Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
KairanD

Produtos bomba: as piores escolhas de hardware para jogos em 2018 e 2019

Posts recomendados

Olá pessoal, 

 

diversas pessoas aparecem em nosso Fórum com algumas escolhas de hardware bem infelizes para o atual momento. Tais produtos se destacam por alguns motivos, como os seguintes:

 

  • O produto é realmente ruim;
  • O preço é muito elevado pelo que oferece;
  • O produto deixou de compensar por algum fator;
  • O usuário em questão comprou para uma situação que não faz sentido, ou seja, está fazendo mal uso. 

 

Assim sendo, decidi fazer uma lista com escolhas ruins de hardware para o momento atual, ou seja, os anos de 2018 e 2019. Atenção para a explicação logo abaixo de cada item: compreenda o fato! O tópico será atualizado, incluindo produtos bomba que venham a surgir e removendo aqueles que deixaram de se encaixar nessa categoria por algum motivo (como, por exemplo, queda acentuada do preço). São aceitas sugestões e críticas construtivas. 

 

A lista atualmente contém os seguintes produtos:

 

  1. Nvidia GT 1030 SDDR4;
  2. Nvidia GTX 1050 (todos os modelos) e GTX 1050Ti (todos os modelos);
  3. Nvidia GTX 1650;
  4. AMD Radeon RX 580 2048 SP;
  5. Intel Pentium G4560 e Core i3 7100;
  6. Intel Core i5 7400 / Core i5 7500 / Core i5 7600 / Core i5 7600K;
  7. Intel Pentium G5400 / G5500 / G5600;
  8. Intel Core i3 8100;
  9. AMD Ryzen 5 2400G;
  10. AMD - Linha FX (FX 4xxx, FX 6xxx e FX 8xxx);
  11. Fontes Corsair: antiga linha CX (rótulo verde);
  12. HDs de 500GB;
  13. Gabinetes com fonte na parte superior e painel frontal completamente fechado.

 

Vamos para as explicações:

 

 

1 - Nvidia GT 1030 SDDR4:

 

É claro que nossa lista não poderia começar sem a "famosa". Sendo possivelmente a pior placa de vídeo já lançada, a GT 1030 SDDR4 foi uma clara tática de mercado abusiva e vergonhosa da Nvidia.

 

placa-de-video-galax-geforce-gt-1030-2gb-30npk4hvq4bg-ddr4-pci-exp_53680.jpg

 

Após o lançamento e consolidação da GT 1030 "original", que utilizava 2GB de memória GDDR5, a Nvidia apresentou a variante com 2GB de memória DDR4 como forma de driblar o alto custo das memórias na ocasião. A atitude de manter o mesmo nome foi extremamente antiética, já que objetiva confundir o consumidor que, ao ver os reviews da placa "original", compra o modelo SDDR4 (que custa quase a mesma coisa do modelo GDDR5), sem perceber a diferença e pensando que vai obter o mesmo desempenho. E como é a diferença de desempenho? 

 

image.png

 

O número de vítimas desse golpe foi tão alto que criei até mesmo um tópico exclusivo, fixado neste setor, para chamar atenção para o assunto:

 

 

A GT 1030 SDDR4 sofre para conseguir obter sequer metade do desempenho da versão com memória GDDR5. Ela consegue ser mais lenta que uma GT 730 com 1GB de memória GDDR5. Dureza, hein, Nvidia? Essa foi feia...

 

 

2 - Nvidia GTX 1050 e GTX 1050Ti (todos os modelos):

 

A GTX 1050 e a GTX 1050Ti são placas altamente eficientes da geração Pascal. Contudo, não são boas opções de compra. 

 

image.png

 

E por que não devemos comprar essas placas? É simples: a "concorrente" é muito melhor. Atualmente, a GTX 1050Ti está apresentando valores mais altos que a RX 570 4GB (que está custando em torno de R$700,00), mas é muito mais fraca. A GTX 1050, por sua vez, apesar de ser mais barata, é absurdamente mais fraca que a RX 570 e seu preço é alto demais pelo que oferece. Ambas as placas deveriam ser muito mais baratas para fazer qualquer tipo de sentido. 

