Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Placas de som externas, prestam?


Posts recomendados

  • Membro VIP

A Audigy não funciona mais? Algum outro motivo para substituí-la?

 

Existem vários adaptadores USB bons, mas muitos são mais antigos e possuem SNR bom apenas, esta provavelmente usa CM6206, portanto o SNR típico é 97. A Audigy tem SNR 100, portanto ela tem melhor qualidade comparando.

 

No passado codecs\chipset acima de 90 dB eram considerados bons, hoje considero uns 95 porque existem codecs com 110.

 

Esta Xonar STX tem incríveis 124 dB! Mas não é USB. 

 

Uma opção em alguns casos é adquirir um DAC USB, eles são bons para Fones, mas os DACs geralmente não possuem amplificadores integrados, apenas fazem a conversão.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

O problema é que o slot da mobo não encaixa perfeitamente com ela. Uma mexida de fio, e ela desliza, causando BSOD. E estranhamente, ela não tá mais dando som... e não sei o que possa ser. Julgo ser a mobo mesmo, mas não tenho outro pc para testar a placa de som, por isso estou "me preparando" p$icologicamente....

 

eu quero uma com bom SNR visto que vou gravar via entrada de linha. A stock da atual mobo (m4a88td-v EVO usb3) não presta.  A Audigy revelou-se boa... mas to sem usar agora....

 

esses DACS USB... a exemplo, quais são os chips bons deles, pois tenho alguns em casa... e posso dar uma olhada!

 

inclusive tenho um que prometeu converter de analógico para digital, que seria para iPad, mas não funcionou

 

 

Eu queria saber qual o DAC que tem nessa externa que postei....

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

Como disse o dispositivo deve usar um CM6206 (Tem um link que coloquei).

 

Agora esta é uma placa de som mesmo, usando um codec que tem tudo em um, DAC/ADC. Nem todos os DACs USB possuem entradas, apenas saídas. Logo se necessita de entrada provavelmente vai encontrar mais facilmente (e ser mais barato) uma placa de som.

 

Quanto aos chipsets tem que vasculhar a internet, porque existem tantos. Por exemplo o CdH tem uma página que comenta os codecs utilizados nas MoBos, se você verificar tem algumas dezenas e ali tem os mais comuns, porque existem placas off-board, USB, etc.

Usaria a entrada para qual fim?

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

gravar de gravadores e captura de sinal pela claroTV

 

cara..compara meu link e o teu

to achando que é a mesma!!!!

 

Para este caso a placa citada acredito ser suficiente. Porque o audio da ClaroTV já vem "compactado" então tem perda de qualidade, mas pouco perceptível.

 

Off: Pois é... já tinha visto a placa na china... por isso achei mais fácil.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

Na verdade fiz o raciocínio, mas não coloquei ele por inteiro:

 

1. O áudio da Claro TV é compactado, provavelmente usa AAC(HE-AAC).

2. O codec de áudio do decoder não deve ter um SNR maior que o da placa de som citada.

3. Considerando o áudio compactado, a transformação D/A, cabos analógicos e depois transformação A/D e depois codificação novamente em outro formato.

4. Então de pouco adianta colocar uma placa de som com ótimo SNR na ponta para capturar se todo o sinal sofre degradação, ele vai capturar com maior qualidade que a origem. (Mais ou menos como se você tivesse uma TV Full HD, mas somente sinal SD. Funciona, mas não usa todo o potencial da TV, no caso não usaria o potencial da placa)

 

Existe a possibilidade de você capturar o áudio usando Coaxial/Fibra/HDMI, neste caso não tem transformação D/A, você recebe o sinal digital direto e geralmente se consegue maior qualidade. (Para este caso seria mais ou menos como copiar o áudio para seu computador.) Aqui vale a pena ter uma placa melhor, mas nem todos os decoders tem as saídas digitais para isto.

 

No caso de gravadores (K7, VHS,Betamax, Vinil) a resolução deles é entre 6 a 10 bit, portanto a captura está superior a origem. (Aqui vale uma observação: Já experimentei o seguinte, áudio de CD masterizado pelo Redbook (16-Bit) e um FLAC (24-Bit) de um mesmo álbum de Jazz em que o original era analógico. Usando um DAC você consegue perceber que o FLAC é mais rico que o CD. Acredito que neste caso a maior taxa traz maior qualidade na reprodução, mas é perceptível usando um bom DAC. Na placa do PC a diferença era menos sensível, apesar de estar lá)

 

Links Importantes:

 

Bit Depth Devices - Audacity

Bit Depth - Wiki

Audio System Measurements - Wiki

 

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

Na verdade a captura da claro, que não é hd será pelo audio/video mesmo....

 

na verdade a questão central é imagem. Áudio sendo estéreo e tendo agudos, tá bom. Conseguia bons resultados com a enltv-fm3... e usando a audigy, em linux claro....

 

A questão é reprodução. Usarei reprodução de áudio, mp3, e outros formatos, num 3x1. A placa onboard não é boa para isso. O 3x1 é antigo, qqr ruido ele amplifica, mas se a fonte é boa, o bichinho bufa.....

 

Eu escuto também com fones de ouvido, e novamente a onboard não é boa... mas a off era... talvez ela ainda funcione, mas como eu disse, a placa mãe não gosta dela...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

Melhor adquirir uma placa off-board então, ao menos consegue-se reduzir o ruído tanto na captura quanto na reprodução.

 

Nos fones, provavelmente um DAC seria interessante. Tem DACs com PCM2704 (Chipset Antigo presente no próprio datasheet, mas tem SNR 98) funciona via USB e sua implementação é simples. Claro que existem diversos, mas como existem vários tem eles com vários preços. Devo testar um USB semelhante a um pendrive que custa lá fora uns 6 USD, pelo menos se não for bom sei que foi barato. Rs.

 

Vi que viu uma Live!, ela não é ruim, mas tive uma e tinha comportamento semelhante ao que você cita, em alguns casos ela sumia do meus dispositivos... tinha que desmontar e reconectar a bendita. Ela também tem uns problemas com drivers no Windows, mas como você citou usar linux, talvez não tenha o mesmo problema.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

Acho que PCIE mais barata seria uma Asus Xonar DGX.

 

Agora a placa USB inicial não é de todo ruim, como ela deve usar o chipset C-Media o SNR seria 97.

 

A DGX também usa um C-Media, mas o CMI8786 portanto tem SNR 105/103 (Saída e Entrada)

 

Para seu caso acho que não teria grande diferença o SNR para captura e reprodução, a vantagem da placa PCIE é que ela tem um amplificador integrado, assim é possível usar fones com maiores (maior resistência) sem ter o problema de som baixo, por exemplo. 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Visitante
Este tópico está impedido de receber novas respostas.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

 

GRÁTIS: ebook Redes Wi-Fi – 2ª Edição

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!