Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Teste do processador Core i3-9100F

       
 11.383 Visualizações    Testes  
 6 comentários

Testamos o Core i3-9100F, processador de entrada dos Core i de nona geração, com quatro núcleos, quatro threads e clock máximo de 4,2 GHz. Confira!

Teste do processador Core i3-9100F
Produto Recomendado

Produto Recomendado

Desempenho em jogos

Nos testes com jogos, medimos e colocamos nos gráficos os valores de taxas de quadros média e mínima. Vamos fazer o comparativo utilizando os valores de taxa média, enquanto a taxa mínima fica como informativo para que você possa tirar suas próprias conclusões.

Battlefield V

Battlefield V é o mais recente título da série de jogos de tiro em primeira pessoa da EA, lançado em novembro de 2018, que utiliza o motor Frostbite 3, sendo compatível com DirectX 12. Testamos o desempenho jogando a fase "Nordlys", em resolução Full HD, com opções gráficas em “média” e traçado de raios desativado. Medimos a taxa de quadros usando o FRAPS, utilizando a média de três medições em sequência. Os resultados abaixo estão em quadros por segundo.

Corei3-9100F-g12.gif

No Battlefield V, comparando a taxa de quadros média, o Core i3-9100F foi 8% mais rápido do que o Core i3-8100 e 31% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

Counter-Strike: Global Offensive

O Counter-Strike: Global Offensive (ou simplesmente CS:GO) é um FPS bastante popular, lançado em Agosto de 2012, que utiliza o motor Source, sendo compatível com DirectX 9. Testamos o desempenho jogando no mapa "Inferno" contra bots, em 1920 x 1080 (Full HD), com a qualidade de imagem configurada em “médio”.

Os resultados estão expressos em quadros por segundo (fps).

Corei3-9100F-g13.gif

Neste jogo, comparando a taxa de quadros média, o Core i3-9100F foi 6% mais rápido do que o Core i3-8100 e 18% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

Deus Ex: Mankind Divided

Deus Ex: Mankind Divided é um RPG de ação e elementos de FPS, lançado em Agosto de 2016, que utiliza o motor Dawn, sendo compatível com DirectX 12. Testamos o desempenho utilizando o próprio teste incluído no jogo, com DirectX 12 ativado, em 1920 x 1080 (Full HD), com a qualidade de imagem configurada em “baixo”.

Os resultados estão expressos em quadros por segundo (fps).

Corei3-9100F-g14.gif

Neste jogo, comparando a taxa de quadros média, o Core i3-9100F foi 7% mais rápido do que o Core i3-8100 e 34% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

F1 2018

F1 2018 é um jogo de corrida de carros lançado em agosto de 2018, que utiliza o motor EGO 4.0. Testamos o desempenho utilizando o próprio teste incluído no jogo, em 1920 x 1080 (Full HD), com a qualidade de imagem configurada em “médio” e MSAA desligado.

Os resultados estão expressos em quadros por segundo (fps).

Corei3-9100F-g15.gif

Neste jogo, comparando a taxa de quadros média, o Core i3-9100F foi 6% mais rápido do que o Core i3-8100 e 19% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

Grand Theft Auto V

O Grand Theft Auto V, ou simplesmente GTA V, é um jogo de ação em mundo aberto lançado para PC em abril de 2015, utilizando o motor RAGE. Para medir o desempenho usando este jogo, rodamos o teste de desempenho do jogo três vezes, medindo o número de quadros por segundo usando o FRAPS sempre no mesmo ponto (parte em que a câmera acompanha o voo do avião). Rodamos o jogo em Full HD, com todas as opções de qualidade de imagem em “normal” e MSAA desligada.

Os resultados abaixo estão expressos em quadros por segundo e são a média aritmética dos três resultados coletados.

Corei3-9100F-g16.gif

No GTA V, o Core i3-9100F ficou em empate técnico com o Core i3-8100 e foi 7% mais lento do que o Ryzen 3 2200G. De qualquer forma, este jogo sabidamente tem problemas de "microtravamentos" em processadores de apenas quatro threads, de forma que a jogabilidade ficou comprometida nos três testes.

