Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
bruno.rosa

RESOLVIDO JBL Flip 4 ligada direto na tomada

Posts recomendados

Olá galera, ha um tempo tenho uma jbl flip 4 que porventura a bateria morreu, não recebe mais carga. Pois bem, pesquisei para trocar na autorizada e outras assistências e o conserto não foi favorável do ponto de visto econômico. Resolvi então fazer uma ligação direta usando um cabo usb e um carregador de celular. Abrir o equipamento e realizei o truque, mas ai vem a parte que do desconhecido. O som funciona perfeitamente quando em volume moderado, abaixo do nível médio, e quando aumento o som já começa a dar estalos, pipocos ou se preferir, interromper a fluidez sonora. Meus amigos para ajudar vou detalhar o carregador de celular que estou usando e o modelo de bateria que a flip tem originalmente. O carregador tem saída de 5V com 1.0A. A bateria original tem 3.7V com 3000mAh de capacidade. A ideia é que o carregador faça o trabalho de alimentar o equipamento como ela fosse a bateria original. Além do meu desconhecimento no assunto, o que está faltando nessa operação?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 minutos atrás, bruno.rosa disse:

Olá galera, ha um tempo tenho uma jbl flip 4 que porventura a bateria morreu, não recebe mais carga. Pois bem, pesquisei para trocar na autorizada e outras assistências e o conserto não foi favorável do ponto de visto econômico. Resolvi então fazer uma ligação direta usando um cabo usb e um carregador de celular. Abrir o equipamento e realizei o truque, mas ai vem a parte que do desconhecido. O som funciona perfeitamente quando em volume moderado, abaixo do nível médio, e quando aumento o som já começa a dar estalos, pipocos ou se preferir, interromper a fluidez sonora. Meus amigos para ajudar vou detalhar o carregador de celular que estou usando e o modelo de bateria que a flip tem originalmente. O carregador tem saída de 5V com 1.0A. A bateria original tem 3.7V com 3000mAh de capacidade. A ideia é que o carregador faça o trabalho de alimentar o equipamento como ela fosse a bateria original. Além do meu desconhecimento no assunto, o que está faltando nessa operação?

Provavelmente esta lhe faltando "corrente" ou se estiver utilizando o conector original da caixa, as vezes ele  passa por algum controlador de carga para a bateria que possa estar limitando a corrente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como experiência, dá para dar uma pequena melhorada se você puser um capacitor em paralelo com o carregador, no mínimo uns 1000uF, 2200uF. Mas o ideal mesmo é usar uma fonte, ou daquelas chaveadas cuja caixa é toda furada - tem até para 5A - ou até as para  Arduino ou Raspberry que entregam uns 2A ou 3A. No ML tem bastante ;)

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De fato a bateria fornece mais corrente do que o carregador. Olha isso de agora há pouco

Com um daqueles reguladores, sua fonte vai fornecer mais corrente. mas 1 detalhe importante: caso coloque direto no lugar da bateria, não te esqueças de ajustar pra 3.7V ou um pouquíssimo mais. E sim, um capacitorzão deve ajudar numa menor distorção dos graves.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Isadora Ferraz disse:

caso coloque direto no lugar da bateria, não te esqueças de ajustar pra 3.7V ou um pouquíssimo mais.

 

@Isadora Ferraz, estou com os restos mortais de uma caixa Flip4 dessas aqui, abertos, esperando o cara do MDF me entregar as tabuinhas cortadas para virar mais uma geringonça, rs... (Na verdade vou usar só os falantinhos, e colocar um amp TPA3110.)

 

20200212_101807.thumb.jpg.b6687031b33dd762ee6a58458d987db1.jpg

 

Então... o amplificador dessa caixinha é o TPA3130 e os falantinhos são para 15w/4ohm. Supondo que o circuito final entregue entre 10w e 15w (para não distorcer), o TPA tem que ser alimentado com algo entre 10v e 12v (gráfico de cima à direita).

 

744161332_Capturadetelade2020-02-1210-05-13.thumb.png.2facc6c7aeaf2cfbeb00684655d9164f.png

 

Certamente o aparelho tem um circuito de aumento de tensão na própria placa, e ainda por cima de entrada variável, já que durante o funcionamento, a bateria fornece entre 4,2v e 3,4v. Acho que se puser 5v direto o step-up embarcado vai ficar até mais feliz, rs...

 

Mas se for o caso de reduzir a tensão para a fonte "fingir" que é bateria, que tal um diodo em série com a fonte? Aí, os 5v vão para 4,3v, que tal?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, rmlazzari58 disse:

um circuito de aumento de tensão na própria placa,

Boa dedução. Mas não vi o d.s. pra conferir se

2 horas atrás, rmlazzari58 disse:

o TPA tem que ser alimentado com algo entre 10v e 12v

Mas pela foto não consegui com facilidade este conversor stepup.

Sim há boa intenção na redução com diodo. Mas se conseguir regular o chaveado direto, melhor ainda.

 

Bem.. vi agora...

Audio.png

[/img]

(não aparece a imagem aí? no meu aparece só na edição)

 

Mas algo me diz que o stepup não deve aumentar a potência sonora. Talvez vai apenas deixar o 3130 mais "a vontade". Dá uma conferida ou faça medições pra ver se ve 12V aí...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Isadora Ferraz disse:

Bem.. vi agora...imageproxy.php?img=&key=7114947b1547c3cf

 

[/img]

(não aparece a imagem aí? no meu aparece só na edição)

 

Aparece clicando.

