Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Arthur2345678

AR Condicionado de 12.000 btus

Recommended Posts

Elgin

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O melhor que tem é Carrier, usam serpentinas de cobre (acredito que LG também, más precisa confirmar) duram muito mais que as dos equipamentos mais baratos, que são em alumínio. Isso é crítico se você morar no litoral e quiser um aparelho que dure mais do que 2 anos.

Se for um equipamento para ser utilizado por longos períodos, pegue o que possuir a melhor eficiência energética possível. Essa diferença já paga a diferença de custo entre aparelhos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parece que o inverter também é mais econômico porém mais caro, mas uma coisa vai viabilizar a outra.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Até quanto que um ar condicionado que é inverter, com motor Brushless de imã permanente, é mais eficiente que um ar comum com motor de indução tradicional? 

 

De um lado você tem um aparelho que quando dá defeito, adeus. É sucata.

Do outro você tem um aparelho tradicional que qualquer zé da esquina faz o reparo. 

 

O inverter geralmente não desliga o compressor. Ele estabiliza potência ao ponto ideal e por isso pode passar uma imagem de que é mais econômico. Pois se ele tem potência de 800 watts e o ambiente só exige a metade da capacidade dele, ele ficará em 400 watts constantes. 

 

Já o tradicional, se tem potência de 800 watts, unica coisa que vai fazer é ligar os 800W e desligar quando resfriar.

Se o ambiente exigir apenas metade da capacidade deste aparelho, ele vai trabalhar por apenas 50% do tempo, mantendo uma média de potência em 400 watts. Mas quem medir a potência, estará aferindo sempre 800 watts. Pois estes aparelho mais tradicional controla a potência apenas ligando e desligando. 

 

Por isso acho que pode enganar.  

adicionado 5 minutos depois

Chega daquele disse e me disse. 

O INMETRO disponibiliza uma tabela de eficiência energética bem interessante: 

http://www.inmetro.gov.br/consumidor/pbe/condicionadores_ar_janela_indice-novo.pdf

 

 

image.png

adicionado 19 minutos depois

Eles dizem a potência que o aparelho consome de energia que no caso é de 673 watts

Dizem a potência térmica de refrigeração que neste caso é de 2200 watts.

Dizem a potência térmica em BTUs

E dizem a eficiência.

 

Para citar a eficiência eles pegam a potência térmica de refrigeração e dividem pela potência de consumo. 

Daí fica:

2200 watts dividido por 673 watts. 

O valor da eficiência é 3.2

 

Este é um número interessante. Pois as fábricas são obrigadas a divulgarem nos dados técnicos. 

Quando maior este número de eficiência, menos energia o aparelho consome. 

 

Se você tiver um aparelho de ar tradicional com 3.3 neste número e ao mesmo tempo você acha um aparelho inverter com 3.2, isso já vai te disser que o aparelho que tem 3,2 logicamente consome mais energia.  

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nunca pesquisei a fundo a questão do inverter, mas parece que ele serve mais para controlar melhor a temperatura do que para economizar energia.

O importante na escolha é se atentar, para o mesmo btu, o aparelho que consuma a menor potência em w eletricos possível.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sugiro Komeco, Springer, Midea. Procure por consumo de energia Classe A. Tenho um Midea Inverter 12000 BTU, ótimo equipamento, silencioso e econômico.

O consumo do condicionador também depende um correto dimensionamento e controle da entrada de calor no ambiente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×