Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

AMD Diz Adeus a Marca ATI

       
 5.501 Visualizações    63 comentários

Como os recentes rumores que circulavam pela Internet já sugeriam (veja o Boletim 965), a AMD deixará de usar a marca ATI em seus futuros produtos.

AMD Diz Adeus a Marca ATI

Como os recentes rumores que circulavam pela Internet já sugeriam (veja o Boletim 965), a AMD deixará de usar a marca ATI em seus futuros produtos. Com isso as novas placas de vídeo Radeon e FirePro que a AMD lançar a partir de agora não terão mais o nome ATI, apenas AMD Radeon e AMD FirePro. A transição acontecerá gradualmente e os produtos atuais não serão afetados. De acordo com a AMD, a unificação das marcas simplificará suas estratégias de marketing. Abaixo você pode ver as logomarcas que serão usadas nas novas placas de vídeo da AMD.

Mais informações

Compartilhar



  Denunciar Notícia
Entre para seguir isso  

Notícias similares


Comentários de usuários




Não acho que tenha sido um bom negocio, mesmo simplificando o marketing ainda vai ser difícil associar a AMD a placas de vídeo...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Não acho que tenha sido um bom negocio, mesmo simplificando o marketing ainda vai ser difícil associar a AMD a placas de vídeo...

A questão chave daí, é economizar.

E eles fizeram uma pesquisa e viram que a marca AMD é bem mais popular que ATi, então, resolveram fazer algo para diminuir custos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Não acho que tenha sido um bom negocio, mesmo simplificando o marketing ainda vai ser difícil associar a AMD a disco rígido...

Discordo, eu até acho que a AMD demorou muito pra "matar" a ATI, quatro anos carregando 2 "marcas" não deveria ser fácil. E de qualquer modo, isso não vai influenciar muito nas vendas, já que o nome Radeon é bem mais forte que ATI.

Vai deixar saudades, é claro. RIP ATI.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Não achei legal.

Concordo que em termo de custos é mais vantajoso, mas a ATI sempre teve um nome forte no que se refere a placa de vídeo.

E a permanência dos nomes Radeon e Firepro sem ATI fica um tanto esquisito, não acham?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Não achei legal.

Concordo que em termo de custos é mais vantajoso, mas a ATI sempre teve um nome forte no que se refere a placa de vídeo.

E a permanência dos nomes Radeon e Firepro sem ATI fica um tanto esquisito, não acham?

estranho fica, mais o que interessa é a placa, nao o nome ;)

abs

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho que a AMD acertou em cortar o nome ATI dos seus produtos...

Para mim a escolha foi muito valida, principalmente com o marketing...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ah, sei lá. Supondo que a "Intel" comprasse a "nVidia", por exemplo, não acho que ela mataria a "nVidia" para ficar apenas "Intel GeForce"...

Acho que a marca "AMD" é muito mais ligada a processadores e chipsets do que a placas de vídeo. Se ela já tinha uma marca forte no ramo (que era a "ATI"), não entendo o motivo de matá-la...

[]s!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Também acho, atualmente você falar ATI em uma discussão sobre VGAs é muito mais forte do que falar Radeon ou AMD. Pra mim AMD é CPU e ATI é GPU. É a mesma coisa de você falar GeForce: Já vem nVidia na sua cabeça.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Essa mudança pode causar alguma confusão na cabeça apenas de quem é muito novo ou não tem um conhecimento básico das marcas. Para a grande maioria dos consumidores não vai fazer diferença. Ainda pretendo comprar minha (AMD) Sapphire 5870 Vapor-X !!!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A maioria dos proprietários de placas de vídeo Radeon são pessoas mais entendidas, que provavelmente:

- Sabem que a AMD comprou a ATI

- Leram o review da placa de vídeo antes de comprar (isso é quase certo)

- Sabem que quem fabrica o chip gráfico é a TSMC

Só o nome muda, mais nada.

