Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Skaertus2

Configuração completa para produtividade de escritório, foco em agilidade

Recommended Posts

Estou em dúvida entre alguns processadores. Uso o computador mais para produtividade, Office, navegação na Internet, e ocasionalmente jogos. Apesar de qualquer processador poder executar essas tarefas, gostaria de um bom desempenho.

 

As minhas dúvidas:

 

  • Core i5-8400 2.8/4.0 GHz, 8500 3.0/4.1 GHz, 8600 3.1/4.3 GHz, 9400F 2.9/4.1 GHz: Parecem todos bem semelhantes, com algumas variações pequenas de velocidade. O Core i5-8600 parece ser o melhor deles, com clock cerca de 10% superior ao i5-8400, o que deve fazer alguma (embora pouca) diferença. Imagino que qualquer um deles possa atender e que vá mais do custo/benefício. O preço está bem em conta mesmo.
  • Core i5-9600K 3.7/4.6 GHz: Imagino que valha mais a pena do que o Core i5-8600K 3.6/4.3 GHz por conta de o clock ser maior. A grande vantagem parece ser os clocks maiores em relação aos modelos não-K, o que deve contribuir para um desempenho melhor. Só não sei se esquenta demais por conta disso. O preço está bem razoável, mas precisa de um cooler, pode ser qualquer um?
  • Core i7-8700 3.2/4.6 GHz: Não sei se é realmente melhor do que o Core i5-9600K. Ele tem o mesmo número de cores e o dobro de threads, além de cache maior (o que não sei se faz realmente diferença). O base clock é menor, mas o turbo parece ser igual. Mas deve esquentar menos.
  • Core i7-8700K 3.7/4.7 GHz: Não sei o quanto é efetivamente mais rápido do que um Core i7-8700 e se esquenta muito mais. Também não sei se vale a diferença de preço.
  • Core i7-9700K 3.6/4.9 GHz: Tem 8 cores, mas não tem HyperThreading, então parece ser mais rápido do que o Core i7-8700K, mas talvez não em todas as aplicações. E não sei se os 8 cores físicos esquentam mais ou menos do que os 12 cores do i7-8700K.
  • Core i9-9900K 3.6/5.0 GHz: Esse é um monstro de verdade, 8 cores e 16 threads. Minha dúvida é se esquenta demais por conta disso, e qual o cooler que devo usar. Vi gente que recomenda um water cooler em qualquer situação, mesmo sem overclock.

 

Enfim, são muitas as possibilidades. Como a nona geração de processadores não trouxe nenhuma inovação de fato a não ser aumentos muito pequenos de desempenho, concorre com a oitava geração. Estou tentando pensar em um mix de cores, threads, aquecimento e preço que faça sentido, e sinceramente não sei, às vezes tendo para o i9-9900K para me garantir, mas outras vezes acho exagero. Tenho dúvidas em relação a que cooler usar, mesmo sem fazer overclock, e qual placa-mãe pegar (alguma segura o desempenho?).

 

Há também os processadores AMD, que parecem ter um bom custo/benefício. Apesar disso, o desempenho single core me pareceu fraco, e tenho um pouco de receio que sejam bons demais nos benchmarks e deixem um pouco a desejar no uso diário (os processadores AMD que tive no passado, há mais de dez anos, me decepcionaram, de modo que desde então os tenho evitado).

 

Sugestões?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Skaertus2 o que seria produtividade?

Me parece que você vai comprar um ônibus biarticulado pra levar duas senhoras no baile do bairro.

 

O que seria custo/benefício?

Qual seu orçamento?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Evandro disse:

@Skaertus2 o que seria produtividade?

Me parece que você vai comprar um ônibus biarticulado pra levar duas senhoras no baile do bairro.

 

O que seria custo/benefício?

Qual seu orçamento?

 

Produtividade é uso geral, pacote Office, navegação na Internet, leitura de PDFs. Mas nem tão básico como pode parecer. Lido com arquivos Word de mais de 500 páginas, mais de 1.000 notas de rodapé, e milhares de campos e referências cruzadas. Ao mesmo tempo, navego com mais de 100 abas abertas e faço buscas em mais de 10.000 PDFs. Uso um monitor 4K de 32" e quero acrescentar outro de 27" 1440p para aumentar minha área de trabalho.

