Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Joelmar

Upgrade no pc mantendo as ddr3

Recommended Posts

@Joelmar Cara, é uns 300R$ a mais do que da para encontrar um R5 1600 hoje.

 

Para jogar + Stream os Ryzen 5s ja aguentam, se quiser stremar em 1080p@60fps qualidade alta de encode a uns 6Mbps e acima, o Ryzen 7 é mais interessante. Se for streamar a 1080p@60FPS abaixo de 6mbps ou um encode mais rápido, o Ryzen aguenta de boas.

 

No video acima o cara streama PUBG de boas 1080p@60fps sem perda de frames com o Ryzen 5 2600 que é uns 10% melhor que o 1600.

 

Só para jogos, o 2600X é o melhor dai.

 

 

Citação

Do Ryzen para o i5 tem uma diferença de arquitetura enorme, onde certamente o Ryzen tem vantagem nesse cenário pela sua arquitetura e não porque ele anuncia ao sistema 2 cores lógicos por cores físicos. O certo seria fazer o teste desativando os cores lógicos e refazendo a comparação.

Intel ainda tem vantagem de arquitetura na verdade, por núcleo sendo melhor. Tanto que é só ativar o HT em um i5 e transformar em um i7, ja que essa é a unica diferença que o Ryzen fica pra tras em jogos(por uns 10% em cenarios sem limite de GPU).

 

Provando que HT\SMT fazem sim uma boa diferença. Sem SMT aqui eu perco uns 10% de FPS medio e tenho quedas razoaveis de 150 para 70fps no Dota2, sendo que ele usa só 3 threads bem, e sem SMT eu tenho 4.

 

22 horas atrás, domingos87 disse:

 

@Foxwalt É, ok. Tenho experiência suficiente com isso para lembrar que tinha gente que DESLIGAVA o HT na época do Pentium 4, pois não importava o quanto queriam falar que isso fazia diferença, tinha vezes que até atrapalhava.

Ja passou essa epoca

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Joelmar Se você quer gastar uma vez só e ficar tranquilo por 3 anos ou mais, o 7 é melhor opção. Assim que a Intel começar a colocar 6 ou 8 cores como padrão de processador doméstico de alta performance todo mundo vai começar a colocar seus programas para aproveitar bem um hexa ou octa core.

 

Terá o mesmo "dilema" do tópico: menos performance bruta que o 5 2600x, mas melhor usabilidade e mais recursos para o futuro e para o tipo de utilização que você prioriza (multi-tarefas).

 

@Atretador 10% é o que é esperado mesmo hoje para essa tecnologia, que não irá mudar a questão de ter programa que não se divide bem em vários cores. No máximo se otimiza isso. E na média pode-se esperar por bem menos que 10%. 10% também é igual ao ganho que um modelo x da Intel ou da AMD de 3.3 GHz tem sobre outro com 3.0 GHz ou que uma atualização do seu browser/sistema operacional/drivers te dariam otimizando sozinhos o uso de todos os cores...

 

A tecnologia foi refinada mas não muda o conceito, que é enganar o scheduler do sistema operacional, sem com isso realmente ganhar nada em desempenho do processador. É uma otimização com fins marqueteiros, que poderia ser feita sem anunciar o dobro de threads ao sistema - como fazia a AMD antes do Ryzen.

 

Sugerir média de 50, 80, 100% com isso é absolutamente cair numa estratégia de marketing. O que você relata, de 10%, é bem mais real. Um overclock de 10% te daria tanto quanto, só que em todas as situações de uso.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@domingos87

Citação

Sugerir média de 50, 80, 100% com isso é absolutamente cair numa estratégia de marketing. O que você relata, de 10%, é bem mais real. Um overclock de 10% te daria tanto quanto, só que em todas as situações de uso.

Não, não daria. Testei 3.8Ghz 4C\4T vs 3.2Ghz 4C\8T e o 4C\4T apanha em frametimes e FPS medio por falta de threads.

 

Citação

A tecnologia foi refinada mas não muda o conceito, que é enganar o scheduler do sistema operacional, sem com isso realmente ganhar nada em desempenho do processador. É uma otimização com fins marqueteiros, que poderia ser feita sem anunciar o dobro de threads ao sistema - como fazia a AMD antes do Ryzen.

