Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Recommended Posts

Tudo bem pessoal?

 

 

Bem. Tenho a versão do fortran PGI 7.0-7 instalado em máquinas com Fedora 14, que esta bem antigo né???

 

Agora instalei em uma máquina um Linux Fedora 20_64 mas quando tento instalar o fortran  PGI 7.0-7 recebo uma mensagem erro: unknow glib version. 

Alguém saberia como contornar esse problema?

 

Desde já Obrigado.

César

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@ vamos um pouco antes.

 

Em se tratando do Fortran, especificamente, no opensuse

https://forums.opensuse.org/showthread.php/484811-problem-with-installing-fortran

 

responderam....

 

As The Portland Group compilers are proprietary commercial compilers, I
can only say if I where you I would at the very first step ask their
support.
I can see SuSE 9.3 untill openSUSE 12.2 listed as supported, so at least
you have a chance to get support from them if you have one of that versions.

Em tradução livre: Como os compiladores do Grupo Portland são compiladores comerciais proprietários, o que posso dizer é que, EM SEU LUGAR, eu iria perguntar primeiro ao suporte deles. Como você pode ver, até o opensuse 12.2 é suportado, assim você tem uma chance de ter suporte com eles se tu tens uma daquelas versões

 

 

Qual seja, veja se teu Fedora  é suportado, julgo que não, e daí suporte deles... cuidado com as glibs que eu ferrei o fedora forçando.

 

Normalmente entre o fedora 19 e o 21, tem retrocompatibilidade... se do 18 ao 20, recomendaria instalar o 18, instalar o fortran (se não der pau) e atualizar o sistema, porque do 18 ao 20 o bicho pegou (me fez abandonar o fedora na época)

 

Em tempo:

http://www.pgroup.com/support/downloads.php?release=700

Note that this release is unsupported by PGI.

 

bah.. começamos bem

 

as vezes, basta um link simbólico entre a versão do glib esperada e a versão atual do glib.

 

Tente postar "mais erros" acima ou abaixo desse log. Ou veja se não abre um log dentro do "var/log" sobre o fortran....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ola Amigo

 

Tentei instalar e deu esta dependência:

 

pkgconfig(libpcre) é requerido por glib-2.41.2-1.ram0.99.x86_64

 

Cesar

Desculpe pessoal

 

A minha internet é modem 3g e eu achei que não havia atualizado, pois ficou bem lento e aí acabei repsondendo com a mesma citação várias vezes. Me perdoem.

 

Bem. Sim o PGI é proprietário e tudo o que eu consegui com o suporte da Portland foi que eu deveria instalar uma versão mais nova do fortran. Eu sei que isso vai funcionar, pois já fiz o download da versão 2015 do PGI, e tudo funcionou, mas para essa versão nós não temos a licença, so temos alicença original da versão 7.

 

Bem vou continuar lutando com libs, talvez o link funcione.

 

Obrigado

 

César

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Observou as informações do @ilkyest.... ??

 

-> ftp://195.220.108.108/linux/fedora/linux/releases/20/Everything/x86_64/os/Packages/p/pkgconfig-0.28-3.fc20.i686.rpm

 

Se reclamar mais dependências... ai  pode excluir esses .rpm e tentar instalar o glib via yum ( gerenciador de pacotes)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

pode ser então incompatibilidade da biblioteca com o fortran....

 

terminal:

 

su -c 'yum update'  - enter

 

* já tentei mas nunca consegui utilizar o fedora....

 

uma alternativa -> ao invés do fortran... instale o gfortran...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Marcos;

 

O fato de estarmos insistindo na instalação do fortran da Portland, é que existem já prontos centenas scripts escritos onde invocam o comando pgf90 internamente e também prontas para usarem multiprocessamentos  (MPI). No momento estamos usando como compilador fortran, o da Intel, (ifort), que supre parcialmente parte destas rótinas Realmente também acho que já era tempo de mudarmos para novos programas, haja visto que tanto o fortran quanto MPI podem ser instalados nas novas distros Linux de maneira gratuita, tando no Fedora 21, UBUNTU 14, CentOs 7, este último por sinal acho fantástico. O fato é que tenho que convencer uma legião de programadores para saírem do Fedora 14, onde tudo funciona perfeitamente e tirá-los da zona de conforto é um pouco complicado. 

Se eu fizer funcionar o PGI 7.0-7 no Fedora 20 eu já consigo meio caminho, e o passo seguinte seria a aquisição de uma nova licença para o PGI 2015.

 

Bem eu vou continuar tentando, se eu conseguir eu coloco aqui mágica usada.

 

Agradeço a todos o empenho em ajudar.

 

César

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se o problema for só a glibc, em geral existe retrocompatiblidade nas versões atuais para ABIs das versões anteriores. É um dos poucos pacotes no GNU/Linux que dificilmente quebra outros programas ao ser atualizado.

 

O problema é que sem ter mais informações fica quase impossível dar alguma dica. Pacotes RPM automaticamente versionam todas suas dependências por símbolos, mas não devem usar RPM pelo jeito...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×