 

 

A RX 570 consome consideravelmente mais energia que a GTX 1050Ti, mas qualquer fonte de 400W de boa qualidade é mais que suficiente para suportá-la com folga. Logo, se sua fonte não consegue suportar uma RX 570, então é porque você deve trocá-la, já que a GTX 1050Ti correria risco com a fonte também. Ou seja, realmente não há razão lógica para comprar uma GTX 1050 ou GTX 1050Ti atualmente.

 

Enquanto a RX 570 consegue ficar próxima de uma GTX 1060 3GB, sendo uma placa de nível médio, a GTX 1050Ti é uma placa de entrada querendo se fazer de média. E é claro que os lojistas e a Nvidia vão querer se aproveitar do desconhecimento de muitas pessoas, que mal sabem que a AMD produz placas de vídeo, e vão manter o preço lá no alto, já que conseguem vender. 

 

A GTX 1050Ti e a RX 570 não são concorrentes! A GTX 1050Ti é uma placa inferior com preço inflacionado. 

 

 

3 - Nvidia GTX 1650:

 

A GTX 1650 acabou de ser lançada e já garantiu seu lugar de direito nesta lista.

 

image.png

 

E por que ela é uma compra ruim? Simples: repetiu a "competência" de suas antecessoras, a GTX 1050 e a GTX 1050Ti. É mais lenta que a RX 570 e continua sendo mais cara. É também mais lenta que a GTX 1060 3GB, que tem valor próximo.

 

 

4 - AMD Radeon RX 580 2048 SP:

 

A Radeon RX 580 2048 SP não poderia deixar de fazer parte da questão, já que também constitui picaretagem. 

 

image.png

 

Lançada com foco no mercado chinês (mas infelizmente alcançando também outros mercados), a Radeon RX 580 2048 SP é uma RX 570 vestida de RX 580. Enquanto uma RX 580 "de verdade" possui 2304 núcleos, 144 TMUs e 32 ROPs, a RX 580 2048 SP possui apenas 2048 núcleos, 128 TMUs e 32 ROPs, sendo, basicamente, uma RX 570. O desempenho, portanto, é de RX 570. Por que colocar o nome RX 580 então? Sacanagem, em, AMD?

 

 

5 - Intel Core Pentium G4560 e Core i3 7100:

 

O Pentium G4560 entrou para a história como um dos melhores processadores de entrada para jogos. E por que ele é uma bomba? Simples: entrou para a história. Já passou a época dele.

 

image.png

 

Processadores quad core atuais estão sofrendo em jogos modernos CPU bound. Imagine, portanto, a experiência com um 2C/4T (dois núcleos e quatro threads). Tudo bem que o G4560 ainda é bom processador e roda muita coisa, mas já deixou de compensar faz tempo. E o pior de tudo é que está sendo vendido por preços insanos, acima de R$500,00. Pior ainda é o Core i3 7100, que nunca compensou - por ter desempenho quase idêntico ao G4560 e valor muito mais alto - e ainda é encontrado por valores ainda mais insanos. Se você deseja um processador de entrada, dê uma olhada no Athlon 200GE, que tem valor realmente baixo e ainda oferece bom vídeo integrado. 

 

 

6 - Intel Core i5 7400 / Core i5 7500 / Core i5 7600 / Core i5 7600K:

 

Os processadores Core i5 de 7ª Geração são bons chips. E por que estão aqui? Simples, existem opções muito melhores e eles já deveriam ter desaparecido do mercado. 

 

image.png

 

Processadores como o Core i5 7400 ainda são infelizmente encontrados no mercado, e os preços são superiores a R$800,00. Esses processadores de quatro núcleos já se tornaram obsoletos para jogos modernos há algum tempo, conforme demonstrado abaixo:

 

 

E o problema maior nem é esse, mas sim o fato do Core i5 7400 custar mais que um Ryzen 5 1600, que é um chip muito superior a ele (não tem nem como comparar um processador de 6 núcleos e 12 threads contra os 4 núcleos e 4 threads do Core i5 7400), e ter concorrência mesmo dentro da própria linha da Intel, já que o Core i3 8100 é mais barato, mais rápido e mais moderno que ele (oferecendo potencial de upgrades muito maior). 