Hitman

É um jogo estilo ação/aventura furtiva, lançado em março de 2016, e que utiliza uma versão do motor Glacier 2, compatível com DirectX 12. Para medir o desempenho usando este jogo, rodamos o teste de desempenho do jogo, medindo o número de quadros por segundo usando o FRAPS. Rodamos o jogo com DirectX 12 habilitado, em Full HD, com a qualidade de imagem configurada como “baixo”.

Os resultados abaixo estão expressos em quadros por segundo.

Corei3-9100F-g17.gif

No Hitman, o Core i3-9100F foi 5% mais rápido do que o Core i3-8100 e 19% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

Rainbow Six Siege

O "Tom Clancy's Rainbow Six Siege" é um jogo estilo FPS tático lançado em dezembro de 2015, baseado no motor AnvilNext, que é DirectX 11. Para medir o desempenho utilizando este jogo, rodamos o teste de desempenho embutido no mesmo, com  qualidade gráfica “médio”.

Os resultados abaixo estão em quadros por segundo.

Corei3-9100F-g18.gif

Neste jogo, o Core i3-9100F foi 5% mais rápido do que o Core i3-8100 e 17% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

Shadow of the Tomb Raider

O Shadow of the Tomb Raider é um jogo de aventura e ação lançado em setembro de 2018, baseado no motor Foundation. Para medir o desempenho usando este jogo, utilizamos o teste embutido no mesmo, com qualidade gráfica configurada como “baixa”.

Os resultados abaixo estão expressos em quadros por segundo.

Corei3-9100F-g19.gif

No Shadow of the Tomb Raider, o Core i3-9100F foi 9% mais rápido do que o Core i3-8100 e 15% mais rápido do que o Ryzen 3 2200G.

Compartilhar

  • Curtir 6


  Denunciar Artigo

Comentários de usuários


Excelente teste @Rafael Coelho .

 

Citação

Medimos a taxa de quadros usando o FRAPS, utilizando a média de três medições em sequência. Os resultados abaixo, em Full HD e 4K, estão em quadros por segundo.

O texto acima é quando fala do teste no Battlefield V, mas tem apenas um gráfico. Não deveriam ser dois, já que são resoluções diferentes?

 

Outra coisa que achei interessante foi usar uma GPU intermediária, pois fica mais na realidade de quem compra estes processadores de entrada. Parabéns pela metodologia aplicada. 

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
9 minutos atrás, Kleber Peters disse:

Excelente teste @Rafael Coelho .

 

O texto acima é quando fala do teste no Battlefield V, mas tem apenas um gráfico. Não deveriam ser dois, já que são resoluções diferentes?

 

Outra coisa que achei interessante foi usar uma GPU intermediária, pois fica mais na realidade de quem compra estes processadores de entrada. Parabéns pela metodologia aplicada. 

Corrigido, obrigado!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

top análise, core i3 9100f ótimo custo benefício para PC gamer de entrada, teve ganho de 10% em relação ao 8100, e ainda com preço abaixo(claro sem levar em consideração o grafico integrado) coloquei ele em conjunto com a rx580, gostei do resultado em jogos, sei que tem processador melhores, mas foi uma questão financeira,  qual processador na mesma faixa de preço(455,00) com desempenho superior? pra mim não há.

 

 

IMG_20190930_182548595.jpg

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Por que não foi usado o Ryzen 3 2200G já que está na mesma faixa de preço?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, emersondandrade disse:

Por que não foi usado o Ryzen 3 2200G já que está na mesma faixa de preço?

 

Foi 15% mais lento, está nos testes ali em cima.

 

Aliás, com todos esses 3 aí da pra ser feliz, só precisa mesmo de uma boa placa de vídeo, essas um pouco escassas com o sumiço das rx 570 na casa dos R$ 500.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, emersondandrade disse:

Por que não foi usado o Ryzen 3 2200G já que está na mesma faixa de preço?

Não entendi... Foi exatamente ele que usamos!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!