Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Intel Confirma Problema em Chipsets da Série 6

       
 12.890 Visualizações    31 comentários

A Intel suspendeu a produção dos chipsets da série 6 (H67 e P67, codinome Cougar Point) devido a um problema que pode afetar significativamente o desempenho das quatro portas SATA-300 controladas pelos chipsets.

Intel Confirma Problema em Chipsets da Série 6

A Intel suspendeu a produção dos chipsets da série 6 (H67 e P67, codinome Cougar Point) devido a um problema que pode afetar significativamente o desempenho das quatro portas SATA-300 controladas pelos chipsets. O problema, no entanto, não afeta as duas portas SATA-600.

A Intel disse que já corrigiu o problema e que voltará a produzir os chipsets da série 6 no final deste mês. As pessoas que compraram placas-mãe baseadas nos chipsets H67 e P67 defeituosos devem entrar em contato com os fabricantes para efetuar a substituição. O recall deverá custar à Intel US$ 1 bilhão.

Mais informações

Compartilhar



  Denunciar Notícia
Entre para seguir isso  

Comentários de usuários




É, esse erro vai custar caro para a Intel, 1 bilhão de dólares, mesmo para uma empresa desse porte, é um prejuízo considerável, principalmente pois deixa-se de investir esse 1 bilhão em coisas produtivas, como em pesquisa.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Duvido que o >>Recall<< chegue a isto. A estimativa é sempre calculada sobre o produto não vendido, inclusive.

Mesmo assim, que mancada em...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Duvido que o >>Recall<< chegue a isto. A estimativa é sempre calculada sobre o produto não vendido, inclusive.

Mesmo assim, que mancada em...

Sim sobre o produto que não vendeu devido ao povo já estar sabendo do problema, e a Intel tem que arcar com a troca (mão de obra dos parceiros, transporte dos distribuidores de volta para as fabricas, etc), esta estimativa é dos produtos que não venderam devido a retirada das prateleiras, pois o SB tava "vendendo igual água" en tudo quanto é lugar no mundo, devido ao seu alto desempenho e baixo preço (comparado ao seu antecessor).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Duvido que o >>Recall<< chegue a isto. A estimativa é sempre calculada sobre o produto não vendido, inclusive.

Mesmo assim, que mancada em...

Produto vendido ou não vendido, dá tudo no mesmo, afinal, TODOS os chips precisarão ser substituidos, não apenas os vendidos.

No caso do vendido, provavelmente terão que arcar com o custo a mais, do transporte, que provavelmente será a única diferença sobre os vendidos e não vendidos.

Anyway, esse problema vai ser uma dor de cabeça legal. E duvido que a Intel só tenha descoberto sobre esse problema agora. O modus operandi da Intel é bem mais malicioso...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Produto vendido ou não vendido, dá tudo no mesmo, afinal, TODOS os chips precisarão ser substituidos, não apenas os vendidos.

No caso do vendido, provavelmente terão que arcar com o custo a mais, do transporte, que provavelmente será a única diferença sobre os vendidos e não vendidos.

Anyway, esse problema vai ser uma dor de cabeça legal. E duvido que a Intel só tenha descoberto sobre esse problema agora. O modus operandi da Intel é bem mais malicioso...

Concordo, realmente, a diferença será bem pouca entre vendidos e não vendidos, pois as fabricantes de MOBOs terão que substituir todos os chipsets inclusive as que estão nos estoques das lojas, distribuidores e afins.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

agora eu quero ver é a positivo, SpaceBR e companhia limitada obedecer o recall, ainda mais que o público deles é mais leigo do que criança.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mesmo que a Intel já tenha descoberto como corrigir a falha no chipset, será que alguém terá confiança em comprar alguma placa-mãe com socket 1155? Tenho minhas dúvidas...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Mesmo que a Intel já tenha descoberto como corrigir a falha no chipset, será que alguém terá confiança em comprar alguma placa-mãe com socket 1155? Tenho minhas dúvidas...

c4io, eu teria com certeza, justamente pela atitude que a Intel está tomando em relação ao ocorrido, prometendo arcar com todo o seu compromisso com os consumidores, o que é a maneira correta de se agir.

A Intel anunciou que pretende começar a entregar a versão atualizada do chipset para os clientes no final de fevereiro e espera a regularização total em abril.

http://translate.google.com.br/translate?hl=pt-BR&sl=en&u=http://www.intel.com/support/chipsets/sb/CS-032263.htm&ei=-9VJTeSNAcGugQeTyunZDw&sa=X&oi=translate&ct=result&resnum=1&ved=0CCYQ7gEwAA&prev=/search%3Fq%3Dhttp://www.intel.com/support/chipsets/sb/CS-032263.htm%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DG%26biw%3D1916%26bih%3D871%26prmd%3Divns

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Resumindo, o pessoal que estava pensando em comprar placas como GIGABYTE GA-H67A-UD3H LGA 1155 ou GIGABYTE GA-P67A-UD3 LGA 1155 ( que é meu caso) abandonem a ideia porque é cilada? Tenso amigo ;/

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Nossa que sorte que eu tive!

