Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
antonelli3573

Modificação em nobreak

Recommended Posts

Ae galera, gostaria de postar aqui uma gambiarra adaptação MASTER que eu fiz em um Nobreak essa semana.

 

Pequeno histórico:

Na minha casa a energia cai direto. Basta chover em Brasilia e os picos de luz são frequentes. Tenho um PC bem parrudo, com duas placas de vídeo e fonte de 850W da Seventeam. Um nobreak pra mim é item importante.

 

Já tive um SMS 1800VA que dava até conta do recado. Mas o problema dele,era que quando eu começava a jogar o nobreak parecia uma metralhadora. Os reles batiam várias vezes por segundo, tornando impossível continuar jogando. Acabei devolvendo o Nobreak para a loja e consegui meu dinheiro de volta.

 

Adquiri semana passada um nobreak Ragtech 1400VA com fator de potencia 0,7. Decidi compra-lo pois era um modelo usado e estava bem barato. Na hora de testar ele se comportou da mesma forma que o SMS. Assim que começo a jogar ele dispara os reles de estabilização.

 

Qual foi minha ideia, motivada por um post do Faller em algum forum desses: jumpear os reles de forma a "bypassa-los". 

 

Bom, como não tenho conhecimentos em eletronica nem ferramentas para tornar possivel essa ideia, resolvi colocar em pratica uma metodologia mais radical. Abri o nobreak, identifiquei os reles que fazem a estabilização (são 2) e cortei a lateral deles, de forma a obter acesso ao seu interior. Fiz alguns testes e vi claramente os reles chaveando na tentativa de estabilizar a tensão. Trata-se de uma chavinha que sobe e desce fazendo o famoso tlec-tlec. A ideia então foi simples: usei um pedacinho de plastico (o proprio plastico que cortei do rele) e enfiei ele entre os contatos do rele, forçando-o a se manter na sua posição original! Dessa forma, o rele consegue descer quando a corrente da sua bobina variar. Ele se mantem na mesma posição.

 

Resultado: o nobreak está funcionando perfeitamente sem nenhum barulho e com a função de estabilização desativada (eu chamaria de desativação via hardware para ficar bonito)

 

É isso. Gostaria de ouvir opiniões sobre essa adaptação e se ela pode ocasionar problemas no futuro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@antonelli3573 isso aí pode dar problema. O ideal é você simplesmente desconectar os fios que ativam a bobina dos relés. Poste fotos que o pessoal aqui te ajuda.

 

Outra coisa. Você tem que ter certeza de ter desativado os relés do estabilizador, e não do nobreak. Tire o nobreak da tomada com algo instalado na saída para ver se a carga continua sendo alimentada, isto é, fornece energia na saída sendo gerada através da bateria.

 

Essa modificação "resolve" o problema do estabilizador, mas não resolve dois outros problemas. Primeiro, que continuará existindo atraso na ativação da bateria quando falta luz. E, segundo, a forma de onda na saída continua sendo retangular em vez de senoidal.

 

Obs: como essa mensagem é interessante, resolvi movê-la para local mais apropriado.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@antonelli3573 isso aí pode dar problema. O ideal é você simplesmente desconectar os fios que ativam a bobina dos relés. Poste fotos que o pessoal aqui te ajuda.

 

Outra coisa. Você tem que ter certeza de ter desativado os relés do estabilizador, e não do nobreak. Tire o nobreak da tomada com algo instalado na saída para ver se a carga continua sendo alimentada, isto é, fornece energia na saída sendo gerada através da bateria.

 

Essa modificação "resolve" o problema do estabilizador, mas não resolve dois outros problemas. Primeiro, que continuará existindo atraso na ativação da bateria quando falta luz. E, segundo, a forma de onda na saída continua sendo retangular em vez de senoidal.

 

Obs: como essa mensagem é interessante, resolvi movê-la para local mais apropriado.

 

Gabriel,

 

Não escrevi no post mas testei a saida sim. Na verdade são 4 reles. 2 deles são de estabilização e os outros 2 são os que ativam a bateria. Na minha primeira tentativa, eu desativei os 4 e o Nobreak não passou no self-test que ele faz ao ligar. Ai eu acabei descobrindo que cada par serve pra uma coisa.

 

Sua ideia de cortar o fio da bobina é boa. É ela que induz o chaveamento do rele. Creio que o resultado seria o mesmo. Vou postar fotos depois para vocês verem o resultado final.

 

Quanto aos dois outros problemas, realmente continuam existindo. Mas a satisfação de continuar jogando sem perder o progresso num eventual pico de luz não te preço!!  :lol:

 

Postei no Youtube o video do nobreak ANTES da modificação. No meu canal também tem o SMS com o mesmo problema. 

 

Ragtec

 

 

SMS

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quando ele fica comutando assim não pode ser indicativo de sobrecarga?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quando ele fica comutando assim não pode ser indicativo de sobrecarga?

