Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Queiros19

AMPOP

Recommended Posts

boa noite pessoal do forum

tenho uma pequena duvida, penso que de fácil resolução

tenho uma pequena tensão diferencial com aproximadamente 700mV a 1V e preciso de a amplificar com um ampop, cujo meu ganho seria de 3

para isso irei usar um AMPOP, mas não sei qual usar

 

Tenho comigo os seguintes:

 

UA741

AD712J

LM393P

LM358

 

qual destes é o melhor? e qual o melhor esquema de ligações?

 

Obrigado

Queiros19

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

LM393 é um comparador, não um amplificador operacional. Não o use.

 

AD712J não parece fácil de achar.

 

o LM741 é fácil de achar e barato, possui apenas um ampop no invólucro. Precisa de fonte dupla (dá para contornar) e pode precisar de trimpot externo p/ ajuste de offset-null.

 

o LM358 também é barato e fácil de achar, mas vem com dois ampops por invólucro. Não precisa de fonte de alimentação dupla.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

boa tarde amigo,

antes de mais obrigado pela sua resposta,

 

posso então fazer com LM741 ou LM358, eu apenas tenho +5V e GND, por isso o AMPOP apenas poderá ser assim alimentado.

qual o melhor circuito para um destes dois?

 

Obrigado

Queiros19

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

boa tarde amigo,

antes de mais obrigado pela sua resposta,

 

posso então fazer com LM741 ou LM358, eu apenas tenho +5V e GND, por isso o AMPOP apenas poderá ser assim alimentado.

qual o melhor circuito para um destes dois?

 

Obrigado

Queiros19

 

Como você só tem 5V e GND, não vai poder usar o 741. Isso porque o ganho que deseja é 3, a tensão de entrada chega a 1V. O 741 usa alimentação dupla, se usar um artifício (divisor resistivo) para obter +2,5, 0 e -2.5V a partir dos 5V, não vai ter tensão de sobra para obter os máximo de 3 * 1V = 3V na saída. Vai ter na melhor das hipóteses +/-2,2V. Na verdade o ampop não vai nem funcionar, pois se não me engano a tensão mínima de alimentação é de +/- 4,5V

 

Nesse caso, eu usaria o LM358, que não precisa de alimentação dupla, e os 5V que você tem ainda (por pouco) estão dentro da faixa de alimentação dele, que varia de 3 a 32V..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Você encontra informações sobre isso em qualquer texto sobre amplificadores operacionais para curso técnico. Se não tem livro-texto faça uma pesquisa no google que vai encontrar muita coisa, em português e inglês

 

por exemplo,

 

http://www.electronics-tutorials.ws/opamp/opamp_5.html

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Queiros19,

 

O LM358 consegue entregar até 3,5 Volts na saída quando alimentado com 5V, mas a partir de 3V já perde a linearidade. Não use na saída dele impedância abaixo de 10K ou a saida vai cair mais ainda. Se voce tem certeza de que nunca vai passar dos 3 volts de saída, vale a pena utilizar.

 

A melhor opção seria mesmo comprar um AMP OP rail-to-rail que possa ser alimentado com 5V. Vai custar umas 5 vezes mais que um 741 no mínimo, mas ele te entregaria uma tensão entre 0,2 e 4,5 V totalmente linear.

 

Paulo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Queiros19,

 

TL072 mínimo para funcionar porcamente +-3V . Recomendado minimo +-5V . Esquece ele.

NE5532 mínimo para funcionar +- 5V . Esqueçe ele.

 

Paulo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que realmente você quer fazer?

 

1 - Qual é o nível máximo da tensão comum?

2 - Ela é CC, ou CA.

2.1) Se for CA, qual é a faixa de frequências?

3 - Qual é o nível da tensão do seu sinal? 0,7V pico-a-pico (Vpp) ou 1,0Vpp?

4 - Qual é a faixa de frequências de seu sinal?

5 - Qual é a impedância de saída do seu sinal?

6 - Você dispõe APENAS da fonte de +5v, ou pode ser um pouco maior?

7 - Qual é a carga do seu circuito, ou o que estará pendurado na saída do operacional?

 

Se você responder estas perguntas estará direcionando as respostas para uma solução, caso contrário, este tópico poderá ser uma espécie de quebra-cabeça entre você e nós.

Boas respostas (mesmo que incompletas)!

MOR_AL

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu quero que ele trabalha em tensão DC, eu tenho 12V mas como todo o projecto esta com 5V não queria ir buscar os 12V ao regulador só para alimentar o AMPOP, ou seja quero que seja de alimentação a 5V.

A saída dele vai estar directamente ligada a entrada de um atmega328, ou seja com 10kohm (penso que não estou errado, o que da uma corrente de 0,5mA penso eu)

Quero que ele faça amplificação diferencial com um ganho de 3 vezes em que a entrada anda entre os 700mV e 1V

E penso que respondi a tudo

Obrigado por tudo

Queiros19

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que realmente você quer fazer?

