Placa-mãe ASUS Crosshair IV Formula
04/05/2010 às 15h50min por Gabriel Torres em Placas-Mãe Soquete AM3 (AMD)

Introdução

O AMD 890FX é o novo chipset topo de linha para processadores AMD e a ASUS Crosshair IV Formula é uma das placas-mães mais topo de linha baseada neste novo chipset, equipada com todos os recursos que os usuários mais fanáticos sonhariam em ter: quatro slots PCI Express x16, seis portas SATA-600, duas portas USB 3.0, conectores de áudio banhados a ouro, capacitores sólidos japoneses, uma infinidade de opções para overclock e muito mais. Confira..

Este novo chipset usa dois chips. O principal recurso do chip ponte norte é a presença de 42 pistas PCI Express x1 – praticamente o dobro da quantidade presente no chipset AMD 890GX (22 pistas) – o que permite uma configuração muito avançada para os slots de expansão, como explicaremos na próxima página. O chip ponte sul usado é o SB850, o mesmo usado pelo chipset AMD 890GX. O principal recurso deste chip é o suporte nativo para seis portas SATA-600 (SATA 6G) e por isso a placa-mãe não precisa de um chip extra para suportar este recurso. Certamente os chipsets AMD 890FX e 890GX ajudarão o novo padrão SATA a se popularizar.

Na Figura 1 você tem uma visão geral da ASUS Crosshair IV Formula.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 1: Placa-mãe ASUS Crosshair IV Formula.

Slots

Como mencionamos, o chipset AMD 890FX tem 42 pistas PCI Express x1 – só para colocar as coisas em perspectiva, o AMD 890GX tem 22 pistas. Isto permite ao chip oferecer uma configuração de slots muito avançada. Na Crosshair IV Formula a ASUS decidiu instalar essas pistas da seguinte forma: o primeiro slot PCI Express x16 trabalha sempre a x16, independentemente da quantidade de placas de vídeo instalada; o segundo slot PCI Express x16 trabalha sempre a x8; o terceiro slot PCI Express x16 trabalha a x16 quando duas placas de vídeo estão instaladas ou a x8 quando três placas de vídeo estão instaladas; e o quarto slot trabalha sempre a x4..

Portanto é realmente importante usar o primeiro e o terceiro (e não o segundo) slots PCI Express x16 se for instalar duas placas de vídeo para obter o melhor desempenho possível.

É importante notar que placas-mães de outros fabricantes podem usar uma configuração diferente. Com 42 pistas disponíveis é possível, por exemplo, ter quatro slots PCI Express x16 trabalhando a x8 ao mesmo tempo.

A placa-mãe vem ainda com dois slots PCI.

Para que fosse possível colocar essa quantidade de slots na placa-mãe mantendo-a compatível com o formato ATX, não há espaço entre o terceiro e o quarto slots PCI Express x16, como você pode ver na Figura 2. Isto significa que se você instalar uma placa de vídeo que ocupe dois slots de expansão no terceiro slot PCI Express x16 você automaticamente “matará” o quarto slot PCI Express x16. E você precisará de um gabinete com oito slots para instalar uma placa de vídeo que ocupe dois slots no quarto slot PCI Express x16 (neste caso a placa de vídeo bloqueará os botões e conectores localizados próximos a este slot, veja na Figura 2). Isto não deve ser um problema para a maioria dos usuários, mas se você está disposto a montar uma máquina “violenta” para jogos equipada com quatro placas de vídeo configuradas no modo CrossFireX, você deve levar este problema em consideração.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 2: Slots.

Próximo ao quarto slot PCI Express x16 a placa-mãe tem uma série de botões: overclock (“O.C.”), que permite a placa-mãe fazer overclock automático; destravar núcleo, que habilita núcleos “escondidos” em certos processadores Phenom; liga/desliga; e reset.

