Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Marcelo Magalhães Silva

Regulador de tensão LM317

Recommended Posts

Boa tarde, tenho prova de eletrônica analógica 1 na faculdade essa semana e preciso aprender a projetar um regulador de tensão linear com LM317. No caso, minha dúvida está em calcular o resistor de referencia e o resistor váriavel. Já procurei exemplos em livros, slides, pdf, google e o máximo que eu encontrei foi uma calculadora que encontra os valores pra você, mas preciso fazer de forma manual. Alguém poderia ajudar? Vou postar o exercicio de exemplo.

 

Exercicio: Projetar o circuito abaixo para obter uma fonte ajustável de tensão entre 1,2V e 6V.

 

 

WIN_20180421_15_10_29_Pro.jpg.08ab13ce6d453f48933709753a0c1685.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Das 2 uma: ou teu inglês é fraco demais ou não leu direito o datasheet desse regulador. O funcionamento dele é simples: entre o pino de saída e o central tem-se uma tensão fixa de 1,25V. A corrente que flui pelo pino central é muito baixa, o que faz com que a corrente sobre os 2 resistores seja praticamente a mesma. Então, sabendo-se o valor do resistor superior e a tensão sobre ele (1,25V) tem-se sua corrente e por consequência a corrente sobre o inferior. A tensão que essa corrente provoca sobre o inferior + 1,25V do superior é a tensão de saída. De forma resumida, a tensão de saída Vout = 1,25V x (1 + R2/R1). Para deixar o cálculo mais preciso vamos utilizar a corrente que flui pelo pino central. Vou chamá-la de Ic. O valor do Ic é fornecido pelo fabricante.  Vout = 1,25V x (1+ R2/R1) + (Ic x R2), onde:

R1 = resistência superior, entre s saída e o central.

R2 = resistência inferior, entre o central e o ground.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Sérgio Lembo disse:

Das 2 uma: ou teu inglês é fraco demais ou não leu direito o datasheet desse regulador. O funcionamento dele é simples: entre o pino de saída e o central tem-se uma tensão fixa de 1,25V. A corrente que flui pelo pino central é muito baixa, o que faz com que a corrente sobre os 2 resistores seja praticamente a mesma. Então, sabendo-se o valor do resistor superior e a tensão sobre ele (1,25V) tem-se sua corrente e por consequência a corrente sobre o inferior. A tensão que essa corrente provoca sobre o inferior + 1,25V do superior é a tensão de saída. De forma resumida, a tensão de saída Vout = 1,25V x (1 + R2/R1). Para deixar o cálculo mais preciso vamos utilizar a corrente que flui pelo pino central. Vou chamá-la de Ic. O valor do Ic é fornecido pelo fabricante.  Vout = 1,25V x (1+ R2/R1) + (Ic x R2), onde:

R1 = resistência superior, entre s saída e o central.

R2 = resistência inferior, entre o central e o ground.

 

 

Eu não sei nada de inglês e consigo até conversar com chinês em inglês através de tradutores do google. 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
agora, albert_emule disse:

Eu não sei nada de inglês e consigo até conversar com chinês em inglês através de tradutores do google. 

De uma forma ou de outra, tem que se virar. Atitude positiva é arrumar solução, não desculpas.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bem que estou querendo aprender. 

Já começo a me sentir um analfabeto. 

 

O mundo inteiro fala inglês. 

Tem mais gente falando inglês no mundo que nos próprios países de língua inglesa. 

  • Curtir 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Talvez (talvez) o amigo@Marcelo Magalhães Silva esteja realmente com alguma limitação e não esteja pedindo a solução. Sugiro à ele que,além de aprender um pouco de inglês técnico e dar uma olhadela no d.s., pesquise/aprenda sobre divisor resistivo. ou divisor de tensão. É um bom norte e tem muita informação em seu idioma mesmo.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

 

@Marcelo Magalhães Silva ,

 

Tudo o que você precisa está no datasheet.

 

Repare que tem uma limitação para o valor máximo dos resistores.

 

Paulo

Editado por aphawk
  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caro,@Sérgio Lembo, meu inglês não é fraco, já li vários datasheets diferentes e não encontrei nada falando sobre as resistências R1 e R2. Todas essa fórmulas que você passou aí, eu já sabia, tanto porque meu professor passou em sala de aula, quanto porque estavam nos datasheets, que eu li. Mas no caso, se eu não possuísse aquele valor de 10,1mA que está passando por R1, como faria para encontrar o valor? Levando em consideração que não poderei levar um datasheet de cada componente que vai cair na prova.

 

@Isadora Ferraz Eu já aprendi sobre divisor de tensão, minha questão nesse exercicio é se eu não tivesse a informação de que a corrente que passa por R1 é de 10,1mA, como faria pra descobrir? A maioria dos exemplos, circuitos de datasheets, usam R1 entre 120 e 240 ohms, só queria saber chegar neste valor usando os dados do exercicio. Eu cheguei em um resultado final sim, porém ainda ficou muito vago o passo a passo, muitas informações jogadas. Independente da resposta de vocês, vou tentar procurar meu professor antes da prova, pois assim posso expressar minhas duvidas de uma forma melhor.

 

@aphawk Não encontrei esses valores, até consegui inferir alguns valores, através de dados do datasheet, mas nada muito claro, se você conseguir me explicar melhor, agradeço a ajuda.

 

Aguardo resposta de TODOS. Obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Marcelo Magalhães Silva , os datasheets pressupõem o conhecimento de eletrônica por parte do leitor, o que não significa conhecer os milhares de componentes existentes no mercado, mas o princípio de funcionamento sim.

O que você precisa saber: Todo e qualquer sistema que tenha por objetivo a estabilização de um valor, no caso deste uma tensão regulada, baseia-se em  um amplificador de erro entre a saída (FB) e um valor de referência (REF), que pode ser referência interna ou externa.

No caso de um regulador de temperatura, ambos são externos, pois temos o termopar (FB) e o set-up do usuário (REF). No caso do LM317, um zener de precisão interno de 1,25V. No caso de reguladores de corrente usados em lâmpadas de led essa referência interna costuma ser entre 200mV e 400mV dependendo do modelo. Se fosse um regulador com tensão fixa, não seria necessária a colocação de componentes externos. É o que acontece com a série 78XX, esses resistores R1 e R2 já estão internos ao componente. Por ser um regulador ajustável faz-se necessário a colocação de componentes externos para que o componente retorne a tensão de saída desejada. R1 e R2 fazem o divisor resistivo para gerarem o FB proporcional à REF, sendo que a ddp sobre o resistor superior é a entrada de tensão FB que será comparada com a referência interna REF de 1,25V.

Sobre a seleção de valores para R1 e R2: olhando para o funcionamento, temos que a tensão de saída é REF x (1+ R2/R1). A este valor encontrado soma-se a corrente de bias sobre R2, o que resulta na fórmula REF x (1+R2/R1) + I_bias x R2. Em princípio quaisquer valores selecionados para R1 e R2 que atendessem essa proporção serviria, mas na prática temos que I_bias não é um valor de alta precisão e está sujeito a pequenas variações. A solução então é fazer com que a corrente sobre primeiro resistor seja várias vezes superior ao I_bias para que as oscilações deste tenham reflexo insignificante no resultado.

adicionado 40 minutos depois

Complementando a resposta: para iniciantes acostumados a ver todos os valores referenciados ao GND do circuito, existem os circuitos aonde o GND do regulador é flutuante, caso do LM317. Notem que não há um pino deste ligado ao GND do circuito. O pino 2 que é o GND do regulador flutua em relação ao GND do circuito.

Editado por Sérgio Lembo
  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×