Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Flavia Dutra

Boletim 1.700 – 15/05/2018

Recommended Posts

Boletim 1.700 – 15/05/2018
Boletim 1.700 – 15/05/2018
Editado por Flavia Dutra
Enviado para
Proibido Copiar ou Republicar


Índice

 

1. NVIDIA obtém faturamento de US$ 3,21 bilhões no primeiro trimestre fiscal de 2019  

2. Facebook pretende implantar criptomoeda própria em sua plataforma

3. Pesquisadores canadenses criam impressora 3D que produz pele humana

4. Microsoft e DJI criam projeto de IA e computação em nuvem para drones

5. Huawei registra patente de relógio inteligente para jogos com recursos customizáveis

 

1. NVIDIA obtém faturamento de US$ 3,21 bilhões no primeiro trimestre fiscal de 2019 

 

A NVIDIA divulgou relatório financeiro do primeiro trimestre do ano fiscal de 2019 (encerrado em 29 de abril de 2018), mostrando faturamento de US$ 3,21 bilhões, um aumento de 66% em comparação com o mesmo período do ano passado.

 

O relatório apresentou ainda US$ 1,72 bilhão de renda no setor de jogos, um crescimento de 68% em relação ao período anterior; aumento de 71% dos rendimentos na divisão de datacenters, com US$ 701 milhões; receita de US$ 145 milhões no setor automotivo, um acréscimo de 4%; e US$ 2,9 bilhões de receita bruta no trimestre anterior.

 

Jensen Huang, CEO da NVIDIA, comentou que a empresa obteve um trimestre lucrativo em todas as plataformas onde atua, com recordes de lucro em diversos setores. Além disso, Huang disse que, apesar da desaceleração da computação tradicional, houve um grande crescimento na demanda da computação em inteligência artificial (IA), principalmente com a criação da placa gráfica Tensor Core.

 

Nesse primeiro trimestre do ano fiscal, a NVIDIA devolveu US$ 746 milhões aos acionistas em recompras de ações e dividendos em dinheiro. No ano fiscal de 2019, a companhia pretende retornar US$ 1,25 bilhão aos acionistas.

 

2. Facebook pretende implantar criptomoeda própria em sua plataforma

 

Fontes ligadas ao assunto informaram que o Facebook planeja incorporar uma criptomoeda em sua plataforma, destinada para pagamentos.

 

Diante do rumor, um porta-voz do Facebook declarou que a empresa está explorando maneiras de alavancar o poder da tecnologia blockchain e enfatizou que os estudos nessa área ainda estão em estágios iniciais.

 

A imprensa norte-americana divulgou na semana passada que o executivo do Facebook David Marcus saiu da divisão de aplicativos de mensagens para montar uma equipe de exploração de blockchain.

 

Apesar da mudança, Marcus comentou que o Facebook não tem planos de integrar a criptomoeda em seus aplicativos em breve porque os pagamentos ainda são muito caros e lentos.

 

3. Pesquisadores canadenses criam impressora 3D que produz pele humana

 

Cientistas da Universidade de Toronto, no Canadá, desenvolveram uma impressora portátil 3D com capacidade para produzir a pele humana.

 

Segundo os pesquisadores, a tecnologia permite aplicar camadas de tecido da pele diretamente em pacientes, com o intuito de cobrir ou curar ferimentos.

 

A impressora é uma alternativa ao enxerto de pele convencional, porém sem a necessidade de remoção da pele saudável de um doador, pois ela desenrola o tecido da pele diretamente nas áreas afetadas.

 

Navid Hakimi, criador do projeto, disse que o processo de formação da pele em cima do ferimento leva, em média, dois minutos.

 

Até o momento, a impressora foi testada apenas em ratos e porcos, mas os cientistas acreditam que o equipamento será o primeiro a criar pele diretamente em cima de uma ferida, com a promessa de adaptar tecidos para pacientes específicos.    

 

A impressora, que pesa menos de um quilo e tem o tamanho de uma caixa de sapatos, foi construída por uma equipe liderada pelo estudante de doutorado Navid Hakimi sob a supervisão do professor Axel Guenther.

 

4. Microsoft e DJI criam projeto de IA e computação em nuvem para drones 


A Microsoft e a DJI anunciaram parceria para o desenvolvimento de um projeto que oferece recursos de inteligência artificial (IA), machine learning e computação em nuvem a drones.

 

De acordo com as empresas, através de aplicativos feitos para Windows 10, os drones poderão ser programados para uso industrial.

 

Além disso, será adotado o Microsoft Azure na computação em nuvem, bem como suas capacidades de IA e machine learning.

 

O kit de desenvolvimento de software (SDK) DJI para Windows possibilita a criação de aplicativos nativos do sistema operacional, com potencial de controle remoto de drones DJI, voos autônomos e transferência de dados em tempo real. 

 

Conforme o presidente da DJI, Roger Luo, os desenvolvedores de produtos para Windows, ao usarem o novo sistema, poderão utilizar tecnologias de drone, IA e aprendizado de máquina para criar robôs voadores inteligentes, que pouparão tempo e dinheiro das empresas.

 

No momento, o SDK está disponível em versão Beta para desenvolvedores participantes da Build 2018, com previsão de oferecimento ao público no segundo semestre de 2018.

 

A DJI é uma companhia líder mundial em drones e imagens aéreas.

 

5. Huawei registra patente de relógio inteligente para jogos com recursos customizáveis

 

A Huawei registrou no World Intellectual Property Organization (WIPO) a patente de um relógio inteligente com controles de recursos nas faixas que o prendem ao pulso, totalmente personalizável para jogos.

 

Segundo informações do documento da patente, o relógio terá um sensor mecânico e uma área sensível ao toque em ambas as faixas de ajuste, com diferentes respostas para diversos comandos. Essas faixas podem funcionar também como um teclado virtual, com metade das teclas no lado direito e a outra metade no lado esquerdo.

 

A empresa não informou quando pretende adotar a ideia da patente em um dispositivo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×