Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Danie1 Net0

RESOLVIDO Vale a pena comprar um ferro de solda de 60W e usá-lo com dimmer

Recommended Posts

Sou iniciante na eletrônica e quero comprar um ferro de solda, porém não estou encontrando os de 30W ou 40W e estou com certa pressa para adquirir um. Só encontro os de 60W, que aquece muito e é danoso a componentes eletrônicos, mas se eu usá-lo com um dimmer, vale a pena?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Seja bem vindo, @Danie1 Net0! Um dimmer é originalmente construído para controlar a luminosidade em lâmpadas 'dimeráveis' (não sei se é o termo correto...)  ou nas antigas lâmpadas incandescentes.

Outro ponto é: Se você diminuir a tensão de entrada, vai prejudicar a potência de saída, o que pode não atender a sua necessidade, principalmente se a placa a ser reparada tiver o símbolo 'rohs'.

Eu quando precisei fazer soldagens mais precisas, fiz uma 'adaptação técnica' na ponta do ferro que tinha disponível prendendo um fio rígido de cobre na ponta do mesmo e cortando em diagonal a ponta que utilizei para a soldagem.

Desejo sucesso em seu aprendizado!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como iniciante aconselho você usar um de 30wats que é utilizado em mais 90 % dos trabalhos em placas de circuito impresso.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, ISO9K disse:

Como iniciante aconselho você usar um de 30wats que é utilizado em mais 90 % dos trabalhos em placas de circuito impresso.

Mas de 30W não está tendo aqui na cidade.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como quebra galho, pode até ser. O ruim é ajustar a temperatura correta com o dimmer, eu mesmo já usei um ferro de 60W com diodo em série na falta de um ferro mais fraco. 

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Mestre88 disse:

Como quebra galho, pode até ser. O ruim é ajustar a temperatura correta com o dimmer, eu mesmo já usei um ferro de 60W com diodo em série na falta de um ferro mais fraco. 

Então, estou pensando em usar um diodo 1N5408 em série com o ferro de solda, obtendo uma "saída" de 30W, você que já fez isso disso o que pode me dizer? 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Compra um pela net não chega a 30 reais, muito sites ai vende mais o frete, no máximo 50 reais.

adicionado 4 minutos depois

Geralmente essa redução com diodo é meia onda não vai funcionar o correto seria você montar uma estação de onda completa, mas o custo beneficio não compensaria...

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O uso do diodo reduz a potência, mas o ideal é comprar um de 30W que é mais leve e manuseável. Nao tem loja de eletrônica aí?

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
38 minutos atrás, Ricardov disse:

O uso do diodo reduz a potência, mas o ideal é comprar um de 30W que é mais leve e manuseável. Nao tem loja de eletrônica aí?

Mas o uso do diodo é ineficiente ou prejudicial? Tem loja de eletrônica, sim, mas só tem aqueles aparelhos de qualidade duvidosa, e eu quero um Hikari.

adicionado 3 minutos depois
1 hora atrás, ISO9K disse:

Compra um pela net não chega a 30 reais, muito sites ai vende mais o frete, no máximo 50 reais.

adicionado 4 minutos depois

Geralmente essa redução com diodo é meia onda não vai funcionar o correto seria você montar uma estação de onda completa, mas o custo beneficio não compensaria...

O que você acha desse circuito: http://www.newtoncbraga.com.br/index.php/eletronica/57-artigos-e-projetos/13283-controle-de-temperatura-para-ferro-de-solda-art1553? Parece bem simples de montar...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
8 horas atrás, Danie1 Net0 disse:

Então, estou pensando em usar um diodo 1N5408 em série com o ferro de solda, obtendo uma "saída" de 30W, você que já fez isso disso o que pode me dizer? 

Nem sei realmente quantos Watts vai dar, o ruim é que o ferro de 60W tem a ponta muito grande, quando os componentes são pequenos como transistores e CI's fica muito ruim pra soldar. 

Só fiz essa gambiarra uma vez porque estava na casa do meu tio e ele me disse pra dar uma olhada na TV dele. O diodo eu retirei de uma lâmpada econômica queimada. 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Mestre88 disse:

Nem sei realmente quantos Watts vai dar, o ruim é que o ferro de 60W tem a ponta muito grande, quando os componentes são pequenos como transistores e CI's fica muito ruim pra soldar. 