 

O Core i5 7400 atinge facilmente 100% de uso em jogos modernos e provoca stutter por trabalhar sem folga. E os modelos Core i5 7500, Core i5 7600 e Core i5 7600K não resolvem a questão, já que trazem apenas alguns incrementos de clock (no caso deles a situação é ainda pior, já que os preços são ainda mais altos). 

 

O Core i5 7400 já foi boa escolha. Agora chegou a hora dele descansar. Não é à toa que os novos modelos de Core i5 possuem 6 núcleos e 6 threads (viva a concorrência!). 

 

 

7 - Intel Pentium G5400 / G5500 / G5600:

 

Os novos processadores Pentium poderiam ser bons sucessores do G4560 no setor de entrada. Contudo, não são.

 

image.png

 

E por que não compensam? Simples: preço. São processadores de entrada com dois núcleos e quatro threads, mas seu valor encosta ou supera o do Ryzen 3 2200G, que é um produto bem superior em todos os aspectos. 

 

 

8 - Intel Core i3 8100:

 

O Core i3 8100 é ótimo processador de entrada e compensa muito mais que o antigo Core i5 7400, sendo mais rápido e mais barato. E por que ele entrou na lista?

 

image.png

 

A resposta é simples: preço inflacionado. Apesar de ser melhor um pouco melhor que o Ryzen 3 2200G, processador também de 4 núcleos e 4 threads, o Core i3 8100 está custando quase a mesma coisa que um Ryzen 5 1600. O Core i3 8100 sofre do mesmo problema do Core i5 7400: falta de fôlego e stutter em jogos, algo que não ocorre com o Ryzen 5 1600, que trabalha com folga mesmo com placas de vídeo extremamente potentes. O Core i3 8100 poderia ser boa opção de compra como processador de entrada, mas precisaria ter seu preço reduzido para tal. 

 

 

9 - AMD Ryzen 5 2400G:

 

Esse processador entra na lista pelo mal uso que fazem dele. 

 

image.png

 

O Ryzen 5 2400G é ótima escolha de processador para quem quer jogar com o vídeo integrado dele (que tem desempenho próximo de uma GT 1030 GDDR5 quando utilizado em conjunto com memórias ram de frequência decente em dual channel), o que o torna viável para computadores de baixo custo para jogos e soluções HTPC (home theater PC). Ele também é interessante quando o usuário não tem capital suficiente para adquirir uma boa placa de vídeo agora e quer fazer isso no futuro. 

 

O problema do Ryzen 5 2400G é quando colocam ele, de cara, em configurações que já possuem boas placas de vídeo dedicadas. Não faz sentido. Ao invés de comprar o Ryzen 5 2400G, que tem 4 núcleos e 8 threads, e pagar caro por uma boa placa integrada que você não vai usar, compre o Ryzen 5 1600, que tem 6 núcleos e 12 threads e custa praticamente a mesma coisa. 

 

 

10 - AMD e a linha FX (FX 4xxx, FX 6xxx e FX 8xxx):

 

Os processadores AMD FX nunca foram chips realmente interessantes. Começaram a perder espaço para a Intel desde a 2ª Geração, e isso foi justificável: o desempenho single core desses processadores é decepcionante. 

 

image.png

 

Apesar de jogos modernos terem aprimorado muito o uso de múltiplos núcleos, o que melhorou um pouco as coisas para o lado dos chips FX, mesmo os melhores modelos disponíveis na linha sofrem para concorrer com os processadores mais simples da linha Ryzen. Embora os chips FX mais poderosos consigam ainda suportar jogos modernos razoavelmente bem, com placas de vídeo de entrada e de médio desempenho, a arquitetura utilizada já mostra bastante os sinais de sua idade:

 

 

Se você tem um FX 6xxx ou FX 8xxx, ainda pode conseguir mantê-lo por algum tempo. Contudo, não faz sentido comprar esses processadores novos. O desempenho vai ser geralmente menor que o de um processador de entrada moderno para a maioria das atividades, o consumo de energia será mais alto, o aquecimento será maior e você praticamente não terá potencial de upgrades. 

