Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Anchluss

Red Hat Linux (apenas Desktop) Vai Acabar

Recommended Posts

A Red Hat anunciou o fim da linha para o "Red Hat Linux", as versões que costumamos usar no Desktop. A empresa vai-se concentrar apenas o "Red Hat Enterprise Linux", mais orientado para clientes empresariais.

O anúncio (disfarçado) e as sugestões de migração podem ser vistos nesta página. As datas de término de suporte para as versões actuais (indicadas aqui) são:

Red Hat Linux, versões anteriores a 7.1: já não suportadas;

Red Hat Linux, versões 7.1 a 8.0: 31/Dez/2003;

Red Hat Linux 9.0: 30/Abr/2004.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Já que o tópico é dedicado a más notícias, ora aqui vão mais algumas:

A derrocada do linux em desktops não se fica pela RedHat: a SuSE foi comprada pela Novell (e sabe-se bem que a Novell tradicionalmente só se preocupa com empresas, e mesmo aí está praticamente enterrada), e o próprio CEO da RedHat aparece agora a admitir que o Windows é o produto mais indicado para utilizadores caseiros:

http://zdnet.com.com/2100-1104_2-5101690.html

"I would say that for the consumer market place, Windows probably continues to be the right product line," he said. "I would argue that from the device-driver standpoint and perhaps some of the other traditional functionality, for that classic consumer purchaser, it is my view that (Linux) technology needs to mature a little bit more."

Com os preços que a RedHat pretende cobrar pelo Enterprise Linux, o Windows começa a parecer mais barato. 179$ pela versão Workstation mais básica, com suporte por apenas um ano, e 349$ pelo "servidor" mais barato (o standart são 799$) :o. Devem estar parvos.

Quanto à Novell, supostamente já anunciou que o SuSE no futuro será um produto exclusivamente empresarial, com o Ximian a ser a oferta da companhia para utilizadores caseiros. Supostamente vão comprar a SuSE por 210 milhões de dólares, não percebo bem como, se o governo alemão era um dos maiores accionistas, mas deve ser através da IBM, que detinha 30% da SuSE:

http://www.novell.com/news/press/archive/2...11/pr03069.html

O Ximian é interessante, mas tenho a certeza que não vai ser oferecido, e não acredito que consigam competir tanto em preço como em usabilidade com o Windows.

Entretanto, das outras distribuições ainda não é claro que a MandrakeSoft sobreviva mais que uns meses (e as barracadas recentes não ajudam), Debian, Gentoo e Salckware, como estão, não têm hipótrese de serem aceites pelo público em geral, e as restantes distribuições são produtos de nicho, não tentam sequer conquistar um lugar no desktop (não sei como está o Conectiva...).

A empresarialização do Linux vai acabar com os incentivos a mudanças nas administrações públicas, porque agora surgem finalmente os custos que supostamente seriam eleminados (aposto que quem andou a promover mudanças de Windows para RedHat ficou queimado com a notícia do preço das futuras versões, como devem sair para o próximo ano os que mudaram para SuSE).

Conclusão: o Linux, se avançar nas empresas, será patrocinado por companhias que não se irão portar melhor que a Microsoft. E produtos dos grandes distribuidores de Linux vão ser pagos, que se lixe a GPL e os tansos que andaram a contrinuir para o Linux. A RedHat ainda disponibiliza as supostas sources do RH Enterprise Linux, mas quero ver alguém a conseguir compilá-las...

Quanto aos utilizadores domésticos, a maior parte vai continuar a não ter razões para sequer considerar o Linux. E sem mercado o Linux nesta área vai continuar estagnado.

Já mencionei antes que sou pessimista quanto ao futuro do Linux?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu por acaso não vejo com receio estas alterações, pois quando li a compra da SUSE pela Novell apenas pensei no contrário... A Novell é reconhecida internacionalmente pelas suas soluções de rede... Tornou-se a única empresa com uma oferta completa de servidores/desktops assente num SO totalmente independente da Microsoft, mantendo alguma compatibilidade com os serviços assentes nos servidores da concorrência via XIMIAN, e o SUSE nunca foi à borla.

É certo e sabido que um dos grandes impulsionadores da utilização do windows em casa é a existencia de um windows no trabalho e a sua cópia, por forma a "existir apenas uma interface comum em dois sítios distintos"... para não termos que aprender duas formas de trabalhar...

Se Novell Oferecer os CDs de instalação Às empresas podem estar certos que o pessoal que usa no trabalho vai querer ter em casa, pelo menos se não tiver filhos (jogos)...

Por outro lado, a Novell possui uma das melhores redes de venda de soluções de SW o mercado, rivalizando com a MS, que é exactamente o que falta ao LInux... uma rede de distribuição/marketing organizada e conceituada... poderá até ser a hipótese que o Linux procurava...