Não é enganar, voce não compreende a tecnologia.

É uma forma de utilizar 100% dos núcleos, que normalmente possuem "folgas" nas informações sendo processadas, com HT\SMT operando nessas folgas.

 

Citação

10% é o que é esperado mesmo hoje para essa tecnologia, que não irá mudar a questão de ter programa que não se divide bem em vários cores. No máximo se otimiza isso. E na média pode-se esperar por bem menos que 10%. 10% também é igual ao ganho quee um modelo x da Intel ou da AMD de 3.3 GHz tem sobre outro com 3.0 GHz ou que uma atualização do seu browser/sistema operacional/drivers te dariam otimizando sozinhos o uso de todos os cores...

10% na media, bem mais do que isso em estabilidade.

 

Quando voce esta a 100% não tem mais o que tirar dali, dai em diante é uma estrada esburacada cheia de quedas de FPS. Como demonstrado acima nos testes que eu coloquei, 4C\4T a 4.8Ghz apanhando para um 6C\12T a 3.8Ghz com 10% a menos de IPC, e quando habilitado o HT no 4C\4T ele foi de apanhar para passar na frente com folga.

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Atretador disse:

Não é enganar, voce não compreende a tecnologia.

É uma forma de utilizar 100% dos núcleos, que normalmente possuem "folgas" nas informações sendo processadas, com HT\SMT operando nessas folgas.

 

Isso é a mesma coisa que a Intel falou há 15 anos atrás e o circuito de TLB + Branch prediction fazem isso desde a época do Pentium Pro.

 

Todo processador busca encher ao máximo não só os cores como, dentro de cada core, as unidades de execução.

 

Você fala de "apanhar" como se 10% fossem ganhos enormes. Mesmo em framerate mínimo isso pode ser pouca coisa se seu framerate já for bom. Desde o lançamento do HT essa tecnologia dá entre - 5% e + 15% de ganho nos casos extremos. Seu maior chamariz é mostrar o dobro dos cores no gerenciador de tarefas e com o tempo foram achando casos muito específicos e pouco relevantes para justificar pagar 1800 Reais num i7 que é um i5 com HT.

 

Colocam isso em i3 com 2 cores. Qual programa não usa bem 2 cores hoje em dia??

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estava em um post , e bam agora to nesse ???

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Joelmar O custo beneficio real é o 1600 por 700R$.

 

O R7 1700X é a mesma coisa que o 1700 com 100~200Mhz a mais na base e sem cooler.

adicionado 3 minutos depois
13 horas atrás, domingos87 disse:

 

Isso é a mesma coisa que a Intel falou há 15 anos atrás e o circuito de TLB + Branch prediction fazem isso desde a época do Pentium Pro.

 

Isso ja é outra coisa

 

Citação

Você fala de "apanhar" como se 10% fossem ganhos enormes. Mesmo em framerate mínimo isso pode ser pouca coisa se seu framerate já for bom. Desde o lançamento do HT essa tecnologia dá entre - 5% e + 15% de ganho nos casos extremos. Seu maior chamariz é mostrar o dobro dos cores no gerenciador de tarefas e com o tempo foram achando casos muito específicos e pouco relevantes para justificar pagar 1800 Reais num i7 que é um i5 com HT.

Se você ignorar a realidade, conforme os testes mostrados anteriormente, sim.

Fps minimo é outra metrica *****, que nao serve pra nada. Tem que olhar o frametime, conforme falado acima.

 

E a diferença é gritante. Mas, pelo visto a conversa vai a lugar nenhum com você.

 

Citação

Colocam isso em i3 com 2 cores. Qual programa não usa bem 2 cores hoje em dia??

Tem muito programa que ainda só usa um núcleo hoje em dia. Ou usam 4 de forma ineficiente

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 minutos atrás, Atretador disse:

@Joelmar O custo beneficio real é o 1600 por 700R$.

