas Edison já tinha criado mais de 3000 invenções.

    O seu trabalho não precisa ser necessariamente revolucionário ou algo estapafúrdio que vai surgir do nada. Com certeza você já deve ter pensado alguma vez em melhorar algo que faz parte do seu cotidiano, então acho que isso pode lhe dar uma luz.

    Simplesmente,

    faça o seu trabalho competente.

    Totalmente certo amigo. Vou considerar sua ideia e tentar melhorar/baratear o que já existe. Se você tiver alguma outra ideia, pode falar. Vou dizer agora mesmo a ideia que tive. Pensei em reciclar monitores "tubão" e usar o seu canhão de elétrons na fabricação de peças de metais. O choque de elétrons com o metal, a principio, o derreteria. Porém, em tal escala, pareceria um corte. Tal equipamento teria um programa de controle que montaria a pessa baseado em um modelo 3D. O que você acha?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Quer inventar algo que tal um gerador de anti-matéria eficiente. (Ate agora só conseguiram energia para ligar uma lampada em 3s e foi nu grande acelerador de partículas :D

    Deve fazer um bom projeto de acordo com seus conhecimentos (pois ele vai avaliar cada detalhe que foi passado ao logo do curso).

    pode ser algo como janelas e luzes automatizada e alarme controlada pelo seu celular? (com confirmação que a janela ou porta estaria fechada e trancada :D )

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    A ideia é boa sim, ainda mais nestes tempos verdes que vivemos, mas é um desafio e tanto hein?

    Já vi algo assim que a NASA construiu, chama-se "Electron-Beam FreeForm Fabrication" e consiste em derreter muito rapidamente uma mistura de metais e ir construindo algo em camadas. Isso utilizando os feixes de elétrons, mas o maquinário por trás disso tudo é algo muito grande e imagino que energia necessária para a realização disso é de grande dimensão.

    Se já conseguirdes derreter metal utilizando apenas um canhão extraído de um cinescópio, será um grande feito.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • A ideia é boa sim, ainda mais nestes tempos verdes que vivemos, mas é um desafio e tanto hein?

    Já vi algo assim que a NASA construiu, chama-se "Electron-Beam FreeForm Fabrication" e consiste em derreter muito rapidamente uma mistura de metais e ir construindo algo em camadas. Isso utilizando os feixes de elétrons, mas o maquinário por trás disso tudo é algo muito grande e imagino que energia necessária para a realização disso é de grande dimensão.

    Se já conseguirdes derreter metal utilizando apenas um canhão extraído de um cinescópio, será um grande feito.

    Obrigado. Só tive a ideia, vou pesquisar muito sobre ela e ainda buscar novas ideias. Qualquer ideia só postar aqui. Abraço.

    Editado por FelipeCorrêa

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Obrigado. Só tive a ideia, vou pesquisar muito sobre ela e ainda buscar novas ideias. Qualquer ideia só postar aqui. Abraço.

    Acabei de descobrir que minha ideia é impraticável.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Acabei de descobrir que minha ideia é impraticável.

    inventar algo por mais que seja insignificante não algo fácil! requer uma mente criativa e aberta e uma boa pesquisa, tempo e belo de um laboratório propio ou de uma entidade para auxiliar nas pesquisas :D

    sem falar que quem pesquisa em função de vender o projeto ou mesmo comercializar deve ficar atento as patentes.

    inventar algo que ainda não existe não é único caminho, voce pode também trabalhar em melhorar coisas que ja existem para bem da sociedade utilizando aplicando materiais e equipamentos existentes

    algo como esse cara fez e achei show.

    http://forum.clubedohardware.com.br/computador-bordo-futuro/1022817

    Editado por felipe236

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    Acabei de descobrir que minha ideia é impraticável.

    Tô com o Felipe, mas você teve uma ideia bacana, só que impraticável para a devida atualidade, mas se isso é o que você meteu na cabeça, leva pra frente e vai desenvolvendo.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Eu estou fazendo um TCC, e pensei em um alarme de luz, e o grande problema está sendo programar em Linguagem C o meu 8051, de resto, está tudo indo bem. Mas pra TCC em eletronica, das duas uma : solução de um problema ou uma inovação em circuito

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • inventar algo por mais que seja insignificante não algo fácil! requer uma mente criativa e aberta e uma boa pesquisa, tempo e belo de um laboratório propio ou de uma entidade para auxiliar nas pesquisas :D

    sem falar que quem pesquisa em função de vender o projeto ou mesmo comercializar deve ficar atento as patentes.

    inventar algo que ainda não existe não é único caminho, voce pode também trabalhar em melhorar coisas que ja existem para bem da sociedade utilizando aplicando materiais e equipamentos existentes

    algo como esse cara fez e achei show.

    http://forum.clubedohardware.com.br/computador-bordo-futuro/1022817

    Não tenho um laboratório ou entidade auxiliar, mas vou me virar com o que tenho, hehe.