Só fiz essa gambiarra uma vez porque estava na casa do meu tio e ele me disse pra dar uma olhada na TV dele. O diodo eu retirei de uma lâmpada econômica queimada. 

Mas não dá pra trocar a ponta? E se não me engano, ví que a ponta do Hikari de 60W tem 1,5mm de diâmetro, é muito?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 minutos atrás, Danie1 Net0 disse:

Mas não dá pra trocar a ponta? E se não me engano, ví que a ponta do Hikari de 60W tem 1,5mm de diâmetro, é muito?

Se tratando do Hikari de 60W, a ponta é muito grande pra soldar componentes pequenos. Até dá, mas tem que ficar prestando atenção pra solda não unir 2 pinos ao mesmo tempo.

Eu tenho os de 30, 40 e 60W desse modelo. E não dá pra colocar a ponta de um modelo no outro, fica frouxa.

 

Na sua situação, se é de urgência eu compraria esse ferro de 60W mesmo. Depois quando puder compraria outro mais fraco, não é perdido o de 30W é muito ruim pra soldar emendas de fio por exemplo, aí o de 60W é necessário. Outra situação ruim, é se precisar mexer em algum dissipador ou transformador de placa.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Mestre88 disse:

Se tratando do Hikari de 60W, a ponta é muito grande pra soldar componentes pequenos. Até dá, mas tem que ficar prestando atenção pra solda não unir 2 pinos ao mesmo tempo.

Eu tenho os de 30, 40 e 60W desse modelo. E não dá pra colocar a ponta de um modelo no outro, fica frouxa.

 

Na sua situação, se é de urgência eu compraria esse ferro de 60W mesmo. Depois quando puder compraria outro mais fraco, não é perdido o de 30W é muito ruim pra soldar emendas de fio por exemplo, aí o de 60W é necessário. Outra situação ruim, é se precisar mexer em algum dissipador ou transformador de placa.

Isso influência também, pois dá para diminuir a potência de um de 60W, mas não dá para aumentar (até onde eu sei) a potência de um de 30W.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
37 minutos atrás, Danie1 Net0 disse:

mas não dá para aumentar (até onde eu sei) a potência de um de 30W.

Realmente, não dá.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Mestre88 disse:

Realmente, não dá.

Então vou tentar a sorte e comprar um de 60W mesmo e usar com um diodo ou tentar construir um regulador de temperatura... Espero não me dar mal. Obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Danie1 Net0 disse:

Então vou tentar a sorte e comprar um de 60W mesmo e usar com um diodo ou tentar construir um regulador de temperatura... Espero não me dar mal. Obrigado.

Se for o ferro Hikari que você citou, é muito bom.

Fica mais fácil se dar mal com aqueles ferros "xing-ling".

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, Mestre88 disse:

Se for o ferro Hikari que você citou, é muito bom.

Fica mais fácil se dar mal com aqueles ferros "xing-ling".

Reacendendo a chama, qual a diferença entre os modelos da Hikari Plus e Power? Qual o melhor?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Danie1 Net0 o circuito deve funcionar. Mas é muita complicação, estamos falando de um simples ferro de soldar. Não é possível que na sua cidade não encontre um ferro da Fame. Pra iniciante está muito bom.

 

As especificações dos Hikari pode consultar no site do fabricante.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 25/06/2018 às 17:53, Danie1 Net0 disse:

Mas o uso do diodo é ineficiente ou prejudicial? Tem loja de eletrônica, sim, mas só tem aqueles aparelhos de qualidade duvidosa, e eu quero um Hikari.

adicionado 3 minutos depois

O que você acha desse circuito: http://www.newtoncbraga.com.br/index.php/eletronica/57-artigos-e-projetos/13283-controle-de-temperatura-para-ferro-de-solda-art1553? Parece bem simples de montar...

Ok vai funcionar esse circuitos é para ferros até 100 wats, mas em placas de circuito impresso não vai ter utilidade a ponta do ferro de 60 wats muito robusta. e quando você reduz fica difícil achar o ponto certo da temperatura mesmo para derreter o fluxo de solda ou com componentes mais sensíveis...

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 25/06/2018 às 13:42, Mestre88 disse:

Como quebra galho, pode até ser. O ruim é ajustar a temperatura correta com o dimmer, eu mesmo já usei um ferro de 60W com diodo em série na falta de um ferro mais fraco. 

