Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
rodrigocirilo

Radio Freqüência 433mhz transmissor

Posts recomendados

Boa noite pessoal.

 

Estou enfrentando um problema bem difícil de solucionar. Desenvolvi um controle transmissor de RF code learn usando um pic 12f675 para "Gerar" o codigo do controle.

 

Como podem ver nas fotos, o circuito sintoniza em 433Mhz de maneira fácil, meu problema está sendo a potencia, digo em relação ao alcance que consigo com ele. estou no mesmo patamar que alguns controles comerciais que usam bateria A23 de 12v, no me caso uso uma CR2032 de 3V, não tenho como usar 12V neste caso, mas o alcance está baixo.

 

Um detalhe estranho, os controles da PPA, usam o chip SI4011 da silicon labs que usam somente 3 componentes externos e bateria CR2032 de 3V tambem, tem um alcance absurdo de bom.

 

Então concluo que os 3V das CR2032 são suficientes para emitir um bom sinal.

 

o meu circuito é bem simples de ser analisado, mas se alguem precisar de mais detalhes eu passo!

 

efqts.jpg

esp4yt.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meus parabéns a sua montagem esta bem bonita. Penso que a sua comparação é superficial, se soubesse e entendesse o que tem dentro do SI4011 notaria que seu desejo é como querer que "um carro 1.0 ande como um Audi TT", por exemplo. O tipo de modulação, antena, componentes, trilhas, etc, tudo pode interferir; RF (eu) julgo ser mais complexo do que assuntos voltados a cálculos magnéticos de transformadores. Enfim. Grotescamente talvez se conseguir colocar uma bateria de 12V terá um desempenho pouco melhor, "não vamos complicar o que esta simples", certamente você não projetou esse circuito. Não vou poder te ajudar muito com isso, quem sabe aparece algum usuário "mais sabido" e queria compartilhar sua experiência conosco.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E eu ajudo menos ainda mas vejamos...

Por acaso seguiu as recomendações do fabricante ao projetar o layout? A "antena", tamanho, geometria estão  corretos? Uma alternativa que eu faria é colocar uma anteninha por fora. Algo quase intuitivo mesmo, sem cálculos nem nada: um pedaço de fio com tamanho x.

Também vejo a ausência (?!) de um capacitorzin no vcc & gnd do chip. É que a bateria tem uma R interna meio alta e o cap pode ajudar no caso de alguma oscilação no vcc.

 

Como sempre, são intuições técnicas genelarizadas...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
31 minutos atrás, Isadora Ferraz disse:

E eu ajudo menos ainda mas vejamos...

Por acaso seguiu as recomendações do fabricante ao projetar o layout? A "antena", tamanho, geometria estão  corretos? Uma alternativa que eu faria é colocar uma anteninha por fora. Algo quase intuitivo mesmo, sem cálculos nem nada: um pedaço de fio com tamanho x.

Também vejo a ausência (?!) de um capacitorzin no vcc & gnd do chip. É que a bateria tem uma R interna meio alta e o cap pode ajudar no caso de alguma oscilação no vcc.

 

Como sempre, são intuições técnicas genelarizadas...

Na verdade não vejo recomendações pois existem diversos layouts diferentes para a mesma aplicação. Antena externa está fora de cogitação hehe.

 

100nF seria esse capacitorzin?  ja coloquei e não houve melhora.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ok... as perguntas pra se autoresponder...

-de onde veio, no que se baseou o layout?

-existe algo parecido ou de fato idêntico que transmite a distância que necessitas?

-o que, como, porquê recomenda o datasheet?

-nos absurdo de bom, são idênticos à sua distribuição de componentes? as posições e layout?

...e mais obervações

Alta freq e layout arbitrário não se dão muito bem. E sim 100nF ajuda mas não é pra ser colocado à revelia entre vcc e gnd. Tem lugar certo. Há casos onde casam eletrolítico, 100nF, 10nF 100pF e até etc. Cada um na sua faixa e seu lugar.

ok... não coloque antena e estagne-se nas dúvidas.

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom.

O detalhe dos capacitores mencionado está correto. Tem que haver um capacitor de desacoplamento de RF junto com o circuito do transmissor. Um de 100nF costuma ser usado em frequências menores, pois em frequências maiores ele se comporta como indutor. Procure na net. Tem um vídeo que mostra a resposta em frequência de diversos capacitores e alguns valores. É bem esclarecedor. Para estas frequências mais altas como esta, tem que ser um capacitor de menor valor e de melhor qualidade, mas pode ser usado um outro qualquer. Por exemplo. Um capacitor com 500pF tem impedância de 1 ohm em 300MHz.