Acerca da Utilização doméstica... toda a gente sempre soube que o win é e será a plataforma a respeitar... enquanto não houver SW para as outras (e a meu ver o Linux só terá alguma hipótese lá para 2006/7 talvez mais tarde se a apple der o salto para a plataforma x86) nunca ninguém vai substituir o seu SO doméstico... Como ninguém o usa em casa, ninguém desenvolve software específico (jogos) , como o utilizador doméstico não paga pelo SW que usa... arhmmm, só quando houver empresas de dimensão considerável por trás do Linux é que veremos empresas a desenvolver SW de trabalho para esta plataforma (macromedias, adobes, etc)...

Está um pouco confuso mas acho que dá para entender...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Guest Centrino
Debian, Gentoo e Salckware, como estão, não têm hipótrese de serem aceites pelo público em geral, e as restantes distribuições são produtos de nicho, não tentam sequer conquistar um lugar no desktop 

Eu não li tudo, mais discordo do que você disse dessas 3 , Debian e a que o Stallman e muitos desenvolvedores do Kernel usam, inclusive o Linus sempre recomenda Debian, Gentoo essa e minha favorita você pode fazer de tudo nela, Slackware e robusta e pede pouca manutencão. Sobre o topico o unico RedHat que gostei foi o 7.3 esse era distribuicão de primeira, depois a RedHat mudou o desenvolvimento a partir da versão 8.0 nunca mais foi a mesma.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por Centrino@30 maio 2004, 09:51

Debian, Gentoo e Salckware, como estão, não têm hipótrese de serem aceites pelo público em geral, e as restantes distribuições são produtos de nicho, não tentam sequer conquistar um lugar no desktop 

Eu não li tudo, mais discordo do que você disse dessas 3 , Debian e a que o Stallman e muitos desenvolvedores do Kernel usam, inclusive o Linus sempre recomenda Debian, Gentoo essa e minha favorita você pode fazer de tudo nela, Slackware e robusta e pede pouca manutencão. Sobre o topico o unico RedHat que gostei foi o 7.3 esse era distribuicão de primeira, depois a RedHat mudou o desenvolvimento a partir da versão 8.0 nunca mais foi a mesma.

Centrino, acho que o que ele quis dizer é que essas distros são muito dificeis de serem manuseadas... Puts, para instalar o Gentoo é um inferno dá uma trabalhão.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O Linus recomenda Debian pois é o Linux mais "puro". Muitas distros incluem pacotes que não são totalmente compatíveis com a GPL, entretanto o Debian é 100% GPL

Fora que tem que fazer tudo na mão.

Agora, o Fedore Core 2 está muito bom. Instalação excelente, estabilidade boa (ao contrário do FC1). Tem uns bugs sim, mas isso todos tem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por tabgal@30 maio 2004, 11:56

O Linus recomenda Debian pois é o Linux mais "puro". Muitas distros incluem pacotes que não são totalmente compatíveis com a GPL, entretanto o Debian é 100% GPL

Fora que tem que fazer tudo na mão.

Agora, o Fedore Core 2 está muito bom. Instalação excelente, estabilidade boa (ao contrário do FC1). Tem uns bugs sim, mas isso todos tem.

Mas o Fedora Core Linux não é da Red Hat?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A Red Hat nuncaescondeu seu "lado empreserial", e ultimamente ela tem sido bem escancarada, o red hat 9.0 não ofereca suporte para mp3 e outras coisas com base nesta filosofia, ela sempre se focau mais nisso do que em desktop e agora reslveu mudar sua razão social de vez, mas para isso criou o Fedora Core, que nada mais que o red hat sendo desenvolvido para desktops pela comunidade linux e tendo por tras o suporte red hat, teoricamente deve ser assim: experienciais novas que derem certo no fedora e depois de muito testadas e puderem ser incorporadas entrão para o red hat e isso com a comunidade linux e a red hat desenvolvendo o fedora mas red hat mesmo so para empresas.

E outra, não concordo sobre o debian e o slackware (gentoo eu nem falo pois realmente é pau da manguara doida :) mas é muito bom) podem ser dificeis pois tem que editar coisas na mão, desse ponto de vista sim, mas no final é bem mais fácil. E a declaração do infeliz la (em inglês) não vou nem comentar...

O linux ainda tem muito o que crescer e nos estamos so no começo, mas uma coisa que não podemos deixar é que esse tipo de espirito pessimista se abata sobre nos, eu não uso linux por que quero ferrar com a microsoft ou por que ele é de gratis (ta bom vai isso ajuda e muito) e sim por que ele é ótimo, pode e vai evoluir mais ainda.