Os noobs vão sempre comprar "GeForce de 1 giga"! Pra eles não importam se é ATI ou AMD que desenvolveu a GPU Radeon.

Editado por Evandro

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Achei interessante, mas vale lembrar que só veremos isto ocorrer nas HD6xxx, ou seja, por enquanto vai ficar como está. Outro ponto relevante é que eles fizeram uma pesquisa antes de tirar o nome ATI, segue o trecho da entrevista do vice-diretor AMD.

John Volkmann, vice-presidente de marketing global corporativo da companhia, afirma que a as marcas Radeon e ATi são igualmente fortes na divulgação dos processadores gráficos, mas que “a junção das marcas AMD e Radeon mostrou-se ainda mais forte na mente dos consumidores informados sobre processadores, em uma parcela estatisticamente relevante.”

Acredito que a marca Radeon seja mantida, algo como AMD-Radeon nas placas de vídeo.

Abraços :cool:

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se o pessoal leigo já ficava com duvida em colocar uma ATI em uma plataforma INTEL, imagina agora ?

Isso ainda vai confundir muita gente, eu por exemplo, por clareza ainda vou falar ATI, pra nun ter que ficar explicando hehe

Acho que foi um péssimo negócio.

Salve a todos !

Com esta mudança o preço caira ?

A qualidade também se manterá ?

Abs

Faz tempo que a AMD comprou a ATI, ela apenas fez uma estratégia de marketing.

estranho fica, mais o que interessa é a placa, nao o nome

abs

Para você pode ser, mas muita gente não pensa assim.

Editado por João Gorilão

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

"O fim de uma era", seria esse o meu comentario.

Vou ficar saudosista lembrando das batalhas ATI X nVidia, mas essa decisão era para acontecer mais cedo ou mais tarde, espero que a AMD nao faca besteira com o nome Radeon e mantenha ele.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É trocar 3 letras por outras 3. O que vale não é o capô e sim o que tem de baixo dele.

Os leigos que me desculpem, mas vão estudar ou sempre continuarão pagando caro pela leiguice.

AMD foi esperta, Fusion, fundirão tudo. Se tem gente que se confunde em comprar processador Intel e não saber se pode usar VGA AMD, agora vão querer comprar tudo AMD, hihi.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Várias pessoas disseram que ao comprar a ATI a AMD iria a falência, mas não foi isso que ocorreu... muito pelo contrário, a AMD ATI ganhou muuuito mais do que ela mesmo podia imaginar...

Com a mudança do nome para AMD Radeon, não acho que vai diminuir as vendas, pois quem gosta de placas da ATI, ou melhor da AMD Radeon, não vai deixar de comprar a placa por causa do nome!! o mesmo ocorreria se a Intel comprasse a Nvidia e ficasse com o nome Intel-Force, ou Intel G-force (como um colega acima disse), quem gosta da Nvidia não deixaria de comprar as placas por causa do nome...

Apoio a decisão a AMD, pois acredito que seu nome será ainda maior que é hoje... e de momento pode não ser legal, mas daqui 2 anos todos estarão acostumados com o novo nome e nem sentirão a falta do "ATi"...

Editado por leandropalu

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
É trocar 3 letras por outras 3. O que vale não é o capô e sim o que tem de baixo dele.

AMD foi esperta, Fusion, fundirão tudo. Se tem gente que se confunde em comprar processador Intel e não saber se pode usar VGA AMD, agora vão querer comprar tudo AMD, hihi.