 

Sei que mesmo tudo isso não demanda muito poder de processamento. Mas também não quero algo que simplesmente funcione; quero um processador que dê respostas imediatas a todos os meus comandos, sem engasgar e nem ser usado no talo.

 

O meu orçamento é variável, bem flexível. Claro que não gostaria de gastar uma fortuna, mas posso chegar aos R$ 3.000 para um Core i9-9900K se fizer alguma diferença.

 

Obrigado.

adicionado 4 minutos depois
3 minutos atrás, Skaertus2 disse:

 

Produtividade é uso geral, pacote Office, navegação na Internet, leitura de PDFs. Mas nem tão básico como pode parecer. Lido com arquivos Word de mais de 500 páginas, mais de 1.000 notas de rodapé, e milhares de campos e referências cruzadas. Ao mesmo tempo, navego com mais de 100 abas abertas e faço buscas em mais de 10.000 PDFs. Uso um monitor 4K de 32" e quero acrescentar outro de 27" 1440p para aumentar minha área de trabalho.

 

Sei que mesmo tudo isso não demanda muito poder de processamento. Mas também não quero algo que simplesmente funcione; quero um processador que dê respostas imediatas a todos os meus comandos, sem engasgar e nem ser usado no talo. Enfim, as duas senhoras vão ao baile do bairro, mas querem ir de Rolls-Royce com motorista...

 

O meu orçamento é variável, bem flexível. Claro que não gostaria de gastar uma fortuna, mas posso chegar aos R$ 3.000 para um Core i9-9900K se fizer alguma diferença.

 

Obrigado.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Skaertus2 nada disso consome tanto poder de processamento a ponto de você precisar de uma máquina tão poderosa.

 

No máximo bastante memória.

Se você quer resposta imediata, use um bom SSD M.2/PCI-Express. ;)

 

Você já tem alguma outra peça?

Caso não, qual seu orçamento completo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Citação

Escolha entre cores, threads, clock e temperatura


Só pra complementar, essas são características que isoladamente não significam muito. Podem te induzir a escolher um processador antigo pior porque "nossa, tem maior clock" ou deixar de lado um novo excelente porque "li que esquenta muito". O padrão ouro pra avaliação de componentes são os testes práticos em aplicações específicas. Existem legiões de entusiastas fazendo esses testes e publicando reviews, você encontra toneladas de materiais buscando por "nome do componente + review" no google, inclusive comparando peças de faixa de preço semelhantes entre si. O próprio Clube tem muitas e agracia os melhores resultados com o selo de "produto recomendado".

Pra sua aplicação específica um Ryzen 5 1600 que fica na faixa de R$ 600 dá e sobra. Como o Evandro colocou pra rápida leitura e gravação acaba sendo mais importante um bom SSD.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
7 minutos atrás, Evandro disse:

@Skaertus2 nada disso consome tanto poder de processamento a ponto de você precisar de uma máquina tão poderosa.

 

No máximo bastante memória.

Se você quer resposta imediata, use um bom SSD M.2/PCI-Express. ;)

 

Você já tem alguma outra peça?

Caso não, qual seu orçamento completo?

 

 

Na verdade, estou montando o computador do zero. Tenho um orçamento bem flexível para o computador todo, e posso passar dos R$ 10 mil se for o caso, mas não sei se é.

 

Quanto a memória, estou pensando em 16 GB, a não ser que 32 GB faça sentido.

 

Pensei em um SSD PCI-E, mas tenho sérias dúvidas. Um Samsung 970 EVO, PCI-E x4, tem leitura de 3500 MB/s e escrita de 2500 MB/s, o que é sensacional. Mas vi testes na Internet que mostram que na prática a velocidade de boot e de carregamento de programas muda bem pouco em relação a um SATA III, além de esquentar bem mais, o que me deixa realmente na dúvida se vale a pena:

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Skaertus2 disse:

Mas vi testes na Internet que mostram que na prática a velocidade de boot e de carregamento de programas muda bem pouco em relação a um SATA III, além de esquentar bem mais, o que me deixa realmente na dúvida se vale a pena:

Também acho que pro seu uso um SSD Sata seja suficiente, perceberia diferença pequena em relação a um M.2.