 

O R7 1700X é a mesma coisa que o 1700 com 100~200Mhz a mais na base e sem cooler.

ta então se eu fizer o upgrade por exemplo pro r5 1600 com 8gb de ddr4 2400mhz eu consigo roda por exemplo o gta V no full ou quase isso? ( contando que tenho uma gtx1050ti) 

 

lembrando que eu nao sei e nem faço overclock ou outras coisas, eu tipo só monto e espero que fique top por mt tempo KKKK

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Joelmar Sim, mas, recomendo fazer OC, é performance de graça.

Na minha assinatura tem um guia de overclock para iniciantes.

  • Curtir 3
  • Amei 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
35 minutos atrás, Joelmar disse:

lembrando que eu nao sei e nem faço overclock ou outras coisas, eu tipo só monto e espero que fique top por mt tempo KKKK

O clock boost do 1600 não é muito alto, é interessante pegar ele mas fazer OC pra ganhar um desempenho a mais.

Se você quer algo mais "plug n play" o 2600x é uma opção melhor se você pode investir, até com uma a320 que tenha o VRM decente vai ficar bom, vai precisar se preocupar com a refrigeração do processador e do resto ele toma conta.

 

E outra coisa, você nao precisa de um octacore pra jogar, pelo menos hoje. O Ryzen 5 2600 vai ser melhor em jogos que o 1700 por ser um refresh da 1ª geração e ter o clock mais alto.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Atretador Tanto é assim desde o Pentium Pro (aliás, desde até antes disso em processadores menos conhecidos) que o HT surgiu num processador single core que precisava encher mais as filas para as unidades de execução, e não encher mais cores. Esse era um ponto fraco do Pentium 4 e, enquanto não trocaram de arquitetura, no lugar de retrabalhar isso (já tinham tirado o que dava e melhorado, sem muito sucesso, essa parte), surgiram com uma traquitana que é 90% marketing.

 

Já Frametime = vendo um produto igual ao outro, que já é precificado bem acima do que vale, pelo dobro do preço e com um único recurso extra que dá 10% mais performance. Então preciso falar para sites de review que tentam vender as peças mais caras possíveis que a metodologia de décadas, do framerate mínimo, tem de ser substituída por uma medição de 1% e 0.1% do total de frames.

 

Seu computador, sistema operacional e mesmo o programa de medição podem nem ter a precisão suficiente para afirmar coisas na casa do milissegundo individual numa situação onde o sistema está sendo exigido em mil coisas diferentes e onde você precisa isolar 0,06 frames num universo de 7200 frames em tempo real (os sistemas operacionais domésticos sequer são aptos a trabalharem com precisão em atividades que exigem tempo real, como trabalhos com edição de som por exemplo).

 

A diferença é tão gritante que você precisa de um cronometro na casa dos milissegundos para provar que há algum ganho.

 

Porém, certamente irei gastar 2500 Reais num quad core normal quando lançarem a versão com HT com mais núcleos falsos e LED signature! Aí sim!

adicionado 8 minutos depois
1 hora atrás, Joelmar disse:

então é mais interessante pra mim em custo beneficio investir em um R7 1700 ou 1700x do que é um R5 2600 ou 2600x correto?

 

No longo prazo, já que vocẽ não pretende trocar de processador daqui 3 anos (e concordo com sua visão), o 7 é o melhor custo benefício mesmo. Não é necessário overclock nessa configuração sua, pois irá rodar tudo com tranquilidade por muito tempo.

 

26 minutos atrás, rusty1 disse:

E outra coisa, você nao precisa de um octacore pra jogar, pelo menos hoje. O Ryzen 5 2600 vai ser melhor em jogos que o 1700 por ser um refresh da 1ª geração e ter o clock mais alto.

 

Para jogos, com uma placa de vídeo boa, um bom quad core estaria de bom tamanho. Mas a necessidade dele é jogar e fazer streaming ao mesmo tempo, além de não trocar a configuração no futuro - futuro esse em que a tendência é que um processador octa resista mais ao tempo que um mais rápido porém quad por exemplo.

 

1 hora atrás, Atretador disse:

Tem muito programa que ainda só usa um núcleo hoje em dia. Ou usam 4 de forma ineficiente

 

Dê um único exemplo de programa que usa um núcleo e é indivisível pelo OS automaticamente hoje em dia. Um só.

