Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Equipe Clube do Hardware

Como Dessoldar Componentes

Recommended Posts

Tópico para a discussão do seguinte conteúdo publicado no Clube do Hardware:


Como Dessoldar Componentes


"Aprenda como dessoldar corretamente componentes eletrônicos de placas de circuito impresso como placas-mãe e placas de vídeo."


Comentários são bem-vindos.


Atenciosamente,
Equipe Clube do Hardware
https://www.clubedohardware.com.br

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá a todos, gostaria de fazer algumas críticas construtivas ao artigo e dar minha humilde contribuição ao mesmo. Apesar de parecer simples a soldagem não é tão simples assim, requer muita prática por parte do executante. Existe alguns pontos que não concordo muito com o procedimento apresentado, são eles:

- A esponja para limpar a ponta do ferro de soldar, deve ser a esponja vegetal encontrada nas lojas de eletrônica ou material elétrico.

- Usar água destilada para umedecer a esponja, a água comum contém outras substâncias que são prejudiciais a ponta ( item difícil de encontrar, mas um frasquinho do tamanho do de alcool isopropílico dá para usar umas 30 vezes ou mais, da para conseguir na chaleira por um metodo artesanal). As substâncias da água comun depositam na ponta do ferro que por sua vez despositam no ponto a ser soldado.

- Falta de um protetor para a ponta do sugador de solda feito de silicone ( também tem nas lojas de eletrônica), ele ajuda a vedar o local a ser desoldado fazendo uma maior pressão e sugando mais solda.

- Especificação da solda, usar a de rolo laranja 63% Sn ( estanho) e 37% Pb (chumbo).

- Não usar nunca chave de fenda para soltar os terminais, há risco de dano das trilhas.

Bom é isso, um vídeo deste procedimento para download, pode ser uma mão na roda para os iniciantes de plantão.

Abraço a todos

Cassiano :-BEER

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

:bandeira: porque ao invés de solda não foi utilizado pasta para soldar assim melhorando tanto o fluxo da solda velha como o da nova e simplesmente ao meu ver acho desnecessário a utilização da chave de fenda para retirar os rezidos sobre a placa, pois utilizando uma boa escova de dentes e alcool isopropilico em seguida a dessoldagem é removido com facilidade.

Ah e a propósito no curso de eletrônica no senai aprendi que não se deve utilizar o ferro de solda pressionando com força e sim ele foi feito para aquecer a solda, o terminal do componente em fim, e o truque da solda nova acho muito válido, mas como disse uma pasta de soldar ajudaria mais ainda!!!

Grato pela humilde minha participação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 04/08/2005 às 18:00, Cassiano BH disse:

Olá a todos, gostaria de fazer algumas críticas construtivas ao artigo e dar minha humilde contribuição ao mesmo. Apesar de parecer simples a soldagem não é tão simples assim, requer muita prática por parte do executante. Existe alguns pontos que não concordo muito com o procedimento apresentado, são eles:

- A esponja para limpar a ponta do ferro de soldar, deve ser a esponja vegetal encontrada nas lojas de eletrônica ou material elétrico.

- Usar água destilada para umedecer a esponja, a água comum contém outras substâncias que são prejudiciais a ponta ( item difícil de encontrar, mas um frasquinho do tamanho do de alcool isopropílico dá para usar umas 30 vezes ou mais, da para conseguir na chaleira por um metodo artesanal). As substâncias da água comun depositam na ponta do ferro que por sua vez despositam no ponto a ser soldado.

- Falta de um protetor para a ponta do sugador de solda feito de silicone ( também tem nas lojas de eletrônica), ele ajuda a vedar o local a ser desoldado fazendo uma maior pressão e sugando mais solda.

- Especificação da solda, usar a de rolo laranja 63% Sn ( estanho) e 37% Pb (chumbo).

- Não usar nunca chave de fenda para soltar os terminais, há risco de dano das trilhas.

Bom é isso, um vídeo deste procedimento para download, pode ser uma mão na roda para os iniciantes de plantão.

Abraço a todos

Cassiano :-BEER

Detalhes importantes e bem observados, Cassiano.

Complementando: a água destilada pode ser facilmente encontrada em lojas de peças para automóveis em embalagens de 1 litro ao custo de 4,50 a 5 reais. É usada em sistemas de arrefecimento (radiador) e baterias.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bastante interessante a video aula mas a remoção de componente discreto é simples, como exemplo. Procurava uma orientação de como remover um chip com dezenas de pernas, que é mais difícil. Vi algumas dicas de utilização de soprador de calor para ajudar na remoção, gostaria de uma aula que abordasse seu uso neste tipo de componente mais delicado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×