×
Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Entre o Avira vs BitDefender grátis, qual você prefere e por que?


Posts recomendados

  • Analista de Segurança

@Marcelo Linhares Eu li esse artigo e vi isso lá descrito, mas não vejo lá explicação nem fundamentação para essa afirmação e como você veio aqui postar com clareza isso, eu o questionei, pois pensei que você soubesse o porquê de tal afirmação.

 

Esse artigo tem já algum tempo e não está em causa, nem o seu conteúdo e muito menos o autor do mesmo. Eu até posso entender o porquê de tal afirmação, meramente o questionei pensando que você pudesse acrescentar algo e boa informação é sempre bem vinda.

 

abraço

 

 

  • Curtir 3
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Moderador
36 minutos atrás, Lusitano disse:

Amigo, por gentileza, pode explicar porque você afirma isso.

 

@Lusitano Acredito que seja pelo fato de, ao usar duas soluções da mesma empresa, você estaria com dois programas fazendo a mesma coisa, usando a mesma tecnologia. Seria redundante. Sendo diferentes, a detecção tecnicamente seria melhor.

  • Curtir 5
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pessoalmente, considero programas anti-ransomware desnecessários, pra quem tem backup (todos deveriam ter), lógico. Mantenho meus arquivos importantes com quatro cópias: no próprio PC, em um HD externo, em um pendrive e online (Drive, Dropbox, etc). Nunca fui vítima de ataque do tipo, mas, caso fosse, ainda poderia escolher de onde restaurar meus arquivos... Pra fazer uma analogia bem tosca, usar anti-ransomware tendo cópias de segurança é como levar um enchedor de bola pra uma partida de futebol na qual tem bolas extra à disposição...

  • Curtir 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Analista de Segurança

@Rio McCloud

Grato pelo seu esclarecimento. Vai de encontro ao que também penso que sejam essas as razões em que se baseou o autor desse documento. Diferentes engines, diferentes data bases e por aí vai.

 

Não estando eu em desacordo e um fator extra no que toca a segurança é quase sempre positivo, ou seja, camada extra de proteção, continuo a recomendar que a proteção contra ransomware não se resume nem pode se resumir de forma tão simples assim e que apesar de muitas e boas camadas de proteção que possa ter isso não é garantia de sucesso e continuo a batalhar que para que as pessoas tenham backups feitos e salvo-os em diferentes locais <= isso é fundamental. Eu posso lhe desinfetar o PC, mas não consigo recuperar os arquivos que tenham sido encriptados.

Já algumas vezes propositadamente e para efeitos de estudo infetei PC's com ransomware e no email de resposta ao ransom (resgate) a minha resposta é simplesmente: P#ss Off, i have backups :D

 

Embora esteja em inglês, para quem queira e lhe interesse informação confiável e orientações quanto a ransomware, poderá por exemplo ler no CISA (gov. EUA).

 

 

  • Curtir 2
  • Haha 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membro VIP

Eu entendo que a recomendação que o Baboo faz é justamente por esse motivo - uma camada extra de segurança. Fazendo alusão a uma porta, com sua fechadura padrão e a pessoa adiciona mais duas fechaduras tetra (uma em cima e outra embaixo). Seria algo mais ou menos assim. 

 

Na teoria isso pode acrescentar mais segurança. Entretanto, na prática, o resultado pode ser diferente. Mas como o @Lusitanodisse, não podemos resumir a segurança a simplesmente isso. No caso de ransomwares, a melhor proteção é uma boa política de becapes. Alias, essa política deve considerar que se o becape é online, ao estilo Google Drive, existe a possibilidade do ransomware também ir pra lá, no sentido do Drive sincronizar os arquivos criptografados. Essa é uma possibilidade que precisa ser levada em conta.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

 

Em 23/11/2021 às 15:31, Marcelo Linhares disse:

@De Los Santos Olá, você não deve usar o mesmo Anti-Ransomware e o mesmo antivírus, dica do Baboo também em:

https://www.baboo.com.br/segurança-digital/dicas-tutoriais-segurança-digital/tres-anti-ransomware-gratuitos/

 

 

Detalhe importante: o desenvolvedor do anti-ransomware não deve ser o mesmo desenvolvedor do seu antivírus, isto é, se você utiliza uma versão gratuita do antivírus da Kaspersky, você deve utilizar o anti-ransomware da Bitdefender ou Malwarebytes. O mesmo acontece se você utiliza a versão gratuita do antivírus da Bitdefender (você deve utilizar o anti-ransomware da Kaspersky ou da Malwarebytes) e se você utiliza o Malwarebytes 3 (você deve utilizar o anti-ransomware da Kaspersky ou Bitdefender).

