Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Teste do notebook ASUS VivoBook 15 X512FJ

       
 18.166 Visualizações    Testes  
 8 comentários

Testamos o ASUS VivoBook 15 X512FJ, notebook compacto com tela Full HD de 15,6 polegadas, processador Core i7-8565U, 8 GiB de RAM e chip gráfico GeForce MX230. Vamos analisá-lo a fundo.

Teste do notebook ASUS VivoBook 15 X512FJ
Produto Recomendado

Produto Recomendado

Testes de desempenho

Para termos uma ideia do desempenho do ASUS VivoBook 15 X512FJ, rodamos alguns testes de desempenho, programas e jogos, comparando-o com outro notebook de configuração semelhante: o Dell Inspiron 15 5570-A30C (leia o teste dele aqui).

PCMark 10

O PCMark 10 é um programa de teste de desempenho que utiliza aplicativos reais para medir o desempenho do computador. Rodamos o teste padrão, que inclui testes de abertura de programas, navegação na internet, digitação de textos, edição de fotos, conversa por vídeo, edição de vídeo, vídeo conferência e renderização. Vamos analisar os resultados.

VivobookX512FJ-g01.gif

No teste Home do PCMark 10, o ASUS VivoBook 15 X512FJ obteve empate técnico com o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

3DMark

O 3DMark é um programa com um conjunto de testes de desempenho que criam cenários e simulações de jogos 3D. O teste Sky Diver desempenho DirectX 11, e o teste Cloud Gate mede o desempenho em DirectX 10.

VivobookX512FJ-g02.gif

No teste Sky Diver, o ASUS VivoBook 15 X512FJ foi 30% mais rápido do que o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

VivobookX512FJ-g03.gif

No teste Sky Diver, o ASUS VivoBook 15 X512FJ foi 37% mais rápido do que o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

VivobookX512FJ-g04.gif

No teste Sky Diver, o ASUS VivoBook 15 X512FJ foi 37% mais rápido do que o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

Cinebench R20

O Cinebench R20 é baseado no software Cinema 4D. Ele é muito útil para medir o ganho de desempenho obtido pela presença de vários núcleos de processamento ao renderizar imagens 3D pesadas. Renderização é uma área onde ter um maior número de núcleos de processamento ajuda bastante, pois normalmente esse tipo de software reconhece vários processadores (o Cinebench R20, por exemplo, reconhece e utiliza até 256 núcleos de processamento).

Já que estamos interessados em medir o desempenho de renderização, rodamos o teste CPU, que renderiza uma imagem “pesada” utilizando todos os processadores ou “núcleos” – tanto reais quanto virtuais – para acelerar o processo. O resultado é dado como uma pontuação.

VivobookX512FJ-g05.gif

No Cinebench R20, o ASUS VivoBook 15 X512FJ foi 12% mais lento do que o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

CPU-Z

O famoso programa de identificação de hardware CPU-Z vem com uma ferramenta simples de medição de desempenho, utilizando apenas um núcleo e também todos os núcleos disponíveis. Note que os resultados foram todos obtidos com a mesma versão do programa (1.83), já que não é possível comparar resultados obtidos com versões diferentes.

VivobookX512FJ-g06.gif

No teste que mede o desempenho de apenas um núcleo, o ASUS VivoBook 15 X512FJ foi 17% mais rápido do que o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

VivobookX512FJ-g07.gif

Já no teste que utiliza todos os núcleos disponíveis, o ASUS VivoBook 15 X512FJ obteve desempenho similar ao do Dell Inspiron 15 5570-A30C.

V-RAY

O V-Ray Benchmark é uma ferramenta de medição de desempenho do processador e da placa de vídeo em tarefas de renderização de imagem. Ele renderiza duas imagens, uma utilizando o processador (CPU) e outra a placa de vídeo (GPU). Rodamos o teste nos processadores testados e comparamos o tempo gasto no teste CPU no gráfico abaixo.

VivobookX512FJ-g08.gif

No V-Ray Benchmark, o ASUS VivoBook 15 X512FJ foi 9% mais lento do que o Dell Inspiron 15 5570-A30C.

Compartilhar

  • Curtir 6


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


Ótimo teste como sempre!

Eu fiquei positivamente surpreso com a Tela FHD e o desempenho do chip gráfico! Também achei interessante a tal tecnologia ErgoLift (lembrei que costumava fazer uma gambiarra em casa com o mesmo objetivo).

 

A CPU provavelmente vai garantir um desempenho bom, mas infelizmente é muito caro e não traz "de fábrica" coisas que deveriam ser essenciais num notebook voltado para uso profissional como um SSD e 16GB de RAM. É claro, dá pra comprar tudo isso posteriormente. Mas vamos lembrar que já estamos partindo de 4000 reais...

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Infelizmente um notebook fino tem seu preço. Mas a maior mancada mesmo é ter um soquete de memória RAM. Por outro lado, outro ponto positivo é sua desmontagem. Meu finado notebook Acer E5 571G para desmontar tinha que desparafusar embaixo, tirar a parte de cima da carcaça, o teclado e a placa-mãe para poder acessar o cooler e dissipador para fazer a limpeza (ou trocar/adicionar memória RAM). Próxima compra de notebook o negócio é olhar o que o CdH já analisou de notebooks ou ver vídeos de desmontagem no Youtube. No mais, ótimo artigo, como de costume.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

O preço na matéria é o preço sugerido da própria Asus, porém no varejo você encontra bem mais barato que isso.
Se não me engano o motivo do notebook não vir com SSD é por causa de incentivos fiscais. Mas se ele viessem apenas com SSD seria ótimo. O HD ocupa bastante espaço que poderia ser ocupado por uma bateria maior ou sistema de resfriamento duplo.

 

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Boa tarde ! Esse notebook comporta upgrade de memória ram para 16GB ?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Que triste. 

 

Um notebook de R$4000 com apenas um slot de memoria RAM. Infelizmente isso tem sido meio comum em nosso mercado. quando não é por um unico slot, é porque é soldado. Mais duro é saber que a Lenovo lança com o processador já desatualizado ao que pode existir uma versão já mais atual. 

 

A unica coisa do teste que senti falta, foi falar a respeito da durabilidade de bateria. Achei interessante que o teste de temperatura manteve 70 graus. Normalmente em jogos, costuma subir consideravelmente. 

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, eds2008 disse:

Que triste. 

 

Um notebook de R$4000 com apenas um slot de memoria RAM. Infelizmente isso tem sido meio comum em nosso mercado. quando não é por um unico slot, é porque é soldado. Mais duro é saber que a Lenovo lança com o processador já desatualizado ao que pode existir uma versão já mais atual. 

 

A unica coisa do teste que senti falta, foi falar a respeito da durabilidade de bateria. Achei interessante que o teste de temperatura manteve 70 graus. Normalmente em jogos, costuma subir consideravelmente. 

 

O comentário sobre nosso teste de durabilidade de bateria está na última página.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
6 horas atrás, eds2008 disse:

Achei interessante que o teste de temperatura manteve 70 graus. Normalmente em jogos, costuma subir consideravelmente.

Provavelmente porque ocorre Thermal Throttling (é o que diz esse review).

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...