Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Teste da placa de vídeo ASUS ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC

       
 13.220 Visualizações    Testes  
 5 comentários

Testamos a STRIX GeForce RTX 2070 OC, placa de vídeo intermediária superior da ASUS, que traz um enorme cooler com três ventoinhas de 90 mm. Confira!

Teste da placa de vídeo ASUS ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Desempenho em jogos - parte 2

Mad Max

O Mad Max é um jogo de ação em mundo aberto lançado em setembro de 2015, utilizando o motor Avalanche. Para medir o desempenho utilizando este jogo, rodamos a introdução do mesmo, medindo o número de quadros por segundo usando o FRAPS três vezes na sequência. Rodamos o jogo com a qualidade gráfica em “muito alto”.

Os resultados abaixo estão em quadros por segundo e são uma média aritmética dos três resultados coletados.

STRIX-RTX2070-g13.gif

No Mad Max, em Full HD, a ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC obteve desempenho similar ao da Gigabyte GeForce RTX 2070 GAMING OC 8G, e foi 12% mais rápida do que a GeForce GTX 1080 Founders Edition.

STRIX-RTX2070-g14.gif

Já na resolução 4K, a ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC foi 3% mais rápida do que a Gigabyte GeForce RTX 2070 GAMING OC 8G e 11% mais rápida do que a GeForce GTX 1080 Founders Edition.

Shadow of the Tomb Raider

O Shadow of the Tomb Raider é um jogo de aventura e ação lançado em setembro de 2018, baseado em uma nova versão do motor Foundation. Para medir o desempenho utilizando este jogo, rodamos o teste de desempenho embutido no mesmo, com DirectX 12 habilitado, qualidade gráfica “máxima” e TAA habilitado.

Os resultados abaixo estão em quadros por segundo.

STRIX-RTX2070-g15.gif

No Rise of the Tomb Raider, em Full HD, a ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC foi equivalente à Gigabyte GeForce RTX 2070 GAMING OC 8G e 23% mais rápida do que a GeForce GTX 1080 Founders Edition.

STRIX-RTX2070-g16.gif

Já na resolução 4K, a ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC ficou empatada com a Gigabyte GeForce RTX 2070 GAMING OC 8G e foi 31% mais rápida do que a GeForce GTX 1080 Founders Edition.

The Witcher 3: Wild Hunt

O The Witcher 3: Wild Hunt é um RPG em mundo aberto, lançado em maio de 2015 e baseado no motor REDengine 3. Para medir o desempenho usando este jogo, ficamos andando pelo primeiro cenário do jogo, medindo três vezes o número de quadros por segundo usando o FRAPS. Rodamos o jogo com a qualidade de imagem configurada em “ultra”.

Os resultados abaixo estão expressos em quadros por segundo e são a média aritmética dos três resultados coletados.

STRIX-RTX2070-g17.gif

Neste jogo, em Full HD, a ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC foi 3% mais rápida do que a Gigabyte GeForce RTX 2070 GAMING OC 8G e 24% mais rápida do que a GeForce GTX 1080 Founders Edition.

STRIX-RTX2070-g18.gif

Na resolução 4K, a ROG STRIX GeForce RTX 2070 OC foi 4% mais rápida do que a Gigabyte GeForce RTX 2070 GAMING OC 8G e 24% mais rápida do que a GeForce GTX 1080 Founders Edition.

Compartilhar

  • Curtir 5


  Denunciar Artigo

Artigos similares


Comentários de usuários


Magnífica construção e com certeza focada mais uma vez na refrigeração, que é um detalhe que chama bastante a minha atenção como a dos demais que se interessam por este determinado hardware.

A Asus realmente se mostra ao que veio, com a sua qualidade, sua visão de modernidade e a sua direção sempre antenada com o bom gosto.

Bela placa, desempenho muito bom, robusta.

👍 Rafael, Parabéns pelo teste!! Mais Um!!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Porcaria de desempenho pelo valor cobrado.

 

One X está destruindo o PC em custo benefício. Comprei um One X por 2.600,00. Apenas minha 1070 TI eu paguei mais caro que o console. E não posso dizer que tenho um ganho realmente substancial sobre o console.

 

Já tive RX 580 OC 8 GB e vi One X atropelar essa GPU aí.

 

Hoje full HD está obsoleto. Não faz sentido comprar nada relacionado a full HD mais. Então eu imagino que essa placa seja para resoluções maiores, ok?

 

Custo benefício muito ruim. PC tá muito caro e oferecendo muito pouco pelo que se paga.

 

PC ainda pode valer a pena para mim apenas em dois casos: Ultrawide ou monitor 144hz. Fora disso não vejo vantagem mais.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Belo ARTIGO, e a parabéns pela construção do mesmo... O mais demorado com certeza foi o dinheiro, pra conseguir e comprar essas peças que no Brasil são ''Luxuosas'', que facada hein"

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
21 minutos atrás, Miguel Fachola disse:

Belo ARTIGO, e a parabéns pela construção do mesmo... O mais demorado com certeza foi o dinheiro, pra conseguir e comprar essas peças que no Brasil são ''Luxuosas'', que facada hein"

A placa de vídeo testada foi emprestada pela ASUS.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Essa placa é  muito bonita, mas só compraria se tivesse bastante dinheiro para ostentar, acho que vale mais a pena a Geforce 1050 ou a 1030(GDDR5) pelo seu custo beneficio maior.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×