 

Em 25/06/2018 às 13:45, Danie1 Net0 disse:

Então, estou pensando em usar um diodo 1N5408 em série com o ferro de solda, obtendo uma "saída" de 30W, você que já fez isso disso o que pode me dizer? 

Sres. @Mestre88 e @Danie1 Net0, Utilizando um diodo em série, vai reduzir a tensão eficaz. Supondo que a tensão eficaz fique metade da tensão eficaz da rede, vai reduzir a potência em 25% da potência normal, ou seja, de 60W ficaria reduzido para 15W o que pode não ser suficiente para a aplicação necessária.

Pode ser que esses 15W consiga atingir os 180º necessários para a fundição de uma liga de chumbo e estanho...

Em placas eletrônicas com o simbolo de RoHS, eu não acredito que esses 15W conseguiriam atingir a temperatura de 227º necessária para a soldagem/dessoldagem de um componente.

Encontrei no site abaixo algumas informações interessantes a respeito de RoHS que não tem a ver com o tópico, mas pode ser uma leitura interessante...

https://www.mundodaeletrica.com.br/o-que-e-rohs-que-aparece-em-componentes-eletronicos/

Novamente, Sr. Danie1 Neto, desejo sucesso em seu aprendizado!

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
28 minutos atrás, André Ferreira da Silva disse:

Supondo que a tensão eficaz fique metade da tensão eficaz da rede, vai reduzir a potência em 25% da potência normal, ou seja, de 60W ficaria reduzido para 15W o que pode não ser suficiente para a aplicação necessária

Não entendi. 

 

Se vai reduzir 25% de 60W, penso que a potência cai para 45W.

No meu caso, o ferro funcionou e foi suficiente pra derreter a solda usada nas TVs de tubo sem danificar a placa, o ruim mesmo é a ponta do ferro que era grossa. 

  • Curtir 1
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
57 minutos atrás, Mestre88 disse:

Não entendi. 

 

Se vai reduzir 25% de 60W, penso que a potência cai para 45W.

No meu caso, o ferro funcionou e foi suficiente pra derreter a solda usada nas TVs de tubo sem danificar a placa, o ruim mesmo é a ponta do ferro que era grossa. 

Me desculpe, pois escrevi errado. O correto é que vai reduzir a 25% da potência normal, conforme calculei abaixo:

P=(V)^2 (leia como 'V' ao quadrado) / R ; então 60=(110)^2 / R, segundo a Lei de Ohm, neste caso, o Valor de R é igual a 201,66 ohms

Vamos agora calcular a potência do ferro para esta resistência que não se altera, e supondo que a tensão eficaz se resuma a 50% da tensão eficaz normal, já que o diodo corta a tensão de um dos semiciclos:

P=(55)^2 / 201,66 ; na calculadora do Windows, o valor ficou = 15,  que é 25% da potência do ferro em condições normais...

Se você conseguiu utilizar o ferro nessas condições, parabéns!

Eu também já trabalhei com manutenção em TVs de tubo no inicio da carreia de técnico em eletrônica,  e utilizava um ferro de soldar de 30 W. Agora faço manutenção em placas RoHS e algumas vezes precisei utilizar um ferro de 100W com uma 'adaptação técnica' de um pedaço de fio rígido de cobre na ponta do ferro de solda porque, como mencionei antes, as ligas de placas RoHS precisam de  uma temperatura maior.

Muito obrigado pelos seus comentários, Sr. @Mestre88!:thumbsup:

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

No fim eu acabei comprando um Hikari Power de 40W pela internet junto a outras ferramentas... Agradeço a todos pelos comentários e pela ajuda. 

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
20 minutos atrás, Danie1 Net0 disse:

No fim eu acabei comprando um Hikari Power de 40W pela internet junto a outras ferramentas... Agradeço a todos pelos comentários e pela ajuda. 

Depois que eu comprei esse de 40W, nem uso mais o de 30W.

Já que raramente eu soldo componentes do tipo SMD. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@André Ferreira da Silva , desculpe mas se distraiu nos seus cálculos. Realmente, se num resistor houver uma variação de tensão a potência dissipada varia ao quadrado. No caso de um diodo em série, desconsiderando o Vf dele que é pequeno nesses níveis de tensão, o que se tem não é uma variação de tensão e sim uma imposição de duty cycle. Vai ser um PWM de 60Hz @ 50%. Nessa situação a variação de potência é diretamente proporcional ao duty, nesse caso = 50%.

  • Curtir 1
  • Obrigado 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×