Publicado no jornal O Dia (RJ) em 03 de maio de 2000

O que o levou a escrever um livro sobre Internet, se a sua área sempre foi hardware?

Logo que surgiu a Internet comercial aqui no Brasil (1995) eu fiquei fascinado com a possibilidade de conseguir atingir rapidamente milhões de pessoas. Acreditei que a Internet seria uma excelente ferramenta de marketing. Só que logo descobri que não bastava ter um site na Internet para conseguir que essas milhões de pessoas visitassem o meu site, era preciso divulgá-lo. E aí comecei a estudar sobre marketing na Internet. Em pouco tempo descobri que tudo na Internet é marketing: desde a escolha das cores de seu site, passando pela maneira de responder a um e-mail até a sua divulgação. Quando comecei a aplicar em meu site o que estava aprendendo, logo ele se tornou um sucesso e diversas pessoas começaram a pedir dicas e enviar dúvidas sobre como transformar os seus sites em um sucesso como o meu. Como adoro escrever, ano passado surgiu a idéia de escrever o livro Alavancando Negócios na Internet, juntamente com Alberto Cozer, falando sobre o que nenhum outro livro fala: como montar um negócio na Internet e não simplesmente um site.

E o seu negócio na Internet, ele está dando certo?

Sim, o Clube do Hardware (http://www.clubedohardware.com.br) é hoje o maior site de informações técnicas sobre informática da América Latina. Nosso objetivo em curto prazo (até o final do ano) é ter um número de leitores mensais maior do que a maior revista (impressa) de informática do Brasil. Nosso objetivo em longo prazo é estar entre os 10 maiores sites sobre informática do mundo. Temos atualmente mais de 180.000 leitores diferentes e mais de 1,5 milhão de visualizações de páginas (pageviews) por mês.

(Atualizado em 22/03/2005: atualmente o Clube do Hardware recebe a visita mensal de mais de 1,3 milhão de leitores e imprime mais de 7,3 milhões de pageviews mensais, o que mostra que as técnicas apresentadas realmente funcionam).

Você tem algum novo plano pessoal para a Internet?

Eu e o Alberto lançamos recentemente um site que fala exclusivamente sobre marketing e negócios on-line, o Terremoto (http://www.terremoto.com.br), que traz assuntos complementares aos abordados no livro, como entrevistas com empreendedores de sucesso, dicas de sucesso, dicas de fracassos e muito mais.

Alguma das técnicas que você descreve no livro foi especialmente eficaz no caso do seu site?

Sim, muitas das técnicas que experimentei com sucesso em meu site foram explicadas detalhadamente no livro. E também escrevendo o livro descobri várias coisas que poderia aplicar em meu próprio negócio e que nunca tinha pensado.

Como você avalia os atuais negócios na Internet?

Infelizmente ainda há muitos negócios amadores na rede. Vemos erros grosseiros em muitos grandes negócios, isto é, em sites montados por pessoas e empresas com muito dinheiro para investir. Ainda há um universo enorme para ser explorado na Internet e estamos no momento ideal para aqueles que querem entrar nela.

Quais são os erros mais comuns em negócios on-line?

O mais comum é focar o seu negócio e não o mercado, isto é, apaixonar-se pelo seu negócio e achá-lo "genial", esquecendo-se que quem tem de achá-lo "genial" não é você, mas sim as pessoas que o visitam. Outro erro comum é não ter objetivos bem definidos em relação ao seu negócio na Internet. Muitas pessoas montam um site, colocam ele no ar, mas nem sabem porque estão fazendo isso. Na maioria das vezes estão na Internet só porque todo mundo também está. Aí acabam criando um site igual a milhares de outros. Para se ter sucesso, não devemos ser igual a todos, mas sim diferentes. Outro erro grosseiro é montar um "site" e não um "negócio". Aí é que está toda a diferença entre os que conseguem sucesso e ganham dinheiro e os que não. Há sites de vendas que, por exemplo, não permitem que você faça pedidos ou pagamento on-line, isto é, colocam simplesmente um catálogo on-line e um número telefônico para que o internauta ligue fazendo suas compras! Não é preciso dizer que esse tipo de site está deixando de ganhar muito dinheiro. E, por fim, ainda há aquelas pessoas que querem montar um site na Internet só porque apareceu na mídia que um garoto de 17 anos criou um site e é hoje milionário sem ter investido um só centavo e coisas do gênero. Só que esse tipo de gente se esquece que o sucesso não aparece da noite para o dia, e que para chegar aonde chegou, esses novos milionários tiveram de se esforçar muito. Além disso, essas pessoas não têm a menor idéia do que querem montar, só sabem dizer "quero montar um site".

É preciso ter muito dinheiro para se criar um negócio de sucesso?

Não, pelo contrário. O grande diferencial da Internet em relação ao mundo real é que podemos criar um negócio gigantesco com pouco dinheiro. Por exemplo, existem diversas técnicas para a divulgação de seu site na Internet onde você não gasta um só centavo (é claro que no livro nós explicamos em detalhes que técnicas são essas). Existem diversos sites que começaram do zero e hoje valem milhões, ao passo que existem diversos outros sites que gastaram milhões e são um fracasso de público. A chave para o sucesso na Internet não é o dinheiro, mas sim o know-how, o conhecimento.

ÚLTIMOS ARTIGOS
529.525 usuários cadastrados
248 usuários on-line