Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Raaoni

RESOLVIDO FBI lança alerta mundial: é preciso reiniciar os roteadores.

Recommended Posts

Acordei pela manhã e vi essa notícia espalhada pelos sites.

 

FBI lança alerta mundial: é preciso reiniciar os roteadores

Detectado um malware que registra informação dos usuários

 

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/05/28/tecnologia/1527511542_736752.html

 

Em resumo, o FBI detectou que hackers da Rússia estariam introduzindo um malware que se apropriaria do roteador doméstico. As autoridades norte-americanas identificaram esse malware como sendo o VPNFilter, que assumiria o controle do nosso roteador para propagar ataques mundiais coordenados, além, claro, de registrar toda a atividade na rede dos dispositivos conectados. A

 

Fui ao site do FBI e tem essa informação: https://www.ic3.gov/media/2018/180525.aspx

 

Somente reiniciar o roteador é suficiente? Além de atualizar anti-vírus, claro.

  • Curtir 1
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Raaoni de fato a notícia é verídica.

 

De acordo com o documento divulgado pelo FBI, a recomendação é:

  1. Reiniciar o roteador para temporariamente desativar o malware e ajudar na identificação de dispostivos infectados;
  2. Desativar assistência remota nos dispostivios e adotar senhas mais fortes, e criptografia se disponível;
  3. Atualizar o firmware do roteador para a última versão disponível.
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×