Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Gabriel Velloso Neves

Alarme para tensões de bateria

Recommended Posts

Primeiramente obrigado pela atenção!

Estou tentando fazer um alarme/medidor que apite ou mande um pulso de nível alto para algum circuito quando uma bateria atingir 3.2v (seria bom se eu pudesse ajustar para 3.2v, 3v, e 2.9v).

Também preciso de um que mande um pulso de nível alto quando uma bateria chegar a 4.2v. Acredito serem dois circuitos diferentes.

 

Pensei na ideia de usar um amp op na configuração de comparador, mas não sei como colocar as tensões de referência. Talvez o circuito anexado pode ser adaptado. Seria bom se a alimentação pudesse ser feita por ci 78xx.

 

Agradeço imensamente as ajudas.

Captura de Tela (24).png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O caminho é exatamente esse aí.

Mas como você vai trabalhar com valores quebrados, eu sugiro que você alimente o circuito com um 7809 (Sugestão sua aí no desenho) e no lugar desse resistor e desse zener coloque um potenciômetro.

Para cada valor de tensão um AmPop e um potenciômetro diferente deve ser usado. Se todos eles forem ativar o mesmo Buzzer, é só você usar diodos para somar as saídas.

As entradas dos AmPop's devem ser todas ligadas juntas através de resistores.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Gabriel Velloso Neves disse:

@Mestre88  Certo, mas qual o valor do potenciômetro? E ligo nas entradas inversoras mesmo a referência?

 

O valor do potenciômetro, depende da tensão de alimentação e de qual Amplificador Operacional você vai usar.

No caso desses mais conhecidos como LM741, LM324, LM358 ou CA3140 eu sempre uso de 10Kohm, mas se ligar outro maior vai funcionar também.

 

Sobre as entradas Inversoras e Não inversoras, é só seguir o exemplo do desenho que é justamente o que você quer.

Se ligar ao contrário, a saída ficara alta quando o valor da bateria estiver abaixo da referência.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pode, só que aí o circuito muda um pouco. 

Existe duas maneiras de se fazer:

A mais fácil que é aumentar a tensão de alimentação do circuito, e regulando novamente o potenciômetro para a tensão desejada. 

A segunda maneira eu acho melhor, pois o circuito fica mais estável. Ele continua sendo @alimentado com 5V. Se trata de colocar outro potenciômetro na outra entrada do comparador, este deve ser regulado de maneira que a bateria maior se pareça com a menor, isto é, um valor proporcional (na bateria teremos 12V, mas no comparador continuamos com 3,7V).

Não entendi esse teu esquema, o que significa esse regulador de corrente em paralelo com a bateria? 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse é um circuito que funciona como "medidor" de mAh de baterias. Eu ligo um cronômetro e meço a corrente constante e no final, quando o alarme soar eu pego o tempo em horas e multiplico pela corrente em A. Não saquei muito bem a ideia proposta para alterar o circuito. Seria colocar um potenciômetro em série com a entrada positiva? Eu tenho vários outros reguladores de mais alta tensão, como 7815, e a fonte é regulável.

Editado por Gabriel Velloso Neves

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
14 minutos atrás, Gabriel Velloso Neves disse:

Não saquei muito bem a ideia proposta para alterar o circuito. Seria colocar um potenciômetro em série com a entrada positiva?

Não.

A ideia é colocar um segundo potenciômetro na entrada negativa, onde o terminal do meio vai no CI, e os outros dois um em cada terminal da bateria.

Você deve regular para acionar o alarme com a bateria carregada. Assim não precisa mexer nem na tensão de alimentação e nem no resto do circuito.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Mestre88 disse:

Não.

A ideia é colocar um segundo potenciômetro na entrada negativa, onde o terminal do meio vai no CI, e os outros dois um em cada terminal da bateria.

Você deve regular para acionar o alarme com a bateria carregada. Assim não precisa mexer nem na tensão de alimentação e nem no resto do circuito.

