Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
anti.bomb.squad

Troca de Memórias! Compensa?

Recommended Posts

Fala galera.. É a minha 1ª vez postando aqui no fórum, eu dei uma pesquisada e não achei nenhum tópico parecido então lá vai..

Eu tenho no meu PC (A7N8X-Deluxe) , Dois pentes de 512 Mb (total 1GB) só q são de 266 ou 233 se não me engano.. Eu estava pensado em trocar as memórias por memórias mais rápidas (de 400Mhz).. Então.. Eu queria saber o que compensa mais: Ter 1GB de memória de 266 ou 512 de 400Mhz??? E como minha placa tem Dual Channel gostaria de saber se é mais vantagem ainda comprar dois pentes de 256Mb(400Mhz)..se seria melhor do q ter 1Gb dessas memórias lerdas q eu tenho.

Desde já agradeço.. falou

Rodrigo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

vai depender do que está usando,

mas tem um detalhe: a melhor forma de obter desempenho é deixar o barramento (FSB) em sincronia com a freqüência interna da memória, ou seja, se tens um processador que se comunica com a memória a 266mhz, para estar em sincronia a memória também rodaria a 266mhz!

Nisso em adquirir memos DDR400 seria realmente compensador (tirando o fator qdte de memória) se ele estivesse realmente rodando com o FSB a 400mhz. Nesse caso ou você adquiria um processador com esse barramento (athlonXp > 3000+), ou faria um overclock ( na qual recomendo pesquisar pois é um processo por conta de risco próprio e depende de outros fatores).

Então se irás comprar DDR400 na qual irá rodar a 266mhz (que é o FSB atual) não irá valer a pena!

Só tem uma vantagem, quando se compra uma DDR400 por exemplo, você consegue na sua grande maioria, setar os timings (latencias) mais baixos quando eles trabalham numa freqüência inferior a sua capacidade máxima (ex: DDR400 rodando a 266mhz), mas na realidade o ganho de desempenho é menor em relação ao aumento da freqüência do barramento (nesse caso) e em relação a perda de qdte (1gb pra 512mb) nem valerá a pena!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E aí!? Olha, eu não entendi muito bem o q você quis dizer... Por favor dá uma olhada no Print Screen q eu dei no Everest.. Meu processador é o XP 3000 sim.. Pelo q eu entendi quando "eu" (não fui eu q comprei realmente) comprei o PC os caras meio q "passaram a perna" na parte de memórias.. Ou eu estou errado???

falou.. valeu :)

Rodrigo

post-31419-13884899851871_thumb.gif

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ahh eu acho q entendi.. No caso para ter uma memória de 400Mhz eu teria q aumentar o meu CPU FSB (q no momento está em 167Mhz) para 400Mhz??? E então seria preciso fazer um overclock? Pelo menos foi isso q eu acho q entendi.. Desculpe a ignorância..hehe.. falou

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

pela tela num dá pra perceber as duas memos está a 266mhz ou em 333mhz (na qual a Pc2100 estaria em over)

Mas de qualquer forma, tá errado essa Pc2100 (DDR266), pois o AXP 3000+ (existe a versão com barramento de 400mhz) deveria ter pelo menos uma DDR333 para o melhor aproveitamento

E então seria preciso fazer um overclock?

sim mas você pode fazer também o seguinte:

como a config do processador é pelo 13.5 x 166 (multiplicador x barramento), você pode alterar (essa placa-mãe tem essas opções) para 10.5 x 200 (perda de 70mhz) ou 11 x 200 (overclock de apenas 30mhz)!

detalhe: não lembro corretamente se esse processador tem multiplicador desbloqueadoQ

mas indo ao caso de qual escolher, se usa aplicações pesadas a qdte será mais vantajosa. A nivel de comparação, 512mb é básico pra rodar os jogos atuais, sendo que o ideal é 1gb. Eu iria pegar um de 512mb DDR400 e logo depois outro de 512mb

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×