 

Mas vamos lá...

 

Não consegui ligar, @Isadora Ferraz... coloquei a bateria no lugar certo mas... bom, quem sabe contando a história?

 

Esse aparelho tava na carroça do catador de sucata que bateu aqui prá ver se tinha alguma coisa prá ele levar. Pensando nos falantezinhos e no tecido ortofônico, ofereci R$ 10,00 e o cara vendeu. Quando eu chacoalhei, tinha algo solto lá dentro, como fosse uma pedra.

 

Quando apertei o botão de ligar, alguns leds se acenderam mas logo se apagaram, ficando um único, vermelho. E quando fui conectar o carregador (mini usb) vi que estava todo estrupiado, alguém barbarizou ali com a chave de fenda, acho... Aí decidi abrir.

 

Quando abri vi que o que estava solto era um componente como um cubo, como o que tá marcado embaixo como "B", só que era bem maior e bem pesado, ocupava o lugar marcado na foto como "A". E se no "B" tá escrito 2R2, o que estava no "A" dizia "5R5". Com certeza 2R2 não é 2,2ohm, medida a resistência deu 0,07ohm. Será que são indutores? Ainda mais porque são pesados, parecem ter daqueles núcleos de ferrite...

 

20200212_151027.thumb.jpg.06b4a5c49ce254fc15040466f0657315.jpg

 

Bom... olhando o lugar que esse componente ocupava na PCB fiquei supondo o que aconteceu: o aparelho ou caiu ou foi jogado com força e o tal de 5R5, que era pesado,  desgrudou da PCB. Como não dava mais para receber carga (sem esse 5R5 o positivo da bateria não passa para nenhum outro lugar da placa), a pessoa ficou fuxicando o mini usb até que desistiu e jogou fora.

 

Eu até tentaria recolocar, ressoladr o tal de 5R5 mas, como você pode ver na foto, quando ele saiu levou embora um teco da trilha. Se não fosse isso eu até tentaria usar a placa toda para um par de caixinhas de MDF, que é para poder colocar uma de cada lado do monitor do PC. Mas com a trilha rasgada, desisti.

 

Agora, que você pediu para verificar se tem 12v em algum lugar, soldei aquele fio ali no lugar do 5R5 para ver o que acontecia. E aconteceu dos 3,81v da bateria atravessar o "rubicão", rs... chegou do outro lado. Mas acho que se o tal 5R5 era um indutor, o fio direto não fez a tensão aumentar na saída do MOSFET 2603, marcado como "C" ali em cima. Um chip como o MT3608, que aumenta a tensão (e eu tô cansado de usar em caixinha para levar 3,7v a 5v), não tem ali. Mas como dentro do MT3608 tem um MOSFET parecido com esse 2603, quem sabe não deram um jeito de elevar a tensão sem o MT3608? Programaram em assembler, não em Cobol, rs...

 

O fato é que o amplificador, TPA1330, segundo o DS, exige no mínimo dos mínimos, 4,5v. E a bateria é de 3,7v, podendo chegar, quando acabou de carregar, cheínha, 4,2v. Então alguma coisa tinha por ali que elevava a tensão. Além disso os caps em volta do amp são para 16v, e o pessoal das indústria$ não costuma esbanjar. Porque não poriam um de 6,3v ou até 10v, né?

 

Sei lá... perdido por pedido, eu ligaria uma fontezinha de 5v/2A no lugar da bateria com aquele diodo.

 

 

adicionado 3 minutos depois

Ops! DS do TPA3130 não tô conseguindo enviar, diz que só posso enviar 4,88MB. O DS tem 3MB mas a foto acima tem 2,2MB.

 

Mas tem o link para ele aqui: http://www.ti.com/lit/ds/symlink/tpa3130d2.pdf

 

Se não funcionar, tem aqui: http://www.ti.com/product/TPA3130D2

 

 

adicionado 16 minutos depois
3 horas atrás, Isadora Ferraz disse:

Mas se conseguir regular o chaveado direto, melhor ainda.

É fácil fazer isso numa fonte pequenina, dessas de por na parede, Isadora? Onde que teria que mexer?

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
24 minutos atrás, rmlazzari58 disse:

perdido por pedido, eu ligaria uma fontezinha de 5v/2A no lugar da bateria com aquele diodo.

Sim faça isso amigo.

 

24 minutos atrás, rmlazzari58 disse:

É fácil fazer isso numa fonte pequenina

Não muito. O que disse era pra usar aqueles conversores do link da conversa que postei. A entrada teria que ser mais alta p.ex. entra 12 sai 3v7 ajustado pelo trimpot.

 

26 minutos atrás, rmlazzari58 disse:

o tal 5R5 era um indutor, o fio direto não fez a tensão aumentar na saída do MOSFET 2603

tem razão. Deve e tem que ser indutor mesmo.

 

28 minutos atrás, rmlazzari58 disse:

ofereci R$ 10,00 e o cara vendeu.

E agradeço pela boa ação dos 10,00. Era parente meu...

... o que puxava a carroça...

  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Peguei um carregador turbo da motorola e resolveu o problema. Valeu galera por ajudar.

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda_a_Ler_Resistores_e_Capacitores-capa-3d-newsletter.jpg

ebook grátis "Aprenda a ler resistores e capacitores", de Gabriel Torres

GRÁTIS! BAIXE AGORA MESMO!