 

1 - Qual é o nível máximo da tensão comum? Se você pretende fazer uma amplificação diferencial, significa que esta tensão de seu sinal está acompanhada de um nível de outra tensão comum, que normalmente se deseja eliminar. Caso o seu sinal útil esteja referenciado ao terra e não à tensão comum, indesejável, então não há sinal indesejável e consequentemente é desnecessária uma amplificação diferencial que você se referiu. Quando se fala em amplificação diferencial, se quer dizer que há uma tensão comum indesejável.

2 - Ela é CC, ou CA. Se não houver tensão comum indesejável, a resposta aqui é desnecessária, porém tem que se saber que não há (item 1).

2.1) Se for CA, qual é a faixa de frequências?

3 - Qual é o nível da tensão do seu sinal? 0,7V pico-a-pico (Vpp) ou 1,0Vpp? Se o seu sinal possuir apenas 0,7Vpp e for apenas positivo, fica menos complicado de se obter na saída com um ganho 3 e sem distorção apreciável. Caso a tensão seja de 1,0V e apenas positivo, então a solução é diferente e fica mais complicada.

4 - Qual é a faixa de frequências de seu sinal? Um amplificador operacional não tem a capacidade de amplificar todo o espectro de frequências. Por isso é importante conhecer a máxima frequência do seu sinal.

5 - Qual é a impedância de saída do seu sinal? A amplificação pode ser dependente da resistência interna que seu sinal possui. Daí a pergunta.

6 - Você dispõe APENAS da fonte de +5v, ou pode ser um pouco maior? Ok! Preferência em 5V.

7 - Qual é a carga do seu circuito, ou o que estará pendurado na saída do operacional? Ok! 10kohm.

8 - Qual é a procedência do seu sinal? Um CI de temperatura, de pressão, um sensor capacitivo, magnético, um resistor variável com a luminosidade, etc?

 

Tente responder as outras perguntas. Caso não saiba como fazê-lo, pergunte. Perguntando você ignorará a resposta até que alguém lhe responda. Não perguntando você não aprende. Ninguém nasceu  sabendo. Não é vergonha perguntar.

 

Em tempo: Já tinha considerado o ganho de 3, por isso não mencionei na postagem anterior.

 

MOR_AL

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
antes de mais, quero agradecer pela prontidão nas respostas

 

eu sempre tive dificuldades em conseguir transmitir informação e fazer com que as pessoas me percebem, no entanto as coisas na minha cabeça fazem sempre muito sentido mas não as consigo transmitir, assuntos a parte vamos lá

 

eu realmente já estive a pesquisar os rail to rail, mas nas lojas aqui a minha beira, nenhuma das referencias estava disponível no stock online.

 



 

estas são as principais, e não encontro nada

 

o stock deles é relativamemente grande e costuma ter grande parte das coisas que preciso

 

Obrigado

Queiros19

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

esqueça 5V que nao dá! 

 

http://www.ti.com/lit/ds/symlink/lm741.pdf

 

Só pra polarizar os transistores internos ja se vão uns 3V!! se você colocar uma tensão de 2V pra ser amplificado simplesmente n funciona mesmo que a fonte esteja alta! A menos que seja simetrica!

 

o lm358 seria o melhor porque sao transistores pnp, nao necessita ser simetrica, e começa a funcionar com um pouco mais que 0V nas entradas. mas a saida dele perde uns ~2V... sobra 3v se alimentar com 5v.. a saida dele alimentada com 5V pode variar na faixa dos 0.8V a 3V... sao os limites razoaveis conforme o diagrama esquematico transistorizado do datasheet: http://www.ti.com/lit/ds/symlink/lm158-n.pdf

 

Mas o melhor pra você sem duvida é o lm393!! esse sim você pode variar na saida desde uns 0V até o max da fonte (5V)!!

 

quer mais alguma coisa? é isso o que você queria nao é?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

use o lm393! os outros n funcionam! Você não leu o que eu disse? QUE NÂO FUNCIONA COM O 741 E COM O 358 VAI FICAR NOS LIMITES?


Todo mundo ja disse umas 10 vezes a mesma coisa

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Use o LM393, use o circuito do seu link: 


V1 coloque direto em 0V, e V2 sera a entrada do sinal...

Coloque um curto no lugar de R2, R3=3K3, R1=1K, e um resistor de 330Ohms ligado entre os 5V com a saida do CI!
Pronto, você tera 3V quando tiver uns 1V na entrada!

Teve mais enrrolaçao nas respostas kkkkk

post-668745-0-48457000-1397945536_thumb.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

não percebi a resistencia de 330ohm

 

estou a fazer um desenho e não sei como fazer a parte dessa resistencia

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×