10k é muito exagerado, com 3 a 4 você monta uma máquina que já vai suprir com folga gigantesca as suas necessidades. 16 GB de RAM também é suficiente.

E não precisa se preocupar muito com essa de "esquentar muito", isso é mais pertinente pra power users ou gamers que jogam muitas horas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 minutos atrás, Shaman93 disse:


Só pra complementar, essas são características que isoladamente não significam muito. Podem te induzir a escolher um processador antigo pior porque "nossa, tem maior clock" ou deixar de lado um novo excelente porque "li que esquenta muito". O padrão ouro pra avaliação de componentes são os testes práticos em aplicações específicas. Existem legiões de entusiastas fazendo esses testes e publicando reviews, você encontra toneladas de materiais buscando por "nome do componente + review" no google, inclusive comparando peças de faixa de preço semelhantes entre si. O próprio Clube tem muitas e agracia os melhores resultados com o selo de "produto recomendado".

Pra sua aplicação específica um Ryzen 5 1600 que fica na faixa de R$ 600 dá e sobra. Como o Evandro colocou pra rápida leitura e gravação acaba sendo mais importante um bom SSD.

 

 

Um SSD certamente vai fazer parte da configuração. Hoje tenho um Core i5-7500T, quad core de 2.7 GHz, com TurboBoost de 3.3 GHz, e dá pro gasto, é OK. Não acho um super processador e às vezes dá uma engasgada ou outra, o que eu queria evitar. Pelo cpubenchmark.net, ele é um pouco melhor do que o Ryzen 5 1600 em single core, mas mais fraco em multicore. Aliás, alguma razão para um Ryzen 5 1600 em vez de um 2600? E alguma razão para ir de AMD em vez de Intel?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Skaertus2 disse:

Aliás, alguma razão para um Ryzen 5 1600 em vez de um 2600? E alguma razão para ir de AMD em vez de Intel?

A razão é custo benefício. Enquanto o R5 1600 é em torno de 10% inferior, ele custa 50% a menos que o R5 2600. E com um overclock de leves e um bom water cooler também custo benefício (exemplo Maelstrom 240T) você equipara e até supera o 2600. Se você está disposto a gastar pode dar uma olhada no R7 2700, mas saiba que ele é bastante excessivo pro seu padrão de uso.

Tem que cuidar ao analisar esses resultados sintéticos, o i5-7500T perde em tudo, inclusive single core, pro R5 1600. E não é por pouco. Em multitasking toma uma sova violenta, quase como se tivessem 2 a 3 i5 trabalhando juntos.
Fui dar uma olhada nesse resultado que achei estranho, você viu a versão não-T, não? Ela usa quase 50% a mais de energia que o seu e acaba sendo bem mais potente.

O custo benefício dos AMD atuais está muito superior aos Intel quando se trata de multitasking. Intel só ganha em jogos, só quando pareado com placas de vídeo das mais robustas, por bem pouco, e por um aumento de custo enorme.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 minutos atrás, Shaman93 disse:

Também acho que pro seu uso um SSD Sata seja suficiente, perceberia diferença pequena em relação a um M.2.

10k é muito exagerado, com 3 a 4 você monta uma máquina que já vai suprir com folga gigantesca as suas necessidades. 16 GB de RAM também é suficiente.

 E não precisa se preocupar muito com essa de "esquentar muito", isso é mais pertinente pra power users ou gamers que jogam muitas horas.

 

Hoje uso um SSD SanDisk Plus SATA III de 240 GB. Acabei de rodar um teste no ATTO Disk Benchmark e ele bateu 517 MB/s de leitura e 430 MB/s de escrita, o que está bem dentro das expectativas.

