Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Vinícius Fitzner

Estrutura de Rede Corporativa

Posts recomendados

Saudações pessoal,

Estou montando uma rede corporativa para um de meus clientes, e admito que rede não é a minha praia. Segue planta do novo escritório:

 

296ep93.jpg

 

Estou pensando em fazer assim para distribuição do Wi-Fi:

 

j9lut4.jpg

 

- Ponto amarelo = ponto de internet + switch + roteador c/ Wi-Fi

- Pontos vermelhos = 1 Access Point OU repetidor de sinal

- Círculos laranja = onde imagino que o Wi-Fi irá abranger (chute no escuro kkkkk)

 

O que temos?

- 40 PCs ativos (cabeados)

- 5 Notebooks (Wi-Fi)

- 40 celulares (Wi-Fi)

- 8 telefones VoIP (cabeados - não consome ponto, pois utiliza o mesmo ponto do PC)

- Internet 70 MBs link dedicado fibra óptica

OBS:

- Não temos servidor, todas as aplicações utilizadas são Web e os usuários são controlados pelo Azure AD (temos Office 365);

 

Minhas dúvidas são:

1- Qual roteador eu compro (com Wi-Fi)? Pesquisei alguns da Cisco, porém tem muitos modelos e fiquei um pouco perdido! Lembrando que ele ficará responsável pelo DHCP e controle geral da rede!

2- Qual switch eu compro (2x24 portas ou 1x48 portas)? Temos um, porém não sei o modelo e só vão me passar hoje a noite, não sei se vai atender a necessidade.

3- Quais AP's eu compro (ou repetidor)? Pensei no Ubiquiti AP UniFI, porém parece que tem diversos modelos na net! Repetidor não vi nenhum, mas acho que não vai dar certo!

 

Acredito que eu tenha colocado todas as informações necessárias para poderem me ajudar.

Agradeço desde já a ajuda de todos!


Atenciosamente,

Vinícius Fitzner.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá!

 

Vou imaginar os elevadores no lado norte para simplificar

 

Os elevadores seriam o grande obstáculo estrutural para bloquear os sinais de wifi, mas como estão do outro lado ficam apenas as vigas estruturais se for o caso. No desenho não estão identificáveis, ao menos para mim. Então o sinal deve se propagar bem. Se usar mesh vai ter boa estabilidade e performance, mas com um custo muito mais alto.

 

Em relação aos cabos, considere o posicionamento dos caras, dos switches e tal. Se for usar um único ponto de distribuição TODOS os cabos vão ter que ter rota até lá. Mas se usar 2x24 pode usar um switch na sala de produção no oeste e um outro no leste, possivelmente simplificando muito o serviço de cabeamento se não foi feito ainda... 

 

Em relação ao wifi, a política recomenda uma rede wifi distinta e quem sabe um switch atendendo o lado sul, onde estão as salas de reuniões e a sala da dra. Isolando essa área de atividades de produção e pesquisa por exemplo. Uma necessidade qualquer de mudança nessas redes bem na hora que tem uma reunião especialmente importante e você sabe o que acontece: caem as conexões na sala de reuniões no meio de uma apresentação e diretores saem com armas em punho.... :) 

 

Uma rede do lado norte na recepção com tráfego segregado também é opção saudável. E alguns pontos Ethernet para aqueles micros tipo quiosque mostrando apresentações e pelo menos dois pontos na mesa da recepcionista, porque pode precisar de acesso a algum sistema de segurança e comunicação com prioridade, afinal é a primeira barreira no escritório.

 

Minha recomendação grátis inclui fortemente redes distintas para produção, diretoria, segurança, marketing e tal. E servidores DHCP distintos para ter um mínimo de redundância. Se o único servidor DHCP naquele super roteador XYZ recomendado e caro para, fica tudo no escuro sem necessidade. Se um funcionário ou consultor meu recomendar isso numa rede onde tem uma sala de produção, ou salas de pesquisas, ou emissão de notas fiscais, vou jogar algo na cabeça dele. Algo pesado, quando ele estiver saindo para procurar outro trabalho. Minha opinião, no entanto. Sei que não é compartilhada por muitos. e reuniões. Mas eu esperaria um plano de contingência para as falhas mais óbvias. E a eliminação de óbvios pontos únicos de falha, gargalos...