 

 

Não sabia desse texto e dessa dica. Vou fazer isso.

 

Em 24/11/2021 às 13:20, Lusitano disse:

Já algumas vezes propositadamente e para efeitos de estudo infetei PC's com ransomware e no email de resposta ao ransom (resgate) a minha resposta é simplesmente: P#ss Off, i have backups :D

 

Embora esteja em inglês, para quem queira e lhe interesse informação confiável e orientações quanto a ransomware, poderá por exemplo ler no CISA (gov. EUA).

 

 

  

AUHAUHAUAHUAHAUHAUHAUAHUAHAUHAUAHUAHUAH!!! Espírito troll total. Eu imagino o quanto você se diverte fazendo isso.

 

Apesar que, no caso do wannacry, tem um misto de tristeza, já que quem se infectou foi unicamente por descaso, por ter desabilitado e ignorado as atualizações do Windows, já que a Microsoft já tinha lançado uma atualização que corrigia essa falha que o wannacry se aproveitou. E essa de desabilitar o Windows de baixar e instalar atualizações é algo que o Baboo fica por conta quando vê algum youtubeiro dando essa "sugestão".

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Analista de Segurança
19 horas atrás, De Los Santos disse:

AUHAUHAUAHUAHAUHAUHAUAHUAHAUHAUAHUAHUAH!!! Espírito troll total. Eu imagino o quanto você se diverte fazendo isso.

 

@De Los Santos

Detalhe importante e para clarificar toda a gente.

Tenham em ATENÇÃO que isso que eu referi, se enquadra em ambiente de estudo! Obviamente eu não tenho documentação sensível nem palavras chave que utilize em mais nada...por exemplo!

Boa parte dos ransomwares envolvem técnicas bastante complexas e não se pode pensar apenas em que simplesmente os arquivos são criptografados. Não. Também é possível os hackers conseguirem os seus documentos, palavras chave, etc, e posteriormente as venderem na dark web.

 

A segurança informática é um conjunto de fatores, onde todos eles são importantes e se complementam. Isto é muito importante que todos entendam. Software e hardware estão constantemente evoluindo e sendo atualizados e a segurança é a soma desse conjunto de fatores, somando (ou diminuindo) as ações do próprio usuário e descontando a habilidade dos hackers.

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

18 horas atrás, Lusitano disse:

@De Los Santos

Detalhe importante e para clarificar toda a gente.

Tenham em ATENÇÃO que isso que eu referi, se enquadra em ambiente de estudo! Obviamente eu não tenho documentação sensível nem palavras chave que utilize em mais nada...por exemplo!

Boa parte dos ransomwares envolvem técnicas bastante complexas e não se pode pensar apenas em que simplesmente os arquivos são criptografados. Não. Também é possível os hackers conseguirem os seus documentos, palavras chave, etc, e posteriormente as venderem na dark web.

 

A segurança informática é um conjunto de fatores, onde todos eles são importantes e se complementam. Isto é muito importante que todos entendam. Software e hardware estão constantemente evoluindo e sendo atualizados e a segurança é a soma desse conjunto de fatores, somando (ou diminuindo) as ações do próprio usuário e descontando a habilidade dos hackers.

 

 

Sim, ao menos para mim, ficou bem claro que você fez esses eventos num ambiente de testes.

 

Mas que não deixa de ser engraçado, não deixa mesmo.

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um usuário para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Curso de Hacker Ético

LANÇAMENTO!

CLIQUE AQUI E CONFIRA!

* Este curso não é ministrado pela equipe do Clube do Hardware.