Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Novos Modems

       
 56.205 Visualizações    Artigos  
 0 comentários

Conheça os mais recentes lançamentos de modems.

Novos Modems
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

Introduçao

Para transmissões acima de 56 Kbps (ou 53 Kbps, como vimos semana passada), obrigatoriamente devemos utilizar algum tipo de linha digital com o provedor de acesso, já que a linha telefônica comum (linha analógica) é incapaz de transmissões acima dessa taxa.

Há vários tipos de linhas digitais que podem ser utilizadas por usuários finais; muitas delas já estão disponíveis no Brasil, porém ainda não são usadas em larga escala pelo custo, ainda muito alto.

RDSI / ISDN

O RDSI (Rede Digital de Serviços Integrados) é a versão nacional do ISDN (Integrated Services Digital Network). Ambos são sinônimos. Esse é o tipo de linha digital para usuários finais mais conhecido. Utiliza uma ligação digital entre a casa do usuário e a central telefônica, através de um par de fios de cobre. Embora utilize um par de fios de cobre similarmente às linhas analógicas, não podemos instalar telefones, aparelhos de fax ou modems comuns à essa linha diretamente (já que esses componentes são analógicos). Para a utilização dessa linha para voz e fax são necessários aparelhos telefônicos ISDN e faxes ISDN (ou seja, aparelhos "digitais"). Além disso, na maioria das vezes os fios telefônicos já existentes na rede telefônica não funcionam corretamente para linhas RDSI, pois em vários pontos da rede telefônica analógica são utilizadas bobinas de carga que ajudam a diminuir o ruído da linha telefônica. Esses componentes impedem o tráfego de sinais digitais. Com isso, há a necessidade de mudança da rede telefônica.

A linha RDSI básica é formada por três canais. Dois canais do tipo "B", de 64 Kbps cada e um canal do tipo "D", de 16 Kbps, utilizado para controle. Com isso, podemos obter comunicações entre 64 Kbps e 128 Kbps através do RDSI. Para utilizar esse tipo de linha com o micro (para acessar a Internet), você precisará de um modem ISDN instalado no micro.

Também está sendo desenvolvida a tecnologia B-ISDN, que utiliza conexões através de fibra ótica e transmissão ATM (Asynchronous Transfer Mode).

HDSL

Esse é o tipo de linha digital mais utilizado atualmente, sobretudo pelos provedores Internet para a comunicação do provedor com o backbone Internet. Teoricamente nada impede que você tenha uma ligação desse tipo com o seu provedor Internet - a não o alto custo, obviamente.

A linha HDSL (High bit rate Digital Subscriber Line) é ligada através de dois pares de fio de cobre. Sua taxa de transferência típica é de 2 Mbps, através de uma linha conhecida como E1. Se você não precisar de uma conexão tão rápida, poderá ter uma linha E1 fracionária, que cresce em incrementos de 64 Kbps. Ou seja, você pode ter uma linha desse tipo de apenas 64 Kbps.

Para utilizar esse tipo de linha para a transmissão de dados você precisa de um modem HDSL. Está sendo implementado o padrão HDSL-2, que utiliza, em vez de dois pares de fio, apenas um par.

ADSL

A tecnologia ADSL (Assymetric Digital Subscriber Line) possui diversas vantagens sobre as tecnologias ISDN e HDSL. Para começar, utiliza a mesma rede telefônica já existente, não necessitando mudanças nos cabos. Entretanto, há necessidade de mudanças na companhia telefônica de modo a comportar essa nova tecnologia. Algumas companhias telefônicas nacionais - como a TeleBahia - já estão disponibilizando linhas ADSL para usuários.

A linha ADSL possui três canais: um canal de alta velocidade que funciona somente no sentido provedor-usuário (para download de arquivos e visualização de páginas), capaz de atingir taxas entre 1,6 Mbps e 6,1 Mbps; um canal duplex de média velocidade, que atinge de 16 Kbps a 640 Kbps; e um canal de voz, para a utilização da linha ADSL para telefonia convencional. A telefonia é conseguida através de um conversor existente nos modems ADSL.

A distância entre o modem do usuário e a companhia telefônica é fator decisivo para a taxa de transferência que conexões ADSL atingem. Por exemplo, um modem a até 2,7 Km da central telefônica consegue atingir os 6,1 Mbps. Já em um modem a 4,6 Km da central, a taxa cai para 2 Mbps.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Artigos similares


Comentários de usuários


Não há comentários para mostrar.



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×