Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Giovanni Lourenço

RESOLVIDO Fonte: comprar ou não?

Recommended Posts

Olá galera!

 

Primeiramente, gostaria de dizer que esse tema de eletricidade sempre dá um curto-circuito no meu cérebro, pois dificilmente consigo compreender como essas coisas funcionam decerto. Sobretudo na área de informática, que cada peça tem influência para uma outra peça, e que danificar uma talvez signifique prejudicar todo o resto. Por isso mesmo, eu resolvi abrir esse tópico, esperando que os mestres do hardware daqui do fórum pudessem me oferecer subsídios a fim de esclarecer esta dúvida.

 

Meu computador é consideravelmente antigo, e sua fonte de energia é original de fábrica ou seja, antiga. — Para tanto, fui aos poucos trocando algumas peças e modernizando-o; e, com sorte, tudo que troquei até agora não teve nenhum problema ou disfunção. O último produto que comprei foi uma placa de vídeo GeForce 9500 GT que — com sorte também — ainda não instalei, pois soube de última hora que a fonte de energia é indispensável para a instalação da placa de vídeo. Então, devido a minha ignorância no assunto, gostaria que vocês analisassem através das informações que deixarei a seguir: se me é necessário comprar uma nova fonte ou se a que possuo é suficiente para utilizar a GeForce 9500 GT.

 

Atributos do PC:

Placa-mãe: GA-VM900M

Processador: Core 2 Duo (2.66 GHz)

RAM: 2 GB

HD: 1 TB

 

Detalhes da fonte (etiqueta):

IMG_20150824_231024.jpg

 

Grato desde já! :lol:

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nem arrisque! Uma fonte que ROTULA 230W, mas que ninguém pode garantir que entrega pelo menos 180W, o que não seria nem suficiente para alimentar seu PC, você pode perder seu PC inteiro por besteira. Procure fontes de qualidade, recomendo a EVGA 430W, se quer gastar pouco. Fonte sem PFC Ativo, sem 80 Plus, é melhor correr.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nem arrisque! Uma fonte que ROTULA 230W, mas que ninguém pode garantir que entrega pelo menos 180W, o que não seria nem suficiente para alimentar seu PC, você pode perder seu PC inteiro por besteira. Procure fontes de qualidade, recomendo a EVGA 430W, se quer gastar pouco. Fonte sem PFC Ativo, sem 80 Plus, é melhor correr.

 

Obrigado por responder! Eu não entendo muito bem, o que seria esse tal "PFC Ativo" e "80 Plus"?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Essa placa de vídeo precisa de uma fonte que possa fornecer no mínimo (só para ela) 18 ampéres na linha de +12V. Pela etiqueta, essa fonte aí só consegue fornecer 14 ampéres. Ou seja, provavelmente vai abrir o bico quando você abrir uma aplicação que demanda muito processamento 3D.

 

 

 

https://www.clubedohardware.com.br/artigos/tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-a-certificacao-80-plus/1694

 

Sobre o PFC, é difícl de explicar para alguém que não tem conhecimentos de eletricidade e eletrônica básica. Basicamente, o PFC é um circuito eletrônico que serve para corrigir o ângulo de defasagem que existe entre a corrente e a tensão quando esta é aplicada a uma carga reativa. Uma fonte com fator de potência ruim, de 0,5 por exemplo, precisará "puxar" 1000W de potência aparente na entrada para fornecer apenas 500W na saída. Um circuito PFC leva o fator de potência para por exemplo, 0,92. Nesse caso para entregar 500W na saída uma fonte "puxará" 543W. Atenção, não confunda isso com "rendimento", que é outra história.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Essa placa de vídeo precisa de uma fonte que possa fornecer no mínimo (só para ela) 18 ampéres na linha de +12V. Pela etiqueta, essa fonte aí só consegue fornecer 14 ampéres. Ou seja, provavelmente vai abrir o bico quando você abrir uma aplicação que demanda muito processamento 3D.

 

 

 

https://www.clubedohardware.com.br/artigos/tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-a-certificacao-80-plus/1694

 

Sobre o PFC, é difícl de explicar para alguém que não tem conhecimentos de eletricidade e eletrônica básica. Basicamente, o PFC é um circuito eletrônico que serve para corrigir o ângulo de defasagem que existe entre a corrente e a tensão quando esta é aplicada a uma carga reativa. Uma fonte com fator de potência ruim, de 0,5 por exemplo, precisará "puxar" 1000W de potência aparente na entrada para fornecer apenas 500W na saída. Um circuito PFC leva o fator de potência para por exemplo, 0,92. Nesse caso para entregar 500W na saída uma fonte "puxará" 543W. Atenção, não confunda isso com "rendimento", que é outra história.

 

Obrigado pela resposta. Então, segundo o que entendi, esse tal de PFC, quando ele está ativo (existe), "puxa" menos energia à entrada e fornece mais à saída?

 

— editado:

 

Só para não fugir do tema, volto à recomendação do @GuilhermeGB, para a fonte EVGA 430W. Encontrei uma nesse site aqui:

 

http://www.pichau.com.br/fonte-evga-430w-80-plus-white-pfc-ativo-100-w1-0430-kr-box

O que você acha, @LMolinari?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em termos simples, o PFC Ativo "regula" a tensão, controla a oscilação de energia e também ajuda a ter um melhor aproveitamento da energia puxada da tomada, pois muitas vezes a fonte puxa uma certa quantidade de energia mas perde uma grande parte dela também, o selo 80 Plus garante que a fonte aproveita pelo menos 80% da energia puxada, fontes genéricas aproveitam bem menos de 80%.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×