Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Flavia Dutra

Boletim 1.521 – 07/06/2016

Recommended Posts

Boletim do Clube do Hardware | www.clubedohardware.com.br

Boletim 1.521 – 07/06/2016

Editado por Flavia Dutra

boletim@clubedohardware.com.br

Proibido Copiar ou Republicar - www.clubedohardware.com.br/pagina/legal

 

Índice

1. Os mitos do dinheiro

2. Assine os canais do Clube do Hardware no YouTube!

3. Intel está trabalhando na criação de sistema de “computação ambiente” no estilo J.A.R.V.I.S.

4. Porsche Design cria dispositivo dois em um da Microsoft

5. Facebook desenvolve sistema de inteligência artificial que aprende como o usuário se comunica

6. Google e instituto de pesquisa pretendem criar “botão vermelho” para desativar algoritmos maliciosos em I.A.

7. Atari e empresa francesa produzirão produtos de internet das coisas

 

------------------------------------------------------------

 

1. Os mitos do dinheiro

 

Conheça o mais novo livro de Gabriel Torres, "Os mitos do dinheiro", repleto de histórias pessoais, onde ele conta a sua maneira de pensar e agir que o permitiram atingir sua independência financeira.

 

Apenas R$ 9,99.

 

Confira:

https://www.clubedohardware.com.br/pagina/livro25

 

 [Informe publicitário, texto de responsabilidade do anunciante]

 

------------------------------------------------------------

 

2. Assine os canais do Clube do Hardware no YouTube!

 

Canal do Clube do Hardware: http://bit.ly/1DcKirn

 

Canal pessoal do Gabriel Torres: http://bit.ly/1Bb9xFU

 

[Informe publicitário, texto de responsabilidade do anunciante]

 

------------------------------------------------------------

 

3. Intel está trabalhando na criação de sistema de “computação ambiente” no estilo J.A.R.V.I.S. 

 

De acordo com Navin Shenoy, chefe de produtos para consumidores da Intel, a empresa está trabalhando na descoberta de um sistema que funcione como o J.A.R.V.I.S., inteligência artificial criada nos quadrinhos e no filme do Homem de Ferro.

 

Shenoy disse que esse salto na computação não se limitará a computadores, incluindo também tablets e smartphones, e que é fã da noção de “computação ambiente”, que não depende de um formato específico e está ao redor das pessoas.

 

Além disso, Shenoy afirmou que ainda há problemas que precisam de solução para que a computação ambiente seja inserida, como disponibilizar para qualquer aparelho capacidades de processamento com pouco uso de energia, porém com alto desempenho. É preciso também encontrar formas eficientes de distribuir cargas de trabalho entre o que deve ser processado nos dispositivos e o que depende dos servidores e dos algoritmos, bem como resolver questões de conectividade com a internet e outras plataformas.

 

Navin comentou que as novidades não dependem apenas de smartphones e que a Intel se envolverá em todos os aspectos do processo de desenvolvimento do sistema, se for apta.

 

A Intel anunciou em maio de 2016 a demissão gradativamente até 2017 de cerca de 12 mil funcionários em todo o mundo e foco em dispositivos vestíveis e na Internet das Coisas.

 

Mais informações:

http://engt.co/1TY7qPV

 

------------------------------------------------------------

 

4. Porsche Design cria dispositivo dois em um da Microsoft

 

A Porsche Design revelou que está desenvolvendo um dispositivo dois em um (notebook e tablet) da Microsoft.

 

Segundo informações disponibilizadas pela Porsche até o momento, o dispositivo terá tela de 10 polegadas, o sistema operacional Windows 10 com todas as funcionalidades, como o Windows Hello 2.0 e Cortana, porta USB tipo C e processador Core M.

 

A empresa comentou ainda que o novo dois em um será lançado no final de 2016, porém não revelou o preço.

 

Mais informações:

http://bit.ly/1UkkADU

 

------------------------------------------------------------

 

5. Facebook desenvolve sistema de inteligência artificial que aprende como o usuário se comunica

 

O Facebook anunciou a criação do DeepText, um sistema de inteligência artificial capaz de ler e analisar os textos das postagens antes mesmo da publicação, com o objetivo de oferecer soluções para as necessidades dos usuários.

 

O novo sistema tem capacidade de ler e entender sentenças completas, na ordem e no contexto, e aprender a forma como o internauta se comunica.

 

Além disso, o Facebook informou que o DeepText está sendo configurado para aprender gírias e palavras parecidas com significados diferentes.

 

Esse sistema de inteligência artificial estará presente em praticamente todos os serviços do Facebook, como postagens no feed de notícias e nas mensagens.

 

O DeepText abrange mais de 20 línguas e usa várias arquiteturas de redes neurais profundas, incluindo as convolucionais e as recorrentes.

 

O sistema ainda não está em funcionamento.

 

A inteligência artificial aprende sozinha de forma gradual, ficando mais inteligente e complexa com o tempo.

 

Mais informações:

http://bit.ly/25yFzLs

 

------------------------------------------------------------

 

6. Google e instituto de pesquisa pretendem criar “botão vermelho” para desativar algoritmos maliciosos em I.A. 

 

O Google Deepmind e o instituto The Future of Humanity divulgaram um estudo que aponta como a humanidade poderia parar um algoritmo perigoso de inteligência artificial.

 

A pesquisa apontou ainda que para desativar a inteligência artificial será necessário programar uma espécie de “botão vermelho” de emergência que o próprio algoritmo ative ao ser persuadido. Os cientistas acreditam que instalar um sistema de interrupção ou um gatilho que um humano possa acionar em caso de emergência deve evitar problemas em situações confusas que levem a inteligência artificial a se comportar de forma imprópria. O gatilho ou a política de interrupção devem ser de conhecimento exclusivo dos criadores do sistema, evitando que qualquer um possa afetar o software.

 

Em uma pesquisa de 2003, uma inteligência artificial percebeu, durante o jogo Tetris, que jamais perderia se mantivesse o jogo pausado.

 

Mais informações:

http://bit.ly/1UmYAbC

 

------------------------------------------------------------

 

7. Atari e empresa francesa produzirão produtos de Internet das Coisas

 

A marca do console mais popular dos anos 80, Atari anunciou parceria com a Sigfox, empresa francesa especialista em produtos voltados para a Internet das Coisas através de redes sem fio, com o objetivo de desenvolver equipamentos para automação de casas.

 

A Sigfox licenciará a Atari, inserindo a marca em uma série de produtos, como GPS, medição de temperatura e botões de pânico, todos conectados à sua rede.

 

Segundo estimativas, os produtos serão fabricados ainda este ano, porém detalhes sobre eles não foram revelados.

 

A rede da Sigfox só funciona na Europa, mas deverá ser expandida para os Estados Unidos e na Austrália em algum momento.

 

Mais informações:

http://bit.ly/1Us37fC

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×