 

O principal problema da plataforma ainda é, contudo, relacionado às placas-mãe. Usuários podem ficar tentados a adquirir os processadores FX por seu baixo custo atual, mas esses chips exigem placas-mãe adequadas para funcionar bem. A AMD adaptou o antigo chipset 760G, da época dos Phenom, para uso nos processadores FX, o que pode resultar em superaquecimento do circuito regulador de tensão das placas-mãe, algo bastante comum e que prejudica consideravelmente o desempenho. Há, inclusive, placas piores, como a AsRock N68, que são verdadeiras bombas para provocar dores de cabeça. O custo de placas adequadas, com chipset 970 ou 990, é proibitivo, o que implica na morte da plataforma (e já passou da hora). 

 

 

11 - Fontes Corsair da antiga linha CX (rótulo verde):

 

Já criei um tópico sobre isso faz tempo, mas ainda é possível encontrar esses produtos sendo vendidos no mercado:

 

 

Por que não comprar as fontes CX antigas? Simples: as novas, de rótulo cinza, são muito melhores e custam a mesma coisa. Por sinal, as novas fontes foram rotuladas de forma conservadora. A CX 450 pode ser considerada fonte de 500W, enquanto a CX 550 seria fonte de 600W e a CX 650 teria 700W. 

 

 

12 - HDs de 500GB:

 

HDs de 500GB tendem ao desuso. Jogos modernos e mesmo arquivos de mídia em alta resolução demandam muito espaço. 

 

image.png

 

Contudo, esses produtos ainda podem ser encontrados no mercado e seu preço é bem próximo do de modelos de 1TB. Não há sentindo em comprar um produto com metade da capacidade e menor cache se você pode pagar uma diferença muito pequena para obter o dobro. 

 

 

13 - Gabinetes com fonte na parte superior e painel frontal completamente fechado:

 

Diversos gabinetes prometem desempenho de refrigeração diferenciado e apelo ao público "gamer". Será que são isso mesmo?

 

image.png

 

O formato clássico de gabinete com fonte na parte superior já foi abandonado em gabinetes decentes faz tempo. É completamente antiquado e pouco eficiente, prejudicando tanto a refrigeração da fonte quanto dos demais componentes. Ao comprar um gabinete, faça questão de modelos com fonte posicionada na parte inferior: há diversos bons modelos de entrada na configuração correta pelo mesmo preço.

 

Pior ainda são gabinetes com o "painelzão" de vidro temperado na frente. Esses gabinetes muitas vezes apresentam o vidro colado nos fans ou pouca ou nenhuma entrada de ar disponível. O ar é um fluido, não é gerado por abiogênese. Tampando a entrada de ar, qualquer fan ali colocado será completamente inútil. Genial! Os LEDs RGB dos fans pelo menos devem dar uns 20 FPS de ganho, né?

  • Curtir 15
  • Obrigado 2
  • Amei 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra simplificar em relação a Corsair, todas as fontes CX que terminam em 00 e 30 (400, 430, 500, etc) são da linha antiga, rótulo verde. As atuais, rótulo cinza, terminam em 50 (450, 550, 650, etc).

E não confundam CX com VS, VS é mais básica (plus white), mais barata e relativamente nova, então qualquer uma destas (desde que suporte corretamente seu hardware) serve.

 

Quanto aos Core I de sétima geração, hoje, não recomendaria NENHUM, não novos e pelos preços praticados.

  • Curtir 4
  • Obrigado 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Deveriam se juntar a essa lista os gabinetes com frontal em vidro temperado construidos apenas com função estética. Não que eu tenha implicancia com esses gabinetes, existem alguns que até aumentam as entradas laterais para aumentar um pouco a entrada de ar, mas basta ver a diferença de temperatura alcançada por usuários que tirararam essa tampa frontal. Dá entre 5 e 10 graus na temperatura da CPU. E pior é que a maioria dos gabinetes é vendida como gabinete gamer. Já achei uma extravagância quando começaram a colocar tampas laterais completamente em vidro(eliminando as entradas de FAN direcionadas á VGA). Por se tratar de um item essencial poderia ter um tópico voltado á escolha de gabinetes e instalação de FAN

adicionado 10 minutos depois
8 minutos atrás, PedraX disse:

poderia ter um tópico voltado á escolha de gabinetes e instalação de FAN

Digo, tipo um manual de boas práticas porque o tópico já existe, mas uma explicação do funcionamento do fluxo de ar e a importancia de resfriar bem os componentes visando ao desempenho, durabilidade, etc.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@KairanD

Mais um excelente tópico/artigo!

