Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Zendion

Circuito conversor ca/ca

Recommended Posts

Olá boa noite a todos primeiramente :thumbsup:

Estou desenvolvendo um projeto conversor CA/CA para fazer uma rede trifásica com um arduino acionando os gates dos TRIACs para chavear e controlar a frequência de saída.

Esquema no proteus

Coloquei transistores no esquema para simular apenas mas pretendo usar o BT136-600D.

Minhas dúvidas são:

1. O arduino consegue acionar esse triac?

2. O capacitor de entrada está correto?

3. Preciso usar Snubber?

Espero que entendam ;)

Quem puder ajudar fico grato!!

 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
23 minutos atrás, Zendion disse:

Olá boa noite a todos primeiramente :thumbsup:

Estou desenvolvendo um projeto conversor CA/CA para fazer uma rede trifásica com um arduino acionando os gates dos TRIACs para chavear e controlar a frequência de saída.

Esquema no proteus

Coloquei transistores no esquema para simular apenas mas pretendo usar o BT136-600D.

Minhas dúvidas são:

1. O arduino consegue acionar esse triac?

2. O capacitor de entrada está correto?

3. Preciso usar Snubber?

Espero que entendam ;)

Quem puder ajudar fico grato!!

 

Acho que você não sabe o que está fazendo.

Este circuito nem tem triacs. E os chaveadores aí presentes nem sequer possuem Gates. 

 

Se você está fazendo estas perguntas é porque vai queimar transistores e arduinos durante uns 6 meses, até aprender como realmente funciona. 

 

Boa sorte! 

 

 

 

QyAx2Qu.png

 

1. O arduino consegue acionar esse triac?

Vai precisar de circuitos Drivers de transistor. Nem sequer tem triacs neste esquema 

 

2. O capacitor de entrada está correto?

Depende da potência que será extraída e do valor de ripple que você deseja.

Se tratando de um transistor que só suporta 5 amperes e no máximo 100 volts, não será possível extrair mais do que 300 watts. 

 

3. Preciso usar Snubber?

Precisa sim. 

 

 

 

O que é pior:

Terá que acionar estes transistores em PWM modulado em senoidal, o que será bem complexo para alguém que faz perguntas tão primárias. 

 

Editado por albert_emule
  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em primeiro lugar Triacs em corrente contínua não funcionam (pelo menos para o que você quer).

O arduíno deve ser isolado da rede elétrica, caso contrário vai queimar rapidinho.

O correto é usar transistores IGBT (porta isolada).

BJTs com opto acopladores até funcionam, mas não fica grande coisa.

 

Um inversor como esse é algo que deve ser bem projetado, senão só vai queimar componentes devido a alta tensão e corrente.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Mestre88 disse:

Em primeiro lugar Triacs em corrente contínua não funcionam (pelo menos para o que você quer).

O arduíno deve ser isolado da rede elétrica, caso contrário vai queimar rapidinho.

O correto é usar transistores IGBT (porta isolada).

BJTs com opto acopladores até funcionam, mas não fica grande coisa.

 

Um inversor como esse é algo que deve ser bem projetado, senão só vai queimar componentes devido a alta tensão e corrente.

 

Os transistores BJTs funcionam bem também. Tão bem quanto IGBTs.

Só que iria precisar de um transformador de pulsos para cada par de BJT, sendo que o transformador tem que ter uma realimentação positiva:

A corrente de coletor do BJT tem que passar por uma bobina que fica no próprio trafo de pulso que aciona a base do BJT, veja como fica: 

13617998_928822237245750_1145036268_n.pn

Daí quando é feito o disparo no primário, a própria realimentação se encarrega de fazer o resto, chaveando a base em alta velocidade, fazendo o BJT acionar a carga com um Rise time e Fall Tieme muito bom. A realimentação desliga quando os dois polos da bobina primária são postos em Zero VCC. O próprio CI controlador de PWM tem capacidade para dar este comando. 

Ou mesmo poderia ser implementado no arduíno. Mas veja que é mais complexo.

Este trafo de pulso aí não é feito de qualquer jeito. Tem que ser muito bem calculado. 

A entrada deste trafo costuma ser de 12V e a saída de apenas 3V. 

Para um BJT destes chavear com capacidade máxima na saída, precisa de pelo menos 5% de corrente na base em comparação ao coletor.

Circularia 1A na base para entregar 5 amperes.

Como a tensão de saída do trafo é 4 vezes menor que a tensão de entrada, a corrente na entrada será de 250mA.

2 transistores BC337 serviram de driver para o trafo de pulsos, e com bastante folga. 

 

Fica bem complexo. Além do mais só será possível acionar os transistores com no máximo uns 70 a 75% de Duty-cycle, o que pode se revelar um problema. Por isso fica mais viável usar mosfets ou IGBTs 

 

 

 

As informações que vou dar a seguir, servem apenas a mérito de curiosidade. Nos dias atuais não fazem sentido algum.

Triac também funcionam em DC e funcionariam num inversor hehehe. Só que se tratando de tiristor, o mais adequado para inversor seria um SCR. Eram usados quando os transistores custavam caros ou não existiam no mercado. 

 

Eu mesmo cheguei a ver um inversor senoidal de 10Kva usando SCR como chaveador. 

Existem algumas  técnicas para se fazer um SCR desligar quando está chaveando corrente contínua. A mesma técnica também funcionaria num Triac.

Mas o circuito termina ficando complexo e caro. 

 

 

 

 

Editado por albert_emule

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×