Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Igor Rover

Determine o valor de r no circuito abaixo.

Recommended Posts

Determine o valor de R no circuito da figura abaixo, sabendo que sobre o resistor deverá haver uma queda de VR de 2volts (sentido indicado na figura); Use qualquer do métodos aprendidos, indicando os cálculos para chegar a reposta final.

Sou um leitor do Clube do Hardware a muito tempo, se alguém puder me ajudar nessa questão serei eternamente grato. Se possível com a lei dos nós e de kirchoff. desde já agradeço.

IMG_20161124_104649549.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Resposta pronta não terás meu caro.. posso te dar uma dica

 

vocÊ terá que isolar uma fonte, a outra... e depois você terá a queda de tensão resultante destas duas, para você saber o valor de R

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Então , veja e me diz o que acha, se você sabe, 

 

Malha 1 

-14 + 4i + 3i + 9 - 3i² = 0

7i - 3i² = 5

Malha 2 

-9 + 3i² + 2 - 3i = 0

3i² - 3i = 7

 

4i = 12i = 12/4 i = 3

 

Subistituindo i em i

 

7(3) - 3i² = 5

2i - 3i² = 5

 

-3i² =5 -21

i² = -16/-3 

i² = 5,33

 

R = V/I = 2/5,33     R = 0,375 ohms

 

o que achas , seria isso , ou devo arrumar algo, alguém pode ajudar?

 

 

 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Faça o teste inverso.... agora aplique o valor que tu encontrou com as variáveis. Deve fechar se estiver certo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Igor Rover ,

 

Eu prefiro resolver usando apenas a lógica :

 

Para ter 2V sobre o resistor desconheçido R, significa que :

 

- tem 7V sobre o resistor de 3 ohms. - corrente nele é de 7/3 = 2,333 A

- tem 12V sobre o resistor de 4 ohms. - corrente nele é de 12/4 = 3 A

 

As duas correntes tem o mesmo sentido, e então devem ambas passar pelo resistor R.

 

Portanto, sobre o resistor R passam 3 + 2,333 = 5,333 A.

 

Oras, se a queda de tensão é de 2 Volts, o valor dele deve ser de 2/5,333 = 0,375 ohms.

 

Então seu resultado usando Kirchoff bateu com o meu ....

 

Paulo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Paulão estranhamente nossas mentes se uniram. Antes de ver sua resposta fiz mentalmente o mesmo caminho (mas não quis tirar o prazer do garoto descobrir por si) e cheguei na mesma resposta e sabe qual outra conclusão cheguei? Que não me lembro absolutamente mais nada das teorias do kirchof. É mole ou quer mais? Se quer mais... nunca nestas décadas  de profissão neste ramo precisei dela. kk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Isadora Ferraz disse:

Paulão estranhamente nossas mentes se uniram. Antes de ver sua resposta fiz mentalmente o mesmo caminho (mas não quis tirar o prazer do garoto descobrir por si) e cheguei na mesma resposta e sabe qual outra conclusão cheguei? Que não me lembro absolutamente mais nada das teorias do kirchof. É mole ou quer mais? Se quer mais... nunca nestas décadas  de profissão neste ramo precisei dela. kk

 

KKKK pior que comigo aconteceu a mesma coisa ... eu misturei Thevenin com Kirchoff e me perdi todo, aí resolví usar a lógica mesmo ! Também... mais de 30 anos sem usar isso .....

 

Realmente, eu nunca precisei usar nem Thevenin e nem Kirchoff depois de formado. Só na faculdade no quarto ano no estudo de Matrizes de transcondutância dos quadripolos é que usei um pouco de Thevenin. Mas Kirchoff mesmo nunca mais depois do meu segundo ano de faculdade kkkk !

 

Paulo

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
36 minutos atrás, aphawk disse:

transcondutância dos quadripolos

:eek:

 

EU VI EM introdução à engenharia elétrica, por isso que não quis dar mais informações (isso foi em 2004) porque o alzheimer já tá pegando

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@ilkyest ,

 

Bem Off-topic :

 

Hehehe para falar a verdade, foi uma das coisas mais complicadas que eu poderia ter aprendido ... E faz parte dos 90% do aprendizado inútil, tudo coisas que eu nunca usei na vida !

 

Já falei várias vezes que a única coisa que eu acredito que valeu a pena em fazer Engenharia Eletrônica é a fixação do método analítico, aquilo que eu chamo de "cabeça de engenheiro", que é desmontar um problema grande em vários pequenos para facilitar a resolução. Na área de conhecimento específico de eletrônica, não aumentou nem 30% o que eu já conhecia quando entrei. 

 

Sempre fui autodidata, sempre lia muito, montava muitos circuitos, até microprocessadores eu aprendi na prática antes de aprender na faculdade. Meu diploma só serviu para dar crédito ao conhecimento que eu tinha.

 

Por isso que eu insisto sempre em dizer que para aprender não é obrigatório fazer uma escola, ainda mais nos dias de hoje, em que se acha tudo na Internet, e de graça !!

 

Mas infelizmente aqui se julga primeiro pelo diploma, e sem ele não se tem chance de mostrar o que se sabe....

 

Como eu queria ter meus 18 anos nos dias de hoje ,,,,, !!!!!

 

Paulo

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×