Já projetei transmissor e receptor desse tipo. Acesse o link a seguir. Lá tem informações importantes, que possam lhe ser útil.

https://www.asm51.com.br/phpbb/viewtopic.php?f=17&t=8200

 

Uma antena com cerca de 7,5 cm, tanto no transmissor como no receptor, auxilia muito na distância entre eles.

Finalmente ainda tem um ponto muito importante, que me fez deixar este projeto. As frequências do transmissor e do receptor devem estar casadas e com estabilidade. O transmissor e o receptor usam um filtro cerâmico. Fiz a ressonância com trimmers. Além do ajuste da frequência ser crítico, tem a variação da frequência com a temperatura e da tensão Vcc.

MOR_AL

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Isadora Ferraz disse:

ok... as perguntas pra se autoresponder...

-de onde veio, no que se baseou o layout? em um controle comercial

-existe algo parecido ou de fato idêntico que transmite a distância que necessitas? sim mas não posso usar, tenho que fabricar o meu

-o que, como, porquê recomenda o datasheet? 

-nos absurdo de bom, são idênticos à sua distribuição de componentes? as posições e layout? nao

...e mais obervações

Alta freq e layout arbitrário não se dão muito bem. isso eu nao sabia E sim 100nF ajuda mas não é pra ser colocado à revelia entre vcc e gnd. isso eu também nao sabia pensei que qualquer lugar era lugar!!Tem lugar certo. Há casos onde casam eletrolítico, 100nF, 10nF 100pF e até etc. Cada um na sua faixa e seu lugar.

ok... não coloque antena e estagne-se nas dúvidas. ninguem usa mais antena, antena e coisa do passado hehe nesse tipo de dispositivo

eu ja tenho no cemitério de prototipos umas 12 placas onde nesse foi onde tive o melhor aproveitamento, talvez tenha acertado (um pouco mais) a posição dos comp. e o layout.

 

obrigado por esclarecer isso!!

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, rodrigocirilo disse:

antena e coisa do passado hehe nesse tipo de dispositivo

Talvez você também não sabia mas o layout apropriado é a antena. Uma interpretação que achei que você devia fazer é: como você está com dificuldade em achar as recomendações do fabricante ou copiar de uma preexistente, coloque e ajuste a "antena" e depois faça o 13º layout de acordo com o tamanho e geometria da melhor que você achou... cada uma viu!

PCB-trace-antenna-layout-via-stitching-t

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, MOR disse:

Bom.

O detalhe dos capacitores mencionado está correto. Tem que haver um capacitor de desacoplamento de RF junto com o circuito do transmissor. Um de 100nF costuma ser usado em frequências menores, pois em frequências maiores ele se comporta como indutor. Procure na net. Tem um vídeo que mostra a resposta em frequência de diversos capacitores e alguns valores. É bem esclarecedor. Para estas frequências mais altas como esta, tem que ser um capacitor de menor valor e de melhor qualidade, mas pode ser usado um outro qualquer. Por exemplo. Um capacitor com 500pF tem impedância de 1 ohm em 300MHz.

Já projetei transmissor e receptor desse tipo. Acesse o link a seguir. Lá tem informações importantes, que possam lhe ser útil.

https://www.asm51.com.br/phpbb/viewtopic.php?f=17&t=8200

 

Uma antena com cerca de 7,5 cm, tanto no transmissor como no receptor, auxilia muito na distância entre eles.

Finalmente ainda tem um ponto muito importante, que me fez deixar este projeto. As frequências do transmissor e do receptor devem estar casadas e com estabilidade. O transmissor e o receptor usam um filtro cerâmico. Fiz a ressonância com trimmers. Além do ajuste da frequência ser crítico, tem a variação da frequência com a temperatura e da tensão Vcc.

MOR_AL

MOR, obrigado por tudo que você escreveu.

 

Estava usando cristal em outro projeto, mas acabei voltando para os trimmers que também tem funcionado bem.

 

Os receptores, são receptores comerciais(central de portão, receptores de uso geral e etc).

 

Nem todos são a cristal, na verdade a maioria dos receptores do mercado não tem cristal, creio ser pelo custo/competição comercial .

adicionado 2 minutos depois
1 hora atrás, Isadora Ferraz disse:

Talvez você também não sabia mas o layout apropriado é a antena. Uma interpretação que achei que você devia fazer é: como você está com dificuldade em achar as recomendações do fabricante ou copiar de uma preexistente, coloque e ajuste a "antena" e depois faça o 13º layout de acordo com o tamanho e geometria da melhor que você achou... cada uma viu!