 

Apesar disso, acho que ele está deixando bem a desejar mesmo para abrir programas, o que não tem sido imediato como era de se esperar, mas não sei porque. Talvez tenha a ver o fato de ter só 20 GB livres atrapalhe. Ou talvez seja porque meus laptops tem SSD PCI-E x4 e isso pode ter me deixado mal acostumado. Realmente não sei.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Skaertus2 disse:

Talvez tenha a ver o fato de ter só 20 GB livres atrapalhe.

Sim! Muito provavelmente é isso, SSDs tornam-se mais lentos a medida que enchem, especialmente perto dos 10% finais. Tenta apagar uns 10 a 20 GB dele e provavelmente vai sentir diferença.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 minutos atrás, Shaman93 disse:

A razão é custo benefício. Enquanto o R5 1600 é em torno de 10% inferior, ele custa 50% a menos que o R5 2600. E com um overclock de leves e um bom water cooler também custo benefício (exemplo Maelstrom 240T) você equipara e até supera o 2600. Se você está disposto a gastar pode dar uma olhada no R7 2700, mas saiba que ele é bastante excessivo pro seu padrão de uso.

Tem que cuidar ao analisar esses resultados sintéticos, o i5-7500T perde em tudo, inclusive single core, pro R5 1600. E não é por pouco. Em multitasking toma uma sova violenta, quase como se tivessem 2 a 3 i5 trabalhando juntos.
Fui dar uma olhada nesse resultado que achei estranho, você viu a versão não-T, não? Ela usa quase 50% a mais de energia que o seu e acaba sendo bem mais potente.

O custo benefício dos AMD atuais está muito superior aos Intel quando se trata de multitasking. Intel só ganha em jogos, só quando pareado com placas de vídeo das mais robustas, por bem pouco, e por um aumento de custo enorme.

 

Eu acabei de ver o resultado no cpubenchmark.net (https://www.cpubenchmark.net/CPU_mega_page.html). O Core i5-7500T aparece com 1858 no desempenho single core e 6997 no multicore. O Ryzen 5 1600 tem 1822 no single core e 12270 no multicore. Um Core i5-8600, por exemplo, tem desempenho single core de 2514 e multicore de 12658; o multicore é muito parecido com o Ryzen 1600 (3% de diferença apenas), mas dá uma lavada no desempenho single core (38% superior).

 

O que eu queria saber é desempenho no mundo real, pois nem todos os programas são feitos para funcionar com múltiplos cores.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
13 minutos atrás, Skaertus2 disse:

o multicore é muito parecido com o Ryzen 1600 (3% de diferença apenas), mas dá uma lavada no desempenho single core (38% superior).

 

O que eu queria saber é desempenho no mundo real, pois nem todos os programas são feitos para funcionar com múltiplos cores.

Então, esses resultados são sintéticos. Bota uma porrada de dados pro processador trabalhar a 100% durante algumas horas, faz umas médias e tira um resultado final. No mundo real o i5 8600 é o dobro do preço e entrega praticamente o mesmo desempenho, especialmente no seu tipo de aplicação, que não é usando um programa único, mas vários abertos ao mesmo tempo. Dificilmente vai ver o processador passar de 50% por mais que alguns instantes.
Uma das poucas aplicações em que a vantagem do i5 seria expressiva seria jogando e com placas de vídeo na faixa de 2000 reais pra mais. E o ganho seria de 10 a 20%, não 38, e não em todos os jogos.

Entendo a admiração pela Intel, os caras são *****, baita marketing e tudo mais, mas na geração atual está difícil de recomendar. Até algum tempo atrás era o contrário, mas agora o jogo virou.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Shaman93 disse:

Então, esses resultados são sintéticos. Bota uma porrada de dados pro processador trabalhar a 100% durante algumas horas, faz umas médias e tira um resultado final. No mundo real o i5 8600 é do dobro ao triplo do preço e entrega praticamente o mesmo desempenho, especialmente no seu tipo de aplicação, que não é usando um programa único, mas vários abertos ao mesmo tempo. Dificilmente vai ver o processador passar de 50% por mais que alguns instantes.
Uma das poucas aplicações em que a vantagem do i5 seria expressiva seria jogando e com placas de vídeo na faixa de 2000 reais pra mais. E o ganho seria de 10 a 20%, não 38, e não em todos os jogos.

