Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Flavia Dutra

Boletim 1.703 – 25/05/2018

Recommended Posts

Boletim 1.703 – 25/05/2018
Boletim 1.703 – 25/05/2018
Editado por Flavia Dutra
Enviado para
Proibido Copiar ou Republicar


Índice

 

1. Artigos da Semana

2. Amazon é acusada de fornecer tecnologia de reconhecimento facial para polícia norte-americana

3. Qualcomm e Facebook trabalham em novo projeto de internet sem fio de alta velocidade

4. Microsoft compra empresa de IA para melhorar as funções da Cortana

5. IBM deve contratar 1800 pessoas na França para trabalhar com blockchain, IA e IoT

6. Adobe adquire a plataforma de comércio eletrônico Magento por US$ 1,68 bilhão

 

1. Artigos da Semana

 

Teste do SSD Colorful SL500 de 480 GiB

Teste do SSD WD Green M.2 de 120 GiB (WDS120G2G0B)

Tabela comparativa dos chips GeForce da NVIDIA (desktop)

Tabela comparativa dos chips Radeon da AMD (desktop)

 

2. Amazon é acusada de fornecer tecnologia de reconhecimento facial para polícia norte-americana


A American Civil Liberties Union (ACLU) está acusando a Amazon de negociar sua tecnologia de reconhecimento facial Rekognition com agências policiais dos Estados Unidos.

 

Diante da acusação, 41 companhias se reuniram e redigiram uma carta para o presidente e fundador da Amazon, Jeff Bezos, solicitando que a empresa não forneça sua tecnologia para autoridades. Na carta, as empresas afirmam que os algoritmos de reconhecimento facial são discriminatórios contra negros, que a ferramenta está sendo utilizada para violar os direitos humanos dos imigrantes e que as pessoas devem ser livres para caminhar pelas ruas sem monitoramento.

 

A instituição de direitos civis investigou a Amazon durante seis meses e descobriu emails e documentos que comprovam o relacionamento entre a empresa e autoridades norte-americanas.   

 

Documentos obtidos pela ACLU mostram que a Amazon acertou a implementação do Rekognition na vigilância pública com a prefeitura de Orlando e com o escritório do xerife do Condado de Washington. A prefeitura de Orlando usou o recurso para encontrar pessoas em imagens de câmeras da cidade e o Condado de Washington criou um aplicativo móvel para delegados identificarem pessoas no banco de dados local.  

 

Além disso, a organização descobriu que outras regiões, como Califórnia e Arizona, demonstraram interesse na ferramenta.

 

Segundo Nicole Ozer, diretora de liberdades civis e tecnologia da ACLU, as propagandas da Amazon anunciam vigilância pública como uma das aplicações do Rekognition. Ozer comentou ainda que quando um sistema de vigilância como este é usado contra o público, o dano não pode ser desfeito, principalmente com o atual clima político, visto que ele pode ser usado para monitorar manifestantes e imigrantes, bem como espiar bairros inteiros.

 

Até o momento, a Amazon não se pronunciou sobre o assunto.

 

A tecnologia da Amazon, criada no final de 2016, identifica, rastreia e analisa pessoas em tempo real, comparando informações com um banco de dados, permitindo o reconhecimento de até 100 indivíduos em uma única imagem.

 

3. Qualcomm e Facebook trabalham em novo projeto de internet sem fio de alta velocidade

 

O Facebook e a Qualcomm firmaram parceria para o desenvolvimento do Terragraph Project, um sistema de internet sem fio focado em levar conexão de alta velocidade para áreas urbanas com sinal irregular e regiões rurais.

 

De acordo com informações, a Qualcomm forneceria a tecnologia Wi-Fi Gigabit, permitindo o envio de dados em uma frequência de 60 GHz através de roteadores.

 

Os testes do projeto têm previsão para começar no meio do ano de 2019, porém ainda não há estimativa para a implantação da tecnologia no mercado.

 

O Terragraph Project foi revelado pela primeira vez pelo Facebook em 2016 durante a conferência anual de desenvolvedores.  

 

Atualmente, a Qualcomm está produzindo um chipset 5G para fabricantes de smartphones e operadoras de telefonia. Estimativas sugerem que amostras do chip estarão disponíveis em 2019.

 

4. Microsoft compra empresa de IA para melhorar as funções da Cortana

 

A Microsoft anunciou a compra da Semantic Machines, especialista em tecnologia de inteligência artificial (IA), por valor não divulgado.

 

Com a aquisição, a Microsoft pretende tornar a compreensão da assistente virtual Cortana mais proativa, contextual e ágil nas respostas e ordens.

 

A Semantic Machines é comandada pelo professor Dan Klein, da Universidade de Berkeley, e por Larry Gillick, pesquisador que chefiava o progresso da assistente virtual Siri, da Apple.

 

Atualmente, as assistentes virtuais Alexa e Google Assistente já compreendem sugestões com mais precisão.

 

5. IBM deve contratar 1800 pessoas na França para trabalhar com blockchain, IA e IoT

 

A CEO da IBM, Virginia Rometty, divulgou que a companhia planeja contratar 1800 funcionários nos próximos dois anos para trabalhar em pesquisas e projetos de blockchain, inteligência artificial (IA) e internet das coisas (IoT).

 

Segundo Rometty, o planejamento faz parte do projeto Tech for Good Summit, organizado pelo presidente da França, Emmanuel Macron.

 

Ainda conforme informações da imprensa francesa, a IBM demitiu no país desde 2012 aproximadamente o mesmo número de trabalhadores que estima contratar.

 

No momento, a IBM conta com 380 mil colaboradores em todo o mundo. Entre os clientes franceses da empresa estão as companhias Orange Bank, SNCF e LVMH.

 

6. Adobe adquire a plataforma de comércio eletrônico Magento por US$ 1,68 bilhão  


A Adobe revelou a aquisição da plataforma de comércio eletrônico Magento por US$ 1,68 bilhão.

 

Estimativas indicam que a plataforma será integrada ao Adobe Experience Cloud, conjunto de soluções para a criação e gerenciamento de campanhas de marketing online.

 

De acordo com a Adobe, os detalhes da negociação serão revelados após a conclusão da compra, com previsão de término no final deste ano.

 

A Magento desenvolve programas para a construção e manutenção de lojas virtuais, com uma versão de código aberto gratuita e outra paga, com ferramentas avançadas e suporte técnico.

 

A eBay, proprietária da Magento por cinco anos, vendeu a companhia em 2015 para Permira Holdings LLP.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×