Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
baltazarr96

Carregar baterias 18650

Recommended Posts

Boa tarde, gente

Sou novo aqui no tópico e não conheço as regras de postagem. Se tiver algo errado por favor me desculpe e me avisem!!

 

Minha dúvida é o seguinte

Eu tô montando um amplificador bluetooth

Comprei a placa Tda7492p no aliexpress e queria alimenta-la com 5 baterias 18650 em série (tendo então 18,5v)

Eu poderia usar um carregador de notebook de 19,5v 3.42A para recarregar essas baterias?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poder até pode, mas não é recomendado. Porque o ideal é fazer a carga usando carregadores que tenham sensor para medir a tensão das baterias, principalmente de forma independente, porque baterias de lítio precisam de maior cuidado para ter sua maior vida útil e não explodir.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Informações do "Manual das Baterias Recarregáveis, Pilhas e Carregadores" elaborado por S.T.A. - Sistemas de Tecnologia Aplicada

 

As baterias de Lítio-Íon estão apenas disponíveis em tamanhos limitados, sendo a

mais popular a 18650. “18” indica o diâmetro em milímetros e “650” indica o

comprimento (65 milímetros). Ela tem a capacidade de 1800 a 2000mAh.

 

Conjuntos de Lítio-Íon comerciais contêm um dos mais exatos circuitos de

proteção na indústria de bateria. Esses circuitos garantem a segurança sob todas

as circunstâncias quando nas mãos do público. Tipicamente, um Transistor de

Efeito de Campo(FET) se abre se a tensão de carga de qualquer de qualquer célula

alcançar 4,30 Volts e um fusível é ativado se a temperatura da célula se

aproximar de 90°C(194°F).

A bateria de Lítio-Íon é tipicamente descarregada para 3 Volts por célula. Durante

armazenagem prolongada, contudo, uma descarga abaixo do nível de corte é

possível.

Nem todos os carregadores são projetados para aplicar uma carga uma vez que a

bateria de Lítio-Íon tenha caído para menos de 2,5 Volts por célula. Quanto mais

células conectadas em série, mais complexo o circuito de proteção se torna.

Quatro células é o limite prático para aplicações comerciais. O circuito de proteção

interno de um telefone celular quando na posição “ON” tem uma resistência de 50

a 100 mΩ. O circuito normalmente consiste em dois comutadores ligados em

série. Um é responsável pelo corte em sobrecarga e o outro pelo corte em

subtensão. A resistência combinada desses dois dispositivos virtualmente dobra a

resistência interna do conjunto de baterias, especialmente se apenas uma célula é

usada.

Alguns pequenos conjuntos de Lítio-Íon com química de manganês, contendo uma

ou duas células, podem não incluir um circuito de proteção eletrônico. O

manganês é mais tolerante que os outros sistemas, se sobrecarregado. A ausência

de um circuito de proteção economiza dinheiro, mas um novo problema surge.

Usuários de telefones celulares têm acesso a carregadores que podem não ser

aprovados pelo fabricante da bateria. Disponível a um baixo custo para carro e

viagem, esses carregadores podem depender de um circuito de proteção da

bateria para terminar à carga completa.

Sem o circuito de proteção, a tensão da célula da bateria aumenta demais e

sobrecarrega a bateria. Aparentemente ainda segura, um dano irreversível na

bateria freqüentemente ocorre. Aumento do aquecimento e “inchaço” da bateria

são comuns sob essas circunstâncias. Tais situações devem ser evitadas a toda

hora. Os fabricantes estão freqüentemente perdendo dinheiro quando precisam

trocar essas baterias sob garantia.

 

Baterias de Lítio-Íon com eletrodos de cobalto, por exemplo, requerem proteção

completamente segura, principalmente considerando que eletricidade estática ou

um carregador danificado pode destruir o circuito de proteção da bateria.

Tal dano freqüentemente faz com que o circuito de proteção comute para a

posição “ON” sem conhecimento do usuário. Uma bateria com um circuito de

proteção defeituoso pode funcionar normalmente, mas não fornece a segurança

exigida. Se carregada além dos limites seguros de tensão com um carregador mal

projetado, a bateria pode se aquecer, então se expandir e em alguns casos abrir

com chama. Dar curto em tal bateria pode também ser perigoso.

Fabricantes de baterias de Lítio-Íon se privam de mencionar explosão. “Abertura

com chama” é a terminologia aceita. Embora mais lenta na reação do que na

explosão, a abertura com chama pode ser muito violenta. Isso pode danificar o

equipamento onde a bateria estava conectada.