 

 E acessos alternativos a internet, com o pessoal sabendo exatamente como proceder em caso de falha, nem que tenha que se contentar com um roteador 4G na sala de produção quando tudo mais parou...

 

Boa sorte

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito obrigado @arfneto vai ser de grande ajuda as suas dicas. Só mais uma coisa, MESH e UNIFI são a mesma coisa? Olhei na internet e não encontrei diferença... Pergunto pois a minha ideia é usar o Ubiquiti AP Unifi!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, arfneto disse:

Olá!

 

Vou imaginar os elevadores no lado norte para simplificar

 

Os elevadores seriam o grande obstáculo estrutural para bloquear os sinais de wifi, mas como estão do outro lado ficam apenas as vigas estruturais se for o caso. No desenho não estão identificáveis, ao menos para mim. Então o sinal deve se propagar bem. Se usar mesh vai ter boa estabilidade e performance, mas com um custo muito mais alto.

 

Em relação aos cabos, considere o posicionamento dos caras, dos switches e tal. Se for usar um único ponto de distribuição TODOS os cabos vão ter que ter rota até lá. Mas se usar 2x24 pode usar um switch na sala de produção no oeste e um outro no leste, possivelmente simplificando muito o serviço de cabeamento se não foi feito ainda... 

 

Em relação ao wifi, a política recomenda uma rede wifi distinta e quem sabe um switch atendendo o lado sul, onde estão as salas de reuniões e a sala da dra. Isolando essa área de atividades de produção e pesquisa por exemplo. Uma necessidade qualquer de mudança nessas redes bem na hora que tem uma reunião especialmente importante e você sabe o que acontece: caem as conexões na sala de reuniões no meio de uma apresentação e diretores saem com armas em punho.... :) 

 

Uma rede do lado norte na recepção com tráfego segregado também é opção saudável. E alguns pontos Ethernet para aqueles micros tipo quiosque mostrando apresentações e pelo menos dois pontos na mesa da recepcionista, porque pode precisar de acesso a algum sistema de segurança e comunicação com prioridade, afinal é a primeira barreira no escritório.

 

Minha recomendação grátis inclui fortemente redes distintas para produção, diretoria, segurança, marketing e tal. E servidores DHCP distintos para ter um mínimo de redundância. Se o único servidor DHCP naquele super roteador XYZ recomendado e caro para, fica tudo no escuro sem necessidade. Se um funcionário ou consultor meu recomendar isso numa rede onde tem uma sala de produção, ou salas de pesquisas, ou emissão de notas fiscais, vou jogar algo na cabeça dele. Algo pesado, quando ele estiver saindo para procurar outro trabalho. Minha opinião, no entanto. Sei que não é compartilhada por muitos. e reuniões. Mas eu esperaria um plano de contingência para as falhas mais óbvias. E a eliminação de óbvios pontos únicos de falha, gargalos...

 

 E acessos alternativos a internet, com o pessoal sabendo exatamente como proceder em caso de falha, nem que tenha que se contentar com um roteador 4G na sala de produção quando tudo mais parou...

 

Boa sorte

 

Muito obrigado @arfneto vai ser de grande ajuda as suas dicas. Só mais uma coisa, MESH e UNIFI são a mesma coisa? Olhei na internet e não encontrei diferença... Pergunto pois a minha ideia é usar o Ubiquiti AP Unifi!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
37 minutos atrás, Vinícius Fitzner disse:

 

Muito obrigado @arfneto vai ser de grande ajuda as suas dicas. Só mais uma coisa, MESH e UNIFI são a mesma coisa? Olhei na internet e não encontrei diferença... Pergunto pois a minha ideia é usar o Ubiquiti AP Unifi!

Acho que unifi é o nome escolhido pela ubiquiti pasta chamar a linha de rede mesh da empresa 

 

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!