  • Curtir 1
  • Haha 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O Hyper Threading/Simultaneous Multi Threading é um recurso que realmente faz algo, não é marketing como foi afirmado. Temos cobertura à respeito dos aspectos técnicos, testes, comparativos envolvendo o mesmo. Evidente que núcleos lógicos não se comparam ao poder de processamento de um núcleo físico. No entanto, isto não exclui sua significância. Uma afirmação da Intel de mais de uma década atrás a respeito de um recurso que à época era novidade não tem o poder de anular a sua confirmada função nos dias atuais, existente após dezenas de upgrades. Dizer que esta tecnologia é inútil é ir contra um mundo de informações que atestam o contrário.

 

@Joelmar, atente-se aos detalhes apontados pelo @Atretador e pelo @Foxwalt que lhe forneceram ótimas recomendações. Use de bom senso na hora da compra e seja feliz. :)

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Bryan Sheldon Agora, me diga duas coisas:

 

- Você pagaria, do seu bolso, em média 900 Reais extras por um processador idêntico ao outro, mas com função HT (que é o que a Intel faz)? Você consideraria tamanho investimento extra uma ótima recomendação?

 

- Você entendeu que, após descontar MATEMATICAMENTE diferenças como clock maior e melhorias arquiteturais, o recurso tão estimado aqui pelos "devoradores de benchmark" consegue uma diferença de 10% em média? Consegue compreender que numa situação onde temos um usuário com configuração muito insuficiente para as tarefas e usos que ele faz, tal diferença não seria capaz nem de perto de resolver os problemas e ainda representaria um enorme gasto por nada?

 

Depois que você responder, com sinceridade, ambas essas perguntas, em especial a primeira, aí eu te deixo a escolha: se você paga do seu bolso e acha que isso vale a pena, concordarei com você. Se vocẽ paga 100% de prêmio por 10% de diferença, ao menos faz aquilo que recomenda aos outros. Se você não concordar, eu te explico a parte técnica presente na arquitetura dos processadores sobre isso que não está em nenhum número que qualquer um roda um programinha e obtém.

  • Curtir 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom gente cheguei a um veredito

 

eu ainda tenho minha fonte original que troquei antes de por placa de video, então vou montar meu pc para vender assim

i5 2310

12gb memoria

sem placa de videos

monitor VGA 15 pol

hd 500gb

 

por que vou monta-lo pra vender; fica mais fácil de vender eu acredito e mais rápido com isso vou comprar essa config na Terabyte:

 

DESCRIÇÃO Qtd Unitário (R$) TOTAL (R$)

01 R$ 319,00 R$ 319,00 HD Seagate Barracuda ST1000DM010 1TB 7200RPM 64MB Sata III 13% Desconto à Vista

 

01 R$ 849,43 R$ 849,43 Processador AMD Ryzen 5 1600 3.2GHz / 3.6GHz Max Turbo YD1600BBAEBOX Six Core 16MB AM4 Cooler Wraith Spire 13% Desconto à Vista

 

01 R$ 349,00 R$ 349,00 placa-mãe Biostar PRO A320MH DDR4 AMD AM4 13% Desconto à Vista

 

01 R$ 489,00 R$ 489,00 Memória DDR4 Kingston KVR24N17S8/8 SDP 8GB 2400Mhz 13% Desconto à Vista V

 

alguma dica a mais que vocês me aconselham? e muito obrigado pelas sujestões e opiniões

 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A questão de vender depende muito de como você vai vender e onde você mora. Por exemplo, se tem alguém que compre para revender na sua cidade, meio que tanto faz vender a máquina montada ou por peças (pode ser até melhor separar em peças, para que você faça valer o preço individual de cada uma).

 

Mas revenda sempre vai te dar +/-  metade do que você ganharia vendendo por si próprio. Como seu processador/placa/memória são ainda bastante procurados, também pode valer a pena vendê-los separadamente do resto da máquina.

 

Claro, vender tudo junto é mais prático e rápido. Mas aí, faça um bom preço para que já comprem tudo de uma vez. Caso contrário, vender separado pode acabar sendo mais rápido e mais interessante no quanto você vai ganhar.