Montei meu novo PC em Dezembro e até consultei o pessoal aqui no forum sobre a configuração. Alguns responderam para eu esperar a Intel lançar esse chipset, com novo socket (1155).

Esse é o risco de quem quer comprar algo top de linha logo em cima do lançamento! É sempre bom esperar um pouco, talvez comprar algo de "penúltima geração". Afinal a corrida para ter sempre tudo top é sem fim.

Ainda bem que eu NÃO esperei!!!

To feliz e satisfeito com meu i7 LGA 1156 / P55. :)

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Lord_Dracon,

Onde você comprou a sua placa-mãe? Porque eu não achei nenhuma loja de confiança para comprar alguma placa-mãe da ASUS com chipset P55. Em relação a ser lançamento e ter que esperar um pouco, é um receio que todos nós temos. Mas nós não poderíamos imaginar que isso aconteçeria, já que a Intel lançou a primeira geração dos Core iX e nada foi detectado até o momento...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Lord_Dracon,

Onde você comprou a sua placa-mãe? Porque eu não achei nenhuma loja de confiança para comprar alguma placa-mãe da ASUS com chipset P55.

Eu comprei pessoalmente em uma loja aqui em São Paulo.

Em relação a ser lançamento e ter que esperar um pouco, é um receio que todos nós temos. Mas nós não poderíamos imaginar que isso aconteçeria, já que a Intel lançou a primeira geração dos Core iX e nada foi detectado até o momento...

Pois é, acho que ninguém imaginava. A Intel não é uma empresa de lançar bombas (até aonde eu sei). A última coisa que eu lembro que "deu errado" com a Intel mas nem houve recall foi o desempenho aquém dos primeiros Pentium 4 (época da ascenção de consumidores da AMD por aqui).

Eu não esperei o Sandy Bridge não foi nem por desconfiança ou receio. Eu tava meio "desesperado" para trocar de PC (tinha um AMD Sempron 2800+ Socket A, ASUS A7V8X-X) e a grande oportunidade para mim veio em Dezembro (13º + Férias).

Alguém aí foi vítima desse problema? Quem foi sabe informar o quanto do desempenho do SATA-300 foi afetado?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
gostaria de saber a lista de placas com esse chipset afetado

ficaria mais fácil indentificar

São "todas as placas" com os chipsets citados (geração 6), e por isso não há lista, pois o defeito está nos chipsets, então engloba todas as placas mãe para 1155 existentes no mercado hoje (que já estão sendo recolhidas).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
gostaria de saber a lista de placas com esse chipset afetado

ficaria mais fácil indentificar

Eles vão trocar todas as placas fabricadas até o momento. :eek:

Antes de comprar é melhor esperar um segundo comunicado, falando da correção efetiva do problema.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Lord_Dracon,

Esse desgaste das portas SATA é com o tempo, vai ser difícil alguém começar a ser afetado por agora... será que a Intel irá lançar um novo chipset?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Lord_Dracon,

Esse desgaste das portas SATA é com o tempo, vai ser difícil alguém começar a ser afetado por agora... será que a Intel irá lançar um novo chipset?

Isso dependerá de como elas serão utilizadas, pois o desgaste é maior com raid 0 e unidades SSD (se estiver em raid 0 ai o negócio aumenta ainda mais).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

eles vão simplesmente trocar os chip set das mob recolhidas ? ou eles vão fabricar uma nova placa com o chip ja corrigido ?

pois se nao da pra fazer um saudao para quem opte usar a porta sata 600 ~.~

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eita Intel... Sentou na Graxa!!!

Putz... e eu que estava seduzido a migrar de plataforma agora. Vou esperar um tikinho mais, uns 3 meses pra ver o que vai vir em diante depois dos "remendos".

Mas que prejuizo.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A Intel já teve problemas de fabricação com diversos processadores

- Primeira parte

A primeira história apareceu na imprensa em 07 de novembro de 1994, em um artigo na Electronic Engineering Times ", corrige uma falha Intel Pentium FPU" por Alexander Wolfe.

A história foi posteriormente retomada pela CNN, em um segmento que foi ao ar em 21 de novembro de 1994. Isso trouxe em destaque público generalizado.

Publicamente, a Intel reconheceu a falha de ponto flutuante, mas alegou que não era sério e não afetaria a maioria dos usuários.

Intel ofereceu para substituir os processadores para os usuários que pudesse provar que eles foram afetados.

No entanto, embora a maioria das estimativas independentes encontraram o erro de ser de pouca importância e não teria efeito insignificante sobre a maioria dos usuários, que causou um grande clamor público.

Empresas como a IBM (cujo IBM 5x86C microprocessador competiu na época com a linha Intel Pentium) entrou para a condenação.

