Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Flavia Dutra

Boletim 1.705 – 05/06/2018

Recommended Posts

Boletim 1.705 – 05/06/2018
Boletim 1.705 – 05/06/2018
Editado por Flavia Dutra
Enviado para
Proibido Copiar ou Republicar


Índice

 

1. ARM divulga seus novos chips Cortex-A76, Mali-G76 e Mali-V76

2. Apple deve lançar ferramenta de compartilhamento de realidade aumentada nos iPhones

3. Microsoft anuncia a compra da plataforma de software GitHub

4. Estimativas indicam que o novo console PS5 será lançado até 2020

5. Intel é investigada por suposta discriminação de idade em processo de demissão

 

1. ARM divulga seus novos chips Cortex-A76, Mali-G76 e Mali-V76

 

A ARM revelou três novos modelos de chips: o Cortex-A76, o Mali-G76 e o Mali-V76, desenvolvidos para tarefas pesadas, incluindo a reprodução de vídeos com resoluções até 8K.

 

Até o momento, a empresa informou que o Cortex-A76 é voltado para notebooks, baseado na tecnologia DynamiIQ, roda o sistema operacional Windows 10 otimizado, tem desempenho 40% melhor e velocidade 35% maior em relação à versão anterior.

 

O Mali-G76 tem promessa de aumento em 30% na velocidade e na eficiência energética sem comprometimento da bateria dos dispositivos.

 

Já o Mali-V76 é um VPU (video processor unit) para smartphones, tem compatibilidade com dispositivos de realidade aumentada e virtual, capacidade para decodificar sinal 8K com até 60 fps e 4K com a mesma taxa de frames e suporta até 16 fluxos de conteúdo.

 

Estimativas indicam que os novos chips serão enviados para fabricantes e desenvolvedores em breve. Não há previsão para o lançamento dos novos processadores.

 

2. Apple deve lançar ferramenta de compartilhamento de realidade aumentada nos iPhones

 

Fontes ligadas ao assunto apontam que a Apple lançará uma ferramenta que possibilita o compartilhamento de conteúdo de realidade aumentada de dois iPhones, porém limitando os dados pessoais enviados aos servidores.  

 

Segundo as fontes, a Apple projetou um sistema de dois jogadores para trabalhar de telefone para telefone, com as digitalizações do ambiente enviadas e armazenadas na nuvem.

 

A Apple se recusou a comentar sobre o assunto.

 

O Google também estaria trabalhando em uma ferramenta de realidade aumentada para atrair desenvolvedores de software.

 

A realidade aumentada permite a visualização de estruturas virtuais sobrepostas em seus arredores através de dispositivos móveis.

 

3. Microsoft anuncia a compra da plataforma de software GitHub

 

A Microsoft anunciou a compra da plataforma de software GitHub por US$ 7,5 bilhões, que serão pagos em ações. 

 

Com a compra, a GitHub continuará a operar independentemente para oferecer uma plataforma aberta para todos os desenvolvedoras das indústrias. 

 

Além disso, a transação inclui o contrato de Chris Wanstrath, cofundador e presidente da GitHub, para trabalhar em iniciativas estratégicas de software. 

 

A negociação agora está sujeita à aprovação das autoridades regulatórias dos Estados Unidos. 

 

A ferramenta GitHub armazena códigos de programação, confere atualizações e abre temas para discussão sobre os assuntos. Ela possui mais de 23 milhões de usuários em mais de 1,5 milhão de instituições, receita obtida por meio de assinaturas, que atinge mais de US$ 200 milhões.   

 

4. Estimativas indicam que o novo console PS5 será lançado até 2020

 

Kenichiro Yoshida, novo CEO da Sony, divulgou um plano de negócio da empresa de três anos, prevendo ainda queda nos lucros até 2021, momento em que deve acontecer a saturação do mercado para o PlayStation 4.


A empresa revelou ainda que usará os próximos três anos para a preparação do seu próximo passo que, segundo estimativas, seria o console PlayStation 5.

 

O analista Damian Thong acredita que o PS5 chegará ao mercado ainda no segundo semestre de 2018 e que haverá compatibilidade de jogos entre o PS4 e o PS5. Entretanto, outros especialistas preveem que o novo console seja lançado apenas entre 2019 e 2020.  

 

Além disso, membros da indústria revelaram que uma recente lista de empregos da Microsoft sugere que a companhia está pensando na produção do novo Xbox. Portanto, é provável que a Sony também esteja planejando o console da próxima geração.

 

A Sony não comentou sobre o suposto lançamento do PS5.

 

Atualmente, existem em torno de 80 milhões de PS4 instalados em todo o mundo, número que ainda justifica o lançamento de novos jogos.

 

5. Intel é investigada por suposta discriminação de idade em processo de demissão  

 

A Intel está sendo investigada pela EEOC (Comissão de Oportunidade Iguais de Emprego dos Estados Unidos) por suposta discriminação de idade na demissão de 12 mil funcionários, ocorrida em maio de 2016.

 

Diversos ex-funcionários apresentaram queixas à EEOC, informando que a média de idade dos trabalhadores dispensados era de 49 anos, sete a mais daqueles que permaneceram na empresa.  

 

Diante das reclamações, a Intel comentou que fatores como raça, idade, nacionalidade, sexo, status de imigração ou outras características pessoais não fizeram parte do processo de decisão das demissões.

 

No momento, a EEOC está apurando as percepções e alegações usadas para demitir colaboradores mais velhos e manter os mais jovens. Caso a instituição encontre indícios de discriminação, iniciará uma ação coletiva contra a Intel.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×