Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

BitFenix Lança Gabinete Shinobi XL

       
 3.861 Visualizações    1 comentário

A BitFenix lançou uma versão maior do seu gabinete torre média Shinobi.

BitFenix Lança Gabinete Shinobi XL

A BitFenix lançou uma versão maior do seu gabinete torre média Shinobi. Chamado Shinobi XL, este novo gabinete torre complete suporta placas-mãe Mini-ITX, mATX, ATX, XL-ATX, e vem com cinco baias externas de 5,25”, sete baias internas de 3,5”, oito baias internas de 2,5” (usando baias de 3,5”) e nove slots para placas de expansão. O Shinobi XL é equipado com quarto portas USB 3.0, uma ventoinha de 230 mm no painel frontal, uma ventoinha de 120 mm no painel traseiro e uma ventoinha de 230 mm no painel superior. Ele suporta a instalação de placas de vídeo com até 49,2 cm de comprimento e coolers de processador com até 19,3 cm de altura.

O BitFenix Shinobi XL chegará ao exterior em março com um preço sugerido de US$ 149.

Mais informações

Compartilhar



  Denunciar Notícia
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários


nestes 12 anos que eu curto hardware e informática a unica coisa que realmente vejo que não muda quase nada são os tais gabinetes. talvez, pelo fato deles já terem chegado a um patamar tal de praticidade e espaço interno super planejado ou por total falta de imaginação. Mudam uma ventoinha aqui, outra ali, mudam o local de instalação da fonte, mudam o design, alguns até modernos, outros mais conservadores, mas realmente .mudar o conceito isso é difícil. Gostaria de ver aqui um novo conceito, uma coisa que me surpreendesse.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×