PCB-trace-antenna-layout-via-stitching-t

Como vou "colocar" a antena se elas são feitas direto no cobre, nas trilhas? Como vou fazer isso e ir ajustando a melhor geometria? Com um pedaço de fio de cobre rígido (fino) seria isso? Desculpe minha ignorância :(

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
35 minutos atrás, rodrigocirilo disse:

...

Como vou "colocar" a antena se elas são feitas direto no cobre, nas trilhas? Como vou fazer isso e ir ajustando a melhor geometria? Com um pedaço de fio de cobre rígido (fino) seria isso? Desculpe minha ignorância :(

Sim!

Como já tem filetes na PCI, recomendo que comece com fio rígido de 7,5 cm. Vá cortando ambos os fios e vá testando a distância entre o transmissor e o receptor. O que der maior distância deve ser o escolhido. Otimização. Os fios que formam as antenas devem ficar em paralelo entre si. Mas acho que à partir de 10 m não faz diferença.

MOR_AL

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Desculpe por não ter explicado melhor...

23 horas atrás, Isadora Ferraz disse:

um pedaço de fio com tamanho x.

Moris também não ajudou muito...

21 horas atrás, MOR disse:

Uma antena com cerca de 7,5 cm,

agora...

15 horas atrás, MOR disse:

Sim!

 

15 horas atrás, MOR disse:

comece com fio rígido de 7,5 cm. Vá cortando ambos os fios e vá testando

ideia total.

 

16 horas atrás, rodrigocirilo disse:

Desculpe minha ignorância :(

tmj!

 

Dica: no 13º layout dá uma engordada nas trilhas vcc e gnd pra reduzir a indutância. Também deixe o ci + perto da bateria e capacitor de desacoplamento.. E por fim, por gentileza, queira olhar como é o circuito (layout pcb) de um que funciona a contento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma coisa que percebi em relação a outros 5 controles comerciais que testei, tanto os que são a cristal, como os que são a trimmer e os que usam A23 (12v) como CR2032(3V) todos eles consomem durante a transmissão aprox 11mAh, o meu consome 4,5mAh. talvez ai esteja o problema de potencia, pois sintonia eu consigo o ajuste facilmente em 433mhz.

 

O que me dizem.. como eu poderia aumentar essa potencia para consumir os 11mAh?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra aumentar a potência transmitida e não o consumo, você deve fazer as revisões que indicamos. Uma antena diferente do que proporcional ao comprimento de onda já faz perder eficiência. Principalmente uma praticamente ausente presente no seu circuito.

Também a bat pode estar com R interna alta,  troque-a, ou até mesmo as trilhas que te falei são demasiadas longas cuja indutância pode causar malefícios em alta freq.

 

Se eu te falar mais uma vez pra você comparar seu layout com um com mesmo ci e que funciona, acho que vou ter um treco...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 minutos atrás, Isadora Ferraz disse:

Pra aumentar a potência transmitida e não o consumo, você deve fazer as revisões que indicamos. Uma antena diferente do que proporcional ao comprimento de onda já faz perder eficiência. Principalmente uma praticamente ausente presente no seu circuito. Meu circuito foi copiado de um comercial, e ele tem antena sim. é aquela volta que vai do trimmer branco até no indutor. a unica diferença da copia é que o original usa o chip ht6p20b no meu caso eu uso um pic 12f675 que emula esse chip, tenho uma versão também com pic 10f222. 

Também a bat pode estar com R interna alta,  troque-a, ou até mesmo as trilhas que te falei são demasiadas longas cuja indutância pode causar malefícios em alta freq. ja testei varias baterias.

 

Se eu te falar mais uma vez pra você comparar seu layout com um com mesmo ci e que funciona, acho que vou ter um treco...

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
agora, rodrigocirilo disse:

Meu circuito foi copiado de um comercial, e ele tem antena sim. é aquela volta que vai do trimmer branco até no indutor

Agora sim nos distanciamos menos... E quanto a distribuição das peças? É idêntica? (vou ter o treco!) E sim, já me "antenei" de 'antemão'...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 minutos atrás, Isadora Ferraz disse:

Agora sim nos distanciamos menos 😊😉... E quanto a distribuição das peças? É idêntica? Não, não tem como, mas é muito parecida 😥🤐(vou ter o treco!) E sim, já me "antenei" de 'antemão'...

 

  • Triste 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!