Mas o circuito é pra avisar a descarga, a carga já tem no próprio carregador.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tem algo de errado acontecendo. Quando a tensão começa abaixar de 3,1v a corrente passa a diminuir. Como a tensão sobre o resistor é de 1,25v, e a tensão na bateria vai até 2,9v, por que a corrente começa a cair?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Então regula o potenciômetro, para acionar o alarme quando a bateria estiver descarregada. Eu me confundi, já que no começo você disse que precisava de 2 circuitos diferentes. 

Mas ainda não entendi como funciona o regulador em paralelo com a bateria, isso aí pra mim não existe. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ele funciona como regulador de corrente, limitando a corrente, logo se eu colocar em curto fica um regulador de corrente constante. Se ligar a bateria em paralelo nele ele limita a corrente da bateria, assim eu meço a quantidade Ah. Mas esse problema que está acontecendo, da corrente diminuir, o que pode ser? Algum defeito ou algo assim?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Gabriel Velloso Neves disse:

Ele funciona como regulador de corrente, limitando a corrente, logo se eu colocar em curto fica um regulador de corrente constante. Se ligar a bateria em paralelo nele ele limita a corrente da bateria, assim eu meço a quantidade Ah. Mas esse problema que está acontecendo, da corrente diminuir, o que pode ser? Algum defeito ou algo assim?

 

A parte em negrito responde sua pergunta, por isso achei estranho. Esse regulador consome a carga da bateria, por isso a corrente diminui. Geralmente eu vejo esses reguladores em série com a bateria e o carregador, não assim.

Editado por Mestre88

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
38 minutos atrás, Mestre88 disse:

 

A parte em negrito responde sua pergunta, por isso achei estranho. Esse regulador consome a carga da bateria, por isso a corrente diminui. Geralmente eu vejo esses reguladores em série com a bateria e o carregador, não assim.

 

Não, no caso o lm317 dissipa "a tensão" da bateria para sobrar os 1.25v em cima do resistor. Quando eu ligo a bateria nele, a corrente se mantem desde 4.2v até 3.1v, depois disso a corrente começa cair. Se ainda tem mais de 1.25v na bateria, qual o motivo da corrente começar cair, se o regulador dissipa o "que sobra"?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Entenda que o Regulador é uma carga, quando a bateria chega em 3,1V além de ter perdido sua capacidade de tensão, ela perdeu também sua capacidade de corrente.

Seu LM317 não dissipa nada, ligado dessa maneira se torna um divisor de tensão com diodo zener de 1,25V

Depois disso ela vai perdendo a corrente cada vez mais rápido até zerar.

Isso é o mesmo caso de baterias fracas que ainda contém sua tensão nominal, porém não é possível alimentar uma carga com ela. Pois o que perdeu foi sua capacidade de corrente, se for uma bateria recarregável ao carregar sua corrente volta ao normal, pois os elétrons são devolvidos ao lugar de onde vieram.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 17/07/2016 às 18:59, Mestre88 disse:

Entenda que o Regulador é uma carga, quando a bateria chega em 3,1V além de ter perdido sua capacidade de tensão, ela perdeu também sua capacidade de corrente.

 

 

Concordei com você e fui fazer testes, mas dessa vez com uma fonte de bancada. Infelizmente não é o que está acontecendo. Com a fonte ligada, regulei em 3.2v, e quando começou chegar em 3.1v a corrente começou cair. Testei só a fonte e ela não perde a capacidade de oferecer corrente com 3.1v, continua normal, mas o circuito com o Lm317 como controle de corrente cai a corrente.

 

Espero que mais alguém possa nos ajudar nesse problema.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Um detalhe a mais que possa ajudar a me ajudar a solucionar esse dilema:  A tensão de referência, de 1,250v, está em 1,246v, o que é dentro da tolerância, e quando a corrente começa cair essa tensão de referência cai também.

Espero que consigam me ajudar!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×