Uma outra compra infeliz atualmente é o G4560, que apesar de ter sido considerado um dos melhores custo/benefício até uns tempos atrás, já não é mais um produto bom, ainda mais que quando aparece nas lojas, o preço aumenta muito em comparação aquela época, e cheguei a ver no ML gente pedindo uns R$600 por ele, um absurdo! Povo vê vídeo de 3 anos atrás, povo quer G4560.

Um Athlon 200GE é seu sucessor nesta função de produto de entrada e custa um preço justo até então.

  • Curtir 4

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Lost Byte Tanto ele quanto os Pentium Gold G5xxx, não valem seu preço. Melhor um Athlon GE mesmo, que tá bem barato, e tem video onboard superior, fora que em algumas boards ele aceita overclock.

  • Curtir 5

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Belo tópico, todos os componentes estão em enorme defasagem mesmo! Parabéns.

 

Poderiam criar um outro tópico, chamado de melhor custo/benefício ou algo do tipo. Hoje teria coisas como Ryzen 1600, Ryzen 2600 e RX570.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito bom o tópico, poderia fazer um dos melhores custo/benefício também.👍

  • Curtir 4

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poderia citar também os gabinetes com fonte na parte superior e os hd de 500 gb qie muita gente ta comprando 

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que já vale colocar a GTX1650 aí hein! Quase 1k, pior performance até mesmo que a 1060 3GB e que a RX570! Bizarro.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Phoenyx @PedraX @Lost Byte @rodrigoxm49 @lnpott @Pedro de Andrade Reis Tópico atualizado. Muito obrigado pelas contribuições!

adicionado 1 minuto depois

As bombas citadas foram devidamente plantadas no tópico! :P

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, KairanD disse:

@Phoenyx @PedraX @Lost Byte @rodrigoxm49 @lnpott @Pedro de Andrade Reis Tópico atualizado. Muito obrigado pelas contribuições!

adicionado 1 minuto depois

As bombas citadas foram devidamente plantadas no tópico! :P

Só para mostrar que a nova bomba, chamada de GTX1650 pela nVidia, é mesmo uma para o momento onde o custo dela bate quase 1k e a RX570 sai por menos de 700 reais hoje (27/4/19).

 

 

 

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@rodrigoxm49 Eu esperava bem mais dessa placa. Decepção total.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
41 minutos atrás, KairanD disse:

@rodrigoxm49 Eu esperava bem mais dessa placa. Decepção total.

Eu também. Eu diria que a performance dela é muito boa, o problema é o preço. Mais de 120 dólares nisso é loucura da nVidia. Mas, ainda assim, eles vendem muito mais. Infelizmente não é todo lugar que é honesto o suficiente para dizer que essa placa é uma péssima escolha quase qualquer circunstância.

 

Eu só vejo uma hipótese dela ser uma escolha não tão ruim. Aquele camarada que joga o dia todo e vive num lugar onde a energia é muito cara. Mas muito cara mesmo. E mesmo assim tem a 1060 3GB aí com performance consideravelmente superior...

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não tinha visto esse tópico, muito bom @KairanD, parabéns.

 

Apesar de não ser da linha de entrada, eu incluiria aí a Radeon VII. Não consigo ver ela com bons olhos, mesmo preço da RTX 2080, pior em desempenho e consome mais energia. E sim, tem ela no Brasil, já tem 2 modelos a venda na Terabyte.

 

Outra placa que não vejo com bons olhos é a RX 590, mas acho que essa é exagero dizer que entra nas "piores escolhas", não sei.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Narak13 disse:

Outra placa que não vejo com bons olhos é a RX 590

Aí dependerá do preço encontrado e do tipo de compra sendo feito. Por exemplo, eu tinha uma GTX 950 2GB e procurei por um upgrade para uma VGA com mais RAM, e entre RX 590 8GB, RX 580 8GB e GTX 1060 6GB acabei optando pela RX  580 GTS depois de analisar custo/beneficio devido á uma promoção.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!