Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
VVanderson

Transistor da placa-mãe esquentando demais

Recommended Posts

Salve pessoal!

 

Gente,me tirem uma dúvida,por gentileza.

Eu tenho duas placas mãe Intel, 1155 idênticas aqui comigo e praticamente com o mesmo defeito; um transistor,daqueles de oito terminais,queimou como uma cabeça de fósforo.Resolvi então retirar o transistor queimado e percebi que um capacitor eletrolítico estava amolecido e também o troquei,retirando tanto o transistor e o capacitor da outra placa.Depois da ressolda,a placa funcionou,mas o transistor que substitui,está esquentando demais e fazendo a placa reiniciar,creio eu.

O que devo fazer?Soprar um pouco de ar quente nele ou substituí-lo outra vez?Ou procurar outro capacitor com defeito?

 

Vou agradecendo logo de antemao;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu começaria pelos mosfet de entrada de energia. com o dedo, o que estiver queimando o dedo, provavelmente é o culpado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu retirei o transistor e recoloquei outra vez,pois ele estava um pouco torto.O calor passou mas a placa continua desligando sozinha e não dá mais vídeo.Apenas a ventoinha do processador roda e para,e assim fica,rodando e parando. Pra ela voltar a funcionar e dar video,tenho que desligar tudo e ligar novamente. Eu tenho outro transistor aqui,vou colocá-lo no lugar do outro.O resultado eu posto aqui.Obrigado pelas dicas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@VVanderson

 

Essa de aproveitar transistor retirando ele de outra placa é quase certo de problema. O calor para removê-lo deve alterar suas propriedades se não o danificar por completo. Alterando suas propriedades já era, é questão de tempo dar defeito.

 

Essa é a conclusão a que cheguei com umas experiências que tive. Se tentar comprar em loja ou lá de fora, corre o risco de receber refugo da indústria estrangeira que não passou pelo seu controle de qualidade como aconteceu já comigo.

 

Além disso, você deve saber muito bem que quando algo se danifica pode haver mais alguma coisa danificada também.

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Isso de desligar e ligar também poderia ser a fonte que acabou sendo danificada. Como eliminação, valeria testar com outra para ver se para esse negócio de ligar e desligar, mais por desencargo de consciência antes de começar a trocar mais coisas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É gente. Já fiz tudo isso mas ela continua com bronca. Também sou daqueles que acham que não vale a pena perder tempo com placa velha,mas deu curiosidade,já que tenho duas iguais...no mais,agora ela parou de vez,por que troquei todos os transistores,três no total e a placa morreu. É realmente um teste de paciência que nem sempre vale a pena.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, VVanderson disse:

É gente. Já fiz tudo isso mas ela continua com bronca. Também sou daqueles que acham que não vale a pena perder tempo com placa velha,mas deu curiosidade,já que tenho duas iguais...no mais,agora ela parou de vez,por que troquei todos os transistores,três no total e a placa morreu. É realmente um teste de paciência que nem sempre vale a pena.

 

Trocou por transistores novos ?

 

Saiba que, mesmo sendo novos, podem estar com defeito de fabricação. A China anda vendendo muita coisa barata que é lixo e isso para lojas também.

 

Se tirou esses transistores de outra placa, pode ter danificado eles ao retirá-los devido a serem sensíveis a altas temperaturas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, Henrique - RJ disse:

...

Se tirou esses transistores de outra placa, pode ter danificado eles ao retirá-los devido a serem sensíveis a altas temperaturas.

 

Se fossem tão sensíveis assim, eles estragariam na primeira solda. Não existiria uma unica placa funcionando no planeta.

 

O que se deve é respeitar a temperatura deles. nunca deixar passarem de 230C, não ficar com o ferro encostado neles muito tempo. e outros procedimentos que se deve ficar atento ao soldar SMD.

 

Por ele ter dito que estava torto da primeira vez, tem que ver se uma perna não pegou em lugar errado, danificando o componente.

 

Quanto a componentes da china, todos eles vem da china. acho que não existe nenhum  componente hoje em dia que não seja feito lá.

 

Quanto a ser mais fácil trocar placa,  é mais fácil, só que este tipo de atitude cai no bolço por ter que comprar a placa nova por causa de alguma coisa a toa, e o pior, detona com o meio ambiente enchendo de lixo desnecessário o planeta.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
49 minutos atrás, lotus123 disse:

 

Se fossem tão sensíveis assim, eles estragariam na primeira solda. Não existiria uma unica placa funcionando no planeta.