    Certamente considero a ideia de melhorar algo que já existe, só ainda não sei o que. O que esse cara fez realmente ficou muito bom. Quanto a patentes, prefiro ter a ideia, pesquisar sobre ela e depois ver os fins comerciais.

    Tô com o Felipe, mas você teve uma ideia bacana, só que impraticável para a devida atualidade, mas se isso é o que você meteu na cabeça, leva pra frente e vai desenvolvendo.

    Posso certamente manter a pesquisa, mas é algo muito díficil, pois envolve uma grande quantidade de energia e ainda por cima tem a questão da radiação (foi o que me falaram). Mas vou pesquisar mais.

    Eu estou fazendo um TCC, e pensei em um alarme de luz, e o grande problema está sendo programar em Linguagem C o meu 8051, de resto, está tudo indo bem. Mas pra TCC em eletronica, das duas uma : solução de um problema ou uma inovação em circuito

    Estou tentato ter ideias para ambas as opções.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    ué você pode fazer o projetim qu e eu fiz na feira da fetec;;

    é um circuito que tem por objetivo avisar quando algum encanamento está pingando (tendo vazamentos) também pode ser usando emcaixas d'agua para quando a bóia falhar... o sensor irá detectar que a caixa irá transbordar.... também pode ter aplicação no caso de chuva... para avisar quando começar a chuver... .enfim varias finalidades... o componente principal nele é um SCR e o sensor nda mais é que uma plakinha de fenolite (desenhada para que nao se juntem as trilhas ou seja ela nao esta em curto) que quando bate agua é injetado corrente no gate e assim conduz fazendo barulho pelo alto falante.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
    ntes dessa criação dar certo Thomas Edison já tinha criado mais de 3000 invenções

    eu curto pra caramba uma frase que ele disse sobre o assunto da lampada

    não errei duas mil vezes e sim descobri dois mil modos de não se fazer uma lampada (ou algo muito parecido com isso)

    sobre o trabalho faça apenas a impressora 3D ha um vasto material sobre o assunto na net sobre uma impressora 3D que tem software open source e hardware open source também

    chama-se

    REP-RAP

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Não sabe por onde começar? (você postou a seguinte frase)

    Posso certamente manter a pesquisa, mas é algo muito díficil, pois envolve uma grande quantidade de energia e ainda por cima tem a questão da radiação

    Se fosse fácil já teria descobrido uma solução ah muito tempo não acha? Procure uma solução para isso, quando melhoramos algo procuramos fazer por parte, no caso o problema estar na eficiência elétrica então deve achar uma solução(de preferência, 'verde' ) e partir para o seu próximo passo.(mais pessoas estudando junto a carruagem anda mais rápido).

    Mas sinceramente isso pode demorar até anos de pesquisa e custos, o seu objetivo agora é provar o que aprendeu ao longo do curso.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Nesse momento ainda não defini uma ideia, estou separando várias.

    ué você pode fazer o projetim qu e eu fiz na feira da fetec;;

    é um circuito que tem por objetivo avisar quando algum encanamento está pingando (tendo vazamentos) também pode ser usando emcaixas d'agua para quando a bóia falhar... o sensor irá detectar que a caixa irá transbordar.... também pode ter aplicação no caso de chuva... para avisar quando começar a chuver... .enfim varias finalidades... o componente principal nele é um SCR e o sensor nda mais é que uma plakinha de fenolite (desenhada para que nao se juntem as trilhas ou seja ela nao esta em curto) que quando bate agua é injetado corrente no gate e assim conduz fazendo barulho pelo alto falante.

    Hmmm projeto interessante, vou considerar.

    eu curto pra caramba uma frase que ele disse sobre o assunto da lampada

    não errei duas mil vezes e sim descobri dois mil modos de não se fazer uma lampada (ou algo muito parecido com isso)

    sobre o trabalho faça apenas a impressora 3D ha um vasto material sobre o assunto na net sobre uma impressora 3D que tem software open source e hardware open source também

    chama-se

    REP-RAP

    Realmente muito legal essa frase. Quanto a impressora 3D, acho que já existe muita coisa sobre isso, não acha?

    Não sabe por onde começar? (você postou a seguinte frase)

    Se fosse fácil já teria descobrido uma solução ah muito tempo não acha? Procure uma solução para isso, quando melhoramos algo procuramos fazer por parte, no caso o problema estar na eficiência elétrica então deve achar uma solução(de preferência, 'verde' ) e partir para o seu próximo passo.(mais pessoas estudando junto a carruagem anda mais rápido).

    Mas sinceramente isso pode demorar até anos de pesquisa e custos, o seu objetivo agora é provar o que aprendeu ao longo do curso.

    Essa é uma pesquisa para longo prazo. Como você disse, meu objetivo agora é provar o que aprendi (ainda que esteja na metade do curso). Mas vou continuar as pesquisas sobre aquela minha ideia, não como foco principal por enquanto.

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×