Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
777MarcioJosé

Para que serve o Ce (capacitor de emissor) ligado ao terra do amplificador?

Posts recomendados

5dad74b4345.gif&key=c21b7b5b5d06586ff037

Bom Dia, estou estudando sobre amplificadores transistorizados, e fique com dúvida sobre uma coisa, para que serve o capacitor CE do circuito acima? na verdade eu até ouvi falar que ele aumenta o ganho do amplificador (eleva o ganho do transistor para o máximo), mas como ele faz isso? há algum calculo por trás para saber o valor dele?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O nome deste capacitor é capacitor de bypass e serve para aumentar o ganho do amplificador. Uma explicação técnica completa você encontra em meu livro, incluindo cálculos, etc:

 

 

 

  • Curtir 2
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Depois e só depois de adquirir e ler o livro do patrão, leia o comentário-resumo abaixo...

...

...

...

Ele faz algo como aumentar o ganho em frequencia alta a qual os a.f. tem dificuldade em "expressar". Então a ideia era dar uma forcinha pra ele ou pelo menos equalizar com as baixa freq. Se leu no livro que o ganho do transistor é algo como ~RC/RE e que capacitor tem menor impedância em freq alta, consegue perceber o RE reduzindo em freq alta?

 

Algo me diz que o patrão vai receber vários likes e eu... zero kk

  • Curtir 2
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
53 minutos atrás, Isadora Ferraz disse:

Depois e só depois de adquirir e ler o livro do patrão, leia o comentário-resumo abaixo...

A Isadora já mostrou. Eu só vou complementar.

 

O ganho, caso COUT for muito grande, é aprox. Vout / Vin = Rx/Ry.

Onde:

Rx = R1//RL e 

Ry = RE1 +  [RE2 / (1 + s.CE.RE2)].

 

Só para constar. O "s" é uma jogada para transformar equações integrais e diferenciais em equações algébricas. Sem ele seria ainda muito difícil calcular.

 

Agora, repare que se o denominador (Ry) diminuir, o ganho Rx/Ry aumenta, certo?

Vamos ver como Ry vai diminuir com a frequência.

 

Observe a parte [RE2 / (1 + s.CE.RE2)] de Ry.

Grosseiramente, o "s" é a frequência. 

Com o aumento da frequência, s.CE.RE2 vai se tornando muito maior que 1, que é a primeira parcela do denominador. Então o denominador [RE2 / (1 + s.CE.RE2)] vai tendendo para um valor muito menor. Menor mesmo que o valor de RE1.

Então, para maiores frequências, Ry vai tendendo para Ry = RE1 +  [RE2 / (1 + s.CE.RE2)] = RE1 +0 = RE1.

Então, para maiores frequências Vout / Vin é aproximadamente (R1//RL)/RE1, que é muito maior que (R1//RL) / {RE1 +  [RE2 / (1 + s.CE.RE2)]}

 

Mas aí você perguntaria. Para que então incluir RE2 e CE? Porque não deixar apenas o RE1?

A resposta é simples. A estabilidade do ponto de operação do transistor, que é a capacidade de manter a corrente quiescente (normal dele), aumenta com o aumento do resistor de emissor. Como a corrente quiescente é a corrente de polarização, portanto contínua, então a estabilidade aumenta com RE2, já que a frequência s é igual a zero. 

Mas com o aumento da resistência de emissor, o ganho cai, já que RE está no denominador do ganho. A jogada para contornar uma grande estabilidade de corrente quiescente e um ganho alto, é simplesmente incluir o capacitor CE em paralelo com RE2. Então para CC o ganho é pequeno e o transistor fica mais estável. Para ca o ganho volta a ser alto. 

 

Em outras palavras, o gráfico do ganho é dependente da frequência e fica mais ou menos assim:

Na realidade, está faltando considerar a resistência interna da fonte Vin e o cálculo fica ainda um pouco mais complicado.

MOR_AL

 

CDH.jpg

  • Curtir 2
  • Obrigado 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Há cálculos complexos por trás, mas basicamente ele permite conseguir duas vantagens no mesmo circuito F5Rua4D.gif:

 

 

 

1 - Na análise em corrente contínua, usa-se o RE para estabilizar o ponto de operação com relação às variações de temperatura do transistor de junção bipolar.

 

 

2 - Na análise em corrente alternada, elimina-se o RE por ficar em paralelo com o CE. Por este último ser uma reatância baixa na frequência AC, obtém-se um alto ganho de tensão AC reduzindo o denominador de sua expressão matemática.

 

 

 

Espero ter ajudado GbhmuXl.gif.

  • Curtir 2
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aí Paulão aprende... isso é que é ctrl-c ctrl-v profissional kk. Traduzindo.. excelentes complementos. Palavras diferentes e respostas similares dão liberdade de escolha pro amigo.

(Pena que atrapalham o negócio do chefe ... já já ele demite nóis... kk)

  • Obrigado 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só para finalizar.

A expressão mais aproximada é a que está em anexo.

Isso caso a impedância interna da fonte Vin for nula. Em se tratando desse circuito transistorizado, pressupõe-se que o estagio anterior também seja transistorizado, o que leva a crer que NÃO se deve desprezar a resistência interna de Vin.

MOR_AL

Bode2.jpg

  • Curtir 3
  • Obrigado 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!