Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Bruno Ulivi

"baking"/"cozinhar" a placa de vídeo para consertá-la... mito ou não?

Recommended Posts

Olá,

Recentemente minha Geforce 560 começou a surgir uns artefatos roxos durante o jogo, daí travava com mais frequência, tinha que reiniciar o pc, até o dia em que o pc nunca mais chegou na tela do windows. Enfim, a vida útil dela se foi.

Tendo isto em vista, gostaria de tentar todas as possibilidades para consertá-la, dado que não quero comprar uma nova pois o preço das placas de vídeo estão exorbitantes. 

Pesquisando na internet, li sobre um método que se chama "baking" que nada mais é que inserir tua placa de vídeo no forno a alta temperatura e ver ela milagrosamente voltar a funcionar. A explicação para isto é que talvez seja algum problema na solda/chip e a alta temperatura faça com que elas se encaixem no lugar novamente.

Gostaria de saber se alguém já fez/já ouviu falar desse método ou se é mito puro?

Muito obrigado!

Obs: Aqui vai um vídeo mostrando alguém executando isto: 

 

Editado por Bruno Ulivi

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que seria algo arriscado, se aquecer a placa a ponto de derreter a solda, os componentes cairão, fora o risco da solda derretida vir a formar um curto circuito, podendo a placa em curto queimar o slot da placa-mãe na hora do teste...

 

Se fosse pra tentar algo assim eu tentaria com uma estação de ar quente, ou no mínimo um soprador térmico, Aquecendo apenas os chips de memória e protegendo os componentes ao redor com fita kapton

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×