Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Guilherme Lotin

Fonte para SLI - Recomendação - Dúvida

Recommended Posts

Bom dia pessoal, tenho uma dúvida com relação a SLI.. 

 

Estou novamente remodelando meu pc que está um pouco ultrapassado e pretendo adquirir uma fonte para futuramente conseguir colocar duas GTX 770 em sli... e tenho uma grande dúvida:

 

Adquiro de cara uma http://www.terabyteshop.com.br/fonte-corsair/fonte-corsair-rm1000-CP-9020062-WW-1000w-reais-80-plus-gold-atxeps---pfc-ativo--cabos-modulares.ptml

 

Ou essa aqui já serve http://www.kabum.com.br/produto/48367/corsair-fonte-750w-rm750-plus-gold-cp-9020055-ww- ?

 

Lembrando que a minha intenção para minha futura configuração é:

 

Processador I7-4770k 3,5Ghz

Duas GTX 770 (ainda nao sei o modelo) 

Dois SSD 120  (ainda pesquisando o modelo)

HD 1tb 

8GB memória 2133 (ainda pesquisando modelo)

placa-mãe Asus Z87-PRO LGA1150 c/ wifi

H100

 

Gabinete eu já tenho um relativamente bom e espaçoso...

 

Obrigado a quem puder ajudar. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Guilherme!

 

Se for fundo mesmo no SLI de GTX770 e não for fazer overclocks extremos no futuro possante, é possível usar a RM750 e ainda terá alguma folga de potência. 1000W só se fizesse SLI de placas de vídeo de de duas GPUs cada (e acho que não seria suficiente...).

 

O que me não me faz recomendar 100% uma fonte de 750W é o quanto a GTX770 "bebe", quanto mais duas. Pelo que li, o consumo de cada uma chega a 230W (entre 195W a 230W, dependendo da aplicação), alem de ter uma config meio que pedindo "pelamordedeus" por um OC, creio que um modelo de 750W funcionará perto de sua capacidade máxima, sem aquela folga que sempre cai bem. 

 

Nisso, Guilherme, se puder optar por modelo, pode ser mesmo a versão RM, de 850W, terá um conforto maior, tanto na disponibilidade de potência para eventuais OC, quanto a adição de algum componente. Não sei se a rapaziada do conceito do fórum irá concordar, mas acho que nesse caso, uma 750W ficará meia "apertada" na config e suas possibilidades de OC.

 

Abraço!!

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poxa, muito obrigado pelas informações... mas era exatamente essa minha grande dúvida: Vai sobrar pouquinha coisa, ou vai ter uma sobra de energia boa... 

Obrigado mesmo! 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De volta!

 

Guilherme, mesmo achando que uma boa fonte de 850W seja a melhor opção para o futuro possante, observe também algumas opiniões dos amigos notáveis do fórum pra se ter uma ideia bem ajustada e refinada para fechar a questão e adquirir a melhor. Uma fonte de 750W pra cima já não é mais uma brincadeira barata como comprar balas Juquinha, uahuahauhauh!!

 

Edição (pois acho que foi uma pergunta):

 

 

 

 mas era exatamente essa minha grande dúvida: Vai sobrar pouquinha coisa, ou vai ter uma sobra de energia boa... 

 

Na minha modesta opinião: se não for fazer nenhum overclock de nada (inclusive deixar as memórias em 1600MHz, pois em 2133 a placamãe necessita de OC para permitir tal clock), a de 750W teria até alguma folga, creio que abaixo de 20% quando o micro estiver no auge do funcionamento. A de 850W permitirá que tenha lastro pra OC e uma margem maior na tal folga de potência.

 

PS: Agora que lembrei! Aí Guilherme, tá pra sair neste próximo mês a nova linha GTX X80 e X70 (ainda não decidiram que será série 800 ou se vão pular uma centena e será 900). Com o lançamento dessas VGAs, pode optar em comprá-las ou esperar as GTX770 ficarem mais em conta.

 

Abraço!!

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

BAHHHHHHHHHHHHHHHHH Sensacional essas informações... acho que realmente vou dar uma esperada a mais... mesmo porque tenho que me livrar das atuais peças do meu pc que não estão ultrapassadas (só pra mim hehe). 
Mas, vou abusar um pouco da sua paciência e perguntar:

 

Com relação as memorias, é muito complicado fazer um OC pra conseguir usar as memorias a 2133? É primeira vez que estou passando dos 1600mhz hehe..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa!

 

(É um rápido off em relação a seção).

 

O que acontece em relação ao gerenciamento de memória da plataforma Intel, desde que a ponte-norte migrou da placamãe para o processador, é que não há tantas placamães que tenham tal recurso de "burlar" o limite de 1600MHz dos Haswell para que memórias mais velozes possam funcionar em suas frequências nativas.

 

No caso de confeccionar uma OC nas memórias, as próprias placamães aptas se encarregam de configurar automaticamente as frequências, latências e tensão dos módulos. Apenas bastará "setar" na BIOS qual é a frequência que deseja que as memórias operem. Claro que, em um ajuste mais apurado, uma "sintonia fina" em tais parâmetros, requerem um pouco mais de estudo e testes de benchmark para uma calibração perfeita, Guilherme. 

 

Particularmente uso um i7 2600 com módulos de 1333MHz (é o limite dos i7 "Sandy-Bridge"). Na bios da minha placamãe, uma ASRock Z77 Extreme 3, oferece de cara a opção OC com várias frequências que posso usar. Claro que não fui além e configurei em 1600MHz com as temporizações em auto (só reduzi um pouco a tensão "setada" em auto, porque os módulos são aqueles Kingston "Value", sem dissipadores). Tudo foi perfeitamente reconhecido e, efetivamente, as memórias rodaram a 1600MHz, a despeito do limite do processador e das próprias RAMs.

 

Então, caro Guilherme, se for partir para usar RAMs de 2133MHz, deve se atentar legal na escolha de uma placamãe que permite rodar memórias em frequências acima das especificações do processador. No mais, a configuração na BIOS para fazê-la rodar conforme suas especificações é bem simples no geral.

 

Abraço!!

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×