Entendo a admiração pela Intel, os caras são *****, baita marketing e tudo mais, mas na geração atual está difícil de recomendar. Até algum tempo atrás era o contrário, mas agora o jogo virou.

 

Eu também pretendo usar o computador para jogar, embora não seja o foco.

 

Tive três experiências com AMD, mas foram no passado, todas elas há mais de dez anos. As três foram muito ruins. Na época, os processadores eram considerados por muita gente como superiores aos da Intel e como excelente custo-benefício. Como hoje, todos diziam que era melhor comprar AMD. Comprei e eram todos fraquíssimos, desempenho sofrível. Os processadores da Intel, por outro lado, nunca me decepcionaram. Por isso nunca mais me arrisquei com a AMD. Não tem nada a ver com o marketing da Intel, mas com decepções passadas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Todos meus 4 computadores foram AMD, todos me supriram por perto ou mais de 10 anos (inclusive o Athlon II x4 640 que uso no momento e dá conta das necessidades básicas, joguei por muitos anos com uma HD 5850 que cedeu antes dele) sem reclamações. 3 deles tão numa gaveta e se eu colocar na plataforma adequada ainda funcionam.

Mas entendo a decepção, apesar de ter a experiência absolutamente oposta. Por exemplo tenho um pé atrás com a Asus, há não muito tempo me recusaram um RMA por um motivo *****, pra não dizer inventado. Mas, atualmente buscando um PC novo, se me aparecer uma peça Asus boa com o melhor preço entre a concorrência é a que vou pegar mesmo assim. No final das contas é você quem julga até onde pesa os fatores relação com o dinheiro, experiência pessoal e análises técnicas. Espero ter ajudado, um abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 minutos atrás, Shaman93 disse:

Todos meus 4 computadores foram AMD, todos me supriram por perto ou mais de 10 anos (inclusive o Athlon II x4 640 que uso no momento e dá conta das necessidades básicas, joguei por muitos anos com uma HD 5850 que cedeu antes dele) sem reclamações. 3 deles tão numa gaveta e se eu colocar na plataforma adequada ainda funcionam.

Mas entendo a decepção, apesar de ter a experiência absolutamente oposta. Por exemplo tenho um pé atrás com a Asus, há não muito tempo me recusaram um RMA por um motivo *****, pra não dizer inventado. Mas, atualmente buscando um PC novo, se me aparecer uma peça Asus boa com o melhor preço entre a concorrência é a que vou pegar mesmo assim. No final das contas é você quem julga até onde pesa os fatores relação com o dinheiro, experiência pessoal e análises técnicas. Espero ter ajudado, um abraço!

Obrigado, ajudou sim!

 

Não tenho nenhuma restrição a AMD, na verdade, mas se eu fosse comprar gostaria de realmente testar o processador antes, ao vivo. Mas isso está cada vez mais difícil com lojas online. Comprar pela Internet sem testar antes, aí eu iria de Intel mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Skaertus2 , pelo que escreveu, qualquer um dos processadores que listou já será superior ao seu atual, pois ele tem esse T no nome que indica que ele é mais pensado em eficiência energética do que em performance.

 

19 horas atrás, Skaertus2 disse:

Hoje uso um SSD SanDisk Plus SATA III de 240 GB. Acabei de rodar um teste no ATTO Disk Benchmark e ele bateu 517 MB/s de leitura e 430 MB/s de escrita, o que está bem dentro das expectativas.

 

Apesar disso, acho que ele está deixando bem a desejar mesmo para abrir programas, o que não tem sido imediato como era de se esperar, mas não sei porque. Talvez tenha a ver o fato de ter só 20 GB livres atrapalhe. Ou talvez seja porque meus laptops tem SSD PCI-E x4 e isso pode ter me deixado mal acostumado. Realmente não sei.

 

Bom, pode ser outra coisa também. O programa também está no SSD? E a memória RAM, quanto tem? Também é parte importante. Sem contar que alguns anti vírus podem acabar com a performance da máquina, não importa qual seja rs.