Em 20 de dezembro de 1994 a Intel ofereceu para substituir todos os processadores Pentium falho com base no pedido, em resposta à crescente pressão da opinião pública. Embora se que apenas uma pequena fração dos proprietários de Pentium incomodado para obter suas fichas substituído, a crise financeira impacto na empresa foi significativa. A Intel anunciou em 17 de janeiro de 1995, uma taxa antes de impostos de US $ 475 milhões, contra lucro, aparentemente o custo total associado com a substituição dos processadores falhos. Alguns dos chips defeituosos foram mais tarde se transformou em porta-chaves pela Intel.

Um artigo de 1995 em

Ciência descreve o valor da teoria do número de problemas em descobrir bugs de computador e nos dá um panorama da história da matemática e da constante de Brun , o problema Nicely estava trabalhando quando descobriu o bug.

Este problema ocorreu apenas em alguns modelos do processador Pentium original. Qualquer processador da família Pentium com uma velocidade de pelo menos 120 MHz é suficiente para não ter este novo bug.

Em modelos afetados, a Intel Processor Frequency ID Utility verifica a presença da praga.

O 39 S-spec desses processadores não estão listados na página de especificações do processador da Intel na web finder.

Pentium P5 800 nm 5V

A presença do bug pode ser verificado manualmente, executando o seguinte cálculo de qualquer aplicativo que usa números de ponto flutuante nativas, incluindo a calculadora do Windows ou do Microsoft Excel no Windows 95 / 98 .

O valor correto é

08e3f85e09ca3676bbfa308a62e086ff.png

No entanto, o valor retornado pelo Pentium falho seria incorrecto para além de quatro dígitos significativos:

70b72075c9b2870ff20ad01f9dea2a10.png

Outro teste pode mostrar o erro de forma mais intuitiva.

Um número multiplicado e dividido pelo mesmo número deve resultar no número original, como segue:

18944124230786d7132330b6325d52fe.png

Mas um Pentium falho irá retornar:

4e7723fee60a279c24e9ef279a862cc7.png

- Segunda parte

Intel admite problemas com Pentium III de 1,13 GHz: Produção e Vendas Interrompidos

A versão 1.13 GHz foi lançado em meados de 2000, mas lembrou famosa após uma colaboração entre HardOCP e Tom's Hardware descobriram diversas instabilidades com o funcionamento da CPU de velocidade novo grau. O núcleo Coppermine foi incapaz de alcançar a fiabilidade 1,13 GHz de velocidade, sem ajustes diferentes para o processador de microcódigo, arrefecimento eficaz, a tensão adicional (1,75 V vs 1,65 V), e validado plataformas especificamente. Intel só suportadas oficialmente o processador no seu você820 própria i820 baseado mãe, mas mesmo esta placa-mãe exibido instabilidade nos testes independentes dos locais da revisão de hardware. Nos benchmarks que se mantiveram estáveis, o desempenho foi mostrado para ser sub-par, com a CPU 1,13 GHz, equivalente a um modelo de 1,0 GHz. Tom's Hardware atribuiu esse déficit de desempenho para o ajuste relaxado do processador e placa-mãe para melhorar a estabilidade. Intel precisava de pelo menos seis meses para resolver os problemas usando um novo cd0 piso e re-lançado 1.1 GHz e 1,13 GHz versões em 2001.

Nos Pentium 4 que aquecia demais e perdia o rendimentos.

E agora veio mais este problema ao publico.

Mas lembrando a todos que estes problemas já ocorreu com com AMD nos K6 2 e nos Phenom, e até a via teve problemas com chips de placa mãe

Editado por microart

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Alguma previsão de quando a AMD lançará seus novos processadores? Porque com certeza eles vão explorar essa tremenda falha da Intel, rs...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Alguma previsão de quando a AMD lançará seus novos processadores? Porque com certeza eles vão explorar essa tremenda falha da Intel, rs...

Explorar como? A falha já foi encontrada e corrigida.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A solução poderia ter sido (ao menos uma opção) de dar uma placa PCI com algumas portas Sata II.

O problema tá sendo superestimado pelo usuário leigo. Não deixarei de comprar meu sandy bridge por causa disso - as placas mãe com 4 portas Sata 3 vão me servir bem, com bug ou sem.

E outra, o bug (que ao meu ver é pouca coisa) só afetará 5-15% das placas mãe ao longo de 3 anos. Ver gente dizendo 'ainda bem que não comprei' é triste.

Explorar como? A falha já foi encontrada e corrigida.

Não é bem assim. Apesar do bug ser ridículo, muita que pensava em comprar Sandy Bridge vai esperar. Alguns vão ser forçados a esperar até, pois a newegg nem estava mais vendendo o processador e mobos. Mobos corrigidas só devem surgir em abril, muito próximo do lançamento do chipset Z68 também.

Portanto, se a AMD conseguir lançar os BD Zambezi nessa faixa de tempo, vai dar uma bela arruinada na festa da Intel, pelo menos na competição por preços.

Editado por Zeh.Hnet

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×