Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Bruno Augusto Cota Silva

Outro A Importância da Programação Funcional

Recommended Posts

Programação Funcional 

Programação funcional é uma maneira de programar onde os programas são executados por meio de avaliação de funções, sem haver mudança de estado. Dessa forma, não existem sentenças de atribuição, variáveis no sentido imperativo e nem iterações. 

A programação funcional é muito importante e programadores funcionais devem saber explorar suas vantagens ao máximo. Podemos citar algumas características especiais e vantagens da programação funcional como: Programas funcionais não contêm instruções de atribuição, assim variáveis, uma vez dado um valor, nunca mudam; geralmente, os programas funcionais não contêm efeitos colaterais, podendo ser avaliada a qualquer momento, aliviando o programador do fardo de prescrever o fluxo de controle; uma chamada de função não tem efeito além de calcular seu resultado, assim uma fonte de bugs é eliminada, tornando também a ordem de execução irrelevante. Toda essa liberdade ajuda a tornar os programas funcionais mais tratáveis matematicamente do que suas contrapartes convencionais. 

Em resumo, o estilo de programação funcional é descrever o que você quer, ao invés de como obtê-lo. A programação funcional move ideias de programação mais básicas para o compilador, ideias como compreensão de lista e armazenamento em cache. O maior benefício da programação funcional é a brevidade, porque o código pode ser mais conciso. Um programa funcional não cria uma variável iteradora para ser o centro de um loop, portanto este e outros tipos de sobrecarga são eliminados do seu código. O outro grande benefício é a simultaneidade, que é mais fácil de fazer com a programação funcional, porque o compilador está cuidando da maioria das operações que costumavam exigir a configuração manual de variáveis de estado (como o iterador em um loop).  

Alguns benefícios de desempenho podem ser vistos no contexto de um único processador, dependendo da forma como o programa é escrito, porque a maioria das linguagens e extensões funcionais suportam a avaliação lenta. Em Haskell você pode dizer "este rótulo representa um array contendo todos os números pares". Esse array é infinitamente grande, mas você pode pedir o 100.000º elemento desse array a qualquer momento, sem precisar saber o seu limite no momento da inicialização, precisa apenas saber qual será o maior valor que você precisará. O valor será calculado apenas quando você precisar e não mais.  

A falta de popularidade da programação funcional é porque escrever um código funcional, muitas vezes, pode parecer mais como resolver quebra-cabeças do que como explicar um processo para o computador. Em linguagens funcionais, muitas vezes sei o que quero dizer, mas parece que tenho que resolver um quebra-cabeça para expressá-lo na linguagem. A programação funcional é diferente e isso assusta um pouco. 

 

Documento 12.docx

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×