 

Sua configuração nova parece boa sim. Certamente vai se prestar sem dúvidas ao uso que você quer/precisa. Porém, muito embora eu também use 8 GB de RAM, eu colocaria aí 12 ou 16 gigas. Já que sua ideia é ter uma máquina de muito desempenho por um bom tempo, isso deve começar a se tornar necessidade daqui algum tempo.

 

Infelizmente o preço das DDR4 está novamente bem salgado. Aliás, vai uma dica: de repente pode ser interessante fazer a compra após as eleições, com o dólar abaixando (se Deus quiser pela escolha do bom candidato).

 

No momento certas coisas estão muito sobre-valorizadas por causa do dólar. A memória é uma delas. Aposto que com o dólar voltando a ficar na casa dos 3 Reais você conseguirá comprar 12 ou 16 GB por quase a mesma coisa que 8 agora.

 

Enquanto isso você pode tentar vender sua máquina e já ter o dinheiro antecipado (vai poder se usar dos descontos à vista!).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, como a discussão sobre os recursos de HT e SMT continuou, desviou de seu aspecto inicial e acabou por resultar em situação que não contribui com a manutenção do agradável ambiente do Fórum, tive que retornar a este tópico. Devo pedir que por favor que evitem mensagens que possam ser interpretadas de maneira provocativa.

 

No mais, ao leitor que interessar, para saber mais sobre o funcionamento dessas tecnologias, basta clicar aqui. A respeito de sua influência na usabilidade de computadores antigos, há um antigo teste do Tom's Hardware aqui. Sobre a diferença de desempenho prática que o HT/SMT provoca em situações de grande exigência de múltiplos núcleos e como isso afeta a experiência, há este teste do Linus aqui. Sobre a consideração do impacto que o overclock no processador sem HT/SMT poderia provocar no desempenho considerando apenas a execução de jogos muito CPU bound e a estabilidade de frames, há um teste aqui.

 

Conclui-se que o Hyper Threading da Intel (e o mesmo vale para o Simultaneous Multi Threading da AMD) pode não fazer diferença, fazer uma gritante diferença ou mesmo prejudicar um pouco o desempenho a depender da atividade. Para o caso de tarefas como streaming de jogos (realizada pelo autor do tópico) e renderizações, que fazem uso intensivo e constante de múltiplos núcleos, o ganho é expressivo.

 

A discussão de tal assunto neste tópico está encerrada.

 

Em 27/09/2018 às 13:03, Joelmar disse:

Por que vou monta-lo pra vender; fica mais fácil de vender eu acredito e mais rápido com isso vou comprar essa config na Terabyte:

 

DESCRIÇÃO Qtd Unitário (R$) TOTAL (R$)

01 R$ 319,00 R$ 319,00 HD Seagate Barracuda ST1000DM010 1TB 7200RPM 64MB Sata III 13% Desconto à Vista

 

01 R$ 849,43 R$ 849,43 Processador AMD Ryzen 5 1600 3.2GHz / 3.6GHz Max Turbo YD1600BBAEBOX Six Core 16MB AM4 Cooler Wraith Spire 13% Desconto à Vista

 

01 R$ 349,00 R$ 349,00 placa-mãe Biostar PRO A320MH DDR4 AMD AM4 13% Desconto à Vista

 

01 R$ 489,00 R$ 489,00 Memória DDR4 Kingston KVR24N17S8/8 SDP 8GB 2400Mhz 13% Desconto à Vista V

 

alguma dica a mais que vocês me aconselham? e muito obrigado pelas sujestões e opiniões

Vender o computador montado, por inteiro, pode até ser mais rápido, mas isso pode também significar perder parte do valor que conseguiria vendendo os componentes separados.

 

Sobre a configuração da Terabyte, você vai pagar à prazo, como consta nos valores indicados? Lembre-se que as placas-mãe com chipset A320 não são habilitadas para overclock, e esse é um recurso que compensa bastante nos processadores Ryzen. Dessa forma, tente pegar, no mínimo, uma B350.

 

Dê uma olhada no valor dos "kits upgrade" da Terabyte e da Pichau. Pode ser que algum deles esteja compensando. Consegui montar um computador barato com o Ryzen 3 2200G por conta disso.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×