 

Mas como dinheiro está tranquilo rs, eu recomendo procurar não um SSD PCI-e, mas os M.2 NVME, que no fundo são parecidos, como esse monstrinho aqui:

 

https://www.magazineluiza.com.br/ssd-500gb-samsung-970-evo-m-2-pcie-gen-3-0-x4-nvme-nand-mlc-modelo-mz-v7e500bw-/p/ad44019522/in/armt/

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 horas atrás, dudaskank disse:

@Skaertus2 , pelo que escreveu, qualquer um dos processadores que listou já será superior ao seu atual, pois ele tem esse T no nome que indica que ele é mais pensado em eficiência energética do que em performance.

 

 

Bom, pode ser outra coisa também. O programa também está no SSD? E a memória RAM, quanto tem? Também é parte importante. Sem contar que alguns anti vírus podem acabar com a performance da máquina, não importa qual seja rs.

 

Mas como dinheiro está tranquilo rs, eu recomendo procurar não um SSD PCI-e, mas os M.2 NVME, que no fundo são parecidos, como esse monstrinho aqui:

 

https://www.magazineluiza.com.br/ssd-500gb-samsung-970-evo-m-2-pcie-gen-3-0-x4-nvme-nand-mlc-modelo-mz-v7e500bw-/p/ad44019522/in/armt/

 

 

 

 

Obrigado! 

 

O meu processador realmente é pensado em eficiência, mas não chega a ser lento, com 2.7 GHz de clock e até 3.3 GHz de TurboBoost. Apesar disso, quero algo mais rápido.

 

Queria saber se deveria focar mais no número de cores/threads ou na performance single core (ou em ambos). Por exemplo, como seria na vida real o desempenho de um Core i5-9600K comparado com um Core i7-8700? O i5-9600K tem maior base clock, mas tem a metade de threads do i7-8700 e cache L3 menor. Por outro lado, eu posso considerar um i7-9700K ou um i9-9900K, mas imagino que possa ser um exagero.

 

Eu estou com 8 GB de RAM atualmente e acho pouco. Os programas estão todos no SSD. E não tenho nenhum vírus.

 

O Samsung 970 EVO é um modelo em que pensei (é um PCI-E x4 quanto ao padrão de comunicação, e o NVME é a interface dos modelos PCI-E, então estamos falando da mesma coisa). Ele é bem rápido, com 3400 MB/s de leitura (comparado com os 500 MB/s de um SSD SATA III), mas queria saber da diferença de velocidade na vida real e se esquenta muito quando usado.

 

Adicionando ao tópico, montei algumas configurações aqui que vi em algumas lojas diferentes:

 

Core i9-9900K com water cooler

placa-mãe Gigabyte Z390 Gaming X

32 GB RAM DDR4 3000 MHz Corsair

Nvidia GeForce RTX 2080 Gaming

SSD Samsung 970 EVO (PCI-E x4 NVMe) 1 TB

HDD Seagate Barracuda 3 TB 7200 RPM

Fonte 750W EVGA semi modular

Gabinete Aerocool

R$ 14.300,00

 

Core i9-9900K com water cooler

placa-mãe Gigabyte Z390

16 GB DDR4 2666 MHz Corsair

Nvidia GeForce RTX 2070 Gigabyte OC

SSD Kingston A400 (SATA III) 480 GB

HDD 3 TB 7200 RPM

Fonte 1000W Akasa modular

Gabinete Corsair 275r

R$ 9.900,00

 

Core i7-8700

Placa-mãe Gigabyte B360M

16 GB RAM 2666 MHz Kingston Hyper X Predator

Nvidia GeForce RTX 2070 Galax OC

SSD Kingston A400 (SATA III) 480 GB 

HD 2 TB Toshiba 7200 RPM

Fonte 850W Corsair

Gabinete Aerocool

R$ 8.000,00

 

Core i5-8600

Placa-mãe ASUS TUF B360M-Plus

16 GB RAM 2400 MHz Crucial Ballistix Sport LT

Nvidia GeForce RTX 2060 Zotac Gaming

SSD Kingston A400 (SATA III) 480 GB

HD 2 TB Toshiba 7200 RPM

Fonte 550W

Gabinete Aerocool

R$ 5.500,00

 

