Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
crypto 4

RESOLVIDO Toca-discos Sony, resolvi um problema ganhei dois de brinde

Recommended Posts

Olá!

 

Amigos me ajudem.

Gosto de "quebrar o galho", tenho por hobby, mas essa empreitada já sabia que poderia não dar certo.

Meu toca-discos sony ps-lx56br quebrou a agulha. "Tudo bem, é só comprar outra" e fui às melhores casas do ramo só pra descobrir que a agulha é raríssima e muito cara. Trata-se de uma agulha cm-100. Preço? Apenas entre R$ 400,00 e R$ 700,00 reais no Mercado Livre!

 

Minha opção então foi pedir para um técnico trocar o componente que recebe a agulha, mas o preço também era impraticável. "Mas você poderá trocar as agulhas quando quebrarem" ele disse. Sim ele tem razão, mas se for mais econômico comprar um toca-discos novo que consertar uma peça de 1995, vou preferir comprar um novo.

 

Acabei comprando um toca-discos usado para canibalizá-lo e aprovertar-lhe o braço e a agulha, mas não conhecia os pormenores. Assim, resumindo, fiz o seguinte:

 

Abri o meu som, tirei-lhe o braço e os cabos.

 

Os cabos eram em número de três. Um era soldado ao terminal positivo do coaxial que liga o som ao amplificador, caixa direita; o outro ao terminal positivo do coaxial que liga o som ao amplificador, caixa esquerda. O terceiro fio era ligado aos dois negativos dos cabos coaxiais que ligam o som ao amplificador.

 

Abri o toca discos a ser canibalizado. A agulha dele é uma leson 101. Da capsula saem 5 cabos que eram ligados assim: dois cabos para o coaxial esquerdo que liga o som ao amplificador; dois cabos para o coaxial direito. Um fio preto faz terra com o negativo do coaxial esquerdo.

 

Reproduzi a ligação no meu próprio som. Nossa, o som ficou ruim demais. Um som horrível, abafado, a voz do interprete e os arranjos embaralhados todos.

ESSE FOI O PROBLEMA NÚMERO UM, CUJA SOLUÇÃO PEÇO QUE ME AJUDEM. (caixa alta foi só pra dar um destaque, ok?!  Não estou gritando)

 

O problema número dois me deixou encabulado e cabreiro. A fiação do braço do toca-discos não tem contato com a fiação do motor dele, de forma que não mexi e nem alterei e nem lidei com isso. E nem me aproximei disso. Pois quando montei o som, o disco ficou lerdo e pesado. Inicialmente achei que se devesse ao fato do novo braço ser mais pesado e etc, mas suspendi o braço com a alavanca e não ouve alterações (testei com um disco estreboscópico).

 

Troquei o motor do meu equipamento com o motor do equipamento cainibalizado e a rotação voltou ao normal, foi quando percebi que o som estava ruim (eu tinha já percebido que estava ruim, mas achava que era porque o prato estava muito lento).

 

Quem puder me dar uma luz sobre isso, agradeço bastante, pois não entendo o motivo do motor ter ficado lento será que estava a ponto de estragar e por coincidência deu pau naquela hora?

 

O que pode estar havendo para o som estar tão ruim, a ponto de ser insuportavel ouvi-lo? No som antigo, o canibalizado, não havia nenhum tipo de capacitor ou filtro eletrônico na ligação dos fios até os cabos coaxiais que ligam o equipamento ao amplificador. Nenhum dos modelos é amplificado, inclusive. A amplificação é feita no som sony (receiver).

 

Agradeço a quem puder dar uma ajuda.

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu tinha um Sony que usava agulhas Leson 180, mas estas sumiram junto com os vinis. Acho que você está querendo instalar uma tecnologia em outra, talvez por isso não dá certo; caso precise tanto assim de um toca discos, procure em sebos, bazar beneficiente, é mais fácil do que tentar arrumar esse ai.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O problema foi que você não fez testes antes de desmontar o toca-disco comprado!

