Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Luciano K

Nobreak Ragtech com saída alterada

Recommended Posts

Tenho um nobreak Ragtech Infinium Home 1400VA, entrada bivolt automática e saída 110V, o problema é que ele está com a saída em 160V, já revisei a placa, fiz vários testes e não consigo fazer  a saída ficar correta. Caso alguém tenha algo para ajudar agradeço.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como você está medindo isso dai???

Por acaso seria com um multímetro True RMS???? 

Se não for e se seu no-break for do tipo interativo, off line, com geração de forma de onda retangular saiba, infelizmente, que pode estar tudo certo ai e não ter problema nenhum com seu no-break.. Forma de onda decente para energia AC é a senoidal pura..

 

Seu no-break deve operar com a tal de forma de onda senoidal modificada, danosa para fontes mais modernas como aquelas com PFC ativo...

Livre-se disso, isso não vai fazer nada bem para sua config, nem para equipamentos onde se usem transformadores, motores etc e tal..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Faller, para o que é usado esse nobreak está tranquilo. Já tive outros defeitos nesse mesmo modelo, mas esse foi a primeira vez, já revisei todos fets, troquei relés, o LM, revisei diodos, praticamente falta trocar a placa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Está em malha aberta.

O circuito pega da saída e realimenta no microcontrolador. Isso serve para corrigir a tensão de saída. Porém se a trilha eletrônica na placa abrir, o no-break fica em malha aberta. Solta toda a tensão do trafo. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×