São preços e perfis bem variados, mas creio eu que são razoavelmente equilibrados. A vontade é de pegar o primeiro, que é um monstro, mas talvez o meu uso não justifique um computador desses. Talvez um dos dois últimos já seja o suficiente. Mas eu imagino qual seria a diferença perceptível entre os modelos para o meu tipo de uso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Skaertus2 , note que eu disse anti vírus, e não vírus rs. McAfee e Symantec conseguem fazer uma máquina boa ficar lenta em alguns momentos rs.

 

Olha, pelo seu uso principal que entendi ser o pacote Office, internet, e-mail e PDF, com alguns arquivos pesados no Office e grande quantidade de PDF para buscas, você mesmo disse que não costuma ter problemas com seu PC atual, logo todos serão ótimos upgrades. Só um detalhe, você falou que os programas estão no SSD, mas e esses arquivos que você trabalha, também estão? Seria uma boa estarem também, vai acelerar o processo todo.

 

Pelo que li, os testes para esses tipos de trabalhos são feitos com o pcmark 10, abaixo alguns resultados e note o bom rendimento dos AMD também:

 

https://www.tomshardware.com/reviews/intel-core-i5-9600k-coffee-lake-cpu,5922-7.html

https://www.anandtech.com/show/13400/intel-9th-gen-core-i9-9900k-i7-9700k-i5-9600k-review/7

 

Outra coisa, mesmo para uma RTX 2080 TI, uma fonte bacana como a Corsair CX 550 é o bastante viu. Mesmo se pensar em overclock no processador, ela vai dar conta. E aí pegue uma placa-mãe z390.

 

E aliás, essas placas de vídeo são pra jogar com quase tudo no máximo e em 4k viu, se é o que quer, manda ver, mas se pretende dar uma economizada, é possível ser feliz deixando no médio ou baixo, tenho uma RX 580 de 4 GB para uma tela 4k.

 

Amanhã vou tentar dar uma outra opção também de máquina, uma mistura dessas todas.

 

[edit] segue a config:

 

Processador I7 8700 - R$ 1828

Placa-Mãe Gigabyte Micro ATX Intel LGA 1151 B360M Gaming HD - R$ 320

Memória Adata 8GB DDR4 2666 MHz - R$ 290 x 2 = R$ 580

SSD Corsair Force Series MP510 240GB - R$ 460

SSD Team Group 480 GB - R$ 361

HD 3 TB 5900 RPM - R$ 320

Fonte Corsair CX 550 - R$ 306

Gabinete Thermaltake Versa N24 - R$ 220

VGA Gainward RTX 2060 - R$ 1759

 

O monstrinho deu R$ 6154 e alguns fretes, escolhi um SSD M.2 pro SO, e um outro mais lento mas bom também para os arquivos principais que for trabalhar, e um HD de 3 TB que está barato pra depósito de arquivos rs. A placa-mãe é suficiente, tem apenas 2 slots de memória mas 16 GB dá pra trabalhar bem, e pra jogo a RTX 2060, que é bom para jogar até os 1440p no máximo, ou 4k com qualidade média talvez, não vi testes nessa qualidade mas imagino que dê. Pense aí :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 horas atrás, dudaskank disse:

@Skaertus2 , note que eu disse anti vírus, e não vírus rs. McAfee e Symantec conseguem fazer uma máquina boa ficar lenta em alguns momentos rs.

 

Olha, pelo seu uso principal que entendi ser o pacote Office, internet, e-mail e PDF, com alguns arquivos pesados no Office e grande quantidade de PDF para buscas, você mesmo disse que não costuma ter problemas com seu PC atual, logo todos serão ótimos upgrades. Só um detalhe, você falou que os programas estão no SSD, mas e esses arquivos que você trabalha, também estão? Seria uma boa estarem também, vai acelerar o processo todo.