Concordo completamente contigo, e na minha opinião ainda acho que isso vai fortalecer o nome da AMD em ambos segmentos pois as vendas de placas AMD só vem crescendo nos ultimos tempos, foi uma jogada de marketing inteligente, que pode acabar incentivando a comprarem processadores AMD tb, pelo menos esse é meu ponto de vista.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Esse negócio de confundir a cabeça na hora de comprar uma placa de vídeo é só pra quem é nuub, estes geralmente vão nas lojas pedindo uma Nvidia/G-force por causa que o amigo da escola que também têm, ou então pedem uma G-force com 1Gb e o vendedor esperto vende uma Placa que diz ser 1Gb, mas compartilhado, e o infeliz compra e ainda fica se gabando para os amigos(eu anos atrás ahsuahshaas)... mas se o nuub pelo menos pesquisar os testes de desempenho verá uma marca nova ou diferente(para ele) dando caldo nas NVidias... As vezes esse nuub tem um CPU AMD... ai que ele vai desejar comprar uma VGA da mesma marca do processador... ou então para o nuub o nome ATI é que era lixo, e com a mudança poderá comprar as AMD Radeom... agora para os nuubs que tem Intel e acham que a AMD Radeon não será compátivel com seu CPU... pra mim isso não vai ser muito diferente pois muitos ainda acham que Intel não é compátivel com a AMD ATI...

Pode ser que não aumente as vendas, se diminuir não será algo significante para a AMD e também não será por muito tempo... quando sair os reviews e depois de um tempo a marca, as placas serão a mesmas ou ainda melhores...

Editado por leandropalu

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Várias pessoas disseram que ao comprar a ATI a AMD iria a falência, mas não foi isso que ocorreu... muito pelo contrário, a AMD ATI ganhou muuuito mais do que ela mesmo podia imaginar...

Só pra lembrar que de lá pra cá, só agora a AMD conseguiu um bom trimestre e ainda sim nesse meio tempo vendeu suas fábricas, ela não está livre de falir não.

Concordo completamente contigo, e na minha opinião ainda acho que isso vai fortalecer o nome da AMD em ambos segmentos pois as vendas de placas AMD só vem crescendo nos ultimos tempos, foi uma jogada de marketing inteligente, que pode acabar incentivando a comprarem processadores AMD tb, pelo menos esse é meu ponto de vista.

Com o Fusion batendo na porta, isso é alto natural de se esperar, o povão acharia estranho um processador AMD com placa de vídeo ATI grudado, também concordo com o Sambaquy, é apenas uma marca, e não estamos falando em marca super prestigiadas como Rolls Royce, Jaguar, Lamborghini ou marcas de cerveja..

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É normal em fusões/aquisições que se mantenha o nome da antiga empresa por um certo tempo, e só depois retira-se o nome da empresa adquirida. Podem olhar, em todos os meios é assim, e quanto tempo para isso acontecer depende do contrato da aquisição/fusão.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Quando li o anúncio, pensei que a AMD tinha desistido da ATI (o.O), juro que fiquei impressionado.

Quanto ao nome da marca, a qualidade não vai mudar. Aliás, porque mudar o nome da marca mudaria a qualidade dos produtos? Não faz sentido! Como disse o Sambaquy, vai mudar 3 letras (na verdade 2, já que o "A" está presente nas 2 marcas :D).

Carlosaugustoibs, foi meio exagerado o teu ponto de vista sobre os processadores AMD. Certo que eles não mudam de arquitetura desde 2003 e que não conseguem manter as CPUs mais top com performance similar ao mais tosco dos Core i7, mas não significa que eles sejam ruins.

Outra coisa, só porque a AMD resolveu, finalmente, agregar a marca ATI ao seu nome, não significa que a CPU vai melhorar ou vice e versa. Peguemos a nVidia como exemplo. As GeForces são excelentes placas (fanboys se controlem), agora a plataforma Tegra é uma catástrofe em termos de consumo e fusão entre processadores gerais e gráficos (o que dá uma queda considerável de performance em "mobiles"), e são da mesma marca. Resumindo, só porque a mesma empresa faz os 2 produtos não significa (repetição de palavra é fogo xD) que a qualidade de um produto vai melhorar. Não é o caso da AMD, mas deu para pegar a ideia.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A muito tempo atrás a Intel resolveu matar a marca Pentium, muitos ficaram impressionados, hoje quase nem se lembram.

No caso da ATI vai ser a mesma coisa.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×