 

Jorno,

 

Não. O nobreak tem um software de gerenciamento que aponta um uso de 70% da carga no maximo. Creio que esse problema seja devido ao fato de que no jogo, a variação de potencia que o nobreak é submetido é grande e por isso ele disparada a comutação. 

Quando o nobreak sobrecarrega ele apita ou emite um sinal sonoro, ou simplesmente desliga.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A SMS agora faz metralhadora!!  :D

 

Na verdade, realmente me parece que esse UPS (no-break) está subdimensionado para a carga!

 

Sendo um UPS de 1400VA com fator de potência de 0,7

isso significa que o mesmo pode trabalhar com até:

 

1400VA * 0,7 = 980 Watts

 

A sua fonte da Seventeam de 850W se ela tiver uma eficiência de 80% a mesma ira pedir da tomada ou nesse caso do UPS:

 

850W / 0,80 = 1062,5 Watts

 

Você deve ter ligado ainda um monitor que dependendo do modelo vai ter um consumo de 40W. Com os 1062,5W que já tinha do computador dá:

 

1062,5W + 40W = 1102,5W

 

Agora note que seu UPS tem para oferta 950W contra 1102,5W que a carga pede dele! É, realmente me parece subdimensionado.

 

Note que independente do consumo da configuração, a fonte terá que carregar seu capacitor de entrada que foi dimensionado para suprir a mesma, desse modo, quem alimenta a fonte tem que ser capaz  de suprir a demanda.

 

Me parece também, que a informação obtida através do software de monitoramento seja um tanto quanto duvidosa ou imprecisa. 

 

Quanto a gambiarra, embora curiosa, não foi um pouco drástica não!?

Talvez seja melhor fazer o que o Gabriel Torres sugeriu...

 

De qualquer modo, pode ser a hora de cogitar a possibilidade de adquirir um extintor de incêndio, só por precaução.  :lol:  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A SMS agora faz metralhadora!!  :D

 

Na verdade, realmente me parece que esse UPS (no-break) está subdimensionado para a carga!

 

Sendo um UPS de 1400VA com fator de potência de 0,7

isso significa que o mesmo pode trabalhar com até:

 

1400VA * 0,7 = 980 Watts

 

A sua fonte da Seventeam de 850W se ela tiver uma eficiência de 80% a mesma ira pedir da tomada ou nesse caso do UPS:

 

850W / 0,80 = 1062,5 Watts

 

Você deve ter ligado ainda um monitor que dependendo do modelo vai ter um consumo de 40W. Com os 1062,5W que já tinha do computador dá:

 

1062,5W + 40W = 1102,5W

 

Agora note que seu UPS tem para oferta 950W contra 1102,5W que a carga pede dele! É, realmente me parece subdimensionado.

 

Note que independente do consumo da configuração, a fonte terá que carregar seu capacitor de entrada que foi dimensionado para suprir a mesma, desse modo, quem alimenta a fonte tem que ser capaz  de suprir a demanda.

 

Me parece também, que a informação obtida através do software de monitoramento seja um tanto quanto duvidosa ou imprecisa. 

 

Quanto a gambiarra, embora curiosa, não foi um pouco drástica não!?

Talvez seja melhor fazer o que o Gabriel Torres sugeriu...

 

De qualquer modo, pode ser a hora de cogitar a possibilidade de adquirir um extintor de incêndio, só por precaução.  :lol:  

 

O extintor já está na mão hehehehehe

 

Na verdade estou bem tranquilo e confiante com o meu MOD. Já joguei varias horas de Civilization e Battlefiled 4 sem problemas. Já fiz testes com o Prime95 e 3DMark e acompanhei todas as leituras do software de gerenciamento do nobreak. 

 

Na verdade, esse nobreak liga apenas o PC. O monitor, modens e todo o resto é ligado em outro Nobreak de 700VA da SMS.

 

Minha fonte é de 850, mas o consumo do PC a 90% de carga de acordo com a PSU Calculator é de 691 Watts. Aplicando o rendimento de 80% a carga total solicitada no Nobreak fica em 863 Watts. Ainda tem 120 Watts de sobra!

 

Isso porque uso um AMD FX 6350. Vou trocar esse processador por um Core i5 que consume bem menos e é mais rápido.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Joakim sua lógica tem um problema. A fonte ser de 850 W não significa que o computador está puxando 850 W. Teria de medir quanto o computador está realmente puxando naquele momento e aí sim, usar esse valor e jogar 80% de eficiência e fazer a conta que você mostra. Como expliquei no vídeo que postei essa semana, teria de usar a calculadora abaixo para estimar quanto o computador está realmente puxando. Outra coisa que você se esqueceu é que além do computador, possivelmente o monitor vai estar ligado ao nobreak, e o seu consumo deve ser adicionado à fórmula!