 

Pelo que li, os testes para esses tipos de trabalhos são feitos com o pcmark 10, abaixo alguns resultados e note o bom rendimento dos AMD também:

 

https://www.tomshardware.com/reviews/intel-core-i5-9600k-coffee-lake-cpu,5922-7.html

https://www.anandtech.com/show/13400/intel-9th-gen-core-i9-9900k-i7-9700k-i5-9600k-review/7

 

Outra coisa, mesmo para uma RTX 2080 TI, uma fonte bacana como a Corsair CX 550 é o bastante viu. Mesmo se pensar em overclock no processador, ela vai dar conta. E aí pegue uma placa-mãe z390.

 

E aliás, essas placas de vídeo são pra jogar com quase tudo no máximo e em 4k viu, se é o que quer, manda ver, mas se pretende dar uma economizada, é possível ser feliz deixando no médio ou baixo, tenho uma RX 580 de 4 GB para uma tela 4k.

 

Amanhã vou tentar dar uma outra opção também de máquina, uma mistura dessas todas.

 

 

Obrigado pelas dicas!

 

Não tenho muitos problemas com meu PC atual, mas o processador está sempre em uso constante (quase sempre acima dos 50%) e a memória é claramente insuficiente. Além disso, o SSD está quase lotado, e a GPU mal dá conta da resolução do monitor.

 

Eu já vi vários benchmarks, mas nenhum deles reflete exatamente o uso normal. Por isso também eu pergunto.

 

A placa-mãe Z390 faz diferença mesmo? Ela é cara, e li em alguns lugares que a placa-mãe não faz diferença na performance, a não ser que seja para overclock. Qual a vantagem de uma placa-mãe Z390 sobre uma B360M, por exemplo?

 

Quanto à placa de vídeo, pensei numa RTX 2060 mesmo, que já é bem poderosa, ou talvez uma RTX 2070, se estiver com um preço bom. Uma RTX 2080 parece um exagero, e com meu tipo de uso é um pouco difícil justificar pagar mais de R$ 5 mil só em uma placa de vídeo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Skaertus2 li todo o tópico e concordo com os amigos que pode dar uma economizada.

 

Vou tentar ajudar na parte da placa-mãe, se for pegar processador da Intel com sufixo K é importante que a placa-mãe tenha boa construção principalmente na parte de VRMs para não aquecer e perder desempenho.

Até mesmo para o I7 eu não pegaria uma placa tão simples, para não correr este risco.

São ótimos processadores só que o preço é mais elevado e a diferença de desempenho é pequena.

 

Se estivermos falando em Custo x Benefício a AMD está muito melhor que a Intel.

Ao meu ver o Ryzen 5 1600 já daria conta da sua demanda, podendo até ser um Ryzen 2700.

Daria uma boa economizada e teria um desempenho para multitarefas melhor.

Vale a leitura do teste do Ryzen 7 2700 inclui o i7 8700K e i5 8600K aqui do clube - link .

 

Minha sugestão para o setup:

Processador: Ryzen 7 2700 - R$ 1.350,00 ou o Ryzen 7 2700x - R$ 1.630,00 - já vem com bom coolerbox;

Placa-mãe: Está ruim de placas mães no momento. Dá para encaixar placas mães mais baratas de R$ 500,00 a R$ 700,00.

 - placa-mãe MSI X470 Gaming Plus Socket AM4, Chipset AMD X470 - R$ 940,00;

Placa de vídeo: RTX2060 R$ 1.900,00 se não me engano pode ganhar o Battlefield V ou Anthem.
Memória RAM: 2x8GB 3000Mhz DDR4 - R$ 800,00;

SSD: SSD Sata 480gb . R$ +- 400,00;

HD: 1Tb 7200rpm e 64mb de cache - R$ +- 250,00;

Fonte:

- Fonte Corsair 650W 80 Plus Gold Semi Modular TX650M CP-9020132 - R$ 515,00; ou

Gabinete: a gosto, de preferência com fonte em na parte inferior. Sharkoon TG5 R$ 300,00 - 3 fans dianteiras + 1 fan traseira;

Total aproximado:  Ryzen 7 2700 + X470 MSI + TX650M + RTX 2060 = R$ 6.455,00.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×