 

O que se deve é respeitar a temperatura deles. nunca deixar passarem de 230C, não ficar com o ferro encostado neles muito tempo. e outros procedimentos que se deve ficar atento ao soldar SMD.

 

Por ele ter dito que estava torto da primeira vez, tem que ver se uma perna não pegou em lugar errado, danificando o componente.

 

Quanto a componentes da china, todos eles vem da china. acho que não existe nenhum  componente hoje em dia que não seja feito lá.

 

Quanto a ser mais fácil trocar placa,  é mais fácil, só que este tipo de atitude cai no bolço por ter que comprar a placa nova por causa de alguma coisa a toa, e o pior, detona com o meio ambiente enchendo de lixo desnecessário o planeta.

 

 

 

Na primeira solda não o há necessidade de ficar muito tempo tentando soldar. O problema é quando se tenta retirar esses mosfets das placas-mãe de PCs pois eles só costumam sair com muita insistência e nisso já era o componente.

 

Quanto aos componentes da China a conclusão não é só minha. Tem mais gente aqui no fórum que convive com essa realidade e tem perdido dinheiro nas compras. Até quando se compra em lojas físicas tem muita gente que chega a levar multímetro para testar as peças antes de pagar por elas. Já fiz várias compras dessas coisas chinesas e só me dei mal. É lixo mesmo mas o mundo vai ficando ressabiado com o chinês conforme vai sofrendo os prejuízos. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que o problema não é ser chines, mas os vendedores desonestos que compram refugos e componentes que foram rejeitados e vendem como fossem bom. e isso tem em todo país, inclusive aqui.

 

Mosfets, acho que algumas empresas colam a parte de baixo, não adianta ficar só soprando eles eternamente, que não sai, tem que amolecer a solda e ir cutucando. as vezes ate destruir o antigo pra por o novo sem danificar a placa.

 

Olha o estado da placa nas imagens abaixo, esta carbonizada. E mesmo assim deu para salvar ela tendo paciência e identificando os componentes que estavam estragados. no caso dela eram 3 mosfet.

2018-09-02-075308.jpg

2018-09-02-083904.jpg

2018-09-02-085612.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@lotus123

 

Não tem como você saber qual o chinês que está te fornecendo algo que preste. Veja que até as lojas físicas vendem desses componentes ruins como bons e elas compram de lá em quantidade. Todo mundo sabe da qualidade precária das coisas da China. Eu mesmo compro outras coisas de lá em lojas e em vendedores ambulantes e vou usando até onde dá observando o custo X benefício ( multímetro, balança de precisão, guarda-chuva, etc etc ). Agora, componentes para eletrônica tem que tomar cuidado redobrado. Se eu precisar comprar alguma dessas peças de eletrônica só o faço direto no balcão de uma loja e testando com multímetro e mesmo assim ainda posso perder o dinheiro.

.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa,desculpem a demora, pessoal.Apareceram duas placas iguais de novo aqui,de outra marca,ou melhor de marca não identificada.As duas com o mesmo defeito,só que dessa vez,o capacitor SMD entre os MOSFETs de uma delas explodiu e danificou o PCB da placa,não é possível ressolda-lo de novo. Já a outra,foi trocado todos os MOSFETs e a placa morreu.Desisto!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, VVanderson disse:

Opa,desculpem a demora, pessoal.Apareceram duas placas iguais de novo aqui,de outra marca,ou melhor de marca não identificada.As duas com o mesmo defeito,só que dessa vez,o capacitor SMD entre os MOSFETs de uma delas explodiu e danificou o PCB da placa,não é possível ressolda-lo de novo. Já a outra,foi trocado todos os MOSFETs e a placa morreu.Desisto!

 

Não adianta tentar resolver isso de " orelhada ". Tem que ser profissional especializado nessa área já estruturado e mesmo assim pode vir a ter dificuldade devido ao fabricante desconhecido não deixar disponível material técnico do produto.

 

Isso já deve ser proposital para evitar o nascimento de concorrência mundial e manter o faturamento pois as pessoas físicas ou jurídicas são obrigadas a consumir.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gente,aproveitando a deixa,sobre a questão da solda do capacitor SMD que soltou do PCB, é possível recuperá-la de alguma maneira,tipo,raspando a área da avaria e colocando um pouco de solda no lugar?

Como eu falei antes,o capacitor explodiu,levando um dos contatos de solda do PCB.Tem como recuperar de alguma maneira?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×