Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Placa-mãe Gigabyte X570 I AORUS PRO WIFI

       
 11.211 Visualizações    Primeiras Impressões  
 4 comentários

A Gigabyte X570 I AORUS PRO WIFI é uma placa-mãe topo de linha formato Mini-ITX, soquete AM4, baseada no novo chipset X570. Vamos ver o que ela tem a oferecer.

Placa-mãe Gigabyte X570 I AORUS PRO WIFI
Produto Recomendado

Produto Recomendado

Introdução

A Gigabyte X570 I AORUS PRO WIFI é uma placa-mãe topo de linha formato Mini-ITX para processadores Ryzen de segunda e terceira geração, baseada no novo chipset X570. Vamos ver que recursos esta "pequena notável" traz.

O AMD X570 é o mais recente chipset topo de linha para o soquete AM4, lançado juntamente com os processadores Ryzen de terceira geração. Ele traz algumas diferenças em relação ao seu antecessor, o X470 (que, por sua vez, era praticamente idêntico ao X370): a presença de oito portas USB 3.2 Gen 2 (o X470 tinha apenas duas) e suporte a oito pistas PCI Express 4.0 para uso por slots de expansão e mais oito pistas PCI Express 4.0 para uso por periféricos.

Estas oito pistas PCI Express 4.0 para periféricos são divididas em dois grupos de quatro pistas. Em cada grupo, o fabricante da placa-mãe pode escolher entre ter uma interface PCI Express 4.0 x4, duas interfaces PCI Express 4.0 x2, quatro interfaces PCI Express 4.0 x1 ou quatro portas SATA-600. Além disto, o chipset tem quatro portas SATA-600 "fixas".

A comunicação entre o processador e o chipset se dá por uma interface PCI Express 4.0 x4, mas obviamente apenas se o processador for um Ryzen de terceira geração; se for um modelo anterior, essa comunicação utilizará o padrão PCI Express 3.0 x4.

As pistas PCI Express para conexão com placas de vídeo são controladas pelo processador, e não pelo chipset. Assim, se você utilizar um processador Ryzen de terceira geração, terá conexão PCI Express 4.0 disponível para placas de vídeo, mas 3.0 se utilizar processadores Ryzen de segunda geração.

Embora até a geração anterior todas as placas-mãe soquete AM4 fossem compatíveis com todos os processadores, isso muda um pouco nesta nova geração. Segundo a AMD, as placas-mãe baseadas no novo chipset X570 não são compatíveis com processadores Ryzen de primeira geração. Além disso, os processadores Ryzen de terceira geração só têm garantia de compatibilidade com as placas-mãe que utilizam chipsets B450, X470 ou X570. Placas baseadas nos chipsets da série 300 podem ou não ser compatíveis com processadores Ryzen de terceira geração, dependendo do modelo e da versão de BIOS utilizada.

Você pode conferir a placa-mãe Gigabyte X570 I AORUS PRO WIFI na Figura 1. Como já mencionamos, ela usa o padrão Mini-ITX, medindo 170 x 170 mm.

X570I-AORUS-PROWIFI-01.jpg

Figura 1: placa-mãe Gigabyte X570 I AORUS PRO WIFI

A Figura 2 mostra o lado da solda da placa-mãe. Note que há uma chapa metálica cobrindo boa parte da placa.

X570I-AORUS-PROWIFI-02.jpg

Figura 2: chapa protetora no lado da solda

Compartilhar

  • Curtir 4


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


Na página do VRM está o nome errado, está dizendo: "Gigabyte ROG STRIX X570-E GAMING utiliza 6+2 fases para o processador, com projeto digital."

@Rafael Coelho

Excelente review.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Esses fans pequenos geralmente são ruidosos, e esse aí não pode parar não, vai ser responsável por ventilar um "sanduiche de SSD + chipset, ficou parecendo um "x-total" kkkk

 

Brincadeiras a parte, é uma plaquinha interessante pra fazer uma casadinha com um Ryzen 5, ótimo setup.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Farei meu review de servidor baratinho. Pra trocar meu roteador por um computador servidor com RAID 10 ( pra guardar fotos e vídeos de família de forma segura e com performance, esse serve porque tem 4 satas, infelizmente como todo mini-itx, não tem 2 portas de rede onde uma seria pra entra a internet e outra pra sair mais um cabo de rede pra o hub ou pra outro computador pra jogar sem lag, logo teria que colocar uma placa de rede no slot da placa de vídeo, e compra uma APU. tirando esse lado negativo, 220 dólares faz ela chegar aqui por volta de mais de mil reais, bem cara.

 

Continuo achando as placas tradicionais tipo b350 tamanho normal bem mais baratas pra isso (infelizmente), Cobram caro pelo tamanho mine bem que eu queria mine pra não ocupar espaço em casa mas é sempre mais caro placas mine e gabinetes mini-itx, fora o fato de não ter baia pra 4 HDs em RAID 10, os que tem são caros.

adicionado 1 minuto depois

A e parabéns, excelente review. 😉

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Me chamou bastante atenção essa questão do "sanduíche"  que se formou com o M.2 no meio do Chipset, será que não afetará o SSD, causando problemas futuros pelo fato do aquecimento?

 

Visto que o próprio chipset já vem com uma ventoinha pelo fato de esquentar mais devido o PCI 4.0, e o SSD tende à aquecer mais por conta da alta taxa de transferência, será que quando estiver utilizando o SSD ao seu limite, não irá haver um super aquecimento? 

 

Bom fiquei com essas dúvidas pra mim, vamos ver se não sai um teste disto mais pra frente.

 

No mais a placa é muito potente e atende perfeitamente um usuário doméstico, e que não tem necessidade de mais que uma conexão PCE Express.

Ótimo review Clube do Hardware!! Abraço

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!