Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Teste da Apple TV

       
 35.219 Visualizações    Testes  
 7 comentários

A Apple TV é um aparelho que permite acessar conteúdo digital do iTunes e outros serviços em sua TV. Vamos descobrir o que essa caixinha pode fazer, bem como aquilo que ela não pode.

Teste da Apple TV
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

A Apple TV

A Apple TV usa uma versão de apenas um núcleo do processador Apple A5. Ela vem com 512 MiB de RAM e 8 GiB de memória flash. Este espaço, porém, não está acessível ao usuário, sendo apenas utilizado como memória temporária, já que a Apple TV não permite ao usuário baixar ou armazenar dados. Ela também vem com uma interface de rede sem fio compatível com os padrões IEEE 802.11a/b/g/n.

A Figura 4 mostra a traseira do aparelho, onde os conectores ficam localizados: um conector para o cabo de alimentação, uma saída HDMI, uma porta Mini-USB, uma saída de áudio digital (SPDIF) óptica e uma porta Ethernet 10/100. A porta Mini-USB é apenas para manutenção e não pode ser usada pelo o usuário.

Apple TV
Figura 4: Traseira

A Figura 5 revela a parte de baixo da Apple TV, coberta por um material emborrachado.

Apple TV
Figura 5: Lado de baixo

O controle remoto, de alumínio, pode ser visto na Figura 6. Ele é muito fino e ergonômico, e aparenta ser forte e resistente. Há quatro botões direcionais com um botão “ok” ao centro, um botão “menu” que permite que você (obviamente) entre no menu principal e também retorne enquanto navega pelos menus, e um botão “tocar/pausar” (você pode imaginar para quê este botão serve). O controle é muito confortável de usar, mas seu formato super fino o torna fácil de perder nas fendas de seu sofá.

Apple TV
Figura 6: Controle remoto

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Artigos similares


Comentários de usuários


Curto muito os produtos da Apple, mas a Apple TV só vale a pena em países onde a iTunes Store é realmente boa, com filmes e séries completas.

Nós, reles mortais brasileiros, somos ainda refém da pirataria e mídias físicas (alugar BluRay por exemplo). O Alto custo dos filmes e um acervo não muito satisfatório na iTunes Brasileira torna o aparelho um peso de papel para ver YouTube e Netflix apenas.

Que dá para ver outros tipos de arquivo dá, mas ai vai na gambiarra sofrendo perda de qualidade.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Na América do Norte/Europa, pode até ser algo vantajoso.

Mas no Brasil, acho algo completamente dispensável.

Sem apps, sem acesso a internet, sem acesso à mídia via pendrive/hd externo..

Vejo mais vantagem naqueles Androids em forma de pendrive.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu tenho o Boxee Box da D-LINK e é muito mais útil.

Além de permitir qualquer conteúdo via USB até de HDs externos ele procura legendas automaticamente e acessa a internet com relativa facilidade.

Sem mencionar o preço muito mais em conta.

Não vejo nada neste aparelhinho ai que um simples notebook conectado na tv não faça melhor.

Ou até mesmo uma smartTV é melhor, porque tem canais em português.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se você tem uma TV não Smart e um iPhone ou iPad vale a pena, porque você vai conseguir ver conteúdo da Internet na sua sala de estar e transferir áudio e vídeo para sua TV. O espelhamento também é algo bem legal. Mas não é um aparelho indispensável de se ter, depende muito do que você pretende fazer com ela.

Outra coisa que não falaram é o consumo de energia. Ela é muito econômica, só gasta 0,8 W em stand by.

Editado por fmpfmp

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Tenho uma e quando preciso assistir filmes quebra um bom galho. Dá até pra fazer espelhamento do PC (usando o Windows) com o Air Parrot.

Mas infelizmente é caro para um produto que tem pouco conteúdo no Brasil, mas a qualidade do dispositivo é muito boa.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×