Pelo amor de deus, quem faz o linux somos nos, do mesmo jeito que quem da poderes a microsoft são seus inumeros users (piratas talvez mas usam). Lembram como ele começou? e chegou ate aqui? achas mesmo que vai ser assim que vai acabar? com empresas comprando as distros e cobrando para você usalo? e se isso acontecer (deus o livre... ui ... sarava meu nego :blink::wacko: ) sempre vai existir alguem para compilar uma nova e disponibilizar na net .

E T+

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

pessoal... achei todos os argumentos válidos... particularmente acho que a grande sacada para aumentar o linux nos desktops são os tais liveCDs... knoppix, kanotix, slax, kurumin, dsl, etc...

eu mesmo rodei o kurumin só pra ver qual era (achei que nem ia abrir o X direito) e estou sem ruindow$ agora... e passo cópia pra todo mundo que sei que tem interesse...

você dar boot em um cd ou mini-cd e ele reconhecer toda tua máquina e abrir um SO inteiro na memória + cd-rom impressiona qualquer fuçador de windows...

ainda há muito o que melhorar... mas acho que este segmento vai cobrir o nicho do mercado caseiro, deixado de lado pelas grandes distribuições comerciais...

afinal ninguém vai ser louco de montar um servidor de missào crica com liveCD né?! mas pra brincar com seu PC em casa ou economizar licenças na rede da sua micro-empresa cai sob medida...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, kurumin knopx (ou seja la como isso se escreve) para mim não passam de linux castrados, amputados, não gosto, não racomendo e acho que se o um dia linux for evoluir para desktops nessa linha ele vai ficar bem pobre. Esses live cds podem ser bons para quem tem interesse de TESTAR sem ter que particionar hd e tudo mais... mas tirando essa parte, sinceramente, não da. Ate prefiro Conectiva do que esse cdzinhos. Por favor ne, comparar um red hat (opa eese mas não :)), fedora, slackware, debian, eoutros mais, que so precisam de um pouco mais de trabalho para se concretizar nos desktops com esse cds para "brincar" de linux...

Essa é a minha opinião pelo menos.

O linux não pode e não vai evoluir para live cds ou distros altamente customizadas a ponto de serem deficientes.

T+

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por antonypeople@31 maio 2004, 17:47

(...) Ate prefiro Conectiva do que esse cdzinhos. Por favor ne, comparar um red hat (opa eese mas não :)), fedora, slackware, debian, eoutros mais, que so precisam de um pouco mais de trabalho para se concretizar nos desktops com esse cds para "brincar" de linux ...

Essa é a minha opinião pelo menos.

O linux não pode e não vai evoluir para live cds ou distros altamente customizadas a ponto de serem deficientes (...)

fala aí antonypeople... meu, você esta está nervoso hoje hein?! ou então eu me espressei muito mal... de qualquer forma gostaria de esclarecer...

em nenhum momento comparei liveCD com Distros completas... aliás tambén acho que liveCD realmente não são o futuro... pois eles dependem diretamente do desenvolvimento das Distros... logo não sobreviverão sem elas...

só acho que liveCD é otimizado para as tarefas principais do dia a dia... como acessar internet... fazer chat on-line... acessar e-mails... produzir e revisar documentos padrão MicrosoftOffice... baixar mp3... etc... etc...

além disso é muito útil para o usuário caseiro saber se a distro vai ser compatível com seu hardware mesmo antes de instalar... mesmo que o cara nem saiba o que é chipset... além de poder testar a interface gráfica... os programas... etc...

enfim não vou me estender mais... respeito tua opinião e é por isso que gosto do forum... para troca de idéias e ver as coisas por vários pontos de vista...

abraços a todos... roger_2

ps.: sobre o que eu disse sobre servidores e liveCD... acabo de "renovar os meus conceitos"... http://www.tupiserver.com.br/tupiserver.php

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Desculpa Roger se pareci meio nervoso ou contrariado, mas não tem nada a ver :), desculpe se me expressei mal tambem.

Na verdade eu so queria dizer que live cds so servem como discos de recuperação (alias muito bons, realmente melhores que os disquetes) ou como DEMONSTRAÇÃO de uma distro, so isso.

Se pareci meio rude novamente me desculpe, eu sou assim mesmo, não quis parecer hostil :rolleyes: .

Um abraço :joia:

T+

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por SmartWarthog@31 maio 2004, 00:18

Mas o Fedora Core Linux não é da Red Hat?

Mais ou menos... ele é a "continuação" do Red Hat Desktop, mas desenvolvido pela equipe de colaboradores do Fedora (i.e. voluntários), não pelo pessoal RedHat

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×