Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Placa-mãe ASRock Fatal1ty X299 Professional Gaming i9

       
 7.593 Visualizações    Primeiras Impressões  
 5 comentários

Demos uma olhada na placa-mãe ASRock Fatal1ty X299 Professional Gaming i9, voltada a processadores soquete LGA2066 e que traz uma interface de rede de 10 Gbps.

Placa-mãe ASRock Fatal1ty X299 Professional Gaming i9
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Conclusões

A ASRock Fatal1ty X299 Professional Gaming i9 é uma placa-mãe topo de linha para sistemas soquete LGA2066. Além dos recursos fornecidos pelo chipset (oito portas SATA-600 e oito portas USB 3.0), que são mais do que suficientes para a maioria dos usuários, ela ainda traz mais duas portas SATA-600 e duas portas USB 3.1 Geração 2, uma delas tipo C.
Ela tem oito soquetes de memória e quatro slots PCI Express 3.0 x16, suportando SLI e CrossFire com até três placas de vídeo, o que também é mais do que a maioria dos usuários necessita. Para auxiliar os entusiastas de overclock, ela ainda traz o mostrador de códigos de erro do POST e os botõe Clear CMOS, liga/desliga e reset.

Também são destaques a seção de áudio, que usa um codec topo de linha com excelente relação sinal/ruído e vários detalhes visando uma melhor qualidade de áudio, o fato de ela vir com três slots M.2, todos compatíveis com o padrão PCI Express 3.0 x4 e SATA-600, a presença de duas interfaces de rede Gigabit Ethernet e uma placa de rede sem fio, além do regulador de tensão de alta qualidade, com componentes topo de linha e um enorme dissipador.

Outro destaque é a interface de rede de 10 Gbps, dez vezes mais rápida do que uma porta Gigabit Ethernet, o que a torna uma excelente escolha para um servidor, desde que sua rede tenha equipamentos compatíveis com o padrão 10G Ethernet, naturalmente.

Assim, se você procura uma placa-mãe topo de linha para um processador Intel Core i da linha "X", ou seja, do segmento HEDT, a

ASRock Fatal1ty X299 Professional Gaming i9 é uma excelente escolha, principalmente se você planeja utilizar uma rede de 10 Gbps em um futuro próximo.

Compartilhar

  • Curtir 6
  • Amei 1
  • Confuso 1


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


6 horas atrás, Rodrigo J Polette disse:

Esse conector de processador seria o concorrente do AMD TR4?

Sim, a plataforma HEDT da Intel usa o soquete LGA2066, enquanto a da AMD usa TR4.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

antes de comprar minha placa-mãe pesquisei muito, e quando cheguei no dia da pesquisa sobre que a asrock tinha a oferecer nesta plataforma x299, fiquei decepcionado , como uma placa desta diponibiliza apenas 1 conector de 8pin energia cpu? qualquer i9 fazendo um pouquinho de over ja da uma puxada considerada, e esse designer de dissipador do vrm,,, triste! vai sofrer com trotle de temperatura...

o wifi super defasado, nao chega aos 433mb/s 5ghz.  nao tem portas u2.  sao apenas 7 camadas de pcb, como tivesse comprando uma placa-mãe com pcb de entrada !! pessimo local do intel Vroc no meio da placa-mãe,  e quando vi que no dvdrom de programas a asrock recomenda o google chrome como navegador ai foi pra fechar o caixao!

so fica esperto pra nao ser enganado.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Em 27/02/2019 às 19:53, Rafael Coelho disse:

Sim, a plataforma HEDT da Intel usa o soquete LGA2066, enquanto a da AMD usa TR4.

10Gbps de velocidade? é isso mesmo?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Junte-se à conversa

Você pode postar agora e cadastrar-se depois. Se você tem uma conta, faça o login para postar.

Visitante
Adicionar um comentário

×   Você colou conteúdo com formatação.   Restore formatting

  Só é possível ter até 75 emoticons.

×   O link foi automaticamente convertido para mostrar o conteúdo.   Clique aqui para mostrá-lo como link comum

×   Seu texto anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!