Suporte à Memória

Os processadores da AMD têm um controlador de memória integrado, o que significa que é o processador – e não o chipset – que define quais as tecnologias e a quantidade máxima de memória que você pode instalar no micro. A placa-mãe, no entanto, pode ter uma limitação da quantidade de memória que você pode instalar..

Até o momento o controlador de memória integrado nos processadores soquete AM3 suporta apenas memórias DDR3 até 1.333 MHz na configuração de dois canais, mas a ASUS diz que a Crosshair IV Formula suporta memórias DDR3 até 2.000 MHz em overclock. Esta placa-mãe tem quatro soquetes DDR3 e como até o momento cada módulo de memória DDR3 pode ter até 4 GB, você pode instalar até 16 GB nesta placa-mãe.

O primeiro e o terceiro soquetes são pretos, enquanto o segundo e o quarto são vermelhos. Para obter o desempenho máximo você deve instalar dois ou quatro módulos de memória de modo a habilitar a configuração de dois canais. Quando apenas dois módulos são usados certifique-se de instalá-los em soquetes de mesma cor.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 3: Módulos de memória. Instale dois ou quatro módulos para o melhor desempenho.

Assim como outras placas-mães topo de linha da ASUS, a Crosshair IV Formula vem com o botão “MemOK”, que testa os módulos de memória para ver se eles são compatíveis com o seu micro (os resultados do teste são mostrados no seu monitor de vídeo).

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 4: Botão MemOK!.

Este botão pode ser usado também para carregar um perfil de overclock após a carga do sistema operacional.

Periféricos On-Board

Como explicamos anteriormente, o chipset AMD 890FX é uma solução de dois chips usando o chip ponte sul SB850. Este chipset possui suporte nativo para seis portas SATA-600 (com RAID 0, 1, 5 e 10) e obviamente a ASUS Crosshair IV Formula vem com todas elas, localizadas na borda da placa-mãe e rotacionadas 90° e, portanto, as placas de vídeo não as bloquearão, como você pode ver na Figura 5..

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 5: Portas SATA-600.

Um chip JMicron JMB363 oferece duas portas SATA-300 adicionais, uma próxima às portas SATA-600 (porta preta na Figura 5) e uma como porta eSATA-300 no painel traseiro da placa-mãe.

A placa não tem porta ATA paralela (PATA ou IDE) e nem controlador para unidade de disquete.

Esta placa-mãe tem 12 portas USB 2.0, sete soldadas no painel traseiro e cinco disponíveis através de três conectores localizados na placa-mãe. Como existe um número ímpar de portas na placa-mãe, um dos conectores (chamado “USB7”) suporta apenas uma porta. Portanto preste atenção para não instalar o cabo proveniente do painel frontal do seu gabinete nesta porta, caso contrário uma das portas USB do seu gabinete não vai funcionar.

Esta placa tem ainda duas portas USB 3.0 no painel traseiro (conectores azuis), controladas por um chip NEC μPD720200.

Duas portas FireWire (IEEE1394) estão presentes, uma com tamanho padrão no painel traseiro e uma disponível através de um conector na placa-mãe. Elas são controladas por um chip VIA VT6315N.

A placa-mãe vem com um adaptador contendo duas portas USB e uma porta FireWire.

O áudio de oito canais é gerado pelo chipset usando um codec VIA VT2020. Infelizmente este componente não está listado no site da VIA; a única informação que encontramos é que ele apresenta relação sinal/ruído de 110 dB em suas saídas, o que é excelente. A Crosshair IV Formula vem com uma saída SPDIF óptica on-board e você pode incluir uma saída SPDIF coaxial instalando um adaptador (que não vem com a placa) no conector “SPDIF_OUT” localizado na placa-mãe.

Os conectores de áudio analógico são banhados a ouro.

A ASUS Crosshair IV Formula tem uma porta Gigabit Ethernet controlada por um chip Marvell 88E8059, que é conectada ao micro usando uma pista PCI Express x1, configuração que não limita o desempenho da porta de rede. Este controlador incorpora recursos para “desafogar” o processador do micro de algumas tarefas para aumentar o desempenho prático da rede (por exemplo, cálculo da soma de verificação TCP/IP e UDP, segmentação TCP, suporte para o padrão IEEE 802.1QAV para melhorar a qualidade de serviço em transmissão de áudio e vídeo em tempo real).