Acredito que esse Sony não é compatível com qualquer cápsula.

 

Sobre o motor, não sei o que pode ter ocorrido!...Tem que fazer testes nele.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Prezado misterjohn, acho que vou acabar seguindo o seu conselho, mas por outro motivo.

 

Esse som é antigo e estava parado. Tinha um monte de coisas assim aqui. Ai achei que ter um equipamento parado não é bom, não estou aproveitando e alguém está deixando de aproveitar.

 

Então vendi algumas coisas e doei outras e era o que pretendia fazer o esse equipamento que, aliás é (era) muito bom. Por ser tão bom, não quero dar pra sucata ou jogar fora, mas tem hora que o valor de sua paciência perdida é mais caro que o prejuízo do equipamento.

 

Estava mexendo nele agora e algumas coisas tem que ser consideradas:

 

O fato de incorporar uma tecnologia em outra, como você disse, faz sentido. Mas não foi esse o problema.

 

Acabei de ligar a os cabos (não são coaxiais, são RCA, me perdoem o lapso é que estou meio cansado) RCA, invés de ser na entrada PHONO, liguei na entrada CD.

 

Na entrada do CD o áudio está com a nitidez perfeita como era antes (perfeita não para um audiófilo), mas um dos canais não está transmitindo. O som só sai em uma das caixas acusticas.

 

Se inverto a ligação, ou seja, ligo o plug direito na entrada esquerda e vice-versa, a outra caixa passa a funcionar e a que estava funcionando fica muda...

 

Fiz isso na entrada do CD, na entrada do VÍDEO (ele tem essa entrada, é apenas uma auxiliar 2), e na entrada AUXiliar. Mesma qualidade de som cristalina, mas apenas em uma das caixas.

 

 

Se ligar na entrada PHONO é aquela desgraceira. Acho que algum componente dela queimou...

 

Bcpetronzio, sempre vejo suas respostas por ai e sempre com bastante propriedade.

 

Você tem toda a razão em sua observação, mas realmente conforme atualizei acima, o som está claro. O problema do som péssimo era a entrada do receiver PHONO que queimou, talvez por minha culpa.

 

Digo isso quanto a clareza do som, pois descobri que um dos canais de áudio não está transmitindo. Vou ligar o som no esquema antigo para ver se miora.

 

Digo também talvez por minha culpa, porque o phono queimou mas estou escutando agora mesmo o aparelho na entrada de CD, em mono. Áudio cristalino.

 

Vou tentar ligá-lo no esquema antigo pra ver se fica estéreo de novo.

 

Interessante é que os defeitos estão vindo dos locais mais improváveis. Achei que enfrentaria problemas com relação a movimentação da agulha, peso do braço, inclinação e etc, etc. Mas está tudo funcionando bem, exceto os problemas citados. O motor que ficou lento, o áudio que ficou ruim pelo fato do PHONO do som estar problemático e só com o áudio direito.

 

Abração e continuo anotando as dicas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poxa, será muito azar ter queimado a entrada de phono!!!

 

Já presenciei foi mau contato na chave seletora dessa entrada! Dê uma verificada nessa sua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal,

 

Obrigado pela ajuda.

 

Fui testando o cabo RCA do canal faltante na esperança de encontrar uma quebra em sua continuidade. Invés disso achei um curto circuito que desfiz. O som está cristalino e estéreo!!!

 

Resta saber o porque do motor original ter ficado lento. Ele tem um pequeno transistor chamado C1470. Pesquisando no google diz que se trata de um regulador de velocidade. Acho que pifou de velho já que o motor mesmo ainda funciona.

 

O PHONO está pifado mesmo, mas não parece ser coisa grave. Como a entrada vídeo é subaproveitada vou liga-lo lá.

 

Abração. Pode fechar o tópico.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×