 

http://extreme.outervision.com/psucalculatorlite.jsp

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Joakim sua lógica tem um problema. A fonte ser de 850 W não significa que o computador está puxando 850 W. Teria de medir quanto o computador está realmente puxando naquele momento e aí sim, usar esse valor e jogar 80% de eficiência e fazer a conta que você mostra. Como expliquei no vídeo que postei essa semana, teria de usar a calculadora abaixo para estimar quanto o computador está realmente puxando. Outra coisa que você se esqueceu é que além do computador, possivelmente o monitor vai estar ligado ao nobreak, e o seu consumo deve ser adicionado à fórmula!

 

http://extreme.outervision.com/psucalculatorlite.jsp

 

Na verdade o que os fabricantes sérios de no-break recomendam é realizar o cálculo com a potência total da fonte, independente do consumo do sistema.

Vide post do Faller:

http://forum.clubedohardware.com.br/topic/1012370-resolvido-nobreak-apc-1200-va-ou-outro-melhor/?p=5585339

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Jorno com certeza essa é a maneira correta, pois se você tem uma fonte de 850 W você vai querer que seu equipamento aguente até essa potência. De qualquer forma, não se esqueça de adicionar a potência do monitor!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Joakim sua lógica tem um problema. A fonte ser de 850 W não significa que o computador está puxando 850 W. Teria de medir quanto o computador está realmente puxando naquele momento e aí sim, usar esse valor e jogar 80% de eficiência e fazer a conta que você mostra. (...)

 

De fato Gabriel Torres, e foi justamente por saber disso que eu citei o seguinte:

 

(...)

Note que independente do consumo da configuração, a fonte terá que carregar seu capacitor de entrada que foi dimensionado para suprir a mesma, desse modo, quem alimenta a fonte tem que ser capaz  de suprir a demanda.

(...)

 

Lá no primário da fonte foi posto um capacitor dimensionado para uma fonte de 850W, assim, quem alimentar esse capacitor, seja a rede elétrica ou nesse caso o UPS, tem ser capaz de suportar tal demanda. Tudo aquilo que anteceder a fonte tem que ser capaz de suprir a mesma em sua totalidade, desde disjuntores, condutores, tomadas, filtro linha, supressor de surtos, UPS, o inútil do estabilizador, plug e cabo AC da fonte, tudo! Até mesmo linhas de alta tensão, chave fusível de alta tensão, transformador rebaixador de tensão, que obvio, serão os últimos a estarem subdimensionados para uma mera fonte.

 

Lógico que o consumo real do computador vai depender da configuração e do uso que se da a esse PC.

 

(...)

Outra coisa que você se esqueceu é que além do computador, possivelmente o monitor vai estar ligado ao nobreak, e o seu consumo deve ser adicionado à fórmula!

(...)

 

Na verdade eu não esqueci não... Eu ate citei uma potência bem baixa para o monitor de 40W como pode ser visto ai:

 

(...)

Você deve ter ligado ainda um monitor que dependendo do modelo vai ter um consumo de 40W.

(...)

 

De qualquer modo como já citado pelo próprio antonelli3570 ele usa outro UPS de 700VA para ligar o monitor. Até que o dimensionamento não esta tão ruim, embora não seja o ideal.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera,

 

Efetuando mais testes ontem com o nobreak, notei o seguinte (leituras feitas pelo software de gerenciamento do Nobreak):

 

Quando o computador está IDLE, a potencia consumida do nobreak é de 17% a tensão de entrada é de 218V e a de saida é de 108 a 111V

Quando eu exigo 100% de CPU e das duas placas de video, a potencia consumida sobe para 75 a 80%, a tensão de entrada continua em 218 mas a tensão de saida sobe para 127V

 

Logo quando volto o PC para IDLE a tensão de saida volta para os 108V.

 

Pergunta: preciso me preocupar com o fato da tensão subir de 108 para 127V ? Só para esclarecer, ela sobe para 127 mas fica constante, não flutua. 

 

Minha fonte trabalha num range de 90 a 264V.

 

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parte da pergunta já foi respondida por você mesmo, ora se a fonte pode bem operar com qualquer tensão entre 90 a 264 VAC não é uma variação de apenas 19 VAC para mais ou para menos que vai fazer diferença para o fonte.

 

O nobreak provavelmente, faz isso dai, sobe a tensão, fazendo uso de seu estabilizador interno, por pura lógica de funcionamento.

 

É bem simples, quanto maior a tensão, menor a corrente necessária para se obter a mesma potência. Se a demanda da carga for de 691 W como dito por você teremos:

 

691W / 108VAC = 6,3 Ampere

 

ou

 

691W / 127VAC = 5,4 Ampere

 

Relativamente menor portanto.

 

No entanto, é mais provável que isso ocorra devido a eficiência do nobreak que deve ser melhor em determinado carregamento.

Mas não tenho certeza se isso alteraria só o que o UPS efetivamente consome ou se alteraria também a tensão em suas saídas. Fico devendo uma resposta mais precisa aqui!

 

Pode ser também, uma imprecisão por parte do software de gerenciamento do nobreak.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×