Periféricos On-Board (Cont.)

Na Figura 6 você pode ver o painel traseiro da placa-mãe: conector para teclado PS/2, sete portas USB 2.0 (conectores pretos), botão para limpar o conteúdo da memória CMOS, duas portas USB 3.0 (conectores azuis), saída SPDIF óptica, porta FireWire, porta eSATA-300 (conector verde), uma porta Gigabit Ethernet, botão ROG Connect e saídas de áudio analógicas independentes 7.1..

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 6: Painel traseiro da placa-mãe.

A placa não tem conector para mouse PS/2, o que implica na utilização de um mouse USB.

O recurso ROG Connect é bem interessante. Ele permite a você usar a sétima porta USB 2.0 do painel traseiro (a que está localizada próximo ao botão ROG Connect) para conectar o seu micro a outro (um notebook, por exemplo) através de um cabo que vem com a placa-mãe para fazer overclock e diagnosticar o seu micro a partir do segundo computador.

Por falar em diagnóstico, em vez de um display do POST a Crosshair IV Formula tem uma série de quatro LEDs que indicam qual componente falhou durante a tentativa de inicialização do computador (veja a Figura 7).

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 7: LEDs de diagnóstico.

Existem vários outros pequenos recursos voltados par entusiastas. Por exemplo, todos os conectores para ventoinhas auxiliares suportam tecnologia PWM para controlar automaticamente a velocidade de rotação de cada ventoinha, e em três delas a placa-mãe suporta a instalação de um sensor de temperatura para controlar a velocidade de rotação da ventoinha de acordo com a temperatura onde você instalou o sensor.

Na Figura 8 você pode ver todos os acessórios que acompanham a placa.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 8: Acessórios.

Regulador de Tensão

A ASUS Crosshair IV Formula vem com um circuito regulador de tensão com dez fases. Das dez fases disponíveis, oito são usadas para gerar a tensão principal do processador (Vcore), enquanto que as outras duas são usadas para gerar a tensão requerida pelo controlador de memória integrado. Portanto esta placa-mãe tem uma configuração “8+2”. .

Esta placa-mãe vem com um dissipador de calor passivo instalado nos transistores do circuito regulador de tensão, conectado ao dissipador de calor do chip ponte norte através de um heatpipe, que também está conectado ao dissipador de calor do chip ponte sul. Na Figura 9 você pode ver o circuito regulador de tensão com esta solução de refrigeração instalada e, na Figura 10, com ela removida.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 9: Circuito regulador de tensão.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 10: Circuito regulador de tensão.

Como mencionamos anteriormente, todos os capacitores usados nesta placa-mãe são sólidos japoneses e o circuito regulador de tensão utiliza bobinas de ferrite, que são melhores do que as bobinas de ferro. Leia nossa tutorial Tudo o Que Você Precisa Saber Sobre o Circuito Regulador de Tensão da Placa-Mãe para entender mais sobre este assunto.

Opções de Overclock

Mantendo a tradição da ASUS no mercado topo de linha, a Crosshair IV Formula vem com várias opções para overclock. Primeiro vamos falar sobre as opções de overclock baseadas em hardware presentes nesta placa-mãe..

Como já mostramos na Figura 2, esta placa tem um botão para overclock automático e, como mostrado na página anterior, uma conexão USB chamada ROG Connect para permitir a você fazer overclock e diagnosticar o micro a partir de outro computador.