A maioria dos fabricantes não vende as células de Lítio-Íon soltas, mas as

disponibilizam em um conjunto de bateria, completa com circuito de proteção.

Essa precaução é compreensível quando se considera o perigo de explosão e fogo

se a bateria é carregada e descarregada além dos seus limites de segurança.

A maioria das casas montadoras de baterias devem certificar a montagem do

conjunto e do circuito de proteção pretendidos a serem usados com o fabricante

antes desses itens serem aprovados para venda.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@baltazarr96 ,

 

Você quer alimentar um amplificador de 80 Wrms a partir de 5 baterias 18650 ???????

 

Não vão durar nem 1 minuto.... isso vai puxar mais de 4A dessas baterias !

 

Paulo

 

 

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@baltazarr96 ,

 

Repare que ele alimentou com apenas 12 Volts, e nesse caso a potência será BEM menor, cerca de 15 watts.

 

voce pode usar apenas 4 baterias, e vai funcionar por algumas dezenas de minutos em volume alto ok ?

 

Paulo

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@aphawk

 

Eu queria usar 5 em série para poder carregar diretamente com fonte de notebook (19,5V 3,42A), entendeu?

Mas já que falaram que não é bom carregar assim diretamente, acho que só vou ligar a placa direto na fonte (aí perderia um modo "portátil" da placa)

Eu ví que a placa funciona de 12~25V então não tem problema nenhum ligar 19,5v né??

 

Editado por baltazarr96

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@baltazarr96 ,

 

São baterias de lítio, e nunca podem ser ligadas diretamente à uma fonte !

Elas precisam de um tipo adequado de circuito de carga.

 

Quanto ao amplificador, voce pode ligar qualquer tensão até 25 Volts, mas não vejo sentido, veja que o próprio autor do projeto não passou dos 12 Volts.

 

A capacidade de corrente dessas 18650 é quase a mesma das baterias de Ni-Mh que o autor usou, então não pense que voce vai ter um volume maior, pois isso vai exaurir suas baterias bem mais rápido do que se voce utilizasse apenas 12 Volts.

 

Nãp vejo vantagem em usar mais do que 4 baterias, principalmente pelo fato de que existem carregadores que permite  carregar as quatro juntas, com conexões individuais em cada uma para equalizar a tensão para que todas tenham exatamente a mesma capacidade de carga. 

 

Em Aeromodelismo utiliza-se muito associações de 2,3 e 4 baterias de lítio, são conhecidos como 2S, 3S e 4S. A capacidade delas vai desde 800 mAH até mais de 7 AH. Essas 18650 comuns que temos em nosso mercado são totalmente falsas, embora estejam escrito capacidades como 2500, 3000 e até 4000 mAH elas difícilmente chegam a 1500 mAH.

 

As melhores são as ENELOP da Panasonic, sendo as mais potentes de cerca de 2400 maH, mas custam bem caro... 

 

Para carregar essas baterias da maneira correta, eficiente, e que permite voce usar a sua fonte de notebook como energia principal, sem correr risco de explosão e incêndio ( acredite, isso é algo bem frequente... ) existem placas de circuito próprias, como esta para 4 baterias :

 

http://www.batteryspace.com/pcbfor148vli-ionbatterypack5alimitwithfuelguagesocket.aspx

 

 

Para 5 baterias, temos esta aqui :

 

http://www.batteryspace.com/PCB-for-18.5V-Li-Ion-Battery-Pack-4A-limit.aspx

 

 

Ou voce pode carregar as suas baterias com um carregador externo baratinho, que não é uma maravilha mas funciona razoavelmente, deste tipo aqui, existem muitos aparelhos externamente diferentes mas todos usam o mesmo circuitinho de carga :

 

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-711141302-carregador-duplo-p-baterias-li-ion-18650-37v-lanterna-led-_JM

 

Para concluir, bons carregadores custam caro... Eu tenho um com software modificado que permite carregar até 5 baterias dessa ao mesmo tempo, mas tive de inventar uma associação de 5 soquetes individuais em série  e usar um fio em cada emenda, além dos das pontas, totalizando 6 fios ligados ao carregador.... É algo que só quem já praticou modelismo conhece hehehe !

 

 

Paulo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@aphawk

 

A intenção de usar a fonte de 19,5v é que eu já tenho uma aí não precisaria comprar uma de 12v :D

 

Mas aí, muito obrigado pela ajuda, cara!!

Se eu não pesquisasse iria acabar explodindo as coisas aqui hahahaha

Valeu mesmo!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×