A Crosshair IV formula tem quatro LEDs que indicam qual a faixa de tensão em que o processador, o chip ponte norte, o chip ponte sul e a memória estão trabalhando no momento. Eles podem estar em três cores diferentes: vermelho (normal), amarelo (alta) ou vermelho (doida). Na página 2-2 do manual existem várias tabelas mostrando as faixas de tensão que acionam cada cor. No setup da placa-mãe você pode configurar qual tensão cada LED estará exibindo. Por exemplo, você pode configurar o LED da tensão do processador para mostrar tanto a tensão de alimentação do processador (VDD), a tensão do controlador de memória (VDDNB) ou a tensão do gerador de clock integrado (VDDA).

A placa-mãe tem pontos para você monitorar manualmente as tensões usando um multímetro, como você pode ver na Figura 11. Você deve colocar a ponta de prova preta no contato GND e a ponte de prova vermelha no local correspondente a tensão que você quer monitorar: VDDNB1 é a tensão do controlador de memória integrado no processador, SB é a tensão do chip ponte sul, HT é a tensão do barramento HyperTransport, NB é a tensão do chip ponte norte, DRAM1 é a tensão dos módulos de memória, CPU_PLL é a tensão do gerador de clock integrado no processador (VDDA) e CPU1 é a tensão de alimentação do processador (VDD).

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 11: Pontos para o monitoramento de tensões.

Vamos agora ver as opções para overclock presentes no setup da placa-mãe.

Opções de Overclock (Cont.)

A ASUS Crosshair IV Formula oferece várias opções para overclock. Abaixo nós listamos apenas as principais disponíveis no BIOS 0505..

Além das temporizações de memória, que podem ser altamente configuradas.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 12: Menu de overclock.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 13: Menu de overclock (Cont.).

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 14: Opções de temporização da memória.

ASUS Crosshair IV Formula
Figura 15: Mais opções.

Principais Especificações

As principais características da placa-mãe ASUS Crosshair IV Formula são:.

*Pesquisado no Newegg.com no dia da publicação deste artigo Primeiras Impressões.

Conclusões

A ASUS Crosshair IV Formula é claramente voltada para usuários entusiastas que querem uma placa-mãe com as mais novas tecnologias, tais como portas SATA-600 e USB 3.0, para a plataforma AMD, mas querem mais do que as placas intermediárias podem oferecer. Por exemplo, esta placa pode controlar até cinco ventoinhas PWM de acordo com a temperatura medida por até três sensores diferentes (vendidos separadamente). Com seus quatro slots PCI Express x16 e sua incrível quantidade de recursos para overclock, esta placa definitivamente agradará usuários que estão montando uma máquina para jogos “violenta” baseada na plataforma da AMD..

Claro que esta placa é mais cara do que produtos intermediários, mas quando colocamos em perspectiva que no passado vimos placas-mães mais caras para processadores AMD oferecendo menos recursos, nós achamos que a ASUS Crosshair IV Formula apresenta uma excepcional relação custo/benefício para o seu público-alvo.

Originalmente em http://www.clubedohardware.com.br/artigos/Placa-mae-ASUS-Crosshair-IV-Formula/1973

© 1996-2014, Clube do Hardware - Todos os direitos reservados.

É expressamente proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo e dos textos disponíveis no site principal (http://www.clubedohardware.com.br), no fórum de discussões (http://forum.clubedohardware.com.br), no boletim de notícias enviado por e-mail e em nas nossas páginas em redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube etc.), seja através de mídia eletrônica, impressa ou qualquer outra forma de distribuição, mesmo citando a fonte e colocando link para o artigo original. Os infratores serão indiciados e punidos com base nas leis nº 9.610 de 19/02/1998 (Brasil), Digital Millenium Copyright Act (DMCA) (EUA) e diretiva 2001/29/EC (União Européia).

Não nos responsabilizamos por danos materiais e/ou morais de qualquer espécie promovidos pelo uso das informações contidas em nosso site, em nosso fórum de discussões, em nosso boletim de notícias ou em publicações feitas em redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube etc.).

Opiniões emitidas por usuários e moderadores não necessariamente refletem a opinião do Clube do Hardware e de sua direção.

Ao acessar o nosso site ou nossa página em redes